3

Alianças de peso garantem Weverton no segundo turno e acirra disputa entre Brandão e Lahésio…

Palácio dos Leões tem agora muito mais trabalho para evitar que a segunda vaga seja ocupada pelo ex-prefeito bolsonarista, que vem ameaçando sistematicamente o candidato oficial, ainda internado, fora da campanha e sem previsão de retorno ao Maranhão

 

As alianças com Josimar, Maura Jorge e Eduardo Braide fortalecem amplamente as chances de Weverton no segundo turno das eleições

O senador Weverton Rocha consolidou, em três movimentos distintos nos últimos trinta dias, sua presença no segundo turno das eleições maranhenses:

1 – a aliança com o deputado federal Josimar Maranhãozinho (PL) garantiu ao pedetista espaço considerável na região da BR-316 e do Alto Turi, além de consolidar aliança em São José de Ribamar, com o Dr. Julinho (PL);

2 – o apoio da prefeita Maura Jorge (PSDB) levou ao palanque de Weverton lideranças de todo o Maranhão, mas, sobretudo, da Região dos Lagos, onde ela tem forte influência política;

3 – A participação oficial do prefeito de São Luís Eduardo Braide (sem partido) dá ao senador do PDT a estrutura e a base política necessárias para travar em igualdade de condições a disputa pelo voto na capital maranhense, avançando sobre áreas de influência do governo.

Para qualquer analista sensato, não há mais nenhuma dúvida de que Weverton cravou sua vaga no segundo turno das eleições.

A questão agora é saber quem vai enfrentá-lo.

Com o governador-tampão Carlos Brandão (PSB) ainda enfermo e afastado da rotina política – ainda sem previsão de alta e vivendo sob a ameaça de ser trocado pelo pré-candidato a vice Felipe Camarão (PT) – as chances de o candidato bolsonarista Dr. Lahésio Bonfim (PSC) alcançá-lo é cada vez mais real.

O blog Marco Aurélio D’Eça já havia antecipado, ainda em abril, que o jogo do Palácio dos Leões em favor de Lahésio criaria uma ameaça ao próprio Carlos Brandão; esta análise foi feita no post “Palácio dos Leões começa a se preocupar com Lahésio Bonfim…”

À época, ainda nem se cogitava que Brandão pudesse estar acometido de doença nos rins, o que só piorou sua situação.

Já agora em junho, diante de números de pesquisas desfavoráveis a Brandão, este blog voltou a cravar: “Em crescimento, Dr. Lahésio vira drama para o Palácio dos Leões…”

A disputa pela segunda vaga num segundo turno contra Weverton será, portanto, travada duramente entre Carlos Brandão e Dr. Lahésio Bonfim.

É aguardar e conferir…