2

Esquema de Cândido Mendes pode ter desviado mais de R$ 1 bilhão no MA

Operação Cabanos, da Polícia Civil e do Ministério Público – que levou para a cadeia o prefeito Mazinho Leite – atuou no chamado grupo de municípios da BR, formado por São Bernardo, Zé Doca, Centro do Guilherme, Maranhãozinho, Pedro do Rosário, Governador Newton Bello, São João Batista, Carutapera e Godofredo Viana

 

Preso na Operação Cabanos, o prefeito Mazinho Leite, de Cândido Mendes, é apenas uma peça de um esquema bilionário, envolvendo prefeitos, empresários e deputados federais maranhenses

Uma quadrilha especializada em desvio de recursos de contratos nas mais diversas áreas, em vários municípios maranhenses, desbaratada nesta quarta-feira, 19, em operação da Polícia e do Ministério Público, pode ser a ponta da linha de um esquema de corrupção bilionário no Maranhão.

Apenas em contratos com as prefeituras de Cândido Mendes – cujo prefeito Mazinho Leite foi preso na operação de ontem – os contratos ultrapassam os R$ 100 milhões.

Mas os valores roubados podem ultrapassar R$ 1 bilhão, envolvendo mais os municípios de São Bernardo, Zé Doca, Centro do Guilherme, Maranhãozinho, Pedro do Rosário, Governador Newton Bello, São João Batista, Carutapera e Godofredo Viana.

Detalhe: o dinheiro desviado pode ter origem em emendas parlamentares, o que deve levar a Polícia Federal a entrar no caso. (Entenda aqui, aqui e aqui)

Na operação de Cândido Mendes, além do prefeito Mazinho Leite e auxiliares, a investigação envolve as empresas JM Sales e Cia Ltda – ME, Cristal Serviços e Construções Ltda. – ME, Almeida e Lima Ltda – ME, Construtora Akrus Ltda – EPP, e J. A. Cruillas Neto.

Estas empresas atuam também nos demais municípios, com o mesmo esquema de fraude em licitação para desvio de recursos públicos.

O caso figurões da política maranhense e esquema de compra e venda de emendas parlamentares já revelados neste blog Marco Aurélio D’Eça, no post “Venda de emendas parlamentares pode virar escândalo nacional”.

Mas esta é uma outra história…

2

Parceria governo, legislativo e prefeitura vai valorizar história e cultura de Vargem Grande

Márcio Jerry e Fábio Braga: projetos para Vargem Grande

Três importantes projetos vão proporcionar a valorização histórico e cultural da cidade de Vargem Grande.

Na noite de quinta-feira, 9, o secretário de Comunicação e Assuntos Políticos, Márcio Jerry, e o deputado Fábio Braga estiveram reunidos para firmar a parceria entre o Governo do Estado, o Poder Legislativo e a Prefeitura para a criação do Espaço Balaiada, de obras sobre a origem do festejo de São Raimundo Nonato dos Mulundus, o santo vaqueiro, e construção do Espaço Vultos Notáveis.

Os projetos de iniciativa da Prefeitura de Vargem Grande serão garantidos pelo Governo do Estado por meio de emenda parlamentar do deputado estadual Fábio Braga, que levou o pleito no intuito de reconhecer a história da cidade e dos seus personagens.

– Sem dúvida uma proposta a ser abraçada pelo Governo do Maranhão e Prefeitura de Vargem Grande – ressaltou o secretário Márcio Jerry.

O projeto Espaço Balaiada visa construir uma obra artístico-cultural que simbolize e valorize a Balaiada em Vargem Grande. O movimento foi uma das principais revoltas populares ocorridas no Maranhão.

Já a homenagem para São Raimundo Nonato dos Mulundus prevê a edificação de obras que reconheçam a importância do protetor e padroeiro dos vaqueiros.

O projeto Vultos Notáveis objetiva a construção de uma espécie de Panteon com oitos bustos para valorizar as principais personalidades da área literária de Vargem Grande: Raymundo Nina Rodrigues, Saúl Nina Rodrigues, Hemetério Leitão, Antônio Bernardo Montello, Didi Barroso, Domingos Bala, Joran e Fory Gama. A ideia é transformar o espaço em um fomentador de encontros artísticos-culturais.

– A gente resgata a parte histórica e cultural da cidade com a representatividade desses monumentos – avaliou o deputado Fábio Braga.

As iniciativas visam transformar a cidade em pólo e rota de turismo, despertar na classe jovem e estudantil do município e da região o interesse e importância de melhor conhecer a história do estado e promover ações educativas, culturais, históricas e artístico-esculturais desenvolvidas em Vargem Grande.

4

Weverton Rocha recebe apoio de lideranças do PMDB e amplia base rumo ao Senado…

Deputado federal, que já contava com apoio de membros de PDT, PCdoB, PT, PSB, DEM e PSDB agora reforça o espectro partidário de seu projeto

 

Talita e o pai com Weverton: fortalecimento do projeto Senado

O deputado federal Weverton Rocha (PDT) recebeu em seu gabinete a prefeita de Água Doce do Maranhão, Talita Dias, e seu pai, o ex-prefeito Eliomar, tradicionais lideranças do PMDB na região.

Os dois peemedebistas declararam apoio ao projeto de candidatura de Weverton ao Senado, em 2018.

Com o apoio das lideranças do PMDB, Weverton Rocha amplia o espectro partidário que já compõe a base de sustentação de sua candidatura.

Leia também:

Projeto de Weverton reúne representantes de todas as regiões…

Weverton consolidado entre prefeitos, vereadores, deputados federais e estaduais…

Políticos de duas gerações se unem para apoiar candidatura de Weverton ao Senado…

Políticos de várias gerações reunidos em Santa Inês em apoio a Weverton Rocha

Além do PMDB,  e de seu partido, o PDT, deputado já tem o apoio também do PCdoB, do PSB, do PT, do DEM e do PSDB, representados por deputados, prefeitos, vereadores e outras lideranças políticas.

Weverton Rocha é hoje o único candidato a senador – entre governistas e oposicionistas – a ter uma base sólida de partidos em sua base.

O que garante forte competitividade pelas duas vagas em jogo nas eleições de 2018…

0

Eliziane Gama participa de evento da Juventude na Câmara Federal…

Coordenadora da comissão especial de luta contra as drogas discute com os demais atores sociais o problema da violência no Brasil

 

 

Eliziane entre os representantes da Secretaria Nacional de Juventude: debate sobre violência

A Câmara Federal realiza, desde o início da manhã desta quarta-feira, 15,  evento da Secretaria Nacional de Juventude.

A programação conta com a presença da deputada federal Eliziane Gama (PPS), que coordena a comissão especial da Casa para o combate ao uso de drogas.

O encontro discutirá o mapa da violência no Brasil em 2016

Eliziane deve apresentar relatório das ações realizadas pela comissão em v´rios municípios maranhenses.

Durante o evento será apresentado o “Mapa da Violência no Brasil em 2016″…

11

Quem foi João Castelo?!?

Ex-governador, ex-senador e ex-prefeito, o deputado federal falecido neste domingo foi onipresente na política do Maranhão nos últimos 45 anos; e é um dos poucos líderes maranhenses da história com capital eleitoral cativo e consolidado

 

Em um dos seus últimos discursos na Câmara: presença sempre marcante em Brasília

Poucas lideranças políticas maranhenses têm o curriculum do deputado federal João Castelo (PSDB), falecido neste domingo, 11, em São Paulo.

Castelo esteve presente em todas as discussões eleitorais dos últimos 45 anos no Maranhão, sempre com índices altíssimos de intenção de voto. Foi um dos poucos líderes maranhenses com eleitorado cativo e consolidado, que o seguiu em todas as eleições que disputou.

Com dona Gardênia e os filhos Gardeninha e Joãozinho; o terceiro faleceu ainda jovem

Eleito deputado federal pela primeira vez em 1970, reelegeu-se em 74.

Em 1978 foi nomeado governador pelo presidente Ernesto Geisel.

Seu governo é considerado um dos três mais efetivos da história maranhense, ao lado dos governos José Sarney e Roseana Sarney. Juntamente com os dois peemedebistas, o tucano foi um dos responsáveis pela implantação das bases de modernização de São Luís.

Governador, ajudou a plantar as bases da modernização de São Luís

A força eleitoral de João Castelo era tão consistente que ele se dava ao luxo de passar períodos sem disputar eleições e, mesmo assim, quando voltava, sempre superava a casa do 100 mil votos em qualquer disputa.

Leia também:

Os tempos de Castelo e os tempos atuais…

João Castelo ontem e hoje…

Castelo inicia plano de obras em SL…

O tucano disputou três vezes a Prefeitura de São Luís, antes de ser eleito, em 2008, derrotando o atual governador Flávio Dino (PCdoB).

Com o papa João Paulo II, em 1981, em São Luís, quando exercia o governo

Mesmo já idoso e adoentado, o líder tucano continuou a demonstrar força eleitoral nas eleições deste ano, mantendo a segunda colocação enquanto figurou nas pesquisas de intenção de votos.

É certo afirmar, inclusive, que a desistência de Castelo da disputa também influenciou na vitória do prefeito Edivaldo Júnior (PDT).

Castelo estava exercendo o quinto mandato de deputado federal, até sofrer um infarto e ser levado para o Hospital Sírio e Libanês, onde passou mais de 30 dias em coma.

Com o seu falecimento, assume mandato na Câmara Federal a suplente Luana Alves (PSB).

Mas esta é uma outra história…

1

Pinto Itamaraty recebe Cléber Verde em Brasília…

Agora senador, Pinto conversa com Cléber, seu ex-colega de bancada na Câmara Federal

Agora senador, Pinto conversa com Cléber, seu ex-colega de bancada na Câmara Federal

O senador Pinto Itamaraty (PSDB) recebeu, na última terça-feira, 1º, a visita do deputado federal Cléber Verde (PRB), em Brasília.

Atualmente, Pinto Itamaraty cumpre mandato no lugar do senador Roberto Rocha (PSB), que está licenciado.

Cléber Verde exerceu um de seus mandatos de deputado federal na mesma época de Pinto, razão pela qual os parlamentares mantém relações amigáveis e de parceria.

Um dos principais temas tratados durante a visita foi o cenário para investimentos na educação brasileira…

3

Maranhão tem 12 denunciados por “farra das passagens”…

Ex-deputados foram denunciados pelo Ministério Público Federal por se utilizar de recursos públicos para fins particulares; na lista estão atuais prefeitos e prefeitos eleitos

 

farra

Doze ex-deputados federais maranhenses foram denunciados pela Procuradoria-geral da República sob a acusação de terem usado dinheiro público em benefício público.

A denúncia, que ficou conhecida por “farra das passagens” envolve 443 ex-deputados no país inteiro, incluindo os maranhenses.

Na lista estão:

Ex-ministro do Turismo Gastão Vieira (Pros);

Vice-governador Carlos Brandão (PSDB);

Prefeito eleito de Barreirinhas, Albérico Filho (PMDB);

Prefeito eleito de Paço do Lumiar, Domingos Dutra (PCdoB);

Atual prefeito de Imperatriz, Sebastião Madeira (PSDB);

Atual prefeito de Santa Inês, Ribamar Alves (PSB);

Ex-deputado Clóvis Fecury (DEM),

Ex-deputado Remi Trinta (PP),

Ex-deputado Julião Amim (PDT);

Ex-deputada Nice Lobão (DEM);

Ex-deputado Pedro Novais (PMDB)

Ex-deputado Sétimo Waquim (PMDB).

Caberá ao Tribunal Regional Federal decidir se acata ou não a denúncia do Ministério Público…

0

Weverton apresenta emenda à MP que beneficia produtores rurais maranhenses…

Agricultores serão beneficiados pelo projeto

Agricultores serão beneficiados pelo projeto

A medida provisória (MP) 733/2016, que estabelece normas para a repactuação e liquidação das dívidas de produtores rurais, foi aprovada pelo plenário da Câmara, nesta terça-feira, 13, e segue para o Senado.

De acordo com o deputado federal Weverton Rocha (PDT), autor de uma emenda incluída no texto aprovado, a proposta garante mais fôlego para os produtores maranhenses voltarem a produzir com mais tranquilidade.

A emenda do parlamentar maranhense autoriza instituições financeiras a transferir a data de pagamento das parcelas que venceram em 1º de janeiro de 2016 e as que vencerão até 31 de dezembro de 2016, para o final do contrato das operações relativas ao custeio das safras para os estados do Maranhão, Piauí, Tocantins (MATOPI) e Regiões Centro Oeste.

“Temos que incentivar esses trabalhadores. Fazer com que gerem a renda necessária para eles pagarem suas dívidas e, consequentemente, fazer rodar seu capital de giro. O nosso papel, como deputado federal, é, dentro da boa política, ajudar quem necessita de nosso apoio, pois hoje é o produtor rural que estimula o crescimento em todo país”, ressaltou Weverton.

No teor da emenda, o pedetista destacou que a região do MAPITO e, principalmente, o Maranhão foi acometido por um longo período sem chuvas entre o final de 2015 e 2016, o que ocasionou quebra na lavoura de 3,6 milhões de toneladas, segundo dados do IBGE.

Ele salientou, ainda, que há uma participação expressiva das operações oficiais de crédito rural na região, estimado em 36% no Maranhão, 60% no Piauí e de 53% no Tocantins.

4

Deputados discutem com juiz federal solução para área Awá-Guajá

Autor da decisão de retirada das famílias de lavradores, José Carlos Madeira sinalizou com possibilidade de rever decisão, mas apenas no caso de o Governo do Estado dar garantias para os indígenas 

 

weverton

Weverton, Heinze e representantes de agricultores com o juiz Madeira

Os deputados federais Weverton Rocha (PDT/MA) e Luis Carlos Heinze (PP/RS) se reuniram, na tarde desta segunda-feira (24), com o juiz federal José Carlos Madeira para intermediar em prol das mais de seis mil pessoas ameaçadas de expulsão da terra indígena Awa-Guajá.

Presidente da Frente Parlamentar da Agropecuária, Heinze veioa  São Luís para acompanhar o colega maranhense na busca de solução para o problema.

– Viemos fazer um apelo a favor destas centenas de famílias que moram há mais de 20 anos na localidade. Não podemos aceitar que a desintrusão seja concluída sem que estes trabalhadores sejam assistidos pelo poder público – disse Weverton.

Segundo dados repassados pela Secretaria-Geral da Presidência da República, a estimativa inicial era de que o processo de desintrusão custaria em torno de R$ 7 milhões aos cofres públicos.

– Com essa verba gasta nesta operação, seria possível reassentar todos estes agricultores – destacou o deputado.

Além dos parlamentares, o assessor jurídico da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado do Maranhão (Faema), Émerson Galvão, participou da reunião com o juiz.

Neste domingo, o deputado denunciou que o processo de desintrusão da reserva indígena Awá-Guajá foi iniciado dois dias antes do prazo determinado pela Justiça.

A data para o início da desintrusão de cerca de 1.200 famílias que residem no local seria a partir desta segunda-feira (24), mas alguns dos pequenos agricultores já começaram a sair de suas casas no sábado passado.

12

“Oposição dorme mais do que a cama”, diz Chiquinho Escórcio

O deputado federal, Chiquinho Escórcio (PMDB-MA) fez duras críticas à oposição maranhense em entrevista ao Jornal Correio Popular veiculado ontem (17).

A citação é em referência aos ataques já publicados neste blog, do presidente da Embratur e agora candidato à governo do Estado, Flávio Dino.

O deputado confirma a tese deste blog de que Dino não tem nenhum projeto político.

 correiopopular - geral - p03- espontânea - neutra3