8

Após denúncia de crime eleitoral, Madeira demite funcionários e manda desfazer comitê de Jackson Lago em Imperatriz

O prefeito de Imperatriz. Sebastião Madeira (PSDB), praticamente

Nesta foto, ainda é possível ver o muro pintado...

assumiu o crime eleitoral, hoje, ao mandar desfazer a obra do comitê de Jackson Lago (PDT) em Imperatriz.

Este blog denunciou em primeira mão, no início da semana, que

...Apagado em seguida, com tinta azu clara.

carros e funcionários da Prefeitura de Imperatriz foram usados para montar o comitê jackista, em um dos locais mais movimentados da cidade. (Releia aqui).

Desde o início, aliados de Jackson tentaram desqualificar a denúncia – que contou também com o apoio de um vídeo.

As casas azul e vermelha, onde foram pintados números 45 e 12...

Sem outra saída, optaram por desfazer o comitê, numa espécie de destruição de provas, como mostram as novas imagens, as quais o blog teve acesso com exclusividade.

Hoje, jornais de Imperatriz também trazem a informação de que Madeira demitiu servidores da prefeitura, alegando que não sabia da participação de funcionários na empreitada jackista.

...depois receberam manchões azuis para encobrir as provas

Detalhe: a Secretaria de Saúde, a qual pertence o carro – uma S-10 de chapa branca HPO-0705 – é chefiada pela própria mulher do prefeito. A nota a demissão da secretária.

José Serra
O comitê montado para Jackson com uso criminoso de funcionários e equipamentos públicos seria usado na ainda não confirmada visita do candidato a presidente José Serra (PSDB), sábado.

As fotos mostram que a prefeitura – ou a coordenação jackista, já que, neste caso, eles parecem se confundir – utilizou tinta azul clara para cobrir a fachada onde estava o número e o nome de Jackson.

Perceba em uma das fotos que o homem pinta uma parte do muro, onde ainda se pode ler “Comitê Central” e um número, provavelvemente de um candidato a senador do PSDB.

Uma outra foto, mostra o muro já totalmente pintado com o azul mais claro por cima do azul escuro.

Para especialistas em Direito Eleitoral, o crime já está configurado, ainda que o comitê seja desfeito.

No caso, o próprio Madeira pode ser implicado, complicando sua vida nas eleições municipais de 2012.

10

Flavistas e jackistas se engalfinham por espólio de São Luís

Ex-aliados, lago e Dino hoje brigam por eleitores em São Luís

Uma intensa discussão em canais de Internet entre partidários dos candidatos Jackson Lago (PDT) e Flávio Dino (PCdoB) dão o tom da preocupação dos dois grupos com o enfraquecimento entre os eleitores de São Luís.

Assunto, inclusive, já explorado neste blog. (Leia aqui)

O debate, como revela o blog de Décio Sá, envolve ex-apadrinhados de Jackson – hoje nas hostes flavistas – e até familiares do ex-govenador, como o médico Igor Lago, presente na seara política maranhense desde a cassação do pai.

Como pano de fundo, o fato de a candidata do PMDB, Roseana Sarney, liderar as pesquisas na capital maranhense e ter ao seu lado ícones da oposição e do PT maranhense, pela primeira vez no palanque dela.

Para Franklin Douglas, ex-auxiliar de Jackson e hoje um neoflavista empedernido, Jackson se enfraqueceu na capital por ter priorizado a publicidade de ações no interior, em detrimento das ações da capital.

Mas, e Flávio Dino, que há apenas dois anos era tido como esperança em São Luís e hoje não consegue mobilizar a massa ludovicense?, perguntaria o blog.

A resposta é simples: o eleitor da capital cansou dos discursos e quer resultados.

Resultados que o governo Roseana apresenta em forma de ações e a candidata representa com o volume de campanha registrado até agora.

Resultados estes reconhecidos até pela parte da imprensa alinhada ao projeto de oposição, como se percebe lendo aqui.

A estas alturas do campeonato, resta a flavistas e jackistas brigar pelo que sobra da fatia conquistada por Roseana Sarney.

Que soube ocupar o vácuo deixado em São Luís a partir do fracasso do governo Jackson…

21

Os prováveis campeões de voto na Assembléia: eles têm força para levar outros juntos…

Ricardo Murad é um dos fortes candidatos

Pelo volume de campanha que se vê nas ruas, pela estrutura demonstrada pelos candidatos e pela avaliação de especialistas em eleições, já é possível montar um painel com os prováveis campeçoes de voto nas eleições para a Assembléia Legislativa em outubro.

Cleide Coutinho deve estar entre os campeões

Haverá um campeão de votos em cada coligação, mas a disputa geral certamente se dará entre os deputados Ricardo Murad (PMDB), Max Barros (DEM), Victor Mendes (PV) e Raimundo Cutrim (DEM), e as deputadas Gardeninha Castelo (PSDB), Cleide Coutinho (PSB) e Graça Paz (PDT).

Todos estes deputados certamente vão superar a casa dos 40 mil votos – alguns chegarão até mais longe – e terão como característica o fato de garantir não só a própria eleição, mas também ajudar na eleição de alguns colegas de coligação.

Graça Paz mostra volume de campanha

A regra eleitoral funciona assim: para entrar no rateio das vagas da Câmara e da Assembléia, cada partido ou coligação deve obter uma cota mínima de votos, o coeficiente eleitoral .

Este ano, estima-se o coeficiente para a Assembléia em 73 mil votos.

Victor Mendes é cotado entre os primeiros

Assim que atingir esta cota, o partido garante uma vaga ao mais votado. São estes candidatos que se elegem direto, sem depender da soma dos colegas.

E, por isso, tem condições de ajudar na eleição de alguns outros membros da coligação, uma vez que sua votação entra na soma do coeficiente.

13

Marcos Caldas também lança site de campanha

O deputado estadual Marcos Caldas (PRB) convida para o lançamento do seu portal de campanha na Internet, nesta quarta-feira. Ele também irá inaugurar o comitê eleitoral, no bairro do Turu.

Concorrendo ao segundo mandato, Marcos Caldas foi tido como supresa nas eleições de 2006. Elegeu-se pelo minúsculo PTdoB.

Na Assembléia, chegou com a desconfiança de parte da mídia, mas conseguiu se firmar com discursos polêmicos e projetos de repercussão estadual – como a lei que proíbe o fumo em qualquer ambiente público.

Nas eleições de 2008 teve forte atuação em São Luís, ao lado do irmão, Augusto Caldas, candidato a vereador. No segundo turno, apoiou a candidatura de Flávio Dino (PCdoB) a prefeito.

Em setembro do ano passado, denunciando perseguição política do PTdoB, trocou de partido e seguiu para o PRB. O TRE deu ganho de causa ao parlamentar, avalizando sua transferência partidária.

 O site de Marcos Caldas na internet tem o endereço www.marcoscaldas.com.br

26

As novas prévias de deputados federais…

Os prognósticos para deputado federal também mudaram pouco nestes últimos 40 dias. O chapão roseanista deve mesmo eleger 11 deputados, deixando sete vagas para serem divididas entre as outras coligações.

Pequenas mudanças ocorreram com a efetivação de algumas candidaturas, a impugnação de outras e a desistência de outrs tantas.

Abaixo, a estimativa do blog para os próximos 30 dias:

1 – PMDB/DEM/PV/PTB/PP/PR/PRB/PT/PSC: deve eleger 11 deputados. Sarney Filho (PV), Gastão Vieira (PMDB), Pedro Novais (PMDB), Pedro Fernandes (PTB), Nice Lobão (DEM), Waldir Maranhão (PP), Luciano Moreira (PMDB) e Sétimo Waquim (PMDB) têm o mandato praticamente assegurado.

As últimas três vagas serão disputadas por Costa Ferreira (PSC), Davi Alves Filho (PR), Chiquinho Escórcio (PMDB), Domingos Dutra (PT), Raimundo Monteiro (PT), Cléber Verde (PRB), José Vieira (PR), Ricardo Archer (PMDB) e Rodrigo Comerciário (PT).

Comentário: A briga é de foice no escuro pelas vagas restantes. Dutra tem que se virar para superar os colegas petistas. Cléber Verde, Davizinho e Zé Vieira levam a vantagem do mandato. Chiquinho Escórcio tem apoios importantes em todo o estado.

2 – PTdoB/PHS/PMN/PSL/PRTB/PRP/PTN: Lourival Mendes (PTdoB), Gonçalo Banana (PTdoB), Fernando Palácio (PMN), Beto Rocha e Wellington do Curso estão no páreo.

Comentário: a grande dificuldade desta coligação será atingir o coeficiente eleitoral, na casa dpos 173 mil votos. Se chegar, garante uma vaga.

 3 – PSDB/PDT/PTC: A coligação de Jackson Lago pode fazer até quatro deputados. Pinto Itamaraty (PSDB) e Weverton Rocha (PDT) estão praticamente assegurados. Carlos Brandão (PSDB), Telma Pinheiro (PSDB) e Julião Amin (PDT) brigam pelas outras vagas.

Comentário: Weverton Rocha é a pedra no sapato do deputado Julião Amin, que pode perder a vaga para o colega. O mais provável é que os jackistas elejam apenas três deputados federais.

4 – PCdoB/PSB/PPS:  deve eleger apenas dois deputados, embora haja chances, remotas, de conseguir mais uma vaga. Ribamar Alves (PSB), Alexandra Tavares (PSB), Altemar Lima (PPS) e Tati Palácio (PCdoB) brigarão voto a voto.

Comentário: A saída de José Antonio Almeida (PSB) da disputa embolou a concorrência. Alexandra Tavares está sendo ajudada pela estrutura de Flávio Dino, mas deve perder a vaga para Altemar ou Tati.

55

Nova prévia do blog para Assembléia Legislativa: em 50 dias, lista fica praticamente inalterada

Após quase 40 dias de campanha, o blog volta a publicar prognósticos com os mais cotados candidatos para as vagas na Assembléia Legislativa.

Leia aqui a lista anterior, publicada no início de julho

Há mudanças, mas não significativas a ponto de alterar drasticamente a lista – as impugnações e desistências de candidatos mexeram em todas as coligações.

Abaixo, os favoritos, coligação por coligação.

1 – Chapão PMDB/DEM/PTB/PV – Mantém a estimativa de eleger até 17 deputados. Vinte e um disputam as vagas. São eles: Ricardo Murad (PMDB), Max Barros (DEM), Victor Mendes (PV), Raimundo Cutrim (DEM), César Pires (DEM), Rigo Teles (PV), Roberto Costa (PMDB), Stênio Rezende (PMDB), Carlos Filho (PV), Carlos Alberto Milhomem (DEM), Vianei Bringel (PMDB) e Antonio Pereira (DEM) como os praticamente eleitos, e mais: Alberto Franco (PMDB), Arnaldo Melo (PMDB), Chico Gomes (DEM), Edilázio Júnior (PV), Fábio Braga (PMDB), Magno Bacelar (DEM), Manoel Ribeiro (PTB) e Jura Filho (PMDB) e Márcia Marinho (PMDB).

Comentário: Neste grupo, apenas pequenas alterações, sobretudo influenciadas pela aprovação da candidatura de Magno Nota Dez e impugnações de candidatos como Hemetério Weba (PV). Márcia Marinho (PMDB), apesar de impugbnada, continua na disptua, uma vez que recorreu da decisão do TRE.

2 – Coligação PRB, PHS, PSL e PMN: Apesar de alguns mais otimistas apontarem até cinco deputados nesta chapa, o mais provável é que ela mantenha o prognóstico inicial, de eleger quatro.

Disputam com mais chances os seguintes candidatos: Marcos Caldas (PRB), Rogério Cafeteira (PMN), Canindé Barros (PSL), Carlinhos Florêncio (PMN) e Eduardo Braide (PMN). Também têm chances Daniel Macedo (PSL), Nonato Aragão (PSL) e Edson Souza (PMN).

Comentário: em relação a lista anterior, aparece carlinhos Florêncio, com forte penetração na região do Mearim. Eduardo Braide também entra na lista, com fortes chances. 

3 – Chapa PRTB/PRP/PSL/PMN: elege três, mas pode chegar a quatro, dependendo do desempenho nas urnas. Os mais cotados são: Alexandre Almeida (PTdoB), Jota Pinto (PR), Darcy Terceiro (PRTB) e Marly Abdalla (PRP). Também tem chances Wagner Pessoa (PTdoB).

Comentário: o volume de campanha apresentado por Wagner Pessoa no Baixo Parnaíba leva a crer que ele pode ultrapassar Marly Abdalla e garantir a vaga. 

4 – PP/PSC/PTN: Por aqui também devem se eleger três deputados. Hélio Soares (PP) e Penaldon Moreira (PSC) são os favoritos. João Batista (PP) aparece também bem cotado, embora disputando com Léo Cunha (PMN).

Comentário: A confirmação da candidatura de Penaldon praticamente assegurou sua reeleição. A disputa entre Jaão Batista e Léo Cunha será acirrada, mas o deputado tem mais chances.

5 – Coligação PDT/PSDB/PTC: Há quem diga que chegue a 10 deputados. O mais provável, é que fique com oito vagas. Nesta aliança, apenas 10 candidatos têm chances reais. Estão praticamente eleitos: Gardeninha Castelo (PSDB), Graça Paz (PDT), Camilo Figueiredo (PDT), Carlinhos Amorim (PSDB), Pavão Filho (PDT) e Neto Evangelista (PSDB).

Ainda brigam pelas últimas vagas Edivaldo Holanda (PTC), Aderson Lago (PSDB), André Fufuca (PSDB) e Eric Carvalho (PSDB).

Comentário: a mudança nesta aliança em relação a julho se deu na parte de baixo, com a entrada de André Fufuca, substituto do pai, Fufuca Dantas, que era do PMDB. Ele vai disputar com Aderson e Edivaldo Holanda.

6 – PCdoB/PSB/PPS: A chapa de Flávio Dino tem chances de eleger até cinco deputados, embora seus membros apontem para mais. A disputa se dá entre nove nomes. No primeiro time estão Cleide Coutinho (PSB), Marcelo Tavares (PSB0, Luciano Leitoa (PSB) e Rubens Júnior (PCdoB).

Disputam as outras vagas Eliziane Gama (PPS), Domingos Paz (PSB), Remi Trinta (PPS), Othelino Neto (PPS) e Júlio Guterres (PCdoB).

Comentário: nesta aliança, o nome de Guterres se impõe, diante da determinação comunista de trabalhar por sua eleição. Ele disptua a vaga com Othelino, que parece não ter vocação eleitoral, apesar da estrutura visível de campanha.

7 – PT: estima-se para o PT uma bancada de dois deputados estaduais, embora haja a possibilidade – remota – de chegar a três. Concorrem com mais chances os candidatos Francisca Primo, José Carlos Nunes, Edmilson Carneiro e Valdinar Barros.

Num segundo time estão Mauro Jorge, Fransuíla Soares e Kléber Gomes.

Comentário: a grande novidade em relação á lista de julho é a forte presença de José Carlos Nunes, apontado como virtual eleito. Francisca Primo é outra bem cotada. Valdinar Barros pode surpreender com o apoio da Fetaema.

Blog alterado às 11h30 para correção de informação. Na verdade, Márcia Marinho é candidata e não o filho, Paulo Marinho Júnior, que disputa vaga an Câmara Federal.
42

Jackson Lago, o incorrigível…

S-10 da prefeitura chega ao comitê de Jackson

Cassado por corrupção eleitoral durante a campanha de 2006, o ex-governador Jackson Lago (PDT) mostra reincidência nestas eleições. E mostra que, ao lado dos seus aliados no interior, não respeita os limites da Lei Eleitoral. 

As fotos desta página mostram Jackson mais uma vez flagrado cometendo crime eleitoral. A sequência criminosa é inconstestável e mostra o passo a passo de um abuso que pode não ser único, estado a fora – o que evidencia o risco de influência no processo eleitoral.

 
 

S-10 agora carrega material de Construção

A primeira imagem, do dia 1º de agosto, mostra a S-10 chapa branca HPO-0705 manobrando no pátio da antiga Pizzaria Romanos, no Centro de Imperatriz

. O carro é Ministério da Saúde, do Serviço de Combate a Dengue, cedido à Prefeitura de Imperatriz, cujo prefeito, Sebastião Madeira (PSDB), é aliado de Jackson Lago.

O imóvel – que servirá de comitê pró-Jackson – pertence a um empresário de São Paulo, que comprou toda a quadra para montar uma galeria que se chamará Chic Center.

 
 

caminhonete mais uma vez chegando ao local

No mesmo dia foi feita outra imagem.

Agora, o mesmo carro descarrega material e equipamento de construção. Na carroceria há o que parece ser peças de madeira para telhado ou estruturas metálicas. O mesmo carro, que parece cedido pelo prefeito à campanha de Jackson Lago, agora é flagrado no dia 2 de agosto, entrando no local com mais material de construção – inclusive uma escada, acomodada na carroceira.

O trabalho de obras durou a semana inteira.

 
 

Aqui, o comitê já está montado

No domingo 8, o comitê de Jackson Lago já estava montado, pintado e decorado

. Como se vê na foto ao lado, há o que parecem ser militantes ou funcionários conversando animadamente. As instalações destacam as cores e o número do candidato, e também as cores do PSDB (azul e amarelo) partido de Sebastião Madeira.

O comitê já concluído

Na segunda foto do dia 8 de agosto, uma panorâmica ainda maior do local. Foram aproveitados os antigos telhados da Pizzaria, que fica na esquina da rua Dorgival Pinheiro com Rua Pará, no Centro de Imperatriz local bem frequentado pela população local.

Para quem ainda tem dúvida de que Jackson Lago, mesmo condenado uma vez, continua cometendo crime eleitoral e abusando do poder político no interior para fazer campanha, há uma prova a mais: um vídeo, gravado por um celular.

Observe no vídeo que, além da caminhonete do Ministério da Saúde, um dos homens que descaqrregam material para montar o comitê de Jackson usa uma camisa com a logomarca da Prefeitura de Imperatriz.

Jackson só não poderá dizer, depois, que é vítima do tapetão.

As imagens não mentem. Jamais…

Veja aqui o vídeo com o novo crime eleitoral de Jackson Lago

12

Flávio Dino em São Luís…

Flávio Dino e aliados em Ribamar; São Luís continua distante

Há um dado curioso na campanha de Flávio Dino (PCdoB) em São Luís: apesar de ter sido o segundo mais votado candidato a prefeito em 2008, polarizando a disputa com o prefeito João Castelo (PSDB) não se vê um volume de campanha comunista na capital maranhense.

A campanha dinista chega a ser inferior a de candidatos a deputado estadual, como Gardeninha Castelo (PSDB), Ricardo Murad (PMDB), Canindé Barros (PSL) e Raimundo Cutrim (DEM).

Este blog vem destacando este tema desde o início da campanha.

A expectativa que se gerou em torno do comunista não condiz com a realidade das ruas.

Nem a turma da imprensa afinada a José Reinaldo Tavares (PSB) consegue dar consistêcia ao dia-dia do candidato.

Principal blogueiro do time reinaldista, Felipe Klamt retrata o dia-dia da campanha PCdoB/PSB/PPS. Na última semana, o seu blog registrou visitas do comunista em vários municípios. E nada de atividade na capital.

Entre o dia 2 e o dia 8 de agosto, Klamt relata visitas de campanha a Matinha e Buriti Bravo.

O mais próximo que a campanha flavista chegou de São Luís foi a manfiestação de domingo, em São José de Ribamar.

8

Professores de Paço do Lumiar recebem capacitação

Professores de Paço do Lumiar recebem treinamento

A prefeitura de Paço do Lumiar iniciou nesta quarta-feira  a capacitação dos gestores e supervisores das escolas municipais.  O objetivo é reciclar os profissionais, melhorando a qualificação para o trabalho.

Cerca de 150 educadores estão participando do encontro, que foi aberto com palestras na Unidade de Educação Básica Paraná.

– Ao se avaliar o processo de Educação, buscamos alcançar as diretrizes e resultados propostos para o avanço do ensino – disse a secretária Josane Manpetit.

O treinamento dos profissionais de Educação servirá de base para definir as novas metas do semestre letivo, que começa na próxima segunda-feira.

Dentro do mesmo objetivo de melhorar a qualidade da educação, a prefeitura também está treinando e capacitando 120 merendeiras da rede de ensino de Paço do Lumiar.

Para a secretária, são profissionais essenciais para o processo de Educação, que ajudam na manutenção do padrão de qualidade do ensino.

No treinamento são repassadas técnicas para acondicionamento e preparo dos alimentos.

O curso ministrado pelo nutricionista Oliveira, professor da Faculdade Santa Terezinha (CEST).

Com informações da Coordenadoria de Comunicação de Paço do Lumiar
7

Sarney Filho quer que TRE julgue o mérito do seu pedido de impugnação

O deputado federal Sarney Filho (PV) interpôs hoje Embargo de Declaração no Tribunal Regional Eleitoral.

Objetivo: forçar o TRE a decidir, no mérito, sobre o processo de impugnação impetrado contra ele pelo Ministério Público Eleitoral e arquivado sem apreciação na última segunda-feira.

O TRE decidiu não apreciar o processo por entender que a Lei da Ficha Limpa não pode retroagir para prejudicar. Esta decisão gerou polêmica em todo o país.

Sarney Filho entende diferente. Para ele, seu caso – uma condenação para pagamento de multa por propaganda irregular, em 2006 – não pode ser enquadrado na Lei da Ficha Limpa.

– Condenação de multa jamais foi motivo de não permitir registro de candidatura. Se assim fosse, não teríamos sequer um candidato – afirmou o parlamentar.

Acatando o Embargo, o TRE será obrigado a julgar o mérito, dizendo se Sarney Filho está ou não inelegível.