1

Investigação do Ministério Público pode envolver Flávio Dino, Bolsonaro e Carlos Brandão com empresa acusada de fraude

Procuradoria da República vai investigar denúncias de favorecimento à construtora maranhense Engefort, acusada de fraudar licitações na Codevasf e que, só no Maranhão, recebeu quase R$ 100 milhões em obras

 

O próprio ex-secretário Clayton Noleto anunciou obras em favor da Engefort, acusada de fraudar licitações em todo o país

O PSOL apresentou à Procuraodria-Geral da República, nesta terça-feira, 12, denúncia contra a empreiteira maranhense Engefort, acusada de fraudar licitações no governo Jair Bolsonaro (PL).

A empresa, que é de Imperatriz, também atuou no governo Flávio Dino/Carlos Brandão (ambos do PSB), onde ganhou obras de mais de R$ 60 milhões, desde 2019.

Segundo denúncia do jornal Folha de S. Paulo, a Engefort usava uma empresa de fachada para fraudar as concorrências no governo Bolsonaro, sobretudo na Codevasf, onde ganhou mais de 70% das licitações, em vários estados.

No Maranhão, a empreiteira atuou na recuperação da MA-020, no trecho Coroatá e Vargem Grande, e na MA-006.

A representação do PSOL pede que sejam investigadas as relações da empreiteira – e seus sócios –  com o presidente Jair Bolsonaro, com o ex-ministro do desenvolvimento Regional, Marcelo Moreira, e com o presidente da Codevasf.

Caberá á PGR decidir se abre ou não investigação…

1

Governo Flávio Dino/Brandão tem relação com empreiteira suspeita do governo Bolsonaro

Maranhense Engefort tem vencido todas as licitações do Governo Federal usando empresa de fachada em nome de familiares de seus sócios; e ganhou obras também no governo maranhense, anunciada pelo próprio ex-secretário Clayton Noleto

 

Placa e máquinas da Engefort anunciando obras do governo Flávio Dino na MA-020; empresa é suspeita de fraudar licitações no governo Bolsonaro

 

A empreiteira maranhense Engefort Construtora e Empreendimentos, denunciada nacionalmente por suspeita de fraudes em licitações no governo Jair Bolsonaro (PL), atuou também no governo maranhense, e realizou obras na gestão de Flávio Dino (PSB), que continuam sob a gestão do governador-tampão Carlos Brandão (PSB).

De acordo com denúncia do jornal Folha de S. Paulo, a Engefort já tem garantidos no governo Bolsonaro nada menos que R$ 640 milhões, dinheiro vencido em concorrência única ou na companhia de sua “irmã” de fachada.

No Maranhão, a a empreiteira atuou na obra de recuperação da MA-020, no trecho entre Coroatá e Vargem, Grande, conforme mostra twitter do ex-secretário de Infraestrutura Clayton Noleto.

Clayton Noleto anuncia no Twitter, ainda em 2020, as obras da MA-020 e anuncia licitação de R$ 70 milhões para a MA-006

Na mesma época, respondendo a internautas, Noleto anuncia “Edital de licitação para investimentos de R$ 70 milhões na MA-006”.

A Engefort atua principalmente na Codevasf; das 99 concorrências de pavimentação da Codevasf realizadas em 2021 por meio de um tipo de licitação simplificada chamada pregão eletrônico, que ocorre de forma online, a a empresa venceu 53.

E foi a única que participou de todas as concorrências…

0

Após agenda com Bolsonaro, novo superintendente da Codevasf é empossado

Ao lado do deputado Aluisio Mendes, Celso Dias já esteve também reunido com o presidente da Câmara de Deputados, Arthur Lira (PP-AL)

 

A Superintendência da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco (Codevasf) volta a ser comandada pelo ex-superintendente Celso Dias. A decisão foi tomada pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido) após reunião em Brasília.

O presidente da Câmara de Deputados, Arthur Lira, também esteve reunido com Dias. Nas duas situações Dias foi acompanhado pelo deputado federal, vice-líder do governo e líder do PSC na Câmara Federal, deputado Aluísio Mendes (PSC-MA).

Durante a reunião foram destacadas o reforço de ações conjuntas e parcerias entre a companhia e os prefeitos, parlamentares e lideranças políticas no estado.

“O que foi discutido foi efetividade nas ações do governo federal e facilidade no acesso da Codesvasf por gestores municipais e possíveis parceiros em prol de melhorias à população do Maranhão”, afirmou Celso Dias.

Os presidentes Bolsonaro e Arthur Lira, solicitaram de Dias isonomia no tratamento aos parlamentares. Segundo Lira, é importante que o ocupante do cargo seja hábil na contemplação das demandas de todos os parlamentares do estado.

“Em minha primeira passagem prezei pelo bom relacionamento com todos os parlamentares. É claro que essa será uma situação a ser mantida”, afirmou Dias.

O deputado Aluísio Mendes saudou o novo superintendente da Codevasf. “Ele já traz a experiência de um belo trabalho na companhia. Com certeza irá atender às exigências do presidente de proporcionar a liderança adequada que a Codevasf necessita no estado neste momento”, ressaltou Aluísio.

A 8ª Superintendência Regional da Codevasf, cargo que irá ser assumido por Celso Dias, abrange as bacias hidrográficas dos rios Munim, Mearim, Parnaíba, Pericumã, Tocantins, Turiaçu e todas as demais bacias hidrográficas do Estado do Maranhão.

Com atuação assegurada por lei nos 217 municípios do estado, o principal objetivo é contribuir para a melhoria da vida e desenvolvimento socioeconômico do estado. A atuação se dá por meio da execução direta ou de parcerias com os municípios.

6

Mais emendas da Câmara e do Senado na mira da Polícia Federal no MA

Investigações alcançam não apenas os recursos destinados à área da Saúde – que pegaram o grupo do deputado Josimar de Maranhãozinho – mas várias das demais emendas encaminhadas por deputados e senadores ao longo de 2019 e 2020, com suspeitas de esquema de desvio no estado

 

Turbinada por emendas de senadores e deputados, Codevasf virou uma especie de governo paralelo no Maranhão, com obras em todas as áreas; e agora levanta suspeitas de investigadores

A investigação da Polícia Federal que pilhou o esquema de corrupção montado pelo deputado federal Josimar de Maranhãozinho (PL) deve evoluir para novas investigações, e não apenas na área da Saúde.

A PF investiga destinação de recursos públicos para áreas da Infraestrutura, Educação, Assistência Social e compra de equipamentos diversos em todos os municípios.

Segundo apurou o blog Marco Aurélio D’Eça, a investigação mira nos setores em que um mesmo grupo de empresas atuam sempre em um mesmo destino, elaborando projetos e movimentando emendas de deputados e senadores.

Exemplos: recursos destinados em massa à Universidade Federal do Maranhão (Ufma), ao Corpo de Bombeiros e, principalmente, à Codevasf, que tem sempre um mesmo grupo de empresas responsáveis na elaboração de projetos e um mesmo grupo de parlamentares destinando os recursos.

Josimar de Maranhãozinho – em café da manhã com seus corretores de emendas – foi o primeiro alvo da Polícia Federal na investigação das emendas parlamentares

Na semana passada, a PF montou operação que alcançou o esquema de Josimar de Maranhãozinho, apontado como controlador de emendas de mais outros três deputados federais: Júnior Lourenço (Avante), Marreca Filho (Patriota) e Pastor Gyldenemir (PL).

Os olhos da PF agora se voltam para outras movimentações tidas por suspeitas, envolvendo grandes volumes de recursos destinados à Codevasf, à UFma, aos Bombeiros e a fundações que controlam hospitais em São Luís e no interior. (Entenda aqui, aqui, aqui e também aqui)

E ao que tudo indica, novas operações devem ocorrer nos próximos meses…

2

Apesar de negar, Roberto Rocha pegou R$ 16 mi do MDR no fim de 2019

Senador declarou ele próprio que permaneceria de plantão em Brasília durante as festas de fim de ano em busca de recursos federais, sobretudo no Ministério do Desenvolvimento Regional, onde emplacou um aliado

 

Apesar de ter dado plantão em Brasília em plena esta de fim de ano, Roberto Rocha nega que tenha participado da farra de recurso no Ministério do Desenvolvimento Regional

O senador Roberto Rocha (PSDB) apressou-se em negar ao site O Antagonista que tenha participado da farra de liberação de recursos do Ministério do Desenvolvimento Regional no apagar das luzes de 2019.

De acordo com uma série de reportagens do site, parlamentares maranhenses receberam ao menos R$ 292 milhões em recursos extras distribuídos pelo MDR no fim do ano.

Após negativa de Roberto Rocha, O Antagonista atribuiu o volume de recursos para o Maranhão a uma aliança do DEM com o PDT, ambos da base do governo Flávio Dino (PCdoB).

Mas o próprio Roberto Rocha anunciou ainda em dezembro – em release publicado em vários portais e blogs maranhenses – que iria sentar praça em Brasília para garantir recursos, sobretudo no Desenvolvimento Regional.

– Vou permanecer em Brasília o tempo que for necessário para levar o máximo de recursos dos ministérios para atender a diversas áreas carentes como saúde, infraestrutura urbana, segurança, educação, saneamento, entre outras. Essa é a minha obrigação e meu dever será cumprido com o meu povo – afirmou Roberto Rocha, em release publicado no dia 29 de dezembro. (Leia aqui)

De acordo com o texto, Rocha conseguiu em apenas uma articulação, pelo menos R$ 16 milhões em asfalto e infraestrutura, indicados para Imperatriz, Bacabal, Santa Inês e Presidente Dutra.

Em 26 de dezembro, o mesmo site O Antagonista que revelou a liberação extra de verbas, informou que o senador do PSDB maranhense havia emplacado no Ministério do Desenvolvimento Regional o aliado Pedro Maranhão para chefiar a Secretaria Nacional de Saneamento.

Ao publicar o post, o site classificou Rocha de “um dos tucanos mais próximos de Jair Bolsonaro”.

Estranho, portanto, que o senador maranhense possa ter sentado praça em Brasília, em plena festa de fim de ano, para não conseguir viabilizar recurso algum para o Maranhão no MDR, como afirmou aos jornalistas.

A menos que esta proximidade com Bolsonaro tenha sido mera bravata.

Ou a menos que o próprio site tenha poupado “um dos tucanos mais próximos de Bolsonaro”.

0

Emenda de Roberto Rocha viabiliza equipamentos agrícolas para fortuna

Senador atendeu a uma solicitação do presidente da Câmara Municipal de Fortuna, vereador Roberto Luís, que agradeceu ao parlamentar, em vídeo

 

O município de Fortuna- MA vai receber equipamentos agrícolas como caixas d´água e kits de irrigação para ajudar no fomento da agricultura familiar dos pequenos produtores rurais. Os implementos foram viabilizados pelo senador Roberto Rocha (PSDB), por meio da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf).

O senador atendeu a uma solicitação do presidente da Câmara Municipal de Fortuna, vereador Roberto Luís, que esteve pessoalmente na sede da Companhia, para assinar o termo de doação.

Os equipamentos agrícolas serão entregues para a Associação dos Moradores, Agricultores e Trabalhadores Rurais do Povoado Bom Sossego, em Fortuna.

Para o vereador Roberto Luís, os kits de irrigação e as caixas d´água irão ajudar no fomento da agricultura familiar, ajudar no aumento da produção em menor espaço de tempo e, consequentemente, no aumento da renda dos pequenos trabalhadores rurais do povoado.

“Esses kits vão ajudar muitas famílias que sobrevivem da agricultura familiar em nosso município. Quero agradecer ao senador Roberto Rocha por tudo o que ele tem feito, e por todos os benefícios que estão chegando ao nosso município, por meio do seu mandato e da sua intercessão”, disse.

0

Prefeitura de Santa Rita é contemplada com trator, caminhão e jipe da Codevasf…

A Prefeitura de Santa Rita recebeu na última sexta-feira (17), equipamentos que visam o desenvolvimento urbano e social da cidade. Após pedido do prefeito Hilton Gonçalo, a Codevasf – Companhia do Desenvolvimento do Vale do São Francisco e Parnaíba – foram entregues um caminhão compactador, um trator esteira e um veículo jipe da marca Troller.

“São importantes equipamentos que vão nos ajudar no setor da limpeza pública, na abertura e conservação das estradas vicinais, assim como também garantir assistência social e até médica para a nossa população”, declarou.

Ao longo de sua gestão, Hilton Gonçalo tem conseguido modernizar o maquinário da Prefeitura de Santa Rita através da aquisição de veículos, seja através de convênios com o Governo Federal e Estadual, assim como a utilização de recursos próprios.

0

Codevasf deverá ter escritório em Imperatriz…

Lei de autoria do senador Roberto Rocha ampliou a atuação técnica da autarquia federal para todo o Maranhão

 

Servidores da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (CODEVASF), estarão em Imperatriz entre os dias oito e doze de abril, com o intuito de analisar a viabilidade de implantação de um escritório de apoio técnico no município.

A decisão do comando da Codevasf/Brasília de enviar uma equipe técnica e instalação de um escritório em Imperatriz já foi comunicada ao prefeito Assis Ramos, por meio de um ofício assinado pelo diretor da Área de Desenvolvimento Integrado e Infraestrutura, atualmente respondendo pela presidência do órgão, Marco Aurélio Ayres Diniz.

A Codevasf é uma empresa pública destinada ao fomento do desenvolvimento regional, notadamente das regiões ribeirinhas. Inicialmente, a empresa só atuava nas bacias do São Francisco e do Parnaíba, mas com o tempo acabou se expandindo. Hoje, ela atua nos Estados de Minas Gerais, Pernambuco, Alagoas, Distrito Federal, Sergipe e Maranhão.

Em 2017, o então presidente da República, Michel Temer (PMDB), sancionou projeto de lei de autoria do senador Roberto Rocha que ampliou a área de atuação da Codevasf para 100% do território maranhense.

Antes a Companhia atuava em poucas dezenas de municípios, mas com a sanção do projeto agora todas as 217 cidades maranhenses poderão ser beneficiadas com as ações dessa que uma maior empresa pública de investimentos e ações de infraestrutura urbana e rural do país.

Foi só depois dessa ampliação do raio de atuação da Codevasf que o senador Roberto Rocha pôde viabilizar alguns convênios iniciais com a Prefeitura de Imperatriz, entre os quais os que disponibilizam recursos para a construção de aparelhos públicos considerados importantes, não só para Imperatriz, mas para toda a região. É o caso, por exemplo, da Ceasa, do Panelódromo e do Shopping Popular, obras já em fase de licitação.

0

 Hildo Rocha leva benefícios para comunidades indígenas de Grajaú…

“Deputado Hildo Rocha você está realizando o sonho de toda a população Guajajara da nossa região. Gostaria também de agradecer o apoio do Jones Braga e do prefeito Mercial Arruda pelo imenso apoio que eles nos deram para viabilizar a conquista desse trator agrícola que veio para facilitar o nosso trabalho. Agora nós vamos produzir mais e melhor”.

Com essas palavras, o Presidente da Associação Comunitária Cacique Virgulino, Ewerton Bento Guajajara, resumiu o sentimento das comunidades indígenas que foram beneficiadas com a doação de uma patrulha mecanizada, composta por trator, grade aradora e demais implementos utilizados em atividades agrícolas.

Recursos federais

O equipamento foi adquirido pela Codevasf com recursos federais provenientes de emenda parlamentar do deputado Hildo Rocha. A entrega aconteceu domingo, na Aldeia Morro Branco, em Grajaú. Participaram do ato o deputado federal Hildo Rocha; o superintendente da Codevasf, Jones Braga; o prefeito Mercial Arruda; os vereadores Adenildo Rodrigues; Anselmo Barros; Neto Carvalho, Wellington da Expoagra e o ex-vereador Telmiston Carvalho.

Também participaram do evento o Secretário Municipal da Agricultura, Elson Rodrigues; a Superintendente de Assuntos Indígenas, Alessandra Benta Guajajara; o Cacique da Aldeia Morro Branco, Sebastião Bento Guajajara e o presidente da Associação contemplada com o equipamento, Ewerton Bento Guajajara.

“Deputado Hildo Rocha, hoje estamos mais felizes do que nunca, por lhe receber aqui na nossa comunidade. Mais felizes ainda estão os nossos amigos indígenas que estão recebendo essa conquista que veio para facilitar o trabalho e melhorar a vida daqueles que trabalham na agricultura”, destacou o vereador Adenildo Rodrigues.

“Queremos agradecer a entrega  dessa máquina tão importante para as comunidades indígenas do nosso município. Esse equipamento foi comprado com recursos de emenda parlamentar do nosso deputado Hildo Rocha que é um parlamentar trabalhador, atuante que veio trazer esse benefício para o nosso povo. Agora nós temos mais recursos para trabalhar com menos sofrimento e também vamos produzir muito mais”, destacou o líder político Telmiston Carvalho.

Oportunidades aos indígenas

O deputado Hildo Rocha ressaltou que a chegada da máquina representa uma oportunidade para que os indígenas possam trabalhar e mostrar que eles também são trabalhadores e sabem produzir bem, desde que tenham as condições necessárias.

“Os indígenas precisam de oportunidades. É isso que estou fazendo, criando oportunidades de crescimento. Essa máquina, com seus respectivos equipamentos, viabilizada por mim é uma oportunidade para que os guajajaras possam produzir com tecnologia e assim melhorar a produtividade e, consequentemente, aumentar a sua renda. Inicialmente o prefeito Mercial vai ajudar a fazer com que essa Patrulha Mecanizada trabalhe corretamente propiciando muitas alegrias para toda a população guajajara que mora na Aldeia Barro Branco. Tenho certeza que em breve os nossos irmãos indígenas irão dizer: esta mandioca nós estamos colhendo por causa de um trator que o deputado Hildo Rocha lutou para trazer para ajudar a gente a produzir com menos esforços, maior quantidade e mais qualidade”, enfatizou Hildo Rocha.

Gratidão e reconhecimento

O prefeito Mercial Arruda destacou o trabalho que o deputado Hildo Rocha tem feito em prol dos municípios maranhenses.

“Hildo Rocha é um amigo, um parceiro, um lutador. Poucos parlamentares maranhenses tem trabalhado tanto em favor das comunidades indígenas do nosso estado e em favor dos produtores rurais quanto o deputado Hildo Rocha. Somos gratos por mais essa ação em prol da população de Grajaú”, afirmou Arruda.

0

Hildo Rocha viabiliza fábrica de beneficiamento de mandioca em Cantanhede…

Construção da fábrica comunitária, garantida por emenda do parlamentar maranhense, já foi iniciada pela Codevasf

 

Hildo Rocha com aliados e representantes da Codevasf na entrega da Ordem de Serviço da obra

O deputado federal Hildo Rocha destinou emenda para financiar a construção de uma pequena indústria de beneficiamento de mandioca que irá melhorar as condições de trabalho dos produtores da região da Garrafinha, no município de Cantanhede. 

A autorização para o início da obra foi assinada durante ato coordenado por Jones Braga, Superintendente da Codevasf, empresa federal responsável pela execução do empreendimento. Também participaram do evento o deputado Hildo Rocha; o prefeito Marco Antonio Ruivo; secretários municipais; vereadores; a presidente da Associação da Garrafinha, Maria do Rosário e populares.

Hildo Rocha destacou que a unidade de beneficiamento de mandioca irá servir para centenas de trabalhadores rurais que se dedicam à agricultura familiar.

“Essa conquista é o resultado de parceria entre o governo federal, por meio da Codevasf e a prefeitura de Cantanhede. Tivemos também o apoio da Câmara Municipal. O vereador Denis Robert fez a indicação e nós conseguimos viabilizar emenda para a implantação da obra que irá beneficiar a comunidade da Garrafinha”.