7

Weverton chega à executiva nacional do PDT…

Princpal líder do PDST no maranhão, hoje, Weverton terá presença forte também na Executiva Nacional

Principal líder do PDT no Maranhão, hoje, Weverton terá presença forte também na Executiva Nacional

O Maranhão voltou a ter representante na Executiva Nacional do PDT, o que não ocorria desde a morte de Jackson Lago.

O deputado federal Weverton Rocha é o vice-presidente de assuntos parlamentares.

Foi anunciado pelo presidente Carlos Lupi na mesma reunião da Executiva Nacional em que o PDT decidiu votar contra medidas provisórias do governo também no Senado.

A presença de Rocha fortalece o PDT maranhense…

3

PDT se reúne em Morros, prega unidade e exalta nome de Jackson Lago – mesmo proibido pela viúva, Clay Lago…

Pedetistas de mãos dadas, simbolizanbdo a unidade do partido

O PDT maranhense realizou, sábado, o 1º Encontro Regional de Planejamento Estratégico e Gestão Partidária, na cidade de  Morros, a 100 km da capital.

Pedetistas de cerca de 40 municípios da região participaram do evento, que teve por objetivo traçar os rumos para as eleições municipais.

O encontro de Morros sinalizou o posicionamento do PDT nas proximas eleições.

 – Vamos mostrar que o nosso partido não está enfraquecido, estamos trabalhando para fortalecê-lo em cada região do estado. Nossa intenção é eleger companheiros onde pudermos ter candidatos próprios, e consolidar alianças que valorizem o partido. É para isso que estamos aqui, para conhecer a realidade de cada município – afirmou Clodomir Paz.

O secretário-geral da legenda, Weverton Rocha, ressaltou que os ecnotnros regionais têm também o objetivo de a executvia conhecer cada umdos militantes nos municípios, para definir as metas nas eleições de 2012.

Esta busca de undiade foi elogiada pelo prefeito de Santa Rita, Hilton Gonçalo, que compõe o grupo alinhado ao ex-presidente Igor Lago.

– Percebi que a nova comissão busca a união do partido em prol do desenvolvimento político em cada município. Fiquei feliz por ter ouvido que a palavra de ordem do partido é unidade – declarou.

Mesmo proibido pela viúva, Clay Lago, de usar o nome de Jackson Lago, o atual presidente estadual Julião Amim pediu um minuto de silêncio em respeito ao ex-governador. Jackson Lago.

Jackson sempre buscou essa unidade e vamos continuar apostando nela para fortalecer o partido – disse ele, aplaudido por todos.

11

Jackson Lago pagou por ponte em Vitorino Freire que só cobriria metade do rio Grajaú…

A armação política protagonizada pelo deputado federal Domingos Dutra (PT) e pelo suplente no exercício do mandato, Simplício Araújo (PPS), em Vitorino Freire, serviu apenas para revelar mais um exemplo de corrupção no extinto governo Jackson Lago (PDT).

A obra, que Dutra e Simplício cobraram, simploriamente, do governo Roseana Sarney (PMDB), na verdade foi paga integralmente por Jackson lago – sem conclusão.

A ponte que Dutra e Simplício, simploriamente, cobram, já está em fase de conclusão

A antiga ponte sobre o rio Grajaú caiu em 2008. Então governador, Jackson determinou a construção de uma nova no mesmo ano.

Detalhe: o leito do rio tem cerca de 150 metros de largura, mas a ponte contratada junto à Petra Engenharia – a mesma dos esquemas de José Reinaldo Tavares (PSB) – teria apenas 85 metros.

Ou seja, a ponte que Jackson pagou só iria cobrir metade do rio. Mas Dutra e Simplício, simploriamente, ignoraram o fato.

Só após a cassação de Jackson, o governo Roseana Sarney pôde obrigar a Petra a construir o restante da ponte.

Uma nova licitação foi feita, para construção dos cerca de 90 metros restantes.

A obra está em fase de conclusão, como mostra a própria imagem que os deputados usaram para divulgar a “manifestação”.

Conclusão: Dutra e Simplício, simploriamente, protestaram pela conclusão de uma obra que já está praticamente concluída.

Coisa de simplórios e mal intencionados…

23

O herdeiro político de Jackson Lago…

Nesta imagem está o herdeiro político do ex-governador Jackson Lago (PDT), morto em abril.

É o homem que o próprio Jackson escolheu para seguir sua trajetória, seu projeto de poder e de fortalecimento da legenda que ajudou a fundar no Maranhão.

O herdeiro de Jackson é alguém com apurada dinâmica política, com vivência partidária suficiente para compreender as nuances do jogo político no Maranhão – alguém que tenha convivido intensamente os bastidores do PDT.

Assim como Jackson Lago, seu sucessor político deve ter o respeito e a confiança dos pedetistas, deve ser visto pelos adversários como um competidor forte e inatacável e deve simbolizar o próprio Jackson Lago no comando partidário.

O herdeiro de Jackson, como ele, tem penetração respeitável na direção nacional da legenda, tem interlocução com os demais partidos do chamado campo democrático e a percepção clara de quem são aliados e opositores.

Mas tem que ter ousadia para fazer o que tem que ser feito, coragem para agir nos momentos de decisão e vontade de seguir a história do líder pedetista.

Nesta foto estão o médico Igor Lago e o deputado federal Weverton Rocha.

Quem será o herdeiro de Jackson Lago???

16

Os três caminhos PDT com Igor Lago…

O médico Igor Lago, filho do ex-governador Jackson Lago, deve assumir nesta terça-feira o comando do PDT

Igor Lago deve ser confirmado na direção do PDT

maranhense.

Sob sua batuta, o partido terá que se decidir entre os três caminhos mais prováveis.

Abaixo, as condições de cada um deles:

Aliança com João Castelo (PSDB) : Há uma corrente forte do partido que defende a formação de chapa com o prefeito tucano. Mas as condições são claras: o partido teria que indicar o companheiro de Castelo.

E o nome mais forte para compor a chapa castelista é o da deputada estadual e atual secretária de Articulação Política,  Graça Paz. O nome de Graça soa natural pelo fato de que, sua candidatura, em caso de reeleição de Castelo, garantiria dois anos de mandato efetivo para Edivaldo Holanda (PTC) na Assembléia Legislativa – e tiraria Edivaldo Júnior da disputa.

Mas há resistências à indicação da deputada, sobretudo do grupo mais ligado ao ex-deputado Julião Amin e o ex-secretário Abdelaziz Santos, que ainda mantêm forte influência entre os pedetistas.

Candidatura própria do PDT –  Esta é a segunda possibilidade com mais adeptos no partido. Para seus defensores – mais uma vez incluindo Julião Amin e outros – seria uma forma de o PDT retomar a força política que teve na capital maranhense nos últimos 25 anos.

Mas há um problema para esta hipótese: a falta de quadros partidários para encarar uma disputa contra o atual prefeito. O nome que mais aparece nas conversas é o do atual secretário de Trânsito, Clodomir Paz, que enfrenta a mesma resistência do grupo de Amin e Aziz .

O nome do póprio Igor Lago seria uma opção, mas o filho de Jackson ainda carece de densidade eleitoral e confiança interna no PDT.

Aliança com Flávio Dino (PCdoB) – O ex-deputado comunista tem tentado se aproxzimar do filho de Jackson. Flávio Dino imagina uma chapa tendo Igor Lago de vice – em 2012 ou em 2014 – o que fortaleceria seu projeto de chegar ao governo.

Mas Dino também enfrenta resistências no PDT e até mesmo na própria família Lago.

Os pedetistas não esqueceram a pressão que o comunista fez para tirar Jackson da disputa de 2010, o que ajudou na inviabilização da campanha do ex-governador. 

Mas há no PDT quem defenda aliança cm o PCdoB, embroa estes se mantenham em total discrição.

Outros caminhos eleitorais e políticos nem são cogitados pelos pedetistas…

12

Igor Lago já enfrenta resistências no PDT…

Igor Lago: bombardeado internamente

O médico Igor Lago não terá vida fácil no PDT maranhense, informa o blog de Robert Lobato.

Filho do ex-governador Jackson Lago (PDT), morto em abril, ele foi indicado para comandar a legenda, como homenagem a Jackson, e esperava ser ungido.

Não foi.

Na reunião de quarta-feira, ainda segundo Lobato, enfrentou forte bombardeio de adversários internos que cobravam posições mais claras em relação à política maranhense.

No ataque a Igor Lago se alternam o ex-vice-presidente da legenda, Julião Amin, o suplente de deputado federal Weverton Rocha e o ex-vereador Renato Dionísio, só para citar os mais exaltados.

Segundo Lobato, Dionísio partiu para cima do médico:

Ninguém viu você na luta e na vida partidária. Sempre que você vinha ao Maranhão era para pedir que Jackson Lago deixasse a política e para chamar alguns dos seus ex-secretário de governo de ladrões.

A entrevista a O Estado do Maranhão, no último domingo, foi outro motivo da cobrança.

Acharam Lago filho comportado demais.

O resultado é que a reunião que o homologaria presidente do PDT foi adiada para junho.

Como se vê, não será fácil a vida do filho de Jackson Lago no partido que o pai ajudou a criar…

6

Igor Lago no PDT maranhense; Clay Lago no Nacional…

Igor: convidado pelo PDT maranhense

O grupo que tenta fazer do médico Igor Lago o novo comandante-em-chefe do PDT maranhense quer também levar a médica Clay Lago à vice-presidência nacional da legenda.

Os dois espaços eram ocupados pelo ex-governador Jackson Lago, morto há 15 dias.

A reunião da Executiva, com a presença do filho de Jackson Lago, ocorrerá hoje à noite, na sede do partido, quando será feito o convite a ele.

Segundo o grupo que articula a manutenção dos espaços jackistas no PDT, a viúva do ex-governador também estaria inclinada a ocupar o espaço.

Clay Lago pode ir para o PDT nacional

Mas há um objetivo visível e outro invísivel na articulação.

O visível é o reconhecimento à trajetória de Jackson, que ficará representado no reconhecimento à sua família.

O invísivel é impedir o controle do PDT por grupos sem relação com a história do partido.

Um problema: são exatamente os grupos não-históricos os mais alinhados, atualmente, com a direção nacional pedetista…

3

Igor Lago em Imperatriz…

O médico Igor Lago, filho do ex-governador Jackson Lago (PDT), estará

Igor Lago vai agradecer aos imperatrizenses pelo apoio ao pai

neste domingo na cidade de Imperatriz.  Ele participa da Missa de Sétimo Dia em homenagem ao pai, a ser realizada naquela cidade.

A solenidade sacra acontecerá na Igreja de Fátima, no Centro de Imperatriz, onde Jackson Lago obteve votações recordes nas eleições de 2006 e 2010.

Igor Lago também deve se encontrar com autoridades e lideranças políticas locais, mas vai estar em São Luís no início da tarde.

Por volta das 17 horas, participa de outra missa em homenagem a Jackson, na Igreja Nossa Senhora de Nazaré, no Cohatrac.

27

O pós-Jackson no PDT…

De Jackson, tinha a admiração...

O PDT age rápido. O atual secretário-geral da legenda, Weverton Rocha, age rápido.

O suplente de deputado federal foi o primeiro a perceber o vácuo de poder no partido – antes mesmo da partida de Jackson Lago – e tratou de se viabilizar política e eleitoralmente.

Rocha é hoje o nome mais cacifado no PDT jackista para sustentar politicamente a legenda.

E tem um trunfo especial: o apoio incondicional da cúpula nacional do partido.

Ele é assessor especial do ministro do Trabalho, Carlos Lupi, que preside o PDT nacional – e tem trânsito absoluto na cúpula da legenda.

Com Lupi, a relação é fraterna...

Assim como Jackson tinha confiança absoluta de Leonel Brizola, Rocha tem a confiança absoluta de Carlos Lupi.

A trajetória política de Wevedrton Rocha é tão meteórica quanto controvertida, mas Weverton não se faz de rogado.

Sua ousadia e audácia se impõem a qualquer denúncia.

A despeito das acusações que lhe pesam, conseguiu se viabilizar no PDT a ponto de alcançar a primeira suplência de deputado federal já na primeira eleição que disputou.

Weverton Rocha não se incomoda, sequer, com o fato de, em tese, ser Julião Amin, vice-presidente, o sucessor legal de Jackson no comando do partido. É indiferente, até.

O suplente pedetista Faz até média com o “novo amigo”.

– Na minha opinião, o Julião é o comandante do partido. A discussão é maior: saber como levar o partido na ausência do nosso maior líder – prega, em tom de desprendimento.

O que importa é a força política que o suplente alcançou internamente entre os pedetistas, que pode garantir-lhe a condição de liderança e sucessor de Jackson.

Para isso, tem até um discurso ensaiado:

– o doutor Jackson é insubstituível. Ele é um pouco de todos nós.

É esta a nova cara do PDT maranhense…

20

Abutres e chacais rondam o túmulo de Jackson…

Quando foi deputado estadual, o tucano Aderson Lago batia na antiga e robusta pança sempre que falava do primo

Aderson Lago já está a espreita...

Jackson Lago. E se orgulhava de dizer que, havia vinte anos, não trocava mais que duas palavras com ele.

No governo do primo, virou chefe da Casa Civil, numa conspiração digna das maiores organizações criminosas, envolvendo até figurões do PDT, que não queriam o correto Clodomir Paz no posto.

No cargo, foi uma espécie de chefe do que pode se caracterizar uma clássica máfia familiar – envolvendo os próprios filhos em desvios que podem superar, segundo a polícia, os R$ 5 milhões. A ação da quadrilha ganhou até nome: “Ópera Prima”, em referência à empresa de Aderson Neto, filho de Adrson.

O processo tramita nas instâncias estaduais e federais do Ministério Público e da Justiça. (Entenda aqui a história)

É do alto da experiência registrada nesta folha corrida que Aderson Lago sente-se no direito de classificar de máfia a ação de adversários.

O ex-ministro Edson Vidigal (PSDB) abandonou o posto no STJ para ser um dos membros da “cooperativa de candidatos” de José Reinaldo Tavares (PSB), numa das traições mais injustificadas da história política maranhense.

No governo do pedetista botou a mulher para guardar a Segurança Pública, mas, inconformado em dado momento, chamou Jackson

Vidigal estuda cada movimento

Lago de “Velho Escroto”, em clássico artigo publicado no Jornal Pequeno (Releia aqui).

Depois, já reaproximado do ex-governador, resolveu afastar os que poderiam lhe fazer sombra, criticando José Reinaldo Tavares (PSB) e Flávio Dino (PCdoB), e os culpando pelo agravamento da doença – e até da morte – do pedetista.

Foi do alto desta personalidade que não se fez de rogado e, numa clara tentativa de herdar o espólio de Jackson, fez campanha fora-de-época e até distribuiu santinho em pleno cortejo fúnebre o ex-governador.

Abutres e chacais rondam o túmulo de Jackson Lago.

Os mesmos que o rondavam quando governador…