1

Wellington vai coordenar Direitos humanos no Parlamento Amazônico…

Wellington, com Júnior Verde e colegas da coordenação

Wellington, com Júnior Verde e colegas da coordenação

Durante a 19ª Conferência da Unale, realizada nos dias 11 e 12, em Vitória (ES), o deputado Wellington do Curso (PPS) foi eleito coordenador de Direitos Humanos do Parlamento Amazônico, entidade que congrega parlamentares dos nove estados da Amazônia Legal e delibera questões importantes da região Amazônica como meio ambiente, sustentabilidade, conservação, educação ambiental e práticas de uso racional dos recursos ambientais da Amazônia.

A escolha dos novos membros reuniu deputados e diretores do Legislativo de todo o país. Os nove estados que compõem a Amazônia Legal são: Acre, Amapá, Amazonas, Pará, Rondônia, Roraima, Tocantins, Mato Grosso e parte do Estado do Maranhão.

O tema da XIX Conferência Nacional dos Legisladores e Legislativos Estaduais deste ano foi “Mudanças Globais e os Novos Rumos” e o encontro, promovido pela União Nacional dos Legisladores e Legislativos Estaduais (UNALE), permitiu a troca de experiências e o debate entre parlamentares de todos os estados e do Distrito Federal.

Dentre os assuntos, foram discutidas a aprovação do Pacto Federativo, infraestrutura e logística de portos, aeroportos e estradas brasileiras, além do atual cenário econômico do país.

A presidência do Parlamento já havia sido definida com a eleição do deputado Sinésio Campos (PT/AM).

1

Júnior Verde é eleito coordenador do Parlamento Amazônico…

Júnior Verde, com o colega Wellington e os demais eleitos para o Parlamento Amazônico

Júnior Verde, com o colega Wellington e os demais eleitos para o Parlamento Amazônico

O deputado estadual Júnior Verde (PRB) foi eleito na semana que passou coordenador da Juventude do Parlamento Amazônico, entidade que congrega parlamentares dos nove estados da Amazônia Legal.

A escolha dos novos membros foi realizada durante a XIX Conferência Nacional dos Legisladores e Legislativos Estaduais, que reuniu deputados e diretores do Legislativo de todo o país de quarta a sexta, em Vitória, no Espírito Santo. Na oportunidade, o parlamentar também foi escolhido conselheiro da Associação Brasileira de Televisões e Rádios Legislativas (ASTRAL).

– Muito me orgulha ver o Maranhão em posição de destaque no cenário nacional. São atribuições que demandam novas e importantes responsabilidades, que assumiremos com compromisso e seriedade – destacou Júnior Verde.

O deputado com o colega PaulO neto, o depuado federal Cléber Verde, e o diretor de comunicação da AL-MA, Carlos Alberto Oliveira

O deputado com o colega PaulO neto, o depuado federal Cléber Verde, e o diretor de comunicação da AL-MA, Carlos Alberto Oliveira

Além de Verde, mais três deputados estaduais do Maranhão farão parte do Parlamento Amazônico.

O deputado Hemetério Weba (PV) será o segundo vice-presidente, e o deputado Wellington do Curso (PPS), o Coordenador de Direitos Humanos. Os nove Estados que compõem a Amazônia Legal fazem parte da Bacia Amazônica: Acre, Amapá, Amazonas, Pará, Rondônia, Roraima, Tocantins, Mato Grosso e parte do Estado do Maranhão.  

Astral – A Associação Brasileira de Televisões e Rádios Legislativas (ASTRAL) também realizou programação simultânea na XIX Conferência dos Legisladores e Legislativos Estaduais. Na ocasião, parlamentares com representatividade no cenário nacional foram escolhidos para compor os quadros da entidade.

Os deputados Júnior Verde e Paulo Neto (PSDC) serão conselheiros políticos, e o deputado federal Cléber Verde (PRB), que é Secretário de Comunicação da Câmara Federal, será o novo presidente.

O tema da XIX Conferência Nacional dos Legisladores e Legislativos Estaduais deste ano foi “Mudanças Globais e os Novos Rumos”.

Representando o Legislativo maranhense, participaram os deputados Júnior Verde(PRB), Paulo Neto (PSDC), César Pires (DEM), Levi Pontes (SD), Rigo Teles(PV), Edilázio Júnior(PV), Wellington do Curso(PPS), Hemetério Weba(PV) e Rafael Leitoa (PDT).