12

Flávio Dino em São Luís…

Flávio Dino e aliados em Ribamar; São Luís continua distante

Há um dado curioso na campanha de Flávio Dino (PCdoB) em São Luís: apesar de ter sido o segundo mais votado candidato a prefeito em 2008, polarizando a disputa com o prefeito João Castelo (PSDB) não se vê um volume de campanha comunista na capital maranhense.

A campanha dinista chega a ser inferior a de candidatos a deputado estadual, como Gardeninha Castelo (PSDB), Ricardo Murad (PMDB), Canindé Barros (PSL) e Raimundo Cutrim (DEM).

Este blog vem destacando este tema desde o início da campanha.

A expectativa que se gerou em torno do comunista não condiz com a realidade das ruas.

Nem a turma da imprensa afinada a José Reinaldo Tavares (PSB) consegue dar consistêcia ao dia-dia do candidato.

Principal blogueiro do time reinaldista, Felipe Klamt retrata o dia-dia da campanha PCdoB/PSB/PPS. Na última semana, o seu blog registrou visitas do comunista em vários municípios. E nada de atividade na capital.

Entre o dia 2 e o dia 8 de agosto, Klamt relata visitas de campanha a Matinha e Buriti Bravo.

O mais próximo que a campanha flavista chegou de São Luís foi a manfiestação de domingo, em São José de Ribamar.

8

Professores de Paço do Lumiar recebem capacitação

Professores de Paço do Lumiar recebem treinamento

A prefeitura de Paço do Lumiar iniciou nesta quarta-feira  a capacitação dos gestores e supervisores das escolas municipais.  O objetivo é reciclar os profissionais, melhorando a qualificação para o trabalho.

Cerca de 150 educadores estão participando do encontro, que foi aberto com palestras na Unidade de Educação Básica Paraná.

– Ao se avaliar o processo de Educação, buscamos alcançar as diretrizes e resultados propostos para o avanço do ensino – disse a secretária Josane Manpetit.

O treinamento dos profissionais de Educação servirá de base para definir as novas metas do semestre letivo, que começa na próxima segunda-feira.

Dentro do mesmo objetivo de melhorar a qualidade da educação, a prefeitura também está treinando e capacitando 120 merendeiras da rede de ensino de Paço do Lumiar.

Para a secretária, são profissionais essenciais para o processo de Educação, que ajudam na manutenção do padrão de qualidade do ensino.

No treinamento são repassadas técnicas para acondicionamento e preparo dos alimentos.

O curso ministrado pelo nutricionista Oliveira, professor da Faculdade Santa Terezinha (CEST).

Com informações da Coordenadoria de Comunicação de Paço do Lumiar
7

Sarney Filho quer que TRE julgue o mérito do seu pedido de impugnação

O deputado federal Sarney Filho (PV) interpôs hoje Embargo de Declaração no Tribunal Regional Eleitoral.

Objetivo: forçar o TRE a decidir, no mérito, sobre o processo de impugnação impetrado contra ele pelo Ministério Público Eleitoral e arquivado sem apreciação na última segunda-feira.

O TRE decidiu não apreciar o processo por entender que a Lei da Ficha Limpa não pode retroagir para prejudicar. Esta decisão gerou polêmica em todo o país.

Sarney Filho entende diferente. Para ele, seu caso – uma condenação para pagamento de multa por propaganda irregular, em 2006 – não pode ser enquadrado na Lei da Ficha Limpa.

– Condenação de multa jamais foi motivo de não permitir registro de candidatura. Se assim fosse, não teríamos sequer um candidato – afirmou o parlamentar.

Acatando o Embargo, o TRE será obrigado a julgar o mérito, dizendo se Sarney Filho está ou não inelegível.

9

Ela só pensa naquilo…

Candidata a deputada federal, a ex-primeira dama Alexandra Tavares (PSB) parece viver em um mundo particular, onde tudo é permitido.

Um dos seus perfis do twitter, conta o blog de Matias Marinho, indica ao seguidor um link para uma página pra lá de sensual.

Os marmanjos vão gostar dessa campanha; hoje é o dia do langeriday – diz a candidata.

Langeriday é o dia  em que as gatas do twitter têm a chance de mostrar suas curvas em forma de avatar.

E parece ser disso que gosta a candidata…

Leia aqui a íntegra da matéria e conheça os links postados por Matias Marinho

8

Enfim, canal do Coroado vai, finalmente, ser construído

 

Há um ano e oito meses no cargo, o prefeito de São Luís, João Castelo (PSDB), finalmente assinou, ontem, o contrato que vai garantir a construção do Canal do Coroado. Obra fundamental para a qualidade de vida, custará  R$ 4,8 milhões.

Este blog é um dos principais cobradores deste projeto, que garantirá à comunidade do Coroado melhor qualidade de vida, além da valorização da área.

O contrato foi assinado com a construtora Santa Cruz Engenharia, mas ainda não há previsão paa início das obras enm prazo de conclusão.

Castelo assina contrato para realização da obra

A ampliação do Canal do Coroado se dará em duas vertentes. Será feita uma intervenção na Avenida dos Africanos para que o canal que vem do joão Paulo e do Filipinho possa escorrer para o rio das Bicas. Também será construído uma estação interceptora de esgotos, para direcioná-lo à Estação de Tratamento do Bacanga.

O novo trecho do canal terá 354 metros de extensão, com 6 metros de largura e 2 metros de altura.

A obra, segundo a prefetura, beneficiará cerca de 15 mil pessoas na região…

Texto alterado ás 17h para retirada e correção de foto
15

Atitude de Pilatos do TRE maranhense repercute nacionalmente

Ganhou repercussão na imprensa de todo o país a atitute do Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão, de liberar candidatos impugnados com base na Lei da Ficha-Limpa.

Desde ontem, os membros da corte eleitoral do estado têm alegado que a Lei da Ficha Limpa não pode retroagir para punir candidatos que já foram punidos. E têm liberado todos os enquadrados neste dispositivo.

O TRE maranhense é o único do país a tomar esta atitude.

A posição difere, inclusive, da que foi adotada pelo próprio Tribunal Superior Eleitoral, instância um degrau acima dos tribunais regionais.

Os juízes eleitorais lavam as mãos e empurram a decisão para o TSE, como espécies de Pilatos da vigília eleitoral.

Exceção feita ao corregedor-eleitoral José Joaquim Figueiredo dos Anjos, que, em alguns julgamentos, tem defendido a aplicação da Lei já nestas eleições.

A procuradora eleitoral Carolina da Hora Mesquita já afirmou que vai recorrer de todas as decisões do tribunal maranhense por ter convicção de que muitas serão derrubadas no TSE.

O que, tecnicamente, desmoralizaria a posição do TRE maranhense.

Mas os seus membros não parecem preocupados com isso…

5

Campanha continua sem graça; e só Roseana ganha com isso…

É impressionante como a campanha eleitoral deste ano não consegue empolgar no Maranhão.

Nem os jornalistas conseguem encher páginas de jornal e de blogs com assuntos interessantes.

É um festival de repetições de textos em cansativas argumentações e contra-argumentações.

Apenas à governadora Roseana Sarney (PMDB) interessa o marasmo. Para ela, quanto menos campanha, melhor.

As adversários não percebem e seguem o caminho traçado por ela.

Falta emoção na campanha eleitoral maranhense. Nem a Justiça Eleitoral gera fatos, com seu comportamento de Pilatos, claramente querendo jogar as polêmicas para o alto.

Os dias vão passando sem nada de novo.

Quem sabe o horário eleitoral modifique a realidade…

13

Jornalistas insistem no mesmo erro; 6% é de diferente de seis pontos percentuais

Por inexperiência, despreparo ou má fé mesmo, boa parte dos jornalistas políticos maranhenses comete um erro crasso na análise de pesquisas eleitorais e afins – confundem porcentagem com ponto percentual e acabam confundido também o eleitor.

Servem como exemplo os índices do candidato Flávio Dino (PCdoB). Na pesquisa divulgada domingo, ele aparece com 16,8% das intenções de voto.

 Não existe nenhuma outra pesquisa para comparar se o comunista cresceu ou não, mas estão usando uma pesquisa de dezembro, na qual ele aparecia com 10%.

Bastou isso para que tascassem a manchete:  Flávio Dino cresceu 6% em sete meses.

Errado! Flávio Dino cresceu seis pontos percentuais, ou quase 61% em relação à pesquisa anterior.

O despreparo é tamanho, que nem sabem aproveitar a deixa para uma manchete mais forte.

Um ponto percentual não significa 1%. Um ponto pecentual em cima de 10% significa um aumento para 11%, mas 1% de 10% significa aumento para, apenas 10,10%.

Se Flávio Dino tivesse crescido 6%, ele subiria para, apenas, 10,6%.

A diferença é sutil, precisa anos e anos de experiência para entender e confunde muitos “especialistas” Brasil a fora.

Primoroso em sua forma de analisar  contextualizar fatos e história, o blog faz questão de ensinar o certo.

Mais uma vez…

25

Ao contrário do que plantam reinaldistas, Roseana nunca usou sobrenome em suas campanhas

A governadora Roseana Sarney (PMDB) disputou a primeira eleição em 1990. Foi candidata a deputada federal, sendo a mais votada do estado.

Na época, ela já usava como marca o “R” estilizado e o nome Roseana – sem o Sarney – como mostra este cartaz da época, do arquivo do blog.

Foi a forma encontrada por ela de dar identidade própria à sua iniciante carreira política. Afinal, tratava-se da filha de um ex-presidente da República em busca de vôo próprio.

Em 1994, Roseana disputou o governo pela primeira vez, também com a marca “Roseana” e o erre estilizado com as cores do Maranhão (Veja imagem de campanha do arquivo do jornal “O Estado do Maranhão”).

Reelegeu-se em 1998, no primeiro turno, com vitória também em São Luís.

Em 2002, ela deixou o governo em abril, para se candidatar ao Senado. Seus adesivos – a exemplo do que ilustra esta página – traziam apenas a inscrição “Roseana Senadora”, em fundo vermelho, cor tradicional das campanhas roseanistas.

O  mesmo estilo de campanha foi usado também em 2006 e agora, em 2010.

Nada a ver, portanto, com qualquer determinação do publicitário Duda Mendonça, como tentam fazer os alugados reinaldistas na imprensa.

As fotos  contam a história e mostram a verdade dos fatos.

E contra fatos, não há argumentos…

12

Pesquisa Escutec: o dilema da oposição…

Não será fácil a vida da oposição nas eleições maranhenses.

Para garantir um eventual segundo turno, é fundamental que nem Jackson Lago (PDT) nem Flávio Dino (PCdoB) percam votos a partir de agora.

Mas como manter Jackson com o mesmo percentual se Flávio Dino sonha ultrapassá-lo e ir para uma disputa a sós com Roseana?

Flávio Dino vive o pior dos mundos. Sabe que precisa ultrapassar Jackson, mas não pode bater nele por dois motivos:

1º – parte dos eleitores de Jackson, ao invés de seguir com o comunista, pode migrar para a candidata do PMDB;

2º – A polarização com Jackson pode inviabilizar uma aliança oposicionista em um eventual segundo turno. 

A conta é cartesiana: Flávio só chega ao segundo turno se passar de Jackson. Para ele, não interessa que Jackson passe de Roseana.

Em outras palavras, o comunista tenta evitar a polarização RoseanaXJackson.

Mas Jackson também quer ir para o segundo turno com Roseana. E precisa evitar a aproximação de Flávio Dino.

Para Jackson, Flávio Dino só pode crescer para garantir um eventual segundo turno, mas não pode ultrapassá-lo.

É este o dilema vivido pela oposição maranhense…