2

Que hospital, Flávio Dino?!?

Governador diz à Folha de São Paulo que está construindo ou concluindo 10 novas unidades de saúde, mas ninguém – nem mesmo no governo – disse onde eles estão. A menos que estejam falando das obras do ex-secretário Ricardo Murad, já concluídas desde o ano passado

Na recente entrevista que deu à Folha de S. Paulo, o governador Flávio Dino (PCdoB) saiu-se com esta:

– Estamos construindo ou concluindo 10 novos hospitais. (Veja vídeo aqui)

Às 14h54 desta segunda-feira, este blog encaminhou, via WhatsApp as seguintes perguntas para os secretários Márcio Jerry, da Articulação Política, e Robson Paz, da Comunicação:

– Onde estão os hospitais que Flávio Dino está “construindo ou concluindo”? Quando as obras começaram? Quando serão concluídas? Que tipo de hospitais são? Quanto está custando cada um e o total de todos? Aguardo resposta…

Apenas Márcio Jerry respondeu, mas só para encaminhar o celular do secretário de Saúde, Marcos Pacheco, como se dissesse que a responsabilidade pelas explicações será dele.

Este blog encaminhou também para Pacheco as mesmas perguntas feitas a Jerry e Robson.

Até agora nada…

10

Murad afirma: foi o próprio Dino quem parou obra de hospital…

Em sua página no Facebook, ex-secretário de Saúde diz que governador prejudica população de Rosário porque entende que o município não precisa de um hospital macrorregional

 

O ex-secretário de Saúde Ricardo Murad (PMDB) afirmou hoje que uma simples visita à obra é suficiente para comprovar o que estava sendo feito na construção do Hospital Macrorregional de Rosário, até jaeiro, quando, segundo ele, os serviços foram paralisados na gestão do próprio governador Flávio Dino (PCdoB).

 – Foram realizadas quatro medições na obra, que resultaram no pagamento total de R$ 4.856.696,10, em valores faturados em dois grupos de serviços, cuja efetiva execução pode ser facilmente comprovada, numa simples visita à obra e aos registros da Secretaria de Estado da Saúde  – justificou o parlamentar, em Nota de Esclarecimento.

Em matéria publicada no jornal O Imparcial, a gestão de Flávio Dino (PCdoB) acusou Murad de ter pago por um hospital que não saiu do papel.

Em seu perfil no Facebook o ex-secretário detalhou todo o croorgrama da obra em sua gestão e publicou fotos da real situação do hospital, em janeiro, quando Flávio Dino assumiu o governo.

– A obra está abandonada desde janeiro de 2015, com mato já crescendo sobre os aterros executados, por isso as fotos divulgadas pelo governo não mostra a terraplenagem já feita – afirmou Murad.

Ele explicou ainda que o valor total do contrato era de R$ 18.281.624,49 e as medições que justificaram os valores faturados podem ser facilmente comprovadas pela empresa gerenciadora do BNDES. E afirma: “Não há possibilidade contratual de pagamentos terem sido feitos sem a aprovação da Gerenciadora do BNDES”.

– Por fim, afirmo que todos os preços praticados pela SES sob a minha gestão, em todas as obras de reforma, ampliação e construção de unidades de saúde, são do sistema SINAPI, da Caixa Econômica Federal. Não há, portanto, qualquer base para acusação de superfaturamento dessas obras – concluiu Murad.

2

Pacientes terão que denunciar proibição a acompanhantes em hospitais do estado…

Uma semana depois de este blog divulgar informação de que as unidades de saúde do Governo do Estado estão proibindo a presença de acompanhantes de pacientes – a exceção de crianças até 12 anos e idosos com mais de 60 – a Secretaria de Comunicação finalmente emitiu uma nota sobre o tema. (Releia aqui)

proibiçãoE negou que tenha havido a proibição, apesar das imagens claras dos avisos afixados nas paredes de uma das unidades.

Mas a própria nota põe em dúvida a negativa quando pede aos próprios pacientes que denunciem a prática.

– A SES reitera que qualquer paciente que seja impedido de ter acompanhante em qualquer unidade de saúde estadual, entre em contato com a ouvidoria da secretaria por meio do número 160 – diz o comunicado.

O documento da Secom nada diz sobre os cartazes afixados nos hospitais e publicado neste blog.

Ou seja, é um recuo disfarçado de negativa.

Mas um recuo, mesmo assim...

3

PCdoB impõe listas para empregos em hospitais, denuncia Murad…

O ex-deputado Ricardo Murad publicou agora à noite em seu perfil no Facebook uma lista de militantes do PCdoB indicado para o Hospital Geral de Peritoró.

– Vergonha. Saúde viuolentada. Emprego nos hospitais só para quem entrar na lista do PCdoB. Olhem a esculhambação em que se transformou o governo Flávio Dino – denunciou o ex-secretário.

A lista tem o timbre do PCdoB de Peritoró:

bomba

4

Hospital geral de Barreirinhas será inaugurado quarta-feira…

O Hospital Geral de Barreirinhas será entregue quarta-feira pelo secretário de Saúde, Ricardo Murad.

Vocês vão ver que hospital! – anuncia Murad, em seu perfil na rede de relacionamentos Facebook.

O secretário mostra grande otimismo e empolgação ncom o hospital, que faz parte do programa “Sáude É Vida”, em implantação no Maranhão.

A parte do programa em parceria com o Governo Federal foi toda concluída no início do mês, com a entrega das últimas das dez Unidades de Pronto Atendimento (UPA), no interior.

O programa Saúde É Vida prevê também a entrega de vários outros hospitais de urgência e emergência em vários municípios…

5

Washington participa de série de inagurações na área da Saúde…

Washington representa Roseana nas inaugurações da Saúde

O governador em exercício, Washington Oliveira (PT) acompanha o secretário de Saúde, Ricardo Murad, em uma série de inaugurações no setor, até sexta-feira.

A primeira inauguração acontece nesta terça-feira, às 10 horas, com a entrega do Centro de Ação Psicosocial Dr. Bacelar Viana, no Monte Castelo, próximo ao Hospital Nina Rodrigues.

Até o final desta semana, serão entregues também o Serviço de Pronto Atendimento (SPA) do Hospital Nina Rodrigues, o Centro de Especialidades Médicas (CEM) da Cidade Operária e 25 novos leitos de Unidades de Cuidados Intermediários (UCI) e 10 de Unidades de Terapia Intensiva (UTI) no Hospital Estadual de Alta Complexidade Carlos Macieira.

A obras fazem parte do pograma Saúde é Vida, do governo Roseana Sarney (PMDB).

Com as inaugurações no setor de psquiatria, o governo inaugura a mudança no sistema de atendimento a pacientes com trasntornos psiquicos.

Com 4 consultórios, oferecendo serviços ambulatoriais nas áreas de clínica médica, ginecologia, gastroenterologia, pediatria, ortopedia, cardiologia, otorrinolaringologia, neurologia, pneumologia, odontologia, geriatria, proctologia e exames de ultrasonografia, o Centro de Especialidades Médicas da Cidade Operária atenderá moradores de bairros adjacentes como Cidade Olímpica, Residencial Olímpica, Janaína, Vila Brasil, Santa Efigênia, Jardim América, Jeniparana, J. Lima, Jardim Tropical, Kiola, Maiobinha e Vila São Luis.

Todas as inaugurações,m até sexta-feria, ocorrerão sempre as 10 horas da manhã.

E sempre com a presença do governador em exercício, que também é pre-candidato do PT a prefeito de São Luís.

5

Presente de grego para Marcelo Tavares…

A presença do secretário de Saúde, Ricardo Murad, hoje, na Assembléia Legislativa, é uma espécie de presente de grego para o líder da bancada de oposição, Marcelo Tavares (PSB), aniversariante do dia.

Ontem, Tavares dava sinais de que não queria a audiência com Murad – pelo menos nos moldes definidos pela Assembléia.

Mas até que o líder oposicionista não se saiu mal.

Com dados oficiais, ele demosntrou que houve várias dispensas de licitação na pasta e apontou alguns pontos polêmicos nas obra dos hospitais no interior do estado.

Ricardo deve ouvir outros parlamentares antes de responde aos questionamentos.

A audiência continua na Assembléia Legislativa e deve terminar lá pelo final da tarde…

9

Empresas fazem cadastro de enfermeiros para atuar nos hospitais do estado…

Hosptial Carlos Macieira é um dos que absorverão enfemeiros

As empresas Associação Tocantina Bem Viver e o Instituto Cidadania e Natureza (ICN) começam a receber, a partir de sexta-feira, currículo de enfermeiros e técnicos de enfermagem para formar cadastro reserva.

Os profissionais comporão o quadro de funcionáios das unidades de saúde da rede estadual que estão sob gestão das duas empresas.

A seleção será feita no Hotel Praia-Mar, na Ponta D’Areia, a partir das 9h desta sexta-feira.

Os pofissionais terão que comprovar as seguintes especialidades:

– experiência em UTI e emergência (atendimento de parada cardiorrespiratória, manuseio de ventilação mecânica, controle de balanço hídrico, monitorização invasiva e todos os cuidados necessários à assistência de enfermagem a pacientes graves);

– experiência em UCI (cuidados com sondas, pacientes crônicos, acamados, traqueostomizados, que tomam banho no leito e com dietas enterais);

– experiência em clínica médico-cirúrgica (cuidados com drenos, sondas, fístulas, curativos limpos e infectados, cálculo e administração de medicação pelas vias oral, venosa, tópica, intramuscular e intradérmica).

Só profissionais com experiência comprovada serão cadastrados…

6

Não faz e não quer deixar fazer: Castelo atrasou em um ano conclusão da UPA entregue hoje pelo governo

O secretário de Saúde, Ricardo Murad, revelou hoje que a Unidade de Pronto Atendimento da Cidade Operária poderia ter sido entregue há mais tempo, se o prefeito João Castelo (PSDB) não tivesse embargado a obra, da mesma forma como faz com a Via Expressa.

– Castelo não quer apenas a Via Expressa. Ele também não quer a UPA. Mas nós estamos aqui entregando, hoje, mesmo com o atraso imposto por ele – declarou Murad, durante a solenidade de entrega.

O secretário exibiu cópias dos documentos com os quais o prefeito João Castelo tentou impedir a construção da UPA.

A obra começou oficialmente em 12 de março de 2010, mas o Alvará da Prefeitura só foi liberado em 11 de março de 2011, e mesmo assim, só depois de acionamento judicial.

– A gente começou a obra e ele embargou. mas governo é governo e a gente continuou. O prefeito entrou na Justiça e conseguiu Liminar. Aí tivemos que parar. Demorou um ano para a gente conseguir derrubar a Liminar na Justiça – contou Ricardo Murad.

A revelação mostra até que ponto o prefeito de São Luís está comprometido com a população de São Luís.

Em todas as áreas ele mostra apenas que não faz e não deixa fazer…

9

A turma do quanto pior, melhor…

Não se conformam os oposicionistas na Assembléia Legislativa – e seus satélites na imprensa e nas redes sociais.

Parecem ter levado um sopapo violentíssimo com as inaugurações no setor da Saúde, iniciadas esta semana pela governadora Roseana Sarney e pelo secretário Ricardo Murad.

A julgar pelos comentários deste blog – muitos com nomes falsos, pseudônimos para esconder gente do PDT, do PSB e do PCdoB – esta turma torce mesmo é para o caos no Maranhão.

Quanto pior, melhor. Para eles, é claro…

Profetas do caos, agora põem dúvida até sobre o funcionamento das unidades hospitalares, mesmo com todos os equipamentos instalados e equipe de funcionários a postos.

E se aparece um militante político mais consciente, como o petista César Soares, mostrado aqui neste blog, começam a perguntar quanto mais foram atendidos da mesma forma que ele.

Mas esta turma não vai dar o braço a torcer por que se acostumou a viver assim.

São os Dutras, os Tavares, os Lagos e seus asseclas pedetistas, pseudo-socialistas e comunistas-de-araque que há anos fazem do anti-sarneysmo um meio de vida.

Se sustentam economica e profissionalmente torcendo contra o Maranhão e seus projetos.

E não conseguem conviver com a realidade dos fatos…