2

Brasil pode chegar a 400 mil mortes por CoVID-19 ainda em abril…

Projeção foi feita em entrevista à rádio Mirante AM pelo ex-ministro da Saúde, Henrique Mandetta, que lamenta a banalização das perdas e o relaxamento das próprias pessoas diante da gravidade da pandemia de coronavírus no Brasil

 

Mandetta falou á rádio Mirante AM de sua preocupação com o número de mortes por CoVID-19 no Brasil; e lamenta relaxamento da prevenção

O ex-ministro da Saúde, Henrique Mandetta, fez um grave alerta nesta quinta-feira, 22, sobre a pandemia de coronavírus no Brasil.

Para ele, o país deve, lamentavelmente, chegar a 400 mil mortes ainda no mês de abril.

– Banalizou-se muito a perda de vidas. Capaz de nesse mês de abril a gente fechar 400 mil óbitos. É muita coisa – avaliou o ex-ministro, em entrevista ao programa Ponto Final, da Mirante AM.

O Brasil registrou nesta quarta-feria, 21, 381 mil óbitos por CoVID-19.  Faltando 10 dias para o fim do mês, são menos de 19 mil mortes para a triste marca.

– Acho que, nesse momento, nosso foco deve ser vacina. Tem que se buscar melhor condição de atender o povão, de poder fazer um programa social, poder dar um alento às pessoas – afirmou Mandetta.

Listado para depor na CPI da CoVId-19, no Congresso Nacional, o ex-ministro disse que se as coisas fossem transparentes no Braisl  não seria necessário a criação de investigação.

– Quando você fala em investigação, significa que querem saber coisas que não estão às claras – frisou o ex-auxiliar de Bolsonaro.

Marco Aurélio D'Eça

2 Comments

  1. Amigos,quem será que está bancando o passeio pelo Brasil desse cidadão e isso demonstra pré- campanha ou está aliado a algum grupo ou a alguém como o Dória de SP. ” Onde há fumaça,tem fogo.”

  2. o idiota ultil do “só vai ao hospital quando estiver com falta de ar” assim recomendava essa picareta chamado manetta.

Deixe uma resposta para Ronaldo garcez Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *