0

No comando do DEM, Evangelista fortalece projeto de 2020…

Deputado estadual que é pré-canditado a prefeito de São Luís vai comandar o diretório municipal da legenda, pela qual pretende concorrer à sucessão do prefeito Edivaldo Júnior

 

COM STÊNIO E JUSCELINO, NETO EVANGELISTA GARANTE O CONTROLE DO DEM e fortalece seu projeto em São Luís

O deputado estadual Neto Evangelista deu mais um passo no fortalecimento do seu projeto de disputar a Prefeitura de São Luís em 2020.

Ele assumiu o comando da Executiva Municipal do Democratas em São Luís.

– Com muita honra, fui eleito presidente da Executiva Municipal do Democratas em São Luís. O partido vive um momento diferente no país e estamos nessa corrente para fortalecer ainda mais a legenda na capital. Meus agradecimentos a todos pela confiança – disse.

A posse de Evangelista no DEM fortalece seu projeto em duas frentes principais:

1 – garante o apoio do deputado federal Juscelino filho, que já decidiu que o DEM terá candidato próprio;

2 – amigo pessoal do senador Weverton Rocha (PDT), Juscelino trabalha, ele próprio, para garantir a aliança com os pedetistas nas eleições municipais. (Saiba mais aqui, aqui e aqui)

EVANGELISTA TEM ARTICULADO PESSOALMENTE, tanto com o PDT, de Osmar Filho, quanto com o PTB, de Pedro Lucas

Além de Neto Evangelista, a nova composição da Executiva Municipal do Democratas em São Luís terá Rogério Cafeteira (vice-presidente), Naylton Flávio Araújo (secretário-geral), Marcos Almeida dos Santos (tesoureiro), Felipe Camarão (membro), Fernando Fialho (membro), Francisco Bezerra Júnior (membro) e Stênio Rezende (membro).

0

Eduardo Braide deve permanecer no PMN até o ano que vem…

Apesar dos acenos de vários partidos, o deputado federal decidiu ganhar mais tempo em sua própria legenda; e não descarta, inclusive, concorrer por ela em 2020

 

LÍDER NAS PESQUISAS DE INTENÇÃO DE VOTOS, EDUARDO BRAIDE deve protelar sua decisão sobre partido

Com acenos de diversos partidos – incluindo PR, Podemos, DEM, PSD e outros – o deputado federal Eduardo Braide pretende passar este primeiro ano de mandato na Câmara filiado ao seu PMN.

Bem colocado nas pesquisas de intenção de votos sobre a sucessão em São Luís, o parlamentar decidiu aguardar até dezembro para decidir-se sobre o futuro partidário.

Com convites do PR, do PSD e até do DEM, Braide pediu tempo às lideranças estaduais dessas legendas; e deve decidir-se somente em dezembro.

Algumas questões dificultam a relação entre o deputado e algumas legendas, a exemplo do DEM, que tem o deputado Neto Evangelista como pré-candidato a prefeito.

Neste aspecto, o namoro com o PSD e o PR deve se prolongar, uma vez que as duas legendas querem se posicionar bem no processo eleitoral de 2020.

E não se descarta, sequer, que Braide permaneça no PMN, em uma aliança com essas duas legendas em São Luís.

Mas esta é uma outra história…

5

Quem é quem na disputa pela Prefeitura de São Luís…

Primeira pesquisa de intenção de votos sobre a corrida sucessória na capital maranhense – faltando ainda 21 meses para o pleito – mostra quem tem chances e quem deve patinar até outubro de 2020

 

EDUARDO BRAIDE SEGUE FIRME NA LIDERANÇA EM SÃO LUÍS, mas ainda precisa definir futuro partidário e estrutura política

O blog de Diego Emir trouxe nesta segunda-feira, 11, dados da primeira pesquisa de intenção de votos sobre a eleições municipais de 2020 em São Luís.

Realizado pelo Instituto Conceito, o levantamento aponta dados já esperados e algumas surpresas. O blog Marco Aurélio D’Eça analisa agora os principais nomes.

Eduardo Braide (PMN): O deputado federal mostra-se consolidado, com índices que chegam a até 60% das intenções de voto – além de manter o favoritismo na espontânea. Caberá a Braide garantir a estrutura político-partidária; caso contrário, pode virar em 2020 o que foi Eliziane Gama (PPS) em 2016;

Wellington do Curso (PSDB): O parlamentar aparece bem entre os primeiros colocados; mas terá que vencer a desconfiança do eleitor em relação ao seu preparo técnico – que o tirou do segundo turno em 2016 – e garantir que terá a legenda tucana para a disputa;

Bira do Pindaré (PSB): é o principal nome da base governista até agora, com índices variando entre 11% e 15%; mas carece de carisma e do apoio dos demais partidos ligados ao governo Flávio Dino (PCdoB), alguns dos quais nutrem intransponível antipatia ao seu nome;

Duarte Júnior (PCdoB): uma das surpresas do levantamento, o deputado estadual do PCdoB mostra fôlego próprio, já que não tem – pelo menos até agora – sinalização de nenhuma liderança do seu grupo. Na disputa direta com Pindaré, Duarte tem a vantagem do carisma popular;

DENTRE OS CANDIDATOS GOVERNISTAS, NETO EVANGELISTA É O ÚNICO capaz de reunir o apoio de todas as lideranças do grupo

Neto Evangelista (DEM): Tecnicamente empatado com Duarte Júnior, o deputado estadual do DEM pode ser a esperança do grupo liderado por Flávio Dino e pelo prefeito Edivaldo Júnior (PDT), já que reúne a simpatia de todas as lideranças.

Osmar Filho (PDT): o desempenho do presidente da Câmara Municipal reforça a ideia de que o partido do senador Weverton Rocha terá mesmo que buscar outras alternativas se quiser se manter no poder na capital maranhense. A tendência é que os pedetistas apoiem outras candidaturas;

A pesquisa Conceito traz também dados importantes na pesquisa espontânea.

A presença da ex-governadora Roseana Sarney (MDB) e da senadora Eliziane Gama mostram que elas mantém seu nicho eleitoral em São Luís, independentemente dos últimos resultados.

Outra constatação: os deputados Adriano Sarney (PV) e Rubens Pereira Júnior (PCdoB) terão imensa dificuldades de se viabilizar.

Mas, repita-se, ainda faltam mais de 20 meses para a eleição…