0

Estádio Frei Epifânio D’Abadia é considerado apto a receber jogos nacionais

Torcedores de Imperatriz poderão acompanhar os jogos das competições locais, regionais e nacionais com total segurança

 

Laudo foi entregue aos responsáveis pelo estádio em Imperatriz

Laudo de segurança foi emitido pela Superintendência da Vigilância Sanitária do Estado (SUVISA), após vistoria nas instalações do Estádio Municipal Frei Epifânio D’Abadia, realizada na terça-feira, 5, e entregue ao titular da Secretaria Esportes Lazer e Juventude (SEDEL), Eudes Feitosa.

Esse laudo foi o último, entre todos os demais exigidos pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

Outras medidas de segurança exigidos pelo Corpo de Bombeiros, Polícia Militar e Engenharia também já foram atendidas.

Cabines de rádios, banheiros, vestiários, saídas de emergência, laterais de acesso às arquibancadas, cadeiras, sistema de combate a incêndio, elevador, setor administrativo, instalações elétricas, hidráulicas e estrutura física, passaram por inspeção.

Todas as dependências do estádio Frei Epifânio, estão aptas para equipes e torcedores acompanharem os jogos em total segurança.

Os fiscais, Roque Penha Dominici e Luis Henrique Cunha Neves, arquiteto e engenheiro respectivamente, da Superintendência da Vigilância Sanitária do Estado, vistoriaram o local.

“O laudo da Vigilância Sanitária, foi renovado para 2019 e o Frei Epifânio mais uma vez tem condições de receber jogos com segurança para torcida e todos que estarão presentes”, reiterou Roque Dominici.

A ação foi acompanhada pela secretário Esportes Lazer e Juventude-Sedel, Eudes Feitosa, bem como pelo administrador do Frei Epifânio, Cristiano Domingos Silva. O laudo da Vigilância Sanitária tem validade de 180 dias, renováveis por igual período até o final da temporada.

“Cumprimos todos requisitos, mediante orientação que cotidianamente o prefeito Assis Ramos destaca a importância de zelar pelo nosso patrimônio e, assim poder acompanhar o trabalho das equipes de vistoria com tranquilidade, e foi isso justamente o que fizemos”, destacou o secretário Eudes Feitosa.

0

Prefeitura, Coodesu e Ascamari discutem Pró-Catador em Imperatriz…

Programa visa articular os programas do Governo Federal e apoiar os catadores de materiais recicláveis no município

 

A Prefeitura de Imperatriz, por meio da Secretaria Municipal do Meio Ambiente e Recursos Hídricos, Semmarh, realizou na terça-feira, 5, reunião com os representantes da Cooperativa de Trabalho para o Desenvolvimento Sustentável, Coodesu e Associação de Catadores de Materiais Recicláveis de Imperatriz, Ascamari, para discutir sobre o desenvolvimento do programa Pró-Catador no município. O encontro aconteceu na Semmarh. 

Pró-Catador tem como objetivo integrar e articular as ações do governo federal voltadas ao apoio e ao fomento à organização produtiva dos catadores de materiais reutilizáveis e recicláveis. Ao mesmo tempo, visa melhorar as condições de trabalho desses profissionais, ampliando as oportunidades de inclusão social e econômica e expandindo a coleta seletiva de resíduos sólidos, a reutilização e a reciclagem.

Com isso, a secretária do Meio Ambiente, Rosa Arruda, enfatiza que esse programa veio para fortalecer as entidades ligadas a reciclagem, como também, impulsionar a coleta seletiva no município. “Tudo que vier dos governos federal e estadual pra somar é bem-vindo.  E nossa secretaria está aqui para apoiar, dando todas as condições para que a coleta seletiva e as organizações que fazem esse serviço acontecer, desempenhem bem o seus devidos papéis, melhorando assim, a qualidade de vida tanto da população, quanto das pessoas que dependem desses incentivos”, destacou.

O programa prevê ações nas áreas de capacitação, formação, assessoria técnica, incubação de cooperativas e empreendimentos sociais solidários, pesquisas e estudos sobre o ciclo de vida dos produtos e a responsabilidade compartilhada, aquisição de equipamentos, máquinas e veículos, implantação e adaptação de infraestrutura física e a organização de redes de comercialização e cadeias produtivas integradas por cooperativas e associações de trabalhadores.

“Esse encontro esclareceu sobre o funcionamento do programa. Com base nas informações coletadas e diagnóstico das potencialidades e das oportunidades, vamos desenvolver um plano de ação pra dar continuidade a proposta do programa em Imperatriz”, disse Claudia Balbino Lins, técnica da Coodesu.

Durante o encontro, presidente da Associação de Catadores de Materiais Recicláveis de Imperatriz, José Ferreira, informou que a prioridade da entidade seria a aquisição de equipamentos, dentre eles, 01 prensa de alto potência com capacidade para 75 toneladas, 01 empilhadeira elétrica e 01 computador para elaboração de planilha da produção e registro dos catadores.

“Esse momento concretiza o programa tão esperado, Pró-catador, que pode trazer benefícios para associação com os equipamentos. Essa reunião com a Secretaria de Meio Ambiente, uma grande parceira da Associação foi muito boa. Já com a Coodesu, a gente pretende avançar na questão da coleta seletiva”, enfatizou, o presidente da Ascamari, José Ferreira.

Com crescente volume de materiais coletados, por meio da coleta seletiva, equipamentos se tornam cada vez mais necessário. Só no ano de 2018, foram coletados 262.873 toneladas de resíduos recicláveis, segundo dados da planilha de acompanhamento de resíduos recicláveis na Associação de Catadores de Materiais Recicláveis de Imperatriz, Ascamari, localizada na Avenida Cacauzinho, s/n, Recanto Universitário, Vila Fiquene.

Coleta Seletiva

De acordo com a Política Nacional de Resíduos Sólidos Lei 12.305/2010, a Coleta Seletiva é obrigação dos municípios. É sistema de recolhimento de materiais recicláveis descartados por pessoas ou empresas, separados em papéis, plásticos, metais e orgânicos. Em Imperatriz já tem 15 Pontos de Entrega Voluntária – PEVs, destinados para acolher resíduos que ainda podem ser reutilizados. 

Recolhimento de materiais no município é realizado nas segundas, quartas e sextas-feiras, nas empresas parceiras e Pontos de Entrega Voluntária, PEVs. E no segmento domiciliar, materiais recicláveis devem ser separados pelos moradores e colocados na calçada para serem coletados, a partir das 7h, nas terças-feiras, quintas-feiras e sábados, seguindo o cronograma nos bairros Três Poderes, Juçara, Maranhão e Centro.

0

Imperatriz: Sinfra atua em diversas frentes de serviços pela cidade

Máquina operando em uma das frentes de trabalho em Imperatriz

A Prefeitura de Imperatriz por meio da Secretaria Municipal de Infraestrutura, Sinfra, realiza a Terraplanagem da Rua 07, no Parque Alvorada. Além disso, de forma imediata foi executada a limpeza da  via pública e reforçada as camadas da rua para passagem de veículos.

As ações começaram na sexta-feira, 01 de fevereiro.

“Atendendo aos inúmeros apelos de alunos, moradores e funcionários da nossa escola, o nosso prefeito Assis Ramos enviou máquinas para facilitar o acesso e tráfego na Rua 07. Isso é de grande valia, aguardamos o dia em que o sonho de vê essa via asfaltada seja realizado”, afirmou Jeane Fialho, professora de Sala de Recursos Multifuncionais da Escola Frei Tadeu.

Além disso, nesta segunda-feira, 04 de fevereiro, equipes da Sinfra atuam na drenagem da Rua Bom Futuro na Vila Lobão, Rua Padre Cícero no Santa Rita, Rua Alvorada no Parque Alvorada II, Rua Paraíba no Santa Rita, Rua Euclides da Cunha, na Vila Nova, Av. Newton Bello em frente a Vila João XXIII, Ruas Maranhão e Piauí na Nova Imperatriz.

Zigomar Filho, secretário de Infraestrutura, informa outras frentes de serviço atuando em bairros de Imperatriz.

“Para as atividades de Tapa Buracos, equipes se concentram na Rua Dom Evaristo no Bom Sucesso, Rua Tancredo Neves na Vila Nova, ruas Tamandaré e Carajás no Jardim São Luís”.

Ainda segundo o secretário, todos os dias, equipes atuam para executar obras públicas, saneamento básico e edificações.

“A prioridade da gestão do prefeito Assis Ramos é dar mais qualidade de vida para a população e a Infraestrutura trabalha diariamente neste objetivo”, ressalta.

0

Imperatriz quer qualificar atendimento a pacientes de outros municípios no Socorrão

Secretaria de Saúde reuniu representantes dos municípios que têm pactuação para discutir medidas que agilizem o transporte e a entrada de pacientes no hospital

 

A Secretaria Municipal de Saúde de Imperatriz (Semus)  reuniu secretários de municípios que fazem pactuação para discutir formas de melhorias de atendimento a pacientes de outras cidades no Hospital Municipal.

A proposta foi apresentada pelo secretário Alair Firmiano e reafirmada pela direção e médico regulador do Socorrão.

– Estava faltando comunicação, o encaminhamento médico, e isso é importantíssimo para que se receba o paciente com mais agilidade, se saiba o que é urgência e o que não é urgência e assim acelerar o atendimento – explicou o titular da Semus.

A principal pauta foi a discussão sobre os avanços na regulação de pacientes de outros municípios que deverão, a partir de agora, enviar seus pacientes com o respectivo encaminhamento médico, justificativa e o quadro clínico atual antes da transferência.

A secretária de Saúde de Campestre do Maranhão, Bruna Ribeiro aprovou a reunião em que definiu como importante propor um consenso sobre a regulação de pacientes de municípios pactuados.

– Esperamos que melhore a regulação e o paciente demore menos tempo esperando a vaga no HMI a partir de agora – destacou.

A reunião da CIR é realizada todos os meses para discutir temas diversos, mas sempre comuns e de interesse dos municípios pactuados com Imperatriz.

Participaram os secretários de Saúde de Senador La Rocque, Carlos Almeida; de Montes Altos, Jeová Santana; de Campestre, Bruna Ribeiro e de Estreito, Cássio Batista.

0

Rildo Amaral deixa Câmara de Imperatriz para assumir mandato na AL…

Vereador renunciou ao mandato e se prepara para estar em São Luís na sexta-feira, 1º, a fim de tomar posse como deputado estadual e votar na eleição da Mesa da Assembleia

 

Rildo Amaral, seu suplente e aliados na Câmara de Imperatriz…

O vereador Rildo Amaral (SD), renunciou ao mandato na manhã desta terça-feira, 29.

Ele vai assumir mandato de deputado estadual na Assembleia Legislativa na próxima sexta-feira, 1º.

Com 33.239 votos, Rildo elegeu-se para o primeiro mandato de deputado estadual.

– É uma honra ser deputado nesse estado. Hoje assino minha renúncia e de imediato o Sargento Adelino toma posse, pois a cidade legalmente não pode ficar com um legislador a menos. Ele terá dois anos para trabalhar pelo município. Uma pessoa muito digna, respeitada e atuante. A Câmara Municipal vai ganhar um homem entusiasmado e cheio de gás para contribuir com Imperatriz – disse.

O suplente Adelino Oliveira Guimarães, o Sargento Adelino, tem 48 anos, é policial militar de carreira, natural de Brasília…

0

“Janeiro Branco” realiza atividades com pais de usuários do CAPs IJ em ITZ..

Ações promovidas pela Secretaria Municipal de Saúde alertam para importância dos cuidados com a saúde mental da população

 

A Secretaria Municipal de Saúde, por meio da Rede de Saúde Mental, continua desenvolvendo atividades relacionadas ao “Janeiro Branco”, campanha que alerta sobre os cuidados que a população deve tomar com a saúde mental.

Nesta sexta-feira, 25, familiares e usuários do Centro de Atenção Psicossocial Infanto Juvenil (CAPs-IJ), no Bairro Três Poderes participaram de atividades recreativas e um café da manhã.

Programação consistiu em momento de descontração, partilhas de experiências em um café da manhã com pais e usuários do serviço. Além de funcionários do CAPS IJ, também, participaram do encontro coordenadores de outros serviços que integram a Rede de Saúde Mental como forma de mostrar a unidade e linguagem comum a todos.

“Hoje oferecemos um café da manhã com pais de nossos usuários em alusão ao Janeiro Branco, e esta, também, é uma atividade terapêutica que visa a interação de todos que frequentam o serviço este mês durante ações da Rede de Saúde Mental”, observou a coordenadora do CAPS IJ, Maria Edna Oliveira.

A coordenadora da Rede de Saúde Mental, Aparecida Alves destacou que a ação teve por finalidade “promover reflexão sobre como andam suas emoções e como você está administrando os cuidados com a saúde mental”.

A campanha será encerrada com um ato público na praça de Fátima, Centro, no dia 31 de janeiro, a partir das 8h com a presença da equipe multiprofissional e autoridades.

Como ter acesso aos serviços

Qualquer pessoa pode receber atendimento na Rede de Saúde Mental. Pais e familiares podem procurar o CAPS IJ ou qualquer outro de posse de um encaminhamento feito por médicos, sejam da rede pública ou privada, ou diretamente após atendimento de profissionais dos CAPSs.

Como os serviços são do Município, é necessário que o interessado apresente documento de identidade e Cartão do SUS.

“Pode ser por demanda espontânea, não necessariamente que tenha sido encaminhado. No relato eu posso vir, se emocionalmente eu não estou me sentindo bem, estou entrado numa depressão então posso procurar o serviço direto”, detalhou Aparecida Alves.

0

Imperatriz: Guarda Municipal tem calendário para ir às ruas…

“A questão da violência urbana é nacional. O que vamos fazer é agregar às forças policiais estaduais, PM e PC, uma estrutura a mais”, diz o prefeito Assis Ramos

 

Guardas Municipais estão sendo preparados para ir às ruas de Imperatriz

“O processo é lento porque é dividido em diversas etapas seletivas, todas rigorosas, para que se elimine ao máximo qualquer possibilidade duma escolha equivocada. Os que vencerem todos os gargalos, receberão farda, armas e a responsabilidade de defender o cidadão e o patrimônio público. Estarão absolutamente em condições de fazê-lo. Na escolha, não há nenhum tempero político; é pura meritocracia”.

Quem avisa é o comandante da Guarda Municipal de Imperatriz, GMI, José Ribeiro de Oliveira, 65, que viveu 33,5 anos funções na Segurança Pública, dentro da Polícia Civil do Maranhão.

A GMI vem aí. Dos mais de 4,2 mil inscritos, 204 saíram classificados dum concurso público sobre o qual não se disse o mínimo em termos de irregularidade (coisa rara para esse tipo de evento). Dos 204, 144 venceram os rigorosos testes de aptidão física e agora estão sendo chamados para avaliações médicas e psicológicas.

Por fim, se submeterão a um processo minucioso de investigação social, aquele em que se analisam e se conferem a autenticidade de todas as certidões fornecidas e de todas as declarações prestadas nos formulários já preenchidos. Dos que ultrapassarem todas essas etapas, os 50 mais bem avaliados mergulharão num processo intensivo de formação profissional que irá de 15 de março a 14 de junho. Os demais ficarão numa lista de excedentes para futura ampliação do quadro, ou mesmo para eventuais substituições.

O TAF é um dos exercícios de preparação dos novos membros da GMI

Formatura e nomeação deverão acontecer entre o final de junho e início de julho para, então, a GMI ir para as ruas, para ações e prevenção “e, quando for o caso, de repressão” – informa o comandante Ribeiro. Defesa do cidadão e do patrimônio, com um foco muito especial para as escolas e seus entornos.

0

Prefeitura de Imperatriz inova gerando novos cartões postais na cidade…

Gestão do prefeito Assis Ramos intensifica ações de paisagismo e melhora o aspecto urbano de praças, avenidas, rotatórias e viadutos

 

Nos últimos meses a Prefeitura de Imperatriz, através da Secretaria Municipal do Meio Ambiente e Recursos Hídricos, Semmarh, intensifica as ações de paisagismo e revitalização de canteiros de avenidas, praças, rotatórias e viaduto, possibilitando à população uma cidade mais bonita, organizada e dotada de espaços públicos apropriados para o lazer.

Serviços são desenvolvidos pelo Setor de Áreas Protegidas e Paisagem da Semmarh, órgão responsável pela elaboração e execução dos projetos paisagísticos da cidade.  “O trabalho de paisagismo dos locais públicos são elaborados e executados por uma equipe da Secretaria do Meio Ambiente. A pasta também é responsável pela manutenção dos pontos revitalizados com controle de pragas, adubação e irrigação”, enfatizou Rosa Arruda, titular da Semmarh.

Dentre os pontos que receberam intervenção paisagística estão a rotatória da Avenida JK, BR-010; Rua 15 de Novembro, Centro; Rotatória da BR-010, Vila Lobão e Maranhão Novo; Praça da Voz, Parque Alvorada II; Avenida Pedro Neiva de Santana, extensão da Vila Lobão, Vila Nova, Vila Parati, Vila Redenção e Parque das Palmeiras; rotatória do Aeroporto Renato Cortez Moreira, BR-010; e viaduto, setor Entroncamento.

“Estamos trabalhando para atender não só o centro da cidade, mas avenidas que não contavam com paisagismo e as regiões afastadas da parte central”, destacou a secretária. Ela afirma que as ações valorizam o desenvolvimento com o respeito à natureza e seus encantos e pede a colaboração da população na preservação deste visual.

“É importante que as pessoas estejam inseridas no processo de preservação. Que elas sejam fiscais desses espaços, ajudando na manutenção do visual paisagístico, zelando e cuidando, resguardando o patrimônio público. A comunidade tem um papel fundamental neste contesto”, ressaltou.

Como matéria-prima para confecção das peças ornamentarias, a Prefeitura utiliza o eucalipto, madeira de reaproveitamento, e as plantas ornamentais são doadas por parceiros e de produção do viveiro municipal, com destaque para Alamanda, Espada de São Jorge, Onze Horas e Meio Dia. Além de deixar a cidade com um colorido diferente, iniciativa também contribui com a harmonização dos espaços públicos e consequentemente na melhoria da qualidade de vida da população.

Como parte do projeto de revitalização, em 2018, foram plantadas 2.258 mudas de árvores em pontos diversos da cidade, incluindo revitalização de riachos, 4.150 mudas doadas para população durante ações da Prefeitura nos bairros e povoados, 7.632 mudas produzidas no viveiro municipal, Parque Alvorada I, e entregues à comunidade, sendo uma média de produção de 26.461 mudas de árvores nativas e frutíferas cultivadas no cativeiro público.

1

Gramado do Frei Epifânio, em Imperatriz, passa por análise de solo…

Procedimento da CBF, que conta com o apoio da Secretaria Municipal de Esportes, lazer e Juventude, visa padronizar os espaços do futebol brasileiro, nas séries A, B e C

 

Administrado pela Secretaria de Esportes, Lazer e Juventude, Sedel, o estádio Frei Epifânio, passou por análise de solo do seu gramado, nesta quarta-feira, 23. O serviço é uma determinação da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), que objetiva padronizar todos os espaços envolvidos nas séries A, B e C.

Imperatriz vai sediar os jogos do Campeonato Brasileiro Série C com a Sociedade Imperatriz de Desportos, o Cavalo de Aço.

Para realizar esse trabalho, esteve nesta quarta-feira, o engenheiro agrônomo Wallas Marques, da empresa Maristela Kuhn-Campos Esportivos, escritório de Brasília, que tem convênio com a CBF.

Segundo ele, a análise de solo dos gramados começou em 2013, justamente um ano antes da realização da Copa do Mundo no Brasil.

“Essa determinação é para que todos estádios estejam padronizados, tanto nas dimensões, quanto na qualidade do gramado”, enfatizou.

Será feita uma avaliação nas estruturas, espécie da grama, quais manejos vêm sendo adotados no gramado. Para isso foi feito recolhimento do solo, que será enviado para Brasília, onde será analisado em um laboratório, em seguida feito um relatório através da CBF e enviado para a Sedel e caso haja algum problema, melhorar no que possível. Vale lembrar, que não existe nenhum impedimento no gramado do Frei Epifânio, que possa paralisar as atividades do Imperatriz no campo de jogo.

Os resultados estarão prontos em 30 dias.

O administrador do estádio, Cristiano Silva, informou que a Sedel, está dando total apoio ao engenheiro da CBF, para que que o estádio fique em perfeitas condições de uso.

“Estamos acompanhando o trabalho e satisfeitos porque sabemos que isso vai servir para beneficiar o nosso representante na série C”, ressaltou.

O Frei Epifânio já passou por outras vistorias, como medição da potência de energia, e o esquadro do campo de jogo para ficar na medida padrão. Está entre os estádios do Brasil quem segue as normas da FIFA, com 105 metros de comprimento por 68 de largura

Objetivo é a padronização de todos os estádios do Brasil, para os jogos das séries A, B e C…

0

Imperatriz: Bairro Caema recebe a 14ª edição do “A gente Faz Cidadania”

A Prefeitura de Imperatriz, promove, neste sábado, 26, na Escola Municipal São Sebastião, Bairro Caema, o 1ª “A Gente Faz Cidadania” de 2019.

Ação, a partir das 7h, levará diversos atendimentos aos moradores. Projeto, que acontece uma vez por mês,  chega a sua 14ª edição, beneficiando  milhares de pessoas das zonas urbana e rural do  município. 

O assessor chefe de Comunicação da Prefeitura, Sérgio Macedo,  explica que umas das prioridades da gestão do prefeito Assis Ramos é ampliar o atendimento de quem necessita  e aproximar a população da gestão pública.

“A ação é um trabalho voltado exclusivamente para a comunidade do nosso município, ouvir a população, levar serviços e atender o maior número pessoas possível”, afirma.

Dentre os serviços ofertados destacam-se ações de saúde, embelezamento, assistência social, entrega de medicamentos, vacinas, atendimento Bolsa Família, atividades pedagógicas, cadastro de seguro desemprego, processos de titulação de imóveis, distribuição de brindes, práticas esportivas, atendimento veterinário entre outros.

O mutirão “A Gente Faz” já passou pela Praça do Voz, Ouro Verde, Imbiral, Vila Fiquene, Vila Nova, Novo Horizonte, Alto Bonito, Parque do Buriti, Itamar Guará, Planalto, Vila Redenção, Morada do Sol e  Coquelândia.