4

Líder do governo Flávio Dino também prega fuga de Edivaldo do debate da Mirante…

Mostrando desconhecimento da Lei Eleitoral, Rogério Cafeteira justifica sua posição com a alegação de que todos os candidatos deveriam participar do programa, sem se submeter a regras da emissora

 

O twíte de Cafeteira: desinformação sobre a lei

O twíte de Cafeteira: desinformação sobre a lei

O líder do governo Flávio Dino (PCdoB) na Assembleia Legislativa, deputado Rogério Cafeteira (PSC), pregou publicamente, nesta quinta-feira, 29, a ausência do prefeito Edivaldo Júnior (PDT) do debate da TV Mirante.

Este blog já havia noticiado, mais cedo, que aliados do prefeito estavam repensando sua participação no programa, marcado para a noite de hoje, após a novela Velho Chico. (Releia aqui)

A posição de Rogério Cafeteira torna público o que o blog disse e chegou a ser questionado.

– Se fosse Edvaldo (sic), só iria se todos o candidatos pudessem participar. regra criada por meio de comunicação não pode sobrepor a legislação – afirmou cafeteira, embora nãos e compreenda o que ele quis dizer exatamente.

É a própria legislação eleitoral quem faculta às emissoras de TV os convites para debates, conforme decisão do Tribunal Superior Eleitoral, que o líder dinista demonstra desconhecer. (Releia aqui)

Mas o fato é que cafeteira é apenas mais um dos aliados de Edivaldo Júnior a pregar sua fuga do debate.

Como o prefeito fez, aliás, durante toda a campanha…

4

Instituto que desafiou lógica das pesquisas fará mais um levantamento em São Luís…

Perfil foi o único que fugiu ao rebanho e confirmou segundo turno em São Luís, além de uma disputa ainda acirrada entre Eliziane Gama e Wellington do Curso pela segunda vaga; a empresa quer ratificar seus números com outro levantamento, dia 29

 

perf

Sensação da última semana eleitoral em São Luís, com números que divergiram totalmente da sequência quase uníssona apresentada pelas demais pesquisas, o Instituto Perfil anuncia para a próxima quinta-feira, 29, um novo levantamento na capital maranhense.

Na semana em que todos os institutos – do suspeito DataM à acreditada Escutec; da novata Prever à tradicional Econométrica – mostraram que a eleição estava praticamente definida em favor do prefeito Edivaldo Júnior, o Instituto Perfil veio na contramão e mostrou o pedetista com apenas 37%, confirmando o segundo turno.

E fez mais o Instituto Perfil: tirou Eliziane Gama (PPS) do absoluto fracasso, com baixíssimos índices de intenção de votos, para um patamar de 17%, em condição de competitividade pela vaga no segundo turno.

O Instituto sabe o risco que corre ao fugir do rebanho, mas garante seus números e aposta que eles serão reafirmados na pesquisa da próxima quinta-feira, 29.

Pode ser ridicularizado ou se consagrar como vitorioso no segmento.

A nova pesquisa do Perfil está registrada no TSE sob o número de protocolo MA-07312/2016…

4

A força eleitoral do PDT e o projeto de 2018…

Partido comandado pelo deputado federal Weverton Rocha construiu, a partir de São Luís, um time de candidatos capazes de vencer a eleição  em vários municípios, o que dará à legenda forte poder de influência nas eleições de 2018

 

Weverton vestiu a camisa de Edivaldo e transformou o prefeito em favorito em São Luís

Weverton vestiu a camisa de Edivaldo e transformou o prefeito de derrotado a favorito em São Luís

O prefeito Edivaldo Júnior caminha para vencer as eleições em São Luís já no próximo domingo, 2.

Em Imperatriz, a candidata Rosângela Curado também mantém as chances de vencer a eleição no município.

Como Edivaldo e Rosângela, outros diversos candidatos do PDT caminham para ser eleitos prefeitos, em municípios como Balsas, Codó e diversas pequenas cidades espalhadas pelo interior do Maranhão.

De Rosângela, recebeu o carinho pelo respeito e confiança demonstrados a ela

De Rosângela, recebeu o carinho pelo respeito e confiança demonstrados a ela

Em comum, todos eles têm a liderança do deputado federal Weverton Rocha, hoje uma das mais fortes figuras políticas do estado.

A vitória do PDT no próximo domingo – sobretudo se confirmar a eleição de Edivaldo em primeiro turno – dará a Weverton condições reais de sentar com peso extra na mesa de negociações para as eleições de 2018.

Em selfie com Nagib, deputados Fábio Macedo e César Pires, Carlos Lupi e Zito Rolim, em Codó

Em selfie com Nagib, deputados Fábio Macedo e César Pires, Carlos Lupi e Zito Rolim, em Codó

Além disso, o deputado tem aliados fortes em outras legendas, como os prefeitos de Caixas, Leonardo Coutinho, e de Timon, Luciano Leitoa (ambos do PSB).

Todo este cenário permite afirmar, a uma semana do pleito, que o PDT deve sair das urnas como uma das principais forças partidárias do Maranhão.

Com caminho aberto para 2018…

5

“Edivaldo, não fuja..venha debater comigo”, provoca Wellington na propaganda…

Candidato do PP critica a ausência do prefeito no debate da TV Guará e diz que espera que o pedetista deixe de se esconder da população, após três anos “ausente” de São Luís

 

Wellington mantém contato com o povo e cobra de Edivaldo explicações à população

Wellington mantém contato com o povo e cobra de Edivaldo explicações à população

O candidato do PP à Prefeitura de São Luís, Wellington do Curso, faz um desafio público ao prefeito, em sua atual propaganda eleitoral na televisão.

– Edivaldo, não fuja. Não se esconda das responsabilidades. Venha debater comigo – provoca Wellington, criticando a fuga do prefeito do debate da TV Gauará.

Afirmando estar preparado para o debate com o prefeito, Wellington lembra que o candidato do PDT se escondeu durante três anos atrás do comando da prefeitura, e agora se esconde, também, de dar respostas ao povo.

A pari desta segunda-feira, 26, dois debates ainda estão previstos nas emissoras de TV.

No dia 27, terça-feira, será o debate da TV Difusora; doi dais depois, o confronto é na TV Mirante, encerrando a propaganda eletrônica na campanha, a três dias do pleito.

– É hora de o eleitor saber quem foge das responsabilidades e quem tem atitude em seu favor – pregou o candidato do PP.

Edivaldo já confirmou presença na Difusora  na Mirante…

0

Em alta no eleitorado, Eduardo Braide quer apoio para entrar nos debates da Difusora e da Mirante…

Candidato que tem apenas 10 segundos de tempo na propaganda mostrou-se o mais preparado no debate da TV Gaurá, mas poderá ficar de fora dos programada Difusora e da Mirante, e espera que o eleitor dê a resposta ao que chama de injustiça

 

Eduardo tem sido destaque em todos o debates, mas espera debater também com Edivaldo Júnior

Eduardo tem sido destaque em todos o debates, mas espera debater também com Edivaldo Júnior

Vencedor do debate da TV Guará, mostrando-se o mais preparado dentre os candidatos, o deputado Eduardo Braide (PMN) tem um desafio na semana que vem: garantir espaço nos debates da TV Difusora e na TV Mirante.

Por enquanto, a Difusora mantém o veto ao candidato do PMN, alegando que seu partido não tem representação na Câmara Federal.

A Mirante, por sua vez, até abriu um precedente, desde que Eduardo alcance ao menos 5% das intenções de votos na pesquisa Ibope, a ser divulgada na próxima quarta-feira.

A meta seria até possível, diante do sucesso da repercussão do debate da Guará, mas a pesquisa Ibope já teria sido encerrada desde a quinta-feira, 22,  embora só tenha previsão de divulgação para a quarta.

Ou seja, o Ibope do dia 28 estaria pronto desde o dia 22 (?)

–  Era preciso que as pesquisas medissem a reação do eleitor a partir do primeiro debate. Tenho convicção de que, se os institutos pegarem a reação do eleitor a partir de sexta-feira, sei que tenho mais de 5% nas intenções de voto. E é isso que vou cobrar – diz o candidato do PMN.

Eduardo Braide garante que sua participação nos dois debates o levará ao segundo turno.

– Estou preparado para governar São Luís e posso provar isso ao eleitor em um debate, de forma humilde e serena. Mas é preciso que a Justiça Eleitoral dê oportunidades iguais a todos para se mostrar ao eleitor – pregou Eduardo.

De qualquer forma, ele faz um alerta ao eleitor.

– Vá às ruas, cobre das pesquisas, diga que quer democracia nos debates da TV – pregou o candidato…

4

Erros que ressuscitaram Edivaldo Júnior…

Guerra fratricida entre candidatos do mesmo campo político, falta de planejamento das campanhas e um intenso uso da máquina da prefeitura e do governo, em todos os aspectos, fizeram o prefeito renascer de uma gestão medíocre para praticamente vencer a eleição em 1º turno

 

Edivaldo: de morto e enterrado a herói do povo ludovicense

Edivaldo: de morto e enterrado a herói do povo ludovicense

É quase uma unanimidade entre analistas políticos, população e formadores de opinião: a gestão do prefeito Edivaldo Júnior (PDT) em São Luís foi péssima, medíocre, incapaz de resolver os problemas históricos da cidade.

Mesmo assim, ele pode ser reeleito em primeiro turno no dia 2 de outubro.

Como explicar o paradoxo?

Uma conjunção de erros, falta de planejamento e arrogância dos seus adversários – combinado com um uso da máquina pública em proporções nunca vistas – levaram Holandinha da condição de pária a herói do povo ludovicense.

Os erros começaram com a deputada Eliziane Gama (PPS).

Candidata a prefeita desde o fim das eleições de 2012, a deputada federal era a favorita para ser eleita agora, mas não planejou em nenhum aspecto a sua campanha. Negligenciou todos os fatores que formam um bom palanque – partido, mídia, estrutura, aliados… – e acabou esvaziando-se ao longo do período eleitoral.

Eliziane e Wellington: de aliado a adversários fratricidas

Eliziane e Wellington: de aliado a adversários fratricidas

A candidatura do próprio Wellington do Curso (PP) é fruto de um erro de Eliziane.

Até abril de 2016, Wellington era membro do PPS e aliado destacado de Eliziane na Assembleia Legislativa. A falta de articulação da deputada com sua base levou o parlamentar a deixar a legenda e abrir uma nova frente de interesse na disputa municipal.

Saído de uma hora para outra como candidato, Wellington atraiu o PSB não por seus belos olhos, mas por pura falta de opção do partido do senador Roberto Rocha, que se ressentiu com Eliziane e perdeu espaço no grupo que controla Edivaldo Júnior (PDT).

Combinado com o erro da principal adversária, Edivaldo foi literalmente ao mercado, em busca de apoios, atraindo o maior número possível de partidos em troca de cargos e outras benesses.

Obras como esta, iniciada ontem no Coroado, tentam comprar a consciência do eleitor ás vésperas da eleição

Obras como esta, iniciada no Coroado, tentam comprar consciências às vésperas da eleição

Aliado a isso, teve o derrame histórico de dinheiro por parte do governo, para que o prefeito pudesse jogar o entorpecente asfalto na periferia de São Luís, comprando votos com obra de última hora.

A compra continuou na mídia, com a montagem de uma poderosa rede de comunicação, capaz de qualquer coisa para garantir a vitória do prefeito.

E deu no que deu.

Todo este conjunto de fatores somado à omissão do Ministério Público Eleitoral e à leniência da Justiça, fizeram um prefeito morto, derrotado e rejeitado ressuscitar para manter-se no poder por mais quatro anos.

E é isso que se desenha aos olhos do povo…

9

A covardia de Edivaldo e o desrespeito do DataM ao eleitor de São Luís…

Enquanto o pedetista se esconde dos debates – e foge da responsabilidade de dar explicações sobre sua fraca gestão – o instituto de pesquisas que teve contrato com a prefeitura tenta fraudar a vontade popular, manipulando números para dar a vitória ao prefeito

 

A cadeira vazia de Edivaldo Júnior tem se repetido nas leições: covardia e desrespeito

A cadeira vazia de Edivaldo Júnior tem se repetido nas leições: covardia e desrespeito

Candidato à reeleição em São Luís, o prefeito Edivaldo Júnior (PDT) desrespeita o eleitor em todas as frentes que atua.

Ao fugir dos debates e se esconder de explicar a falta de ações de sua gestão, ele debocha do povo de São Luís e mostra-se acima do bem e do mal, pouco se importando para as explicações obrigatórias que precisa dar.

E desrespeita ainda mais o eleitor a partir da manipulação das pesquisas, utilizando-se de uma empresa paga pela sua própria gestão, com a clara intenção de fraudar a vontade popular e tentar ganhar, de qualquer jeito, uma eleição que iniciou perdida.

Edivaldo Júnior tem um objetivo: ganhar a eleição em primeiro turno. Nem que seja na marra.

E não se incomoda em usar a máquina pública para este intento;

E não se incomoda em manipular números de pesquisas;

E não se incomoda em sufocar adversários e oposicionistas com sucessivas ações judiciais;

E não se incomoda em esconder-se dos debates para evitar ter que dar explicações ao povo. 

Obras como esta, iniciada ontem no Coroado, tentam comprar a consciência do eleitor ás vésperas da eleição

Obras como esta, iniciada ontem no Coroado, tentam comprar consciências às vésperas da eleição

Forçar a barra por uma vitória em primeiro turno, fraudando a vontade popular com obras eleitoreiras aos olhos lenientes da Justiça Eleitoral e da omissa representação do Ministério Público Eleitoral é uma covardia de Edivaldo Júnior.

Cabe a quem forma opinião em São Luís alertar o eleitorado menos avisado desta fraude.

para que a eleição seja, de fato, o julgamento do eleitor…

0

Marco Aurélio Ferreira ganha espaço e surge como nova opção na Assembleia de Deus…

Diácono da congregação presidida pelo pastor José Coutinho cresce entre os eleitores evangélicos mantendo boas relações e mostrando o preparo necessário para o exercício do mandato de vereador

 

Marco Aurélio em quatro momentos políticos: prestígio pessoal e força eleitoral

Marco Aurélio em quatro momentos políticos: prestígio pessoal e força eleitoral

O empresário do ramo imobiliário servidor público e diácono da Igreja Assembleia de Deus, Marco Aurélio Diniz Ferreira, passou a ser o principal nome entre os candidatos evangélicos nestas eleições de São Luís.

Presidente do Sindicato dos Corretores de Imóveis, Marco Aurélio atua fortemente também no ramo social, com ações nas comunidades da capital maranhense.

– Desenvolvo trabalho social há 11 em toda São Luís e no estado, especialmente na área do São Francisco, onde recebemos o apoio da igreja e da comunidade – diz Marco Aurélio, que decidiu disputar uma vaga de vereador.

Como servidor público da Secretaria de fazenda,, Marco Aurélio tem a missão e fiscalizar o próprio estado.

– Meu objetivo maior como vereador é lutar pelos direitos constitucionais do cidadão e, principalmente, pelos direitos da família – afirmou o candidato, com forte militância no segmento evangélico.

Marco Aurélio concorre à vaga de vereador pelo PTC…

7

Debate da TV Guará revela Braide como opção de Terceira Via em SL…

Em um programa marcado pela fuga do prefeito e pelo fraco desempenho dos adversários, candidato do PMN mostrou ser o mais preparado, o mais sereno e o mais efetivo dentre os postulantes à prefeitura; e pode surpreender na reta final

 

Eduardo Briade, ais preparado e mai equilibrado que o demais; e sem a covardia de Edivaldo

Eduardo Briade, mais preparado e mais equilibrado que os demais; e sem a covardia de Edivaldo

Este blog chama a atenção, desde o início da campanha, para que o eleitor observe mais atentamente o candidato do PMN a prefeito de São Luís, deputado estadual Eduardo Braide. (Relembre aqui e aqui)

Sereno, equilibrado e compenetrado, o parlamentar não apenas mostra preparo para fazer como também dá exemplos claros do que já fez, mesmo na condição de deputado estadual.

A previsão inicial do blog era a de que ele crescesse à medida que fosse se tornando mais conhecido do eleitorado.

Mas o  blog ignorou um detalhe: as novas regras do Horário Eleitoral, que deu apenas  10 segundos para Braide, inviabilizado seu desempenho na propaganda, impediu esta visibilidade do candidato.

Ontem, no entanto, Eduardo Braide pode demonstrar todo o seu potencial administrativo e gerencial no debate da TV Guará. E confirmou ser o mais preparado dentre os que querem ser prefeito.

Lamentavelmente, a covardia do pedetista Edivaldo Júnior – que tem fugido de todos os confrontos com os adversários – impediu que este o preparo do candidato do PMN ficasse mais evidente.

Não há nenhuma dúvida entre os eleitores mai lúcidos que Eduardo Braide venceu o debate da Guará.

Ele precisa agora crescer nas pesquisas na reta final, para que possa chegar a um mínimo de 5% das intenções de votos na última pesquisa do Ibope – prevista para o dia 28 – e garantir presença no debate da TV Mirante, dia 29.

Com a exposição maior ao eleitor e a presença – pelo menos é o que se espera – do prefeito Edivaldo Júnior, Eduardo Braide pode sair do programa como a terceira via, em uma disputa marcada pela covardia e o despreparo.

É aguardar e conferir…

5

Debates devem consolidar posições na reta final da campanha…

TV Guará inicia hoje a série de confrontos entre os candidatos a prefeito, que continua na TV Difusora, dia 26, e na TV Mirante, dia 29; ausência ou má participação pode ter influência direta na decisão do eleitor na semana do pleito

 

debatesOs candidatos a prefeito de São Luís iniciam hoje a fase final da campanha, com o início da série de debates na televisão.

A TV Guará é a primeira a realizar o encontro, a partir das 22h30 desta quinta-feira, 22.

Nesta fase, o risco da ausência nos programas ou a má participação e o fraco desempenho pode ser decisivo para a escolha do eleitor.

Para o debate de hoje na Guará, por exemplo, estão convidados os quatro candidatos com representação na Câmara Federal – Edivaldo Júnior (PDT), Eliziane Gama (PPS), Wellington do Curso (PPS) e Fábio Câmara (PMDB) – e mais Eduardo Braide (PMN) e Rose Sales (PMB).

As especulações dão conta, no entanto, que  Edivaldo não participará deste debate, o que pode ser crucial para as suas pretensões na reta final, dependendo da forma como os adversários abordarão este fato.

Na TV Difusora e na Mirante devem participar apenas Edivaldo, Wellington, Eliziane e Fábio.

É preciso entender que os debates se revestem de expectativa, o que gera, naturalmente, a audiência de massa na TV.

Estar presente e apresentar-se bem, é fundamental para garantir pontinhos a mais nas intenções de votos até o dia 2 de outubro.