4

O incômodo que causa Duarte Junior na base de Flavio Dino…

Bem avaliado em pesquisas qualitativas sobre a sucessão do prefeito Edivaldo Júnior, deputado estadual enfrenta resistência das principais lideranças que cercam o governador comunista; e tem agora a missão de permanecer de pé após derrocada de sua indicação no Procon-MA

 

FLAVIO DINO SUCUMBIU À PRESSÃO DE ADVERSÁRIOS E ACABOU SOBRANDO PARA KAREN BARROS; agora, Duarte Júnior vai ter que se reinventar como candidato a prefeito

Coincidentemente, no mesmo dia em que o governador Flávio Dino (PCdoB) anunciou audiência com a então presidente do Procon-MA, Karen Barros, aliados do comunista recebiam o resultado de uma ampla pesquisa qualitativa realizada por um grupo mineiro, que destrincha todos os pormenores da ainda incipiente corrida pela sucessão do prefeito Edivaldo Júnior (PDT).

Karen Barros foi exonerada do Procom exatamente um dia depois da audiência.

De acordo com a pesquisa, o deputado estadual Duarte Júnior (PCdoB) é o mais bem posicionado aliado do governo na memória afetiva do eleitor de São Luís, perdendo apenas para o favorito na disputa, o deputado federal Eduardo Braide (PMN).

Se a exoneração de Karen Barros tem alguma relação com a performance de Duarte Junior, é difícil saber. Mas o fato é que a pancada no deputado comunista foi resultado do incômodo que a sua atuação tem causado nós próprios aliados – na Assembleia Legislativa e no governo.

O titular do blog Marco Aurélio D’Eça viu a pesquisa quali em pelo menos duas ocasiões, entre o feriado de quarta-feira, 1º, e a noite de sábado, 4. E ela é a mais completa já realizada para as eleições em São Luís.

Mais do que números, o levantamento – que circula por celulares, tablets e computadores de comunistas, pedetistas e democratas desde então – avalia o perfil completo de todos os candidatos a prefeito de São Luís; de Braide a Jeisael Marx, passando por Duarte Junior, Neto Evangelista (DEM), Bira do Pindaré (PSB), Osmar Filho (PDT), Ivaldo Rodrigues (PDT), Astro de Ogum (PR) e outros nomes sem muita relevância.

E pelo foco nos candidatos ligados à base do governo ficou claro que a encomenda tem como endereços o Palácio dos Leões ou o QG de algum aliado de Flávio Dino.

Apresentado rapidamente ao levantamento, o titular do blog Marco Aurélio D’Eça focou em um dado significativo: diante de uma quase infinita sequência de perguntas psicológicas ao conjunto de eleitores, destacaram-se os nomes de Eduardo Braide, Duarte Júnior e Osmar Filho, exatamente nesta ordem.

O que isso quer dizer, o blog, infelizmente, não teve acesso total ao levantamento, ainda, para formular seu conceito.

Mas os acontecimentos dos dias seguintes deixaram claro que a presença de Duarte Júnior entre os nomes da disputa incomodou os aliados de Flávio Dino.

E Dino tratou de tranquilizá-los, pelo menos por enquanto.

Como Duarte Júnior reagirá a esta pancada, só o tempo dirá…

0

A articulação de Osmar Filho pela Prefeitura de São Luís…

Presidente da Câmara Municipal mantém forte movimentação de bastidores; e tem como trunfos o  apoio interno no PDT e a aliança com lideranças de peso da política maranhense

 

OSMAR FILHO ENTRE WEVERTON ROCHA E EDIVALDO JÚNIOR: pesquisas qualis apontam caminhos…

O presidente da Câmara Municipal de São Luís, vereador Osmar Filho (PDT), tem mantido forte articulação de bastidores na busca de viabilização para a Prefeitura de São Luís.

Ele se movimenta, sobretudo, entre algumas das principais lideranças políticas maranhenses.

Além da consolidação interna no PDT, Osmar conta com o apoio do senador Weverton Rocha (PDT), de deputados federais e estaduais que atuam em seu favor.

E analisa periodicamente pesquisas qualitativas internas, que apontam a viabilidade do seu nome, independentemente de estar ou não bem posicionado nas pesquisas de intenção de votos.

O vereador pretende manter a agenda de bastidores pelo menos até o final do ano, sempre norteado por pesquisas qualis.

E fortalecendo também o contato direto com o eleitor.

O que, entende, vai viabilizar seu nome…

3

Tadeu Palácio pode quebrar tabu de ex-prefeitos de São Luís…

Desde a redemocratização do país, nenhum dos gestores da capital maranhense que conseguiram – ou quiseram – concluir a sequência de mandatos no cargo teve sequência na vida pública

 

TADEU PALÁCIO PREPARA VOLTA à disputa pela Prefeitura de São Luís

Desde a retomada das eleições diretas nas capitais, São Luís teve sete prefeitos.

Nenhum daqueles que conseguiu chegar ao fim de suas gestões – fosse um ou dois mandatos – conseguiu dar sequência a uma vida pública após encerrar o último dia no cargo.

Se conseguir a proeza de eleger-se em 2020, o ex-prefeito Tadeu Palácio – anunciado como possível candidato – pode quebrar este tabu.

Alguns poderiam dizer: E Jackson Lago?!?

O pedetista Jackson Lago não cumpriu todo o último mandato, entre 2000 e 2004, deixando-o na metade – e quebrando a sequência – para concorrer ao governo, em 2002, elegendo-se governador apenas em 2006.

Ou seja, o ex-governador não passou pelo tabu da conclusão de todos os mandatos.

A primeira prefeita de São Luís eleita após a redemocratização foi Gardênia Gonçalves.

Ela assumiu em 1985 e ficou no cargo até dezembro de 1988; de lá para cá, nunca mais se elegeu a nenhum outro posto político.

Jackson teve o seu primeiro mandato entre 1989 e 1992, elegendo Conceição Andrade sua sucessora; Esta, que já havia sido deputada estadual e candidata a governadora, permaneceu até 1996, quando devolveu o posto a Jackson, já seu desafeto.

E nunca mais se elegeu a nenhum outro cargo.

Em 2000, Jackson se reelege e renuncia em 2002, deixando no posto o vice, Tadeu Palácio, que se reelege em 2004, ficando até 2008.

Desde então, Palácio nunca mais conseguiu novo mandato.

O ex-governador João Castelo se elege prefeito em 2008, mas não consegue a reeleição em 2012, interrompendo um ciclo que poderia durar até 2016. 

Talvez por isso, Castelo voltou a ser deputado em 2014, falecendo em 2015.

O atual prefeito Edivaldo Holanda encerra sua gestão em 2020; terá dois anos para se preparar e quebrar o tabu dos que vão até o fim de seus mandatos.

mas a bola da vez pode ser Tadeu Palácio…

1

Eduardo Braide entra no jogo da sucessão e critica parceria de Flávio Dino com Edivaldo…

Deputado elenca os vários problemas enfrentados pela população de São Luís e diz que o governador e o prefeito enganaram os cidadãos em 2016

 

EDUARDO BRAIDE TEM OUVIDO QUASE QUE DIARIAMENTE AS RECLAMAÇÕES DOS CIDADÃOS diante do abandono da cidade

O deputado Eduardo Braide (PMN) fez sua mais contundente crítica à parceria entre o governador Flávio Dino e o prefeito Edivaldo Júnior (PDT) desde as eleições de 2016.

para o deputado – favorito na disputa pela Prefeitura de São Luís – a população de São Luís foi enganada.

– O governador elegeu o prefeito com a desculpa de continuar a parceria por São Luís; que parceria é esta com a cidade toda abandonada?!? – questionou o parlamentar em suas redes sociais.

Segundo colocado nas eleições de 2016, deputado federal mais votado em São Luís e líder em todas as pesquisas de intenção de votos na capital, Braide mantinha-se discreto em relação á sucessão de 200.

A declaração nas redes sociais se deu, segundo ele, pela cobrança que recebe diariamente de cidadãos revoltados com o abandono da cidade.

– Buraco para todo lado, falta o básico para atender as pessoas nas unidade de saúde, alunos sem aula até hoje, professores desvalorizados… – detonou o deputado federal.

Numa declaração de guerra antecipada…

1

A oposição e a Prefeitura de São Luís…

Enquanto a base do governo Flávio Dino se movimenta entre ela mesma para a sucessão do aliado Edivaldo Júnior, os partidos que não rezam na cartilha do Palácio dos Leões ainda estão em compasso de espera

 

Se na base do governo Flávio Dino (PCdoB) há pelo menos cinco candidatos com potencial para a sucessão do prefeito Edivaldo Júnior (PDT) – Neto Evangelista (DEM), Duarte Júnior (PCdoB), Bira do Pindaré (PSB), Rubens Pereira Júnior (PCdoB) e Osmar filho (PDT) – a oposição ainda está em compasso de espera.

Por enquanto, entre os partidos que não seguem a cartilha do Palácio dos Leões, apenas Wellington do Curso (PSDB) se movimenta com vistas às eleições de 2020.

Mas ele ainda terá que convencer sua legenda; ou partir para outra.

O deputado Eduardo Braide (PMN) não se inclui nem entre a oposição, muito menos como governista; mesmo favorito na disputa, ele é uma espécie de terceira via.

Entre os oposicionistas, apenas o deputado Adriano, agora sem o sobrenome, apresentou-se como opção.

Ninguém levou a sério.

Tanto que os partidos e as lideranças da chamada base sarneysista já têm outras opções para o posto de candidato.

O MDB, por exemplo, quer o ex-deputado federal Victor Mendes como candidato. Já os aliados da ex-prefeita Maura Jorge (PSL) sonham com seu nome na capital.

Diante desse compasso de espera; e de lideranças com índices consistentes nas pesquisas, o mai9s provável é que a sucessão de Edivaldo Júnior se dê entre os seus próprios aliados.

Num prenúncio do que será em 2022…

2

Com reeleição na Assembleia, Othelino assegura-se no jogo da sucessão de 2022…

Antecipação da eleição da Mesa Diretora da Casa fortalece projeto de novo mandato presidencial ao deputado comunista, o que o coloca diretamente na linha de sucessão do governo

 

NETO EVANGELISTA E OTHELINO NETO: ARTICULAÇÃO QUE VAI DA ASSEMBLEIA, PASSA PELA PREFEITURA e chega à eleição de 2022 para o Governo do Estado

A Assembleia Legislativa aprovou nesta quinta-feira, 02, o Projeto de Resolução Legislativa que antecipa a eleição da Mesa Diretora da Casa para o biênio 2021/2023.

A princípio, a eleição ocorreria apenas no final de 2020, quando termina o mandato da atual mesa, mas a antecipação garante que isso ocorra já agora no primeiro semestre de 2019.

A princípio, a antecipação da eleição da Mesa não garante novo mandato ao atual presidente Othelino Neto (PCdoB), mas, de acordo as articulações em torno da sucessão do governador Flávio Dino (PCdoB), é muito provável que ele e seu vice, Glalbert Cutrim (PDT), sejam reeleitos na Casa.

Caso isso ocorra, Othelino Neto põe-se diretamente no jogo de poder de 2022.

A leitura da situação deve ser feita levando em conta também que o autor da proposta de antecipação é ninguém menos que o deputado estadual Neto Evangelista (DEM).

O democrata é um dos principais nomes à sucessão do prefeito Edivaldo Júnior (PDT), e conta com o apoio tanto de Othelino quanto do senador Weverton Rocha, que deve levar os pedetistas a apoiá-lo.

Como o próprio Weverton Rocha pretende fortalecer este grupo para ser candidato a governador, significa que Evangelista e Othelino serão empoderados por ele.

A articulação na Assembleia também mostra que o jogo da sucessão de Flávio Dino está a do vapor.

O vice-governador Carlos Brandão (PRB) observa tudo de uma posição privilegiada, já que poderá estar no comando do próprio governo quando for candidato.

Mas o movimento de Othelino Neto pode indicar outros caminhos…

2

Números apócrifos movimentam bastidores da disputa em São Luís…

Suposta pesquisa atribuída ao Palácio dos Leões e ao MDB – cujos agentes negam a contratação – aponta favoritismo de Eduardo Braide e competitividade de Duarte Júnior e Wellington do Curso, mas ignora nomes de Bira do Pindaré, Rubens Júnior e Neto Evangelista

 

EDUARDO BRAIDE E DUARTE JÚNIOR APARECEM COMO PRINCIPAIS CANDIDATOS em suposta pesquisa de São Luís

Circula nos meios jornalísticos números de uma suposta pesquisa sobre a sucessão de São Luís que estaria motivando acirramento do debate sobre os candidatos a prefeito.

Divulgada em primeira mão pelo blog Filipe Mota, o levantamento aponta favoritismo de Eduardo Braide (PMN), com 41% das intenções de votos, e põe o deputado estadual Duarte Júnior (PCdoB), com 30%, seguido do também deputado estadual Wellington do Curso (PSDB), com 16%.

Atribuída ao MDB – que nega a contratação – e ao Palácio dos Leões, a pesquisa não traz números de outros potenciais candidatos, como Bira do Pindaré (PSB), Rubens Pereira Júnior (PCdoB) e Neto Evangelista (DEM), o que a descredibiliza.

De qualquer forma, a simples menção ao levantamento acirrou os ânimos de candidatos como Duarte Júnior e Wellington.

Embora apócrifos, os números podem ser divulgados sem nenhuma restrição porque a Justiça Eleitoral só exige a oficialização do registro de pesquisas a parir de 1º de janeiro do ano eleitoral.

Mas não há como garantir sua veracidade…

0

A convenção do DEM que consolidou Neto Evangelista…

Vídeo mostra reflexos do encontro democrata, com a presença do presidente nacional ACM Neto, que selou a candidatura do deputado estadual a prefeito de São Luís, com forte apoio partidário

 

O vídeo acima é uma edição encaminhada ao blog Marco Aurélio D’Eça, com uma espécie de melhores momentos da convenção do partido Democratas, na última sexta-feira, 26, em São Luís.

O encontro consolidou a candidatura do deputado estadual Neto Evangelista a prefeito de São Luís, reunindo ainda lideranças de vários outros partidos.

O Mais provável é que Evangelista reúna apoios no PDT, no PTB e no Cidadania.

A partir de agora ele tem carta branca para negociar alianças também com PR, PP, PCdoB, MDB e PSB, legendas que também pretendem concorrer à prefeitura.

A oficialização da candidatura só ocorrerá em junho do ano que vem.

Mas com o forte apoio do DEM, Neto Evangelista larga na frente…

5

Os louros de Edivaldo Holanda…

Em meio aos problemas estrutura resultantes das fortes chuvas em São Luís, prefeito prefeito registra desempenho importante em setores como saúde, Educação e Limpeza Urbana

EDIVALDO COM ALUNOS DO ENSINO FUNDAMENTAL DE SÃO LUÍS, que apresenta desempenho acima da média

A chuvas que têm se abalado sobre São Luís nestes primeiros meses de 2019 têm deixado a cidade alagada, esburacada, destruída.

O prefeito Edivaldo Júnior (PDT) tenta lidar efetivamente com o problema, construindo ações e trabalho para amenizar os efeitos. (Relembre aqui)

Independente disto, Edivaldo tem registrado índices respeitáveis em outros setores.

Ele conseguiu, por exemplo, melhora fortemente a limpeza urbana a partir dos ecopontos; e o resultado é a redução em 50% dos casos de chikungunya e dengue na capital maranhense.

AGENTE DO COMBATE ÀS ENDEMIAS EM AÇÃO NAS CASA, o que contribuiu para redução dos caos de dengue e chikungunya

Edivaldo também registra resultado acima da média na avaliação do Ensino Fundamental.

Mais de 60% das crianças do 1º ao 9º ano saem das séries do ensino completamente alfabetizadas, de acordo com o Sistema Municipal de Avaliação Educacional de São Luís, que conta com a consultoria e supervisão da Universidade Federal de Juiz de Fora (MG).

São dados que apontam para um prefeito fortemente capaz de influenciar diretamente o pleito municipal de 2019, com o resultado de sua gestão.

É aguardar e conferir…

2

Com presença de Flávio Dino, Eliziane e Weverton, Neto Evangelista consolida nome no DEM…

Deputado estadual foi a grande estrela da convenção estadual do partido, e foi lançado candidato pelos presidentes nacional, ACM Neto, e estadual, Juscelino Filho

EVANGELISTA EM DISCURSO PARA AS LIDERANÇAS DE PDT, PCDOB, E CIDADANIA, ovacionado pelos convencionais do DEM como candidato em São Luís

O deputado estadual Neto Evangelista é o primeiro nome consolidado no grupo do governador Flávio Dino (PCdoB) como candidato à sucessão do prefeito Edivaldo júnior (PDT).

A presença do próprio Dino e dos senadores Weverton Rocha (PDT) e Eliziane Gama (Cidadania), ontem, na convenção do DEM maranhense, reforçou o nome de Evangelista como opção do grupo.

– Você jamais me terá contra você, em nenhum projeto, em nenhum pleito. Você sempre terá minha palavra de apoio e de incentivo – declarou Flávio Dino, enfático.

O EVENTO COMANDADO POR JUSCELINO FILHO reuniu democratas de todo o Maranhão

A senadora Eliziane Gama reforçou a unidade do grupo e garantiu apoio ao parlamentar.

– Conte conosco, Neto Evangelista. O DEM é parte de nós. Cidadania e DEM estão juntos pelo Maranhão e por São Luís – afirmou.

NETO EVANGELISTA FOI CHANCELADO PELO PRESIDENTE NACIONAL DO DEM, ACM NETO, prefeito de Salvador (BA)

Neto Evangelista já tinha o apoio do PDT, de Weverton Rocha; e apenas reforçou seu projeto com a presença das demais lideranças, que oram recepcionadas por Juscelino Filho e pelo presidente nacional do DEM, ACM Neto.

– Estou pronto para qualquer desafio. Sigo a boa política e tenho certeza que o Democratas dará uma grande contribuição para nossa capital e para o Maranhão – declarou o deputado, entusiasmado com a largada do projeto.