0

As duas bancadas governistas na Assembléia…

A imagem mostra os membros do Bloquinho no dia da vitória na AL

Quem acompanhou do ponto-de-vista político a reunião da Comissão Bipartite, hoje, na Assembléia Legislativa, pôde perceber um detalhe importante: apenas os deputados do chamado blocão, liderado por Manoel Ribeiro (PTB), participaram do evento, presidido pelo secretário de Saúde, Ricardo Murad.

Por lá foram vistos o próprio Ribeiro, além de Magno Bacelar (PV), Stênio Rezende (PMDB), Doutor Pádua (PP) e alguns membros da oposição, como Cleide Coutinho (PSB) e Valéria Macêdo (PDT), todos citados nominalmente por Murad.

Apenas os líderes do bloquinho – Eduardo Braide e Rogério Cafeteira (ambos do PMN) – foram vistos no recinto, que reuniu centenas de prefeitos maranhenses.

Em conversa com deputados de ambos os lados, o blog compreendeu o fato como mais uma faceta do racha velado que existe na bancada governista na Assembléia Legislativa.

Todos juntos, numa "pose para posteridade"

Os líderes do blocão não engolem o bloquinho desde a eleição da Mesa Diretora da Casa, que resultou na vitória de Arnaldo Melo (PMDB) – e dizem reproduzir sentimento idêntico manifestado pela própria governadora Roseana Sarney (PMDB).

Em contrapartida, o bloquinho se sente alijado das discussões de governo, reclama não ter acesso à governadora e também se une, até como forma de manter a força diante da pressão.

Para completar, Manoel Ribeiro e Carlos Alberto Milhomem (DEM) defendem a unificação da bancada governista, com o blocão incorporando o bloquinho.

Para eles, não há necessidade de dois blocos distintos defendendo os mesmos objetivos.

Mas tudo é velado, apenas murmurante, limitado aos bastidores.

Publicamente, para fotos, tudo parece às mil maralavilhas…

14

Bombeiros: comandante vai preso por reclamar da falta de viatura…

Marcelo Ferreira, em seu "quarto" nos Bombeiros

O major do Corpo de Bombeiros Marcelo Ferreira Costa está preso em uma cela de sua corporação por ter reclamado da falta de viaturas.

A imagem do oficial preso foi divulgada em primeira-mão no blog de Gilberto Léda.

Desde ontem e-mails e comentários em blogs davam conta da prisão do major, que comanda a unidade dos Bombeiros no Parque do Bom Menino.

Ele também denunciou o uso indevido de uma caminhonete dos Bombeiros, que serviria ao comandante da corporação, coronel Marcos Souza Paiva.

Pela denúncia, recebeu a pena de prisão.

O próprio major denunciou a prisão a este blog. Em comentário ao post PM prega Operação Padrão a partir de hoje…, ele aponta como motivo que o levou à cadeia a denúncia contra o uso indevido da caminhonete do coronel.

Hoje estou detido por questionar Comandante Geral do CBMMA sobre viaturas administrativas e por que motorista fica rodando no final de semana na viatura de placas NMX 0833 toyota hilux no dia 30/04/2011 na Cidade Operária por volta 15h45min – revelou o oficial.

No comentário, ele reclama também da detenção sem a obediência ao principio da ampla defesa e do contraditorio.

Mas aí, é querer demais em um ambiente militar…

0

Bipartite decide adiar discussão sobre recursos do SUS…

Acabou ficando para uma outra reunião a discussão sobre os recursos do Sistema Único de Saúde trasnferidos para os municípios quem têm gestão plena de saúde.

O assunto seria tratado hoje na reunião da Comissão Intergestores Bipartite, mas a falta de um entendimento adiou.

No Maranhão, 52 municípios têm gestão plena de saúde, ou seja, estão aptos a atender todos os tipos de procedimentos médicos.

Ocorre que muitos prefeitos se dizem sobrecarregados por que muitos destes municípios só atendem alta com´plexidade no papel.

Por isso pressionam pela readequação da divisão dos recursos.

Além do secretário de Saúde, Ricardo Murad, que preside a CIB, também participaram da reunião o presidente da Federação dos Municípios, Júnior Marreca, membros da comissão de saúde da Assembléia e prefeitos de todo o Maranhão.

8

Os ovos, a pesquisa, a salmonella…

Blogs de várias tendências ideológicas e correntes políticas divulgaram ontem à tarde, Nota Oficial divulgada pela Secretaria de Saúde para explicar a compra de ovos de galinha por R$ 11,32 a unidade.

Tudo por causa de um discurso do deputado estadual Rubens Pereira Júnior (PCdoB), na tribuna da Assembléia, questionando o valor do ovo.

Segundo a SES, tratam-se de ovos especiais, não-férteis, próprios para as pesquisas de Salmonella.

Conheça aqui uma das procutoras deste tipo de ovo especial no Brasil.

Todos os blogs divulgaram a versão da secretaria, mas ninguém se preocupou em explicar cada dado da nota.

Como sempre faz, este blog traz todas as explicações sobre a Salmonella, o meio de cultura Löwestein-Jensen e o método de pesquisa Ogawa Kudoh:

Salmonella: é uma bactéria que se instala no ovo e pode provocar várias doenças gastrintestinais. Mas é rara a presença de Salmonella nos ovos, sobretudo nos ovos frescos. Mais detalhes aqui.

Meio de Cultura Lowestein-Jensen: Serve para isolamento inicial de mikcrobactérias. Desenvolve o crescimento de colônias, confirmando, de acordo com a cor, a positividade ou não dos microorganismos.

Ogawa Kudoh: É um método de descontaminação por microbactérias, marcado pela simplicidade e pelo baixo custo. Entenda aqui.

Lei aqui artigo  de Caio Hostílio sobre o assunto

Abaixo, a íntegra da Nota da SES:

___________

NOTA

Os 700 ovos de galinha adquiridos pela Secretaria de Estado da Saúde (SES) no valor de R$ 7.959,00 são especiais, livres de hormônios e antibióticos, e servem exclusivamente para fins biológicos (pesquisa de salmonela).

Os ovos são provenientes da Granja Tolomei, onde as aves receberam alimentação isenta de antibióticos, e servem a outros laboratórios do país.

Esses ovos não embrionados são destinados exclusivamente para o preparo de meio de cultura Lowenstein-Jensen (LJ) Ogawa Kudoh, não destinados ao consumo humano, que são colhidos, selecionados, higienizados e desinfetados unitariamente.

A dispensa de licitação deve-se ao valor do processo, já que o valor é inferior a R$ 8 mil, conforme prevê a Lei 8.666.

Não há, portanto, sequer indício de irregularidade ou ilegalidade nesse processo.

6

EUA desmontam as próprias versões da morte de Bin Laden…

Bin Laden muçulmano: morto em ação...

As histórias criadas pelo “senhor presidente” norte-americano Barack Obama para o assassinato do terrorista Osama Bin Laden – e engolida pela “mídia aliada” e por jornalistas alienados – começam a ser desmontadas pelos próprios Estados Unidos.

Os EUA já reconhecem que o líder da Al Qaeda não usou mulher alguma como escudo, como a mídia colonizada tentou espalhar no início.

Também já reconhecem que Bin Laden não estaria armado, como passado na primeira versão.

O Bin Laden republicano...

Há muitas outras dúvidas e suspeitas, porém.

Ninguém no mundo duvida da morte de Osama Bin Laden, não é esta a discussão.

Mas já há suspeitas até de que o assassinato não tenha ocorrid0 na data anunciada pelo “senhor presidente” americano.

Enquanto os EUA  escondem respostas para questões simples – como as imagens do corpo – a mídia latino-americana colonizada, capitaneada no

O Bin Laden afro-descedente...

Brasil pela Rede Globo, vão vendendo imagens de heroísmo e ufanismo da ação das tropas americanas.

Es os jornalistas alienados das províncias latinas vão engolindo uma a uma.

Por que, como estes próprios alienados dizem, “um presidente americano não iria mentir”.

Então, tá…

0

Prefeitos vão pressionar Bipartite por mudanças no repasse de recursos da Saúde

Prefeitos reunidos com deputados, em recente encontro

Prefeitos de todo o Maranhão vão se reunir, hoje, para discutir o remanejamento de recursos do Sistema Único de Saúde.

A reunião da Comissão Bipartite está marcada para o auditório Fernando Falcão, da Assembléia Legislativa, e deve ser cercada de polêmica.

Ontem, os prefeitos se reuniram na sede da Federação dos Municípios do Maranhão (Famem) para definir posicionamento conjunto.

Sob a coordenação do prefeito Júnior Marreca, decidiram pressionar pelo “remanejamento do teto financeiro para os procedimentos de alta complexidade”.

Durante a reunião de ontem, os prefeitos tiveram o apoio dos membros da Comissão de Saúde da Assembléia.

Participaram do encontro os deputados Vianey Bringel (PMDB), Cleide Coutinho (PSB), Magno Bacelar (PV), Valéria Macêdo (PDT) e Doutor Pádua (PP).

A idéia é mudar toda a forma de repasse…

10

Deputados voltarão a se reunir com Luís Fernando e Hildo Rocha…

A bancada de deputados estaduais ligados ao governo Roseana Sarney (PMDB) se reúne nesta quarta-feira com os secretários Luís Fernando Silva (Casa Civil) e Hildo Rocha (Articulação Política).

A bancada roseanista na Assembléia

É a terceira reunião mensal entre os parlamentares e os secretários, e a primeira após o episódio da aprovação de um requerimento convocando a secretária Olga Simão.

Desta vez, participam também os secretários de Segurança, Aluísio Mendes, e de Ciência e Tecnologia, João Bernardo Gurgel. O primeiro falará sobre a ameaça de aquartelamento dos PMs, que reivindicam reajuste salarial. O segundo tratará da implantação dos centros tecnológicos no interior do estado.

A reunião, marca para as 13 horas desta quarta-feira, acontece no Praia Mar Hotel…

5

EUA tentam tirar dúvidas sobre morte de Bin Laden, mas resistem a mostrar fotos…

Um representante da Casa Branca disse nesta segunda-feira fará ‘todo o possível’ para evitar que se coloque em dúvida a veracidade da notícia sobre a morte do líder da rede extremista Al-Qaeda, Osama Bin Laden.

– Nós vamos fazer tudo o que pudermos para garantir que ninguém tenha qualquer base para negar que nós capturamos Osama Bin Laden – disse John Brennan, o principal assessor do governo para assuntos de segurança nacional e contraterrorismo, em entrevista coletiva em Washington.

No entanto, Brennan disse que o governo americano ainda não decidiu se vai ou não revelar provas fotográficas de que Bin Laden está morto. Continue lendo aqui…

18

João Castelo e o PSB…

Castelo articula base

O prefeito João Castelo (PSDB) tem dois aliados no PSB maranhense: o deputado federal Ribamar Alves e o presidente da legenda, José Antonio Almeida.

Pragmático, Alves defende a permanência das posições do PSB na prefeitura, embora saiba da dificuldade em manter a vice-prefeitura na próxima campanha.

Almeida, por sua vez, é o advogado de Castelo nos processos eleitorais que envolvem o prefeito – num dos poucos pontos de divergência enre eles e o grupo do ex-governador José Reinaldo Tavares.

Os dois líderes socialistas têm um apoio inusitado nesta aliança com o PSDB: o ex-deputado federal Flávio Dino (PCdoB).

O comunista mostra cada vez mais complacência com a reeleição de Castelo, já que seus olhos sevoltam para as eleições de 2014.

Assim, Castelo vai montando sua base partidária para disputar novo mandato…

5

Mais uma vez a história de Flávio Dino no PSB…

Marcelo Tavares: mais uma versão para o caso Flávio Dino/PSB

O ex-deputado federal Flávio Dino (PCdoB), jantou com o governador de Pernanbuco, Eduardo Campos (PSB), em Recife (PE), na terça-feira, 19 de abril.

Dois dias antes da quinta-feira santa, para ser mais exato.

Presentes no jantar, o ex-minsitro Roberto Amaral (PSB), o prefeito de Olinda (PE), Renildo Calheiros (PCdoB), o vice-prefeito de Recife, Milton Coelho – maranhense de Codó –  e os socialistas maranhenses José Reinaldo Tavares, Marcelo Tavares e Antonio Almeida.

A história  é contada pelo deputado Marcelo Tavares e confirma versão já divulgada neste blog sobre o episódio.

– Nós discutimos a aproximação entre o PCdoB e o PSB para fechar o projeto entre os dois partidos – disse Tavares, que afirmou:

– A filiação de Flávio Dino ao PSB foi uma possibilidade ventilada[em tom de brincadeira], mas não fomos ao Recife para tratar disso.

Marcelo Tavares explica que os convites a Dino são feitos em clima de descontração, sem nenhum tom oficial.

Tanto que, da mesma forma que o PSB, o PDT também chegou a brincar com a possibilidade de o comunista mudar de partido.

Quando vinha de Brasília para o enterro de Jackson Lago, o ministro do Trabalho, Carlos Lupi, brincou com ele, dizendo: “Flávio, vem logo para o PDT!”.

Mesmo assim, setores da imprensa insistem em dar tom de seriedade ao episódio.

Os mesmos que tratam assuntos sérios em tom de “molecagem”…