1

Neto vai com Braide e leva aliados do DEM, do PDT e do MDB

Ex-candidato a prefeito, que reúne mais de 80 mil votos, afirmou na manhã desta quarta-feira, 18, que seguirá com o candidato do Podemos após conversar com seu grupo político e incluir algumas de suas propostas no plano de governo

 

Ao lado de pedetistas, democratas e emedebistas, Neto afirma que Braide é a melhor opção no segundo turno

O deputado estadual Neto Evangelista (DEM) declarou nesta quarta-feria, 18, apoio ao candidato do Podemos Eduardo Braide, no segundo turno das eleições de São Luís.

– Decidi, junto com meu grupo político, que a partir deste momento, o 25 será 19 nas eleições de São Luís – declarou o parlamentar.

É o segundo ex-candidato que declara apoio a Braide nesta quarta-feira; mais cedo, o também deputado Dr. Yglésio (ex-Pros) declarou apoio ao 19.

Terceiro colocado no primeiro turno, Neto declarou que jamais se esconderia do processo e que continuaria ativo, honrando os mais de 80 mil votos recebidos na capital maranhense. 

Em seu pronunciamento de apoio, o ex-candidato democrata reuniu deputados, vereadores eleitos, ex-candidatos e lideranças do DEM, PDT, PTB e MDB.

Num sinal claro de que essas legendas também devem ir coim o 19…

6

PDT e DEM no segundo turno apontam para 2022

Mesmo ainda sem declarar oficialmente apoio ao candidato do Podemos, Eduardo Braide, partidos ligados ao senador Weverton Rocha sabem que seu posicionamento indica caminhos e cenários para a sucessão do governador Flávio Dino

 

Weverton e seus aliados no PDT, no DEM e até no PCdoB ainda não se posicionaram sobre o segundo turno em São Luís

Passados três dias do primeiro turno das eleições de São Luís, o posicionamento eleitoral do PDT e do DEM é cercado de forte expectativa na classe política e na imprensa.

Mas a tendência é que, ainda que se declarem neutros, as duas legendas penderão para o candidato do Podemos, Eduardo Braide; por motivos óbvios.

Tanto o PDT quanto o DEM têm fortes ligações com o senador Weverton Rocha que, agora mais do que nunca, precisa marcar posição sobre as eleições de 2022.

Sobretudo pelo fato de que muita gente aposta que ele vá desistir em favor do vice-governador Carlos Brandão (PRB), apoiador de Duarte Júnior (Republicanos).

O senador levantou a bandeira do PDT em todo o maranhão e conseguiu eleger 42 prefeitos, o maior número dentre todos os partidos

Com 42 prefeitos do PDT eleitos no dia 15 de novembro – a maior bancada dentre todos os partidos – Weverton precisa mostrar força após seu candidato não ir para o segundo turno em São Luís.

Seus aliados sabem que apoiar Duarte Júnior neste momento é capitular da candidatura de 2022 em favor de Brandão.

E como em política ninguém se suicida, o senador pedetista não Jogaria a toalha faltando ainda dois anos para a sucessão de Flávio Dino (PCdoB).

É aguardar, portanto, o posicionamento de PDT e DEM…

5

Com lideranças de várias correntes, Neto ganha volume de campanha

Candidato do DEM a prefeito de São Luís é o que tem em torno de si o maior grupo de apoio – do PDT ao PSL; do MDB ao PTB – o que, na prática, dá garantias de governabilidade em uma eventual gestão

 

Símbolo do poder de agregação de Neto Evangelista, esta imagem reúne a maior parte das correntes que o apoiam nas eleições de São Luís

A foto acima é um símbolo da força político-eleitoral do candidato do DEM prefeito de São Luís, Neto Evangelista. 

Nela estão o deputado estadual Roberto Costa, vice-presidente e coordenador eleitoral do MDB; deputado estadual Wellington do Curso, ex-pré-candidato do PSDB; vereador Marquinhos, do DEM e o presidente da Câmara Municipal, Osmar Filho, do PDT.

Em sua campanha, Neto Evangelista conta ainda com o apoio do PTB e do PSL; também tem secretário da gestão do prefeito Edivaldo Júnior (PDT) e boa parte dos auxiliares do governo Flávio Dino (PCdoB).

Na prática, essa reunião de lideranças das mais variadas tendências e posicionamentos políticos dá a Neto o poder de governabilidade em uma eventual gestão.

O deputado estadual é o candidato com o maior poder de agregação na atual disputa em São Luís.

E essa reunião de contrários já está fazendo a diferença no volume de campanha nas ruas.

O que pode ser fundamental para o resultado do primeiro turno…

0

Com apoio a Neto, Wellington deve deixar o PSDB…

Após declarar apoio à candidatura de Neto Evangelista em São Luís, deputado tucano ase prepara para as eleições de 2022, quando deve disputar vaga na Câmara Federal; DEM ou PDT podem ser destino partidário

 

Agora envolvido diretamente na campanha do colega Neto Evangelista à Prefeitura de São Luís, o deputado estadual Wellington do Curso (PSDB) já prepara novo destino partidário.

Ele vai estar presente diretamente na campanha de rua do candidato democrata nestes últimos 30 dias de campanha, numa espécie de teste da sistemática política do grupo liderado por DEM e PDT.

E é um destes dois partidos o destino mais provável do deputado tu´cano, que foi alijado do processo eleitoral de São Luís pelo próprio PSDB.

Aio analisar o perfil dos candidatos antes de decidir pelos eu apoio, Wellington afirmou que pretendia ajudar a levar o escolhido ao segundo turno.

E garante não ter dúvidas de que Neto Evangelista estará no segundo turno…

1

DEM e MDB fazem aliança em Imperatriz…

O vice-presidente estadual do MDB e coordenador das eleições 2020, deputado Roberto Costa participou ontem (16), ao lado do presidente estadual do DEM, deputado federal Juscelino Filho, da convenção que oficializou a candidatura de Assis Ramos à prefeitura de Imperatriz.

O candidato do DEM vai concorrer à reeleição, desta vez, trazendo como seu companheiro de chapa e candidato a vice, o empresário Francisco Soares (MDB), o Franciscano, que é uma grande liderança do MDB na cidade.

Franciscano trabalha no ramo de agricultura e pecuária da região, além de ser um nome forte e reconhecido por seu trabalho na região tocantina. Franciscano já foi presidente do Sindicato Rural de Imperatriz e presidente da Associação Comercial.

A aliança entre esses dois grandes partidos políticos tem o objetivo de trazer ainda mais benefícios para a população e fazer com que a cidade de Imperatriz cresça cada vez mais.

“Estamos oficializando essa aliança entre o DEM e o MDB em Imperatriz. Mais que um gesto político, é uma demonstração de união de forças em benefício da cidade. Com essa união, com a ajuda e o engajamento de todos, chegaremos à vitória”, declarou Roberto Costa.

Para o deputado federal Juscelino Filho (DEM) a convenção confirmou que Imperatriz caminha no rumo certo.

“Precisamos continuar ajudando Imperatriz, esta cidade que a segunda maior do Maranhão. A aliança feita entre o DEM e MDB demonstra a responsabilidade do prefeito Assis Ramos na administração de Imperatriz. Além de mostrar a força desta chapa que sem dúvida alguma, sairá vitoriosa”, concluiu Juscelino.

2

“Seria um prazer tê-lo conosco”, diz Neto, sobre Wellington

Candidato do DEM a prefeito de São Luís elogia o colega deputado estadual e diz que mantém diálogo para sua participação na coligação, que reúne DEM, PDT, PTB, MDB e PSL

O candidato do DEM a prefeito de São Luís, Neto Evangelista, confirmou nesta sexta-feira, 11, que mantém diálogo com o colega deputado estadual Wellington do Curso (PSDB) com vistas às eleições de novembro.

– O deputado Wellington amadureceu muito ao longo do seus mandatos, politicamente falando; e para mim seria um prazer tê-lo conosco – afirmou Evangelista.

Wellington ocupava a segunda posição nas pesquisas de intenção de votos – disputando com o próprio Neto e com Duarte Júnior (Republicanos) mas teve a candidatura retirada unilateralmente pelo seu partido.

Desde então, vários grupos tentam atraí-lo, diante do seu cacife de algo em torno de 10%. 

Neto Evangelista garante que buscará o diálogo com o colega tucano até que se esgotem todas as possibilidades.

– A gente mantém um diálogo permanente. Assim como fizemos com a nossa coligação, mantemos com o deputado Wellington também – completou.

3

Com MDB, Neto constrói a maior coligação em São Luís…

Juntando, além do partido de Roseana Sarney também o PTB, PDT e PSL, candidato do DEM a prefeito da capital maranhense terá o maior tempo na propaganda eleitoral e a maior estrutura de militância partidária para tentar chegar ao segundo turno

 

Neto com representantes do MDB, do PDT e do DEM: chapa eclética e poderosa para brigar pela eleição

O deputado estadual Neto Evangelista passou praticamente todo o primeiro semestre em silêncio sobre as eleições de novembro.

Mas mantinha intensa articulação nos bastidores, que garantiu a ele a maior estrutura partidária, o maior tempo na propaganda eleitoral e a maior volume de militância política dentre todos os candidatos a prefeito. 

Com MDB, PTB, DEM, PDT e PSL Neto reúne nomes do peso da ex-governadora Roseana Sarney (MDB), do senador Weverton Rocha (PDT), dos deputados federais Pedro Lucas Fernandes (PTB), Hildo Rocha (MDB), João Marcelo (MDB), Juscelino Filho (DEM), Gil Cutrim (PDT), além dos presidentes da Câmara Municipal, Osmar Filho, e da Famem, Erlânio Xavier (ambos do PDT).

Sem falar no apoio entusiasmado do deputado estadual Roberto Costa, que lutou desde o ano passado pela entrada no MDB no projeto.

A aliança tem um objetivo: levar Neto ao segundo turno em São Luís com a menor diferença entre ele e Braide.

Mas há quem ache que pode até virar já no primeiro.

É aguardar e conferir…

0

Confirmada em Salvador, chapa DEM/PDT pode se repetir em SLZ

Pedetistas declararam apoio ao candidato democrata Neto Evangelista ainda em 2019, com o mesmo aval nacional dado na capital bahiana pelo prefeito ACM Neto e confirmado pelas lideranças pedetistas Carlos Lupi e Ciro Gomes

 

Principal expressão nacional do DEM, ACM Neto veio pessoalmente a São Luís para dar aval à aliança de Neto Evangelista com o PDT

Um indicativo de como pode ser a aliança em torno do deputado estadual Neto Evangelista (DEM) em São Luís foi confirmado ontem, em Salvador, quando o DEM convidou oficialmente o PDT a indicar o vice do candidato Bruno Reis.

A indicação, a pedido do prefeito ACM Neto, teve o aval do presidente pedetista Carlos Lupi e do presidenciável do partido, Ciro Gomes. (Saiba mais aqui)

ACM Neto, que preside o DEM nacionalmente, é o principal avalista da aliança entre o partido e o PDT também na capital maranhense.

Oficializado há duas semanas, o apoio do PDT a Neto Evangelista se consolidou ainda em 2019.

Apesar de ter nomes para compor a chapa do democrata, os pedetistas nunca fecharam questão, abrindo espaços para discussão com PTB e PSL, já confirmados na coligação.

Mas o convite ao PDT bahiano feito pelo próprio ACM Neto – que teve forte influência na entrada de Evangelista do DEM – pode pesar em favor do PDT.

Sobretudo com vistas ao projeto nacional das duas legendas para 2022…

1

Juscelino Filho vai coordenar campanha de Neto Evangelista…

Presidente regional do DEM, deputado federal vai articular as alianças em torno do candidato do partido, que terá importante participação de aliados do prefeito de Salvador, ACM Neto, referência em gestão no Brasil

 

Juscelino Filho contará com auxílio luxuoso de auxiliares do melhor prefeito do Brasil, ACM Neto, na condução da campanha de Evangelista

Caberá ao deputado federal Juscelino Filho a coordenação-geral da campanha de Neto Evangelista a prefeito de São Luís.

Juscelino é presidente regional do DEM e vai articular as alianças partidárias, ao lado de lideranças do PDT.

A equipe de Neto Evangelista deve ter também a participação de auxiliares e aliados do prefeito de Salvador, ACM Neto, principal referência em gestão no Brasil.

Com o comando geral da campanha nas mãos de Juscelino Filho, o senador Weverton Rocha (PDT) atuará diretamente na campanha de rua, com a mobilização da militância pedetista e de aliados, principal trunfo da candidatura.

De acordo com as pesquisas, Neto Evangelista disputa a segunda colocação, dividindo com outros candidatos as chances de chegar ao segundo turno.

1

Apoio do MDB a Assis Ramos encaminha projeto do partido em 2020

Prefeito que está do DEM formará aliança com o partido pelo qual se elegeu em 2016 – que indicará seu vice – num movimento que deve se repetir em diversos outros colégios eleitorais, incluindo também o PDT, num esboço do que será em 2022

 

As lideranças do MDB participaram do encontro de apoio a Assis Ramos, que fortalece seu projeto de reeleição em Imperatriz

O apoio do MDB à reeleição do prefeito de Imperatriz, Assis Ramos (DEM), aponta para duas questões neste processo eleitoral de 2020 em todo o Maranhão.

Em primeiro lugar, a  aliança com o DEM consolida o favoritismo de Assis Ramos no segundo maior colégio eleitoral do Maranhão, ampliando consideravelmente as chances do prefeito, agora com um vice emedebista, o pecuarista Francisco Soares, o Franciscano.  

Em segundo lugar, a coligação MDB/DEM em Imperatriz sugere o caminho a ser seguido pelo partido agora coordenado pelo deputado estadual Roberto Costa nas eleições municipais de 2020, acenando também para 2022.

Roberto Costa articula também com o PDT o senador Weverton Rocha, num projeto que pode desembocar nas eleições de 2022

A aliança com o DEM – que deve se repetir em São Luís, na candidatura do deputado Neto Evangelista, incluindo também o PDT – é um desenho do que pretende o MDB nas eleições deste ano.

E ao que tudo indica, a prioridade será fechar compromissos com DEM e PDT na maior parte dos colégios eleitorais.

Aliança que tende, pelo menos, voltar a discutida nas eleições de 2022…