3

Aqui, necessariamente, as notícias daqui…

Como sua cultura, as coisas do Maranhão estão presentes aqui...

Este blog prioriza as informações que dizem respeito ao Maranhão.

A reprodução de textos neste blog prioriza os autores maranhenses e as coisas relacionadas à terra, em todos os seus aspectos – político, social, esportivo, cultural…

O blog reproduz textos nacionais, desde que o assunto tenha a ver com as coisas ou pessoas do Maranhão – e, prioritariamente, os textos são produzidos pelo próprio blog, ainda que com base no original.

Quem quiser ler a Folha online terá acesso farto na Internet. Quem quiser ler O Globo, Estadão, Veja, terá farto acesso na internet.

Este blog considera “preguiça mental” ou “incapacidade de escrita” a reprodução demasiada de textos de terceiros.

Sobretudo texto sem relação com o Maranhão.

O blog valoriza a produção textual própria por que tem em mente uma máxima educacional:

Quem não gosta de ler e escrever, não sabe falar…

52

Alunos denunciam falta de segurança na UNDB; direção da faculdade dá de ombros..

Sem vaga no estacionamento, alunos da UNDB buscam as ruas sem segurança

Alunos da UNDB, do grupo Dom Bosco, denunciam a indiferença da direção da faculdade em relação à falta de segurança na área durante a noite.

Os assaltos são constantes na região, ondem já houve até o sequestro de uma aluna. A faculdade não tem estacionamento para alunos, que são obrigados a estacionar nas ruas em frente e nas imediações do prédio.

– Já tive levados meu celular e até as compras de supermercado que havia feito antes da aulas. Já fiz reclamação à direção, que nenhuma providência tomou. Também denunciei a alguns jornais, que fizeram vista grossa – reclama uma das alunas vítimas dos arrombamentos.

De acordo com outro aluno, do curso de Direito, a única providência da direção da escola foi instalar câmeras na frente do prédio e chamar uma empresa de segurança, que não fica no local.

– O problema é que eles só são chamados depois que o fato acontece. Fui obrigado a registrar um Boletim de Ocorrência responsabilizando a direção da escola – diz um aluno. Segundo ele, a UNDB diz que está providenciando amudança para o Aracçagy, ainda sem data definida.

A UNDB não tem assessoria de imprensa – pelo menos não consta no site da empresa. O blog se cadastrou no serviço de informações chamado News letter, e encaminhou à ouvidoria da faculdade perguntas sobre a segurança e a mudança de endereço.

O e-mail foi encaminhado às 9 horas da manhã de ontem, com a informação de que o post seria publicado hoje.

O blog aguarda resposta…

6

Gil Cutrim articula com Maurício Macêdo implantação do Distrito Industrial em São José de Ribamar

Gil Cutrim, e seus auxiliares, com Macêdo

O prefeito de São José de Ribamar e o secretário de Indústria e Comércio, Maurício Macêdo, reuniram-se esta semana para discutir a implantação do Distrito Industrial na cidade balneária.

Terceira maior cidade do Maranhão em número de habitantes, segundo dados recentes do IBGE, São José de Ribamar, hoje, possui uma das economias que mais crescem no Estado e tornou-se referência administrativa, já tendo sido visitada por diversos gestores públicos, do Maranhão e de outros Estados, interessados em copiar ações nas áreas da educação e de produção de alimentos, por exemplo.

– Acreditamos que a instalação do Distrito Industrial irá gerar mais renda e emprego, atrair novas indústrias e, conseqüentemente, melhorar a qualidade de vida dos ribamarenses – afirmou o prefeito.

A implantação do Distrito Industrial começou a ser discutida ainda na gestão do ex-prefeito Luís Fernando Silva.

Será direcionado para indústrias limpas e de pequeno porte, para centros de distribuição de grandes redes de supermercados e atacadistas, com foco no mercado da região metropolitana.

O secretário Maurício Macêdo recebeu positivamente a proposta, que deve ser levada à govrnadora Roseana Sarney (PMDB).

Ao lado do prefieto de Ribamar, participou da reunião o secretário de Receita e Patrimônio do município, José Eudes Sampaio; o secretário de governo, Fredson Fróz e os adjuntos de Meio Ambiente, Madalena Xavier, e de Indústria e Comércio, David Fernandes.

12

Multa ao Sindicato dos Professores já chega aos R$ 750 mil

O Sindicato dos Professores da Rede Etadual já acumula dívida de R$ 750 mil com a

Estudantes já manifestaram repúdio pelo dias sem aula

Justiça maranhense pela insistência em manter a greve da categoria, mesmo depois de ser considerada ilegal.

A greve os professores já dura um mês. No dia 17 de março, o desembargador Marcelo Carvalho considerou ilegal o movimento e determinou a v0lta ao trabalho, sob pena de multa diária de R$ 50 mil.

O Simprossema tomou conhecimento da decisão no mesmo dia. A multa começou a contar do dia 18. São 15 dias de multa, portanto.

Mesmo assim, o comando de greve não demonstra interesse em supender o movimento…

11

Só o Ministério Público não vê…

A manchete de hoje do jornal “O Estado do Maranhão” é categórica: “ANP constatou indícios de cartel em postos de São Luís”.

Preços alinhados é suspeita de cartel nos postos de SL

As próprias empresas distribuidoras – Petrobras, Shell, Texaco… – já declararam não haver motivos para o aumento e, muito menos, para alinhamento de preços nos postos da capital maranhense.

Sobretudo por que as distribuidoras praticam preços diferentes.

Mesmo assim, os postos de São Luís estão todos com preços absurdos e iguais – e já planejam aumento que poderá elevar o preço da gasolina para mais de R$ 3,00.

Só o Ministério Público não vê.

Adormecido, sem respostas à população, o orgão que deveria fiscalizar as atividades do Sindicato dos Revendores de Combustíveis silencia.

Chegou a convocar entrevista para tratar do assunto, cancelada na última hora sem motivo aparente.

E os consumidores ficam a mercê do lucro desmedido dos donos de postos.

Alguns com ligações com o próprio MP…

25

Deputado-pastor acha a África amaldiçoada por Deus; para ele os gays são pessoas podres…

Não será por falta de apoio que o deputado Jair Bolsonaro (PP-RJ) recuará na sua cruzada contra gays, negros e as

É assim, de dedo em riste, que Feliciano prega suas peças literárias

minorias que considerar de segunda classe.

Há coisa ainda pior em Brasília.

O deputado-pastor evangélico Marco Feliciano (PSC-SP), um dos eleitos pelos currais de igrejas montados país a fora, considera que os negros são negros por que foram amaldiçoados.

Eis seu pensamento: “Africanos descendem de ancestral amaldiçoado por Noé. Isso é fato…”. Daí a fome, a miséria, doenças e guerras no continente, raciocina Feliciano.

Do alto do sua sabedoria bíblica, o pastor-deputado é ainda mais cruel com os gays. São eles próprios, na visão do líder evangélico, os responsáveis pelo ódio, pelos crimes e pela rejeição que despertam em alguns, “por causa da podridão dos seus sentimentos”.

Mesmo assim, ele nega ser racista. Mesmo assim, diz ele amar os homossexuais…

Leia aqui a peça com a qual Marco Feliciano se propõe a explicar a raça negra e os relacionamentos homoafetivos.
8

Edivaldo Holanda chama de “articulação da oposição” o assédio de castelistas a aliados de Flávio Dino…

Holanda faz parte de articulação...

O deputado Edivaldo Holanda (PTC) tentou explicar assim a articulação do prefeito João Castelo (PSDB) para convencer o deputado Rubens Pereira Júnior (PCdoB) a entrar no seu secretariado:

– Trata-se de uma articulação para unir toda a oposição nas eleições de 2012 – disse ele, ontem à noite, por telefone.

– Mas oposição a quem, parlamentar? A Castelo? – perguntou o titular do blog.

– Há um jogo maior, para o qual precisamos unir os partidos do campo democrático – justificou Holanda.

...que tenta juntar Flávio Dino e Castelo

Para recapitular: aliados do prefeito João Castelo tentaram convencer Pereira Júnior a se licenciar da Assembléia Legislativa para assumir vaga na prefeitura.

Em seu lugar, assumiria o suplente Othelino Neto (PPS).

A história foi revelada na edição de ontem de “O Estado do Maranhão” e acabou dificultando o acordo. Como paliativo, Castelo resolveu dar para Othelino a Secretaria de Assuntos Metropolitanos.

Edivaldo Holanda nega que estivesse envolvido no assédio a Rubens Júnior, mas deixa escapar que ela existiu ao defender uma união entre Castelo e Flávio Dino, já rechaçada pelo presidente do PCdoB em São Luís, jornalista Márcio Jerry.

O “jogo maior” a que o deputado se referiu, será jogado em 2014…

0

Google reafirma a audiência e o alcance do blog…

Este blog voltou a ser associado ao Google Analytcs desde a última segunda-feira. O Analytcs é a ferramenta do Google que mede a audiência e o alcance dos blogs e portais em nível empresarial.

Isto é profissionalismo.

Apenas nestes quase quatro dias (parte da segunda, a terça, a quarta e a quinta-feiras) o blog registrou 30.595  visualizações de paginas e 24.236 acessos únicos, como pode ser visto nos gráficos ao longo do texto.

O total registrado dá uma média de 6.059 acessos por dia, um dos mais altos do Maranhão e do Nordeste. Somente ontem, dia 31 de março, por exemplo, o blog registrou 5.838 visualizações de páginas e 4.307 acessos únicos.

Para efeito de contagem, os blogs utilizam apenas os acessos únicos – aqueles em que a visita é registrada apenas uma vez, mesmo que o computador volte a entrar na página outra vez durante o dia.

Isto é credibilidade.

O Analytcs registra uma queda acentuada de acessos em todos os blogs maranhenses auditados pelo site nas últimas semanas – queda cujos motivos vão desde a repetição dos assuntos até a ausência de fatos marcantes.

Mesmo assim, a audiência deste blog manteve-se dentro dos patamares esperados após a desvinculação do portal imirante.com e da reformulação do layout da página.

Isto é confiança.

Apenas alguns dentre os principais blogs de política do Maranhão têm os acessos auditados pelo Google Analytics, a principal ferramenta de medição de acessos do mundo.

Mas só este blog mostra seus números publicamente, de forma clara e transparente.

Isto também é credibilidade…

18

Nomeado há dez anos no TCE, Othelino Neto trabalhou apenas 8 meses…

Othelino: dez anos sem atuar no que se propôs...

Prestes a assumir a Secretaria de Assuntos Metropolitanos da Prefeitura de São Luís – fruto de acordo político entre o prefeito João Castelo (PSDB) e o PPS – o auditor de controle externo do TCE, Othelino Neto, ainda está “em fase de adaptação” em seu emprego, para o qual fora nomeado em 2001.

De acordo com o processo n° 2974/2011, em que Othelino pede “licença para tratar de interesses particulares”, seus superiores informam ser indiferente sua saída, uma vez que ele ainda está alcançando “os conhecimentos  da legislação” para atuar no setor de “atos, contratos e aposentadorias estaduais”.

Nestes dez anos de TCE, Othelino só trabalhou, efetivamente, por oito meses e sete dias no cargo para o qual ele se propôs quando prestou concurso público – entre julho de 2001 e abril de 2002.

Tecnicamente estaria, portanto, ainda em estágio probatório, uma das razões pelas quais a assessoria jurídica do tribunal indeferiu o seu pedido de licença, aprovado, com ressalvas, pelo presidente.

Desede que tomou posse no cargo, o auditor atua em diferentes cargos públicos – menos no tribunal, onde recebe mais de R$ 10 mil.

Neste período, foi secretário de Meio Ambiente nos governos José Reinaldo (2002 a 2006) e Jackson Lago (2007 a 2008), além de secretário de governo na Prefeitura de São Luís (entre 2009 e 201o).

No início de 2010, o TCE decidiu exigir sua volta ao emprego, baseado na Constituição Federal, que considera “acúmulo de cargo” a sua atuação “em outras funções, cargos ou empregos públicos”.

O auditor voltou, mas se licenciou para disputar as eleições de 2010, pelo PPS, alcançando a primeira suplência de deputado estadual. Sem mandato e sem emprego, foi obrigado a retornar ao TCE, onde está desde o início de 2011.

Desde a posse dos novos deputados, ele vem tentando ocupar mandato na Assembléia, via João Castelo.

Não conseguiu e foi obrigado a voltar à prefeitura, em uma secretaria com ares de sinecura.

E que pode levá-lo, finalmente, à perda do emprego que ele só assumiu no papel…

15

Presidente do PCdoB afirma: “Castelo faz o pior governo da história; só comparável ao da sua mulher, Gardênia”

O presidente do diretório municipal do PCdoB, jornalista Márcio Jerry, criticou hoje o assédio do prefeito João Castelo (PSDB) ao deputado estadual Rubens Júnior, para abrir vaga na Assembléia para o suplente Othelino Neto   (PPS).

Para Jerry, não há hipótese de apoio do PCdoB ao ao governo tucano e, muito menos, compor aliança com ele em 2012.

– Castelo faz o pior governo da história de São Luís, só comparável ao da sua mulher, Gaerdênia, entre 1985 e 1988. ER o PCdoB faz oposição a este governo – declarou Jerry.

Mais tarde, em nota encaminhada ao blog, o presidente comunista confirmou haver articulação entre os partidos de esquerda – PCdoB, PSB, PT e PDT – para a formaçãod e uma chapa de oposição a Castelo.

– O deputado Rubens Júnior é um dos pré-candidatos do PCdoB à Prefeitura pelo campo oposicionista, ao lado de Flávio Dino, Bira do Pindaré, Eliziane Gama e Marcelo Tavares – revelou.

Othelino
Ao perceber fracassada a articulação para levar Othelino Neto à Assembléia, o prefeito João Castelo (PSDB) decidiu empossá-lo na Secretaria de Asssuntos Mteropolitanos, cuja posse está marcada para esta sexta-feira.

Othelino volta ao governo Castelo cerca de um ano depois de ter saído, sob ameaça de perder o emprego no TCE, por acúmulo de cargos, vedado pela Constituição Federal.