2

Aliado de Brandão exonera funcionário por apoio a adversários

Histórico aliado do ex-prefeito de São Mateus, Miltinho Aragão – que é coordenador da campanha do vice-governador – Atanildo Oliveira foi exonerado pelo prefeito Ivo Aragão por declaração de apoio a Weverton Rocha, Márcio Honaiser e Inácio Melo

Coordenador da campanha de Brandão, Miltinho Aragão decidiu perseguir quem não segue as suas determinações em São Mateus

O ex prefeito de São Mateus Miltinho Aragão usou de seu poder e influência com seu preposto e atual prefeito, o sobrinho Ivo Aragão, para retaliar um histórico aliado seu, em um gesto que surpreendeu a classe política maranhense pela agressividade com que ocorreu.

Mas o que levou Miltinho Aragão a agir como coronel?

Aliado fiel e histórico do ex-prefeito, o agora ex-secretário municipal Atanildo Oliveira tem participado de eventos da pré-campanha do senador Weverton Rocha (PDT); e no último final de semana esteve em Presidente Dutra ao lado dos também pré-candidatos Inácio Melo e Márcio Honaiser (ambos do PDT).

Mesmo sendo os dois pré-candidatos do mesmo grupo do governador Flávio Dino (PSB), o “coronel de São Mateus” não aceitou o “gesto de independência” de Atanildo Oliveira e de forma quase imediata mandou o sobrinho Ivo Aragão exonerar o secretário municipal.

Atanildo organizou um ato no dia 6 de setembro para Inácio e Honaiser; no dia 8, o prefeito publicou sua exoneração do cargo. (Veja o documento de exoneração abaixo)

Muito se comenta que o ex-prefeito de São Mateus agiu a mando do vice-governador Carlos Brandão, seu pré candidato a governador.

A atitude destoa da forma e do discurso pregado pelo governador Flávio Dino,  trabalha para manter seu grupo político unido.

O risco é que as perseguições se espalhem pelo Maranhão à medida que as candidaturas contrárias a Brandão avancem no interior…

Abaixo a exoneração do secretário Atanildo:

O documento de exoneração do secretário foi publicado apenas dois dias depois do ato em favor dos pedetistas

2

No PDT, Inácio Melo terá dois senadores em seu palanque

Empresário e consultor, marido da senadora Eliziane Gama filiou-se ao partido do pré-candidato a governador Weverton Rocha e já se articula no interior do estado como um dos principais pré-candidatos a deputado estadual

 

Inácio Melo é uma das forças eleitorais do PDT, com a presença de dois senadores em seu projeto para chegar à Assembleia Legislativa

O empresário Inácio Melo filiou-se ao PDT e já trabalha para consolidar-se como uma das forças na eleição para a  Assembleia legislativa.

E entra na disputa com o peso inicial de ter dois senadores em seu palanque: sua esposa, Eliziane Gama (Cidadania), e o pré-candidato a governador Weverton Rocha (PDT).

Com forte articulação no interior desde o início de 2021, Inácio Melo é uma das forças eleitorais na chapa do PDT, ao lado do presidente da Câmara Municipal, Osmar Filho, e do vice-presidente da Assembleia Legislativa, Glalbert Cutrim.

Consultor empresarial e articulista, Inácio Melo entra na disputa pela vaga na Assembleia com a força adicional de dividir o palanque do principal candidato a governador na base do governo Flávio Dino (PSB).

O que deve ser fortalecido em alianças pontuais com candidatos deputado federal.

É aguardar e conferir…

0

Inácio Melo articula atuação política de Eliziane Gama; e incomoda!!!

Articulador político do gabinete da esposa, administrador tem sofrido uma superdimensionada exposição midiática da sua vida, desproporcional para quem não disputa eleições e nem tem mandato eletivo

 

INÁCIO MELO EM AÇÃO NO ESCRITÓRIO DE APOIO DE ELIZIANE GAMA; articulação política incomoda quem não tem como atacar a senadora

Uma nova onda midiática contra o empresário Inácio Melo, marido da senadora Eliziane Gama (Cidadania), ganhou páginas de blogs e comentários de redes sociais nesta quarta-feira, 17.

Desta feita, o motivo seria uma decisão judicial do Rio Grande do Norte contra Melo, no bojo de uma separação litigiosa com sua ex-mulher, por questões de Pensão Alimentar.

A divulgação do fato – embora o caso já tenha sido resolvido, em ação revisional, com valores depositados judicialmente – ganhou, curiosamente, as páginas de política na imprensa, embora o empresário não exerça nenhum tipo de mandato eletivo

Discreto, Inácio Melo apareceu na mídia durante a campanha da mulher ao Senado.

Numa disputa que caminhava para a vitória de Eliziane, faltava aos adversários algo que pudesse denegrir a imagem da então deputada federal, uma das poucas – senão a única – política ficha limpa do Maranhão.

Foi então que o marido virou alvo, usando-se como mote de programas eleitorais e reportagens uma conturbada relação anterior do empresário.

Para tentar impedir a vitória de Eliziane Gama, a relação de Melo com a ex-mulher passou a virar mote da propaganda eleitoral.

Não adiantou.

Eliziane foi eleita senadora pelo Maranhão, considerada hoje uma das mais atuantes parlamentares da bancada federal na Câmara Alta

Faltando cerca de 1 ano e meio para as eleições municipais, no entanto, as movimentações processuais do caso envolvendo a separação do marido da senadora voltaram a ser alvo de atenção de adversários em São Luís.

Um aviso aos navegantes: ela não pretende disputar as eleições de 2020…