3

Audiência da live de Josimar reforça anseio por mudanças no Maranhão

Quase 10 mil pessoas assistiram ao programa do deputado federal e houve até comemoração no momento do anúncio do apoio a Weverton – como se fosse um gol em final de Copa do Mundo – sinal de que o fim da era Flávio Dino é aguardada com ansiedade

 

Em São Luís, amigos se reuniram para acompanhar a live de Josimar e festejaram o momento do apoio a Weverton Rocha

Análise da notícia

O anúncio do apoio do deputado federal Josimar Maranhãozinho ao senador  Weverton Rocha (PDT) é um desses momentos que devem entrar para a história da política maranhense.

Poucas vezes, desde a redemocratização, se criou tanta expectativa em torno de um ato político; expectativa que virou torcida e transformou o anúncio em uma espécie de gol em final de Copa do Mundo, comemorado em todo o Maranhão.

As fotos e vídeos que ilustram este post mostra exatamente o tamanho da expectativa no estado inteiro.

O estúdio onde foi gravada a live também ficou lotado; e a festa foi igual em todo o Maranhão

A festa de populares e militantes políticos em torno do apoio de Josimar a Weverton revela uma forte torcida pelo fim da era Flávio Dino (PSB) no Maranhão.

Nos últimos anos, momentos como este desta segunda-feira, 23, foram vistos apenas em 2006, na campanha do ex-governador Jackson Lago (PDT) contra a ex-governadora Roseana Sarney (MDB); e em 2014, na vitória do próprio Dino contra o mesmo grupo Sarney.

No interior, jornalistas e eleitores puseram TVs em praça pública para acompanhar a live de Josimar e festejaram o apoio a  Weverton

Hoje, Dino e os Sarney estão juntos no mesmo palanque; e o Maranhão não avançou nos últimos sete anos e meio.

Diante do fracasso de Flávio Dino, a comemoração do “gol” de Josimar aumenta a responsabilidade de Weverton por uma mudança efetiva na política maranhense.

Por que, se o povo quer, não há como parar…

2

Mesmo com pressão do Palácio dos Leões, Josimar anuncia apoio a Weverton

Deputado federal confirmou o assédio de aliados do governador Carlos Brandão aos prefeitos do PL e dos demais partidos do seu grupo político, mas disse que sentiu no compromisso do senador pedetista mais segurança para desenvolver o Maranhão

 

Josimar e Detinha vão entrar no time do “Maranhão Mais Feliz” ao lado do senador Weverton Rocha

O deputado federal Josimar Maranhãozinho (PL) confirmou nesta segunda-feira, 23, o apoio à candidatura do senador Weverton Rocha (PDT) ao Governo do Estado.

– Nosso candidato ao governo é o meu amigo senador Weverton Rocha – afirmou Josimar, após mais de uma hora de live, da qual participaram quase 10 mil internautas.

Josimar confirmou a unidade do seu grupo e revelou também uma forte pressão do governo Carlos Brandão (PSB) para tentar cooptar prefeitos aliados.

Esta tentativa de compra de prefeitos foi revelada pelo blog Marco Aurélio D’Eça ainda na sexta-feira, 20, no post “Palácio dos Leões tenta convencer prefeitos oferecendo a eles o que daria a Josimar”.

Mas ele deixou claro a unidade e o apoio dos prefeitos; e garantiu:

– O que faltar aqui para os nossos municípios eu vou buscar em Brasília.

Além de Josimar, participaram da live o deputado federal Júnior Lourenço (Avante) e os estaduais Vinícius Louro e Detinha 9ambos do PL).

Lourenço revelou ainda que o Avante, com seus 10 prefeitos, também deve seguir com Weverton.

O senador deverá particiapar da próxima live ao lado de Josimar e Detinha…

1

Em tentativa desesperada de convencer Josimar, Brandão usa imprensa aliada para “alertar” deputado

Blogs ligados ao Palácio dos Leões vêm anunciando, em bloco, desde o fim de semana – sabe-se lá com base em que números – que metade dos aliados do pré-candidato do PL irão abandoná-lo se ele decidir apoiar Weverton Rocha

 

Enquanto Brandão tenta de todas as formas evitar o apoio de Josimar a Weverton, o deputado reúne seu grupo democraticamente, e, em votação, vai decidir que rumo tomar em outubro

Depois de oferecer secretarias, recursos e até o Porto do Itaqui, sem sucesso… Depois de tentar – também sem sucesso – cooptar prefeitos ligados ao PL, ao Patriotas e ao Avante…

Depois de cogitar até trair Flávio Dino (PSB) e dar a vice ao deputado federal, o governador-tampão Carlos Brandão (PSB) tenta, desde o fim de semana, uma última cartada para convencer Josimar de Maranhãozinho (PL) a subir em seu palanque.

Desde o sábado, blogs e portais ligados ao Palácio dos Leões utilizam uma narrativa até tola, para dizer que, caso Josimar decida pelo apoio ao senador Weverton Rocha (PDT), metade dos seus aliados irão abandoná-lo.

O texto é exatamente o mesmo em todos os blogs, com pequenas variações de título e frases – sinal claro das mãos do ex-secretário Sérgio Macedo, especialista neste tipo de ação midiática.

O problema é que o texto espalhado não apresenta um só argumento técnico ou número que confirme a argumentação.

Josimar passou o fim de semana reunido com prefeitos, deputados federais, estaduais, vereadores e lideranças políticas do seu grupo; e fez até votação direta para que os aliados decidissem qual candidato apoiar.

A unidade do grupo mostrou a força do deputado federal e deu até uma lição no ex-governador Flávio Dino (PSB), que tentou empurrar goela abaixo de sua base a candidatura de Brandão.

Aliás, foi exatamente por isso que Josimar deixou a base dinista.

O deputado anuncia daqui a pouco, em live, qual será sua posição nas eleições de outubro…

0

Zé Inácio participa de agendas no Piauí

Em visita à governadora do Piauí Regina Sousa, nesta quinta-feira (19), o deputado estadual Zé Inácio (MA) foi convidado a participar da solenidade de lançamento de novas linhas de  crédito do Programa Apoio a Pequenos Negócios – Crédito Urbano e Rural.

A iniciativa tem o propósito de oferecer oportunidades mais justas de desenvolvimento, incentivando o empreendedorismo no campo e na cidade.

“Quero agradecer a governadora Regina Sousa, que nos recebeu muito bem e nos convidou para conhecer e acompanhar o lançamento desse importante programa de apoio a agricultura familiar do Piauí.”, comentou Zé Inácio.

Da assessoria

1

Após pressão, governo Brandão cancela licitação milionária de bonés e camisetas

Claramente suspeita de estar direcionada para fins eleitoreiros, concorrência de quase R$ 12 milhões chegou a ser defendida em nota da Secretaria de Comunicação

 

Claramente suspeita de estar direcionada à campanha de Brandão, licitação da Secom para compra de bonés e camisetas, foi cancelada após pressão da imprensa livre

A Secretaria de Comunicação do governo Carlos Brandão (PSB) anunciou nesta sexta-feira, 20, cancelamento de licitação no valor de quase R$ 12 milhões para compra de bonés e camisetas.

A compra foi denunciada desde o início da semana, por clara suspeita de que poderia ser usada para beneficiar a campanha do governador-tampão.

Realizada pela Secom, a compra de camisetas e bonés em ano eleitoral – além de materiais gráficos – chamou a atenção da imprensa não-alinhada ao Palácio dos Leões, que começou a levantar suspeitas de uso eleitoreiro – e descarado – do dinheiro público em campanha eleitoral.

O chefe da Secom, Ricardo Capelli – homem de confiança do ex-governador Flávio Dino (PSB) – chegou a justificar, em nota, que a compra atendia a necessidades dos programas e eventos do governo.

Hoje, no entanto, Capelli não aguentou a pressão – e os riscos de levar a uma eventual cassação da candidatura de Brandão – e recuou, anunciando o cancelamento da licitação.

Uma bela vitória da parte da imprensa ainda livre no Maranhão…

4

Palácio dos Leões tenta cooptar prefeitos oferecendo a eles o que daria a Josimar

Operação comandada pelo irmão do governador Carlos Brandão visa esvaziar a liderança do deputado federal para forçá-lo a aderir ao projeto de manutenção de poder de Flávio Dino

 

Josimar quer ter o grupo unido no anúncio de sua posição eleitoral na próxima segunda-feira, mas o Palácio dos Leões tenta cooptar prefeitos

Uma operação kamikaze foi montada no Palácio dos Leões e na campanha do governador-tampão Carlos Brandão (PSB) para forçar a adesão do deputado federal Josimar Maranhãozinho (PL).

Desde a quinta-feira, 19, o empresário Marcus Brandão, irmão do governador, vem assediando prefeitos ligados ao deputado com todo tipo de ofertas para tê-los em palanque.

A ordem no Palácio e no comitê de campanha de Brandão é repassar aos prefeitos tudo o que tinha sido oferecido ao próprio Josimar.

Desde ontem, por conta da ofensiva, aliados do governador-tampão já davam como certo o apoio do grupo de Josimar.

O deputado lidera três partidos, cerca de 50 prefeitos, 700 vereadores, deputados federais, estaduais e lideranças em todo o Maranhão.

A ele, o Palácio ofereceu mundos e fundos – literalmente – para tê-los no palanque de Brandão; sem resposta, a oferta começou a ser feita aos prefeitos do grupo.

Josimar pretende anunciar na próxima segunda-feira, 23, qual será o seu caminho nas eleições de outubro; e espera contar com a participação de todos os membros do seu grupo.

Mas a ofensiva do Palácio dos Leões deve durar todo o fim de semana…

0

Bárbara e Octávio Soeiro fazem festa histórica pra Weverton no São Cristovão

Senador emocionou-se ao lembrar de populares que conviveram com ele na comunidade onde viveu toda a infância e adolescência ao chegar de Imperatriz; foi o maior evento político de bairro já realizado em São Luís

 

Milhares de moradores do São Cristovão e adjacências foram saudar seu filho Weverton Rocha, candidato ao Governo do Estado

A ex-vereadora Bárbara Soeiro e o vereador Octávio Soeiro protagonizaram ontem no São Cristovão o maior evento político de bairro já realizado na história de São Luís.

Mãe e filho reuniram milhares de pessoas de sua comunidade e adjacência em recepção ao senador Weverton Rocha, pré-candidato do PDT ao Governo do Estado.

O próprio Weverton emocionou-se ao lembrar de populares que conviveram com ele no bairro, onde o senador viveu toda a infância e adolescência, ao chegar de Imperatriz.

Muitos desses populares – chamados pelo nome por Weverton – estavam presentes no encontro, que reuniu também deputados federais, estaduais vereadores e prefeitos de vários municípios.

É bom demais quando se faz um evento com alguém que conhece a nossa realidade por que conviveu conosco; Weverton é assim, citou cada rua, cada viela, cada região do bairro onde viveu – disse Octávio Soeiro.

A edição do projeto “Maranhão Mais Feliz” nos bairros de São Luís será realizada sempre as quintas-feiras, reforçando a presenças Weverton nas comunidades da ilha.

A próxima edição está prevista para o Coroadinho, capitaneada pelo vereador Nato Júnior (PDT).

 

 

2

Aliados de Brandão já comemoram adesão de Josimar

Irmão do governador-tampão passou a quinta-feira ligando para prefeitos ligados ao deputado articulando reuniões a partir de segunda-feira

 

Irmão de Brandão, Marcus Brandão tem ligado para prefeitos anunciando a adesão de Josimar Maranhãozinho

Uma frenética movimentação telefônica e de internet tomou conta da campanha do governador-tampão Carlos Brandão (PSB) nesta quinta-feira, 19.

A euforia tem nome: deputado federal Josimar Maranhãozinho (PL).

Os aliados de tampão dão como certa a adesão de Josimar e seu grupo de cerca de 50 prefeitos, 700 vereadores, deputados federais e estaduais.

Embora o deputado ainda não tenha tratado publicamente sobre o assunto, o Palácio dos Leões e o núcleo de poder da campanha do governador já tratam ele e seu grupo como “base aliada”.

Segundo apurou o blog Marco Aurélio D’Eça a cooptação de Josimar foi comandada pelo empresário Marcus Brandão, irmão do governador.

Marcus passou a quinta-feira inteira em ligações telefônicas e contatos de Whatsapp com prefeitos, ex-prefeitos, vices-prefeitos e vereadores chamando para uma reunião já nesta sexta-feira, 20, na qual Josimar irá, segundo o Palácio, anunciar a adesão.

Nenhum aliado de Josimar confirmou o fechamento da aliança com Carlos Brandão.

O anúncio oficial de Josimar será na próxima segunda-feira, 23.

 

 

2

Mesmo sem ser filiado, Flávio Dino quer forçar PT a impedir teses contrárias a si e a Brandão

Governador quer impedir que aliados do senador Weverton Rocha e do sociólogo Paulo Romão apresentem defesa dessas candidaturas no encontro de tática do dia 29

 

Paulo Romão tem sido a principal pedra no sapato de Flávio Dino dentro do PT, legenda que o ex-governador parece ter como propriedade

Mesmo sem ser filiado aí partido, o ex-governador Flávio Dino (PSB) considera-se o dono do PT no Maranhão.

Ele já impôs a legenda – por meio de dirigentes empregados no Palácio dos Leões – a sua própria candidatura a senador e a do ex-secretário Felipe Camarão a vice do tampão Carlos Brandão (PSB).

Mas agora Dino vai mais longe e tenta impedir até mesmo o debate democrático dentro do PT, segundo denunciou o sociólogo Paulo Romão, pre-candidato petista aí Senado.

De acordo com Romão, Flávio Dino usa diretores do PT para impedir que teses contrárias aos seus interesses sejam até mesmo registradas no Encontro de Tática dos dias 28 e 29.

– A democracia interna do PT não é o clube do bolinha onde o adversário tem o controle e só participa do jogo quem ele autoriza e concorda com ele – crítica Romão, numa referência ao fato de Flávio Dino querer ser o dono do “time de Lula” no Maranhão.

Pelo menos três teses contrárias ao interesse de Flávio Dino pretendem ser discutidas no encontro de tática do PT:

1 – a candidatura de Paulo Romão ao Senado;

2 – a candidatura de Zé Inácio a vice-governador;

3 – o apoio a Weverton Rocha para o Governo.

Mas, segundo Paulo Romão, a direção estadual pode negar – a mando do ex-governador – o número de assinaturas necessárias até mesmo para as teses serem inscritas.

O direito de tese é uma tradição democrática do PT e premia o debate democrático, ao assegurar que as minorias partidárias possam ser ouvidas e ter seus posicionamentos respeitados na cultura partidária – afirma Paulo Romão, em carta aberta encaminhada à militância e à direção do PT.

Abaixo, a íntegra do documento:

Direito de Tese ao Encontro Estadual de Tática do PT/MA

Pela correlação de forças estabelecidas em que ação governista tenta banir o pensamento divergente no Partido dos Trabalhadores no Maranhão, as teses que divergem da aliança com o PSB aqui no estado não dispõem do número de assinaturas de delegados e delegadas para serem inscritas no Encontro de Tática Eleitoral , a ser realizado nos dias 28 e 29 de maio de 2002.

Por serem legítimas no debate democrático do PT, jamais podem ser ignoradas ou mesmo silenciadas pelo rolo compressor da máquina do estado , ditando o tom da nossa democracia interna.

Em cumprimento aos preceitos estatutários que regem nossa democracia interna, venho por meio deste reivindicar o direito de tese no referido encontro.

O direito de tese é uma tradição democrática do PT e premia o debate democrático , ao assegurar que as minorias partidárias possam ser ouvidas e ter seus posicionamentos respeitados na cultura partidária .

Assim sendo , não se pode continuar negando a presença política de nossa pré-candidatura ao senado federal pelo PT , e pela Federação Brasil da Esperança , que deseja participação neste encontro , que é o momento máximo de nossa democracia interna .

Em 3 anos de pré-candidatura, incomodamos muita gente, pontuamos em todas as pesquisas , fomos vetados em várias outras e eles sabem o que estão combatendo .

Ademais, não faz parte de nossa história partidária encontro com tese única .

Seria anti-democrático não permitir que as minorias partidárias participem da construção das decisões partidárias.

A democracia interna do PT não é o clube do bolinha onde o adversário tem o controle e só participa do jogo quem ele autoriza e concorda com ele .

As maiorias políticas são circunstâncias.

A democracia partidária é permanente.

Nestes termos, reivindico direito de tese para juntos com outros companheiros e companheiras defendermos a tese de aliança com o PDT Weverton Governador , e como filiado possuidor de direitos partidários, que nossa defesa de candidatura própria ao Senado Federal pelo PT/MA , não seja objeto de sufocamento e impedimento .

A divergência sempre existirá .

Será inútil combater a diversidade de pensamento.

Paulo Romão
Sociólogo
Pré- candidato ao Senado Federal pelo PT/MA

0

Weverton leva benefícios para Colinas e incomoda família Barroso, aliada de Brandão

Irmão do deputado federal Márcio Jerry, que é do município, tentou diminuir a ida do senador ao Ministério da Educação em busca de recursos para o IFMA; curiosamente, não se tem informação sobre ação de Jerry Barroso com mesmo tema

 

Ao lado do colega Marcos Rogério, Weverton foi ao MEC em busca de recursos para Colinas, o que incomodou aliados de Brandão

As ações do senador Weverton Rocha (PDT), em Brasília, em busca de benefícios para os municípios maranhenses, tem incomodado cada vez mais as famílias empoderadas no interior do Maranhão.

Nesta quarta-feira, 18, Weverton esteve com o colega senador Marcos Rogério no Ministério da Educação; e conseguiu a garantia de recursos para o IFMA de Colinas.

Quando é para trabalhar pelo povo, temos de deixar diferenças políticas de lado! Trouxe aqui em Brasília a demanda de inauguração do centro avançado do IFMA em Colinas. A boa política é assim! Com diálogo, trabalhando pelo povo! – afirmou Weverton por meio de suas redes sociais.

Colinas é a terra do governador-tampão Carlos Brandão (PSB) e do deputado federal Márcio Jerry (PCdoB).

E não é que o irmão de Márcio Jerry, Samuel Barroso, ligado ao próprio IFMA, tentou questionar a ação do senador em favor de Colinas?

Antes adversário de Brandão, Samuel Barroso (à esquerda) virou tropa de choque do governador-tampão

Barroso foi às redes sociais para diminuir o trabalho de Weverton.

O que ele está fazendo aí toda a bancada do Maranhão já fez. Tem documento assinado por toda a bancada em audiência com o ministro da Educação. Querer agora ter méritos por isso é por que estamos no período eleitoral – esbravejou Samuel Barroso, em resposta a uma internauta que comemorou a boa notícia.

Seria bom Márcio Jerry publicar sua movimentação em favor do IFMA de Colinas.

Assim, mostrará que o irmão não está apenas com dor de cotovelo…