2

Ribamar: Luis Fernando divide infraestrutura para avançar corrigindo estragos…

Setor terá uma pasta de Obras, Habitação, Serviços Públicos e Urbanismo, olhando para frente; e outra, de Manutenção da Malha Viária, Prédios e Logradouros, que atuará na recuperação dos equipamentos públicos

 

Em uma frente, Luis Fernando já está modernizando a Ribamar que estava parada no tempo…

O prefeito Luis Fernando Silva (PSDB), em apenas 15 dias de gestão, já deu mostras de que pretende trabalhar em duas frentes.

Uma delas, com foco no futuro, busca a modernização de São José de Ribamar, retomando o projeto que ele mesmo iniciou em 2004, quando elegeu-se a primeira vez.

Na outra frente, terá que voltar o olhar para corrigir o estrago causado nos últimos seis anos de má-gestão.

Para atuar com sucesso nas duas questões, o prefeito tucano dividiu em duas a Secretaria Municipal de Infraestrutura.

A parte mais tradicional virou Secretaria Municipal de Obras, Habitação, Serviços Públicos e Urbanismo (SEMOSP). Seu conceito é olhar para frente, atuando na elaboração e implementação dos projetos que visam modernizar Ribamar.

..Na outra frente, o prefeito vai ter que agir diretamente na parte da idade onde deu cupim…

A outra pasta, a Secretaria Municipal de Recuperação e Manutenção da Malha Viária, Prédios e Logradouros Públicos (SEMMAV) vai ter a visão inversa, olhando exatamente para trás.

É essa secretaria que está cuidando do rastro de destruição deixado pela gestão passada na malha viária de ruas e avenidas importantes – que foram asfaltadas no período de seis anos da primeira gestão de Luis Fernando – e que, por falta de serviços de conservação e manutenção, simplesmente acabaram-se.

– A Semmav vai ter que cuidar de onde deu “cupim” – brincaria um morador mais espirituoso de Ribamar.

A Semosp  é comandada por Glauber Miranda; a outra pasta tem Hilário Ferreira à frente.

Ambos são engenheiros civis especialistas e tarimbados nas funções especificadas.

E homens de confiança do próprio Luis Fernando…

0

Ponte que desabou há um ano está abandonada na região de Santa Luzia…

O únicos reparos feitos até hoje foram feitos por um candidato a prefeito, que perdeu a eleição em Alto Alegre do Pindaré. Risco de isolamento da região aumenta com o início das chuvas

 

ponte

Uma ponte que liga os municípios de Santa Luzia  Alto Alegre do Pindaré está desabada há mais de um ano, sem que nenhuma providência tenha sido tomada pelo Governo Flávio Dino (PCdoB).

Única ligação entre os dois municípios, a ponte só recebeu reparos feitos pelo candidato a prefeito Netinho, que perdeu as últimas eleições para o ex-prefeito Fufuca Dantas.

Com as chuvas que já começaram a chegar na região, o município corre o risco de ficar isolado, diante da dificuldade de tráfego.