22

O que é clero na definição política…

Por Hostílio Caio Pereira???

Congresso Nacional Brasileiro

A definição de alto e baixo clero varia de casa para casa. No Senado, em tese, não deveria existir tal classificação. Afinal são apenas 81 parlamentares, da nata da política no Brasil, porque já foram governadores, prefeitos e ate Presidentes. Mas não é bem assim.

Existem senadores que sua visibilidade, participação e nas decisões da Casa, os colocam no alto clero, enquanto que os do baixo clero se restringem somente ao seu estado e se coloca a disposições dos lideres. (sic)

Já na Câmara Federal, com seus 513 deputados, existe mais baixo que alto clero. Os de primeiro mandato vão direto para o baixo clero. A situação tende a melhorar a partir do segundo ou terceiro mandato, caso façam a fazer parte do grupo que comanda as ações da Casa.

Para entrar no médio clero, em primeiro mandato, os parlamentares devem ter pedigree político (parentes de ex-caciques políticos), ou ainda que tenham tido significativa votação, dependendo da sua atuação. 

Existem senadores e deputados federais que extrapolam a classificação de alto clero; chegam a ser classificados como ícones ou estrelas de primeira grandeza na política nacional. Por isso, a imprensa sempre está em seus encalços para entrevistá-los e, assim, saber quais são as verdades dos bastidores políticos.

Veja os senadores tidos como ícones:
José Sarney (PMDB-AP) – Pres. do Senado, ex-Pres. da República

Arthur Virgilio (PSDB-AM) – líder do partido na Casa

Agripino Maia (DEM-RN) – líder do partido na Casa

Fernando Collor (PTB)-AL) – ex-Presidente da República

Marcos Maciel (DEM-PE) – ex-vice Presidente da República

Renan Calheiros (PMDB-AL) – ex-presidente do Senado, líder do partido.

Romero Jucar (PMDB-RO) – líder do governo na Casa

Senadores do alto clero
Marconi Pirillo (PSDB-GO)

Aloisio Mercadante (PT-SP)

Eduardo Suplicy (PT-SP)

Edison Lobão (PMDB-Ma)

Tasso Jereissati (PSDB-CE)

Pedro Simon (PMDB-RS)

Osmar Dias (PSDB-PR)

Heráclito Fortes (DEM-PI)

Mão Santa (PSC-PI)

Jarbas Vasconcelos (PMDB-PE)

Marina Silva (PV-AC)

Garibaldi Alves (PMDB-RN)

Deputados Federais do Alto Clero
Michel Temer (PMDB-SP) – Presidente da Casa e vice-presidente eleito

Inocêncio Oliveira (PR-PE)

Antonio Carlos Magalhães Neto ( ) Neto de ACM

Rodrigo Maia (DEM-RJ), filho de César Maia ex-prefeito do Rio de Janeiro

Ciro Gomes(PSB-CE), ex-governador do Ceará

Gabeira (PV-RJ)

Luiza Erundina (PSB-SP) – Ex-prefeita de São Paulo

Miro Texeira (PDT-RJ)

Ronaldo Caiado (DEM-GO)

Sandro Mabel (PR-GO)

Simão Sessim (PP-RJ)

Vicentinho (PT-SP) sindicalista

Jaime Martins (PR) Ops, ia esquecendo, ele é presidente de uma das mais importantes comissões, “Viação e Transportes”

Pedro Novaes (PMDB-MA)

Gastão Vieira (PMDB-MA)

Vaccarezza (PT-SP) – líder do governo na Casa

José Carlos Aleluia (PSDB-BA)

Como se vê, a maioria esmagadora dos ícones e do alto clero no Congresso Nacional é formada por nordestinos e nortistas, coisa que deixa os paulistanos, principalmente os jornalões, revoltados e preconceituosos.

Veja o que disse Lula em Estreito (MA), que deixou os paulistanos ainda mais revoltados com o Nordeste: “… Nós não queremos tirar nada do Sudeste, nós queremos que São Paulo continue crescendo, que o Rio de Janeiro continue crescendo, que o Sul continue crescendo, mas nós achamos que o século XXI é a vez do Nordeste e do Norte deste país começar a crescer”.

Diante desse depoimento do presidente Lula, observa-se a importância desses ícones e dos de alto clero nordestinos e nortistas para que as regiões fossem vistas pelo governo federal.

71

Governo Roseana: PT pode emplacar também a Igualdade Racial

Chocolate pode ir para o secretariado

O PT poderá indicar o novo secretário de Igualdade Racial do governo Roseana Sarney (PMDB). E já tem até nome, avalizado pelas entidades da área: o professor Raimundo Nonato Chocolate, que disputou mandato na Câmara Federal, em outubro.

A atual titular da pasta, Claudete Ribeiro, é da cota pessoal da governadora, mas tem demonstrado claramente o interesse de voltar para a Funac, onde desenvolveu trabalho reconhecido nacionalmente.

Chocolate é um dos mais articulados do PT no movimento negro, e tem articulação com organizações-não governamentais, entidades culturais e sociais ligadas ao movimento, além de ter o respaldo de militantes das universidades federal e estadual.

A indicação do PT passaria pelo grupo do vice-governador eleito Washington Oliveira…

24

Castelo e Roseana: parceria por São Luís…

Castelo e Roseana podem unir forças por SL

Político experiente e aberto ao diálogo, o prefeito de São Luís, João Castelo (PSDB), respondeu de forma positiva à proposta de parceria da governadora Roseana Sarney (PMDB).

– Aceito a parceria com qualquer governo, desde que seja respeitada a autonomia das administrações – disse Castelo.

Na semana passada, em conversa com o titular deste blog e jornalistas do jornal “O Estado do Maranhão”, a governadora Roseana Sarney manifestou desejo de procurar Castelo para trabalhar pelos 400 anos de São Luís, a serem completados em 2012.

– Nossa relação está estacionada, mas vou procurá-lo. Afinal, vamos fazer 400 anos – declarou a governadora.

O próprio Castelo disse que irá procurar Roseana.

– Vou conversar com a governadora Roseana. O importante é o bem de todos – afirmou ele.

Castelo já tem até uma proposta: quer o comando do Estádio Castelão. E revelou que já foram publicados os editais de licitação do prolongamento da Avenida Litorânea e de três viadutos na capital.

Estas obras se somarão a outras já anunciadas por Roseana Sarney – Ponte do 4º Centenário (ligando a Ponta do Bonfim ao Centro Histórico); a Avenida Metropolitana (que liga a Zona Rural ao litoral); e a Via Expressa, que vai melhorar o fluxo entre as avenidas Carlos Cunha (Jaracaty), Daniel de La Touche (Ipase) e Jerônimo de Albuquerque (Vinhais).

E São Luís agradece…

33

Leonencio Nossa!!! Que bicho é este???

Olha a cara da figura? Será que "Leo" tem vergonha do próprio nome?

Achei normal a pergunta do repórter Leonencio Nossa ao presidente Lula sobre sua vinda ao Maranhão. Ele está no seu papel, fazendo o discurso do grupo de mídia a que pertence, o jornal “O Estado de s. Paulo”.

Talvez o presidente Lula já o conheça de outros carnavais para reagir assim, tão irritado, à pergunta do nobre repórter.

Pergunta, obviamente preconceituosa em relação ao Maranhão. Mas também normal vinda de “O Estadão”.

Apenas mais um capítulo do ódio nutrido pela mídia-paulista-quatrocentona-serrista-falida-e-antinordestina contra Lula e seus aliados .

Só uma coisa me espantou no fato narrado nos blogs de Décio Sá e Gilberto Léda – seja lá quem tenha informado em primeira mão:

Leonencio!!!

 Isso lá é nome de gente, meu caro?!?

7

Lobão praticamente definido para Minas e Energia

Lobão acompanha decerramento da placa da hisdrelétrica, ao lado de Lula e Roseana

Todos os jornais e sites do país dão como certa a volta do senador maranhense Edison Lobão (PMDB) para o Ministério de Minas e Energia. A presidente Dilma Rousseff (PT) deve concluir esta semana a definição dos nomes peemedebistas do ministério, entre eles Lobão.

O PMDB deve ter cinco ministérios – além de MME, a Saúde também já está confirmada. Lobão é da cota do PMDB. Já o ministro Nelson Jobim (Defesa), não entra na cota do partido.

Lobão está em Estreito, onde acompanhou o presidente Lula e a governadora Roseana Sarney, hoje, na inauguração de uma das comprotas da hidrelétrica que está sendo construída na região.

5

As cidades maranhenses que perderam população…

Dezenove municípios maranhenses tiveram queda na população, em relação ao Censo 2000, segundo os números populacionais divulgados ontem pelo IBGE.

A informação é do blog de Gilberto Léda.

Vejan a relação abaixo:

                                         2000              2010
Carolina                         23.991           23.979
Cururupu                      33.747           32.5894
Esperantinópolis          21.224           18.456
Gov. Nunes Freire       25.921           25.402
Guimarães                    12.641           12.105
João Lisboa                   24.598           20.381
Junco do MA                  5.533             4.020
Lago dos Rodrigues       8.443             7.799
Montes Altos                10.347             9.424
Pedreiras                       39.828           39.481
Pio XII                           28.413           22.016
Poção de Pedras           22.378           19.705
Porto Rico                       6.380             6.062
Riachão                          20.983           20.218
S. Félix de Balsas          5.144               4.688
S. Francisco do MA      12.854            12.163
São João do Caru          13.495            12.315
S. Luís Gonzaga            22.772            20.156
S. R. do Doca Bezerra     6.671              6.090

9

Gastão Vieira é homenageado por Lula em cerimônia sobre expansão do ensino técnico e superior

Gastão, con representantes da Ufma e do Ifma, com Lula e Fernando Haddad

Uma cerimônia realizada no Palácio do Planalto, em Brasília, marcou a conquista da meta prevista pelo Plano de Expansão da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica, e o avanço do Programa de Expansão e Reestruturação das Universidades Federais (Reuni).
 
Com empenhada participação na luta pela expansão da Rede Federal, assim como do Reuni, o deputado federal Gastão Vieira (PMDB) participou da cerimônia, na qual o Presidente Lula e o Ministro da Educação, Fernando Haddad, oficializaram 30 escolas federais de educação profissional e 25 campi ligados a 15 universidades federais.
 
Durante a cerimônia, Gastão Vieira foi homenageado por ter a iniciativa de levar o campus da Universidade Federal do Maranhão para a cidade de Chapadinha, além dos IFETS para Açailândia e Alcântara, ambos já entregues pelo presidente. O deputado foi homenageado ainda por ter sido o relator do projeto que criou o IFET de São Raimundo das Mangabeiras, de iniciativa do então diretor geral do Senado, Raimundo Carreiro, hoje ministro do Tribunal de Contas da União.
 
De acordo com o MEC, de 2005 até hoje, foram criadas 214 novas escolas. E com o Reuni, foram criados 126 novos campi e unidades universitárias, passando dos 148 existentes até 2002 para 274, já em funcionamento em 2010. Hoje, as universidades federais estão presentes em 230 municípios nas 26 unidades da federação e no Distrito Federal.

29

Lideranças criam Partido Ecológico Nacional

O partido Ecológico Nacional (PEN) está 100% pronto juridicamente. O partido foi devidamente registrado em Brasília, conforme a certidão e CNPJ que podem ser observado no site www.pen51.org.br e já se encontra formado em mais de nove estados, o que é necessário para constituir um partido político no Brasil.

Na verdade, o PEN tem hoje presidentes estaduais em mais de 15 estados brasileiros e não apenas nove, como reza a legislação. Está em São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Distrito Federal, Rio Grande do Norte, Alagoas, Bahia, Amapá, Paraná, Pará, Mato Grosso do Sul, Ceará, Rorâima, Rondônia e Maranhão.

Foi celebrado, no ultimo dia 27 de novembro deste ano, na Assembléia Legislativa da Cidade de São Paulo/SP, O congresso nacional do PEN, tendo como principal pauta a entrega do manifesto de apoio por meio de assinatura para obtenção do registro legal do partido no TSE para finalização do partido a nível Brasil.

Estiveram presentes centenas de lideres, prefeitos, vereadores, deputados, membros e simpatizantes de todo do Brasil. Entre eles Havanir Nimtz, mais conhecida por “meu nome é Havanir”, que ingressou na política estimulada pelo fundador do PRONA, Enéas Carneiro; humorista, compositor e apresentador Moacyr Franco; José Dilson, conhecido como o médico-consultor no “Programa do Ratinho” (SBT); o Deputado federal eleito, Tiririca, nome artístico de Francisco Everardo Oliveira Silva (PSL/SP); o Coordenador Nacional Adilson Barroso, Ex-deputado estadual e ex-presidente do PSC em São Paulo, e outros mais.

No Maranhão, o PEN está sendo representado pelo consultor de marketing Mário Felipe – Presidente da Executiva Estadual no Maranhão. Segundo ele, todos os cidadãos brasileiros com mais de 16 anos de idade, que possuam título de eleitor podem assinar a ficha de apoio.

– Falta pouco para alcançarmos a meta em todo o Brasil para a legalização do PEN junto ao TSE, conforme a lei 9096/95 que exige 0,5% dos votos validos para Câmara Federal, ou seja, 482.894 assinaturas e já temos mais de 350.000 homologadas – explica Felipe.

Para Solange Almeida, Maxwell Seixas e Ariosto Carvalho, membros da executiva do PEN no Maranhão, o Partido Ecológico Nacional (PEN) nasce para cumprir uma missão. Para preencher um espaço vazio no cenário político brasileiro.

11

Luis Fernando nega ter pedido filiação ao PT…

Luís Fernando: tranquilo no DEM e com relação ao PT...

(14h20) – Não passou de mais um factóide da corrente rebelde do PT a especulação de que o prefeito de São José de Ribamar e futuro chefe da Casa Civil do governo Roseana Sarney (PMDB), Luís Fernando Silva (DEM), teria pedido filiação ao partido.

– Sou filiado ao DEM e não pedi filiação ao PT. Tenho admiração pelo presidente Lula, pela presidente eleita Dilma Rousseff e também pelo vice-governador Washington Oliveira, mas estou filiado ao DEM e não há discussão sobre a troca de partido – afirmou o prefeito, em conversa com o titular deste blog.

De acordo com Luís Fernando, as relações com os partidos que formam o governo Roseana – PMDB, PT, PV, DEM, PTB, PP… – são as melhores possíveis, sem a necessidade de troca neste momento.

O factóide da filiação do prefeito no PT foi publicado no blogue de Eri Santos (ligado à corrente do deputado Domingos Dutra, ex-apoiador de Flávio Dino (PCdoB) e porta-voz de petistas de baixo coturno como Chico Gonçalves, Franklin Douglas, Augusto Lobato, Márcio Jardim…).

Segundo Eri, o pedido teria sido feito ao grupo de Washington Oliveira e seria analisado na reunião de hoje da Executiva Regional.

– Fico até honrado com a possibildiade, mas não se discutiu isso em nenhum momento. Nem antes nem depois da campanha – declarou Luís Fernando Silva.

Como se vê, mais um factóide dos que não têm informação e plantam sem checar tudo o que lhes vem aos ouvidos…

29

Aqueles que Roseana não citou…

A conversa de Roseana Sarney (PMDB) com a equipe de “O Estado do Maranhão” – o titular deste blog, o colega Décio Sá e a editora Waldirene Oliveira – e com o também blogueiro Caio Hostílio, revelou alguns quadros do seu novo governo, a começar em 1º de janeiro.

Mas há outros casos. Nomes e pastas que, ventilados pelos jornalistas, recebiam uma expressão ou um comentário da governadora que indicavam o seu futuro no governo. Abaixo, alguns exemplos:

Secretaria de Cidades – A governadora deu a entender que a pasta não será mais fundida com a de Infra-estrutura. Mas o titular, Filuca Mendes, pode mesmo ser deslocado para outro setor. O problema: Filuca deve ser candidato a prefeito de Pinheiro, em 2012.

Secretarias de Agricultura e de Desenvolvimento Agrário: A governadora mostrou mais convicção em relação a Conceição Andrade (Sedagro) do que com seu colega, Afonso Ribeiro. Mas os dois podem acabar ficando.

Secretaria de Desenvolvimento Social: Outro no qual Roseana mostrou pouca convicção. Foi tratando de Edmilson Santos,  que ela declarou não haver lugar carimbado no governo – nem para o PT nem para qualquer outro partido. Há um novo nome para a pasta: Chico Gomes.

Minas e Energia: a secretaria, chefiada atualmente por Israel Ferreira, deve ganhar força. O nome do atual secretário não é confirmado, mas pode ficar.

Esporte e Juventude: o secretário Souza Neto deve permanecer à frente do esporte, mas desmembrado da pasta de Juventude. Para esta esta, foi citado o nome do deputado Jura Filho (PMDB). Roseana não esboçou reação á citação do seu nome, mas ele pode assumir.

Ciência e Tecnologia: O secretário Lauro Assunção pode ficar no governo, não necessariamente nesta pasta – ele é cotado para o comando da Univima. Para a Sectec, são cotados o deputado Joaquim Haickel (PMDB) e o ex-deputado Fábio Braga (PMDB). Este último também pode assumir Cidades.

Cultura: Roseana também não demonstrou entusiasmo na permanência do secretário Luís Bulcão. mas ele tem aliados fortes no governo e pode permanecer. Para o psoto, cogitaram também Joaquim Hacikel, emogra suas chances neste setor sejam reduzidas.

Turismo: Tadeu Palácio (PMDB) foi o único secretário que mereceu comentário da governadora ao ter o nome questionado pelos jornalistas: “ele não prejudicou o Estado com suas ações”, disse ela. Isso pode significar a sua permanência no posto, embora Roseana prefira manter a pasta no rol das indefinidas.