4

Com Nêga do Coroadinho, Neto Evangelista contempla comunidades de SLZ

Militante do PDT com forte atuação nos movimentos sócios-culturais, Luzimar Lopes atua também no movimento negro, e dá a chapa democrata o equilíbrio fundamental, fugindo do defasado binômio mulher/evangélico, que marca as eleições desde 2006

 

O deputado estadual Neto Evangelista (DEM) candidato do DEM a prefeito de São Luís, recebeu nesta quinta-feira, 10, sua companheira de chapa, indicada pelo PDT.

Trata-se da militante sócio-cultural Luzimar Lopes, conhecida por Nêga do Coroadinho, que tem forte atuação sócio-cultural e política nas comunidades carentes do entorno de São Luís.

Luzimar é fortemente conhecida no pólo Coroadinho e no Coroado, onde tem atuação destacada.

Sua indicação simboliza a contemplação de todas as comunidades de São Luís.

– Conheço na pele as necessidades dessa cidade – destacou Nêga, ao prometer empenho pela chapa.

Com a indicação pedetista, a chapa de Evangelista foge do defasado binômio mulher/evangélico para composição de chapa – criado desde as eleições de 2006 – e ainda acena para os movimentos negros e comunitários, onde o PDT tem sua força.

Para Evangelista, a presença de Luzimar na chapa garante uma mulher como futura prefeita de São Luís, já que, entende ele, a chapa será eleita e reeleita.

2

PDT vai indicar vice de Neto Evangelista…

Coligação que tem também DEM, PTB, PSL e MDB chegaram a consenso quanto ao nome do companheiro de chapa do deputado democrata, que deve ter a importância do envolvimento pedetista integral na campanha

 

Evangelista tem o aval do senador Weverton Rocha para o apoio do PDT ao seu nome, o que incluiria um vice pedetista

Deverá ser do PDT o companheiro de chapa do deputado estadual Neto Evangelista na disputa pela Prefeitura de São Luís.

Os partidos que compõem a coligação – que tem também DEM, MDB, PTB e PSL – aceitaram que a indicação caberia aos pedetistas, ainda que não seja exatamente um nome do partido.

A indicação do vice de Evangelista significará também um símbolo do envolvimento integral da legenda, comandada pelo senador Weverton Rocha.

O anúncio deve ser feito nesta quinta-feira, 10…

2

Fábio Câmara de volta ao cenário político…

Ex-vereador e ex-candidato a prefeito, que mergulhou das aparições públicas desde 2018, chega ás eleições de São Luís como um dos principais nomes do PDT para a eleição de vereador; e tem projeto para além de 2020

 

Fábio Câmara é um dos potenciais eleitos do PDT para a Câmara Municipal; e já tem projeto para 2022 também

Vereador atuante entre 2013 e 2016, candidato a prefeito de São Luís com forte repercussão midiática e suplente de deputado estadual, Fábio Câmara (PDT) passou uma espécie de ano sabático em 2019.

Mas ele está de volta ao cenário político; e com força redobrada.

O sumiço de Fábio Câmara foi, inclusive, cobrado pelo blog Marco Aurélio D’Eça, no post… 

Neste período, ele montou forte estrutura política, trocou o PSL pelo PDT e agora disputa com amplas chances de vitória um retorno á Câmara Municipal.

Seu projeto não se encerra em 2020 e caminha a passos largos para 2022, onde ele pretende voos bem mais altos.

Mas esta é uma outra história…

2

PDT se aproxima de Wellington do Curso…

Partido do senador Weverton Rocha faz acenos para o deputado estadual tucano – que tem a pré-candidatura a prefeito fritada publicamente pelo seu partido; e reforça a importância de sua liderança política na capital maranhense

 

O PDT de Weverton Rocha expressou publicamente seu interesse em ter o apoio do deputado Wellington do Curso, fritado no PSDB

Com a candidatura fritada publicamente pelo PSDB, o deputado estadual Wellington do Curso começou a receber acenos do PDT, partido que apoia a candidatura do democrata Neto Evangelista.

Desde a semana passada, emissários do próprio senador Weverton Rocha buscaram contato com o ainda pré-candidato tucano, embora sem resposta.

Nesta quarta-feira, 26, o vereador Ivaldo Rodrigues, declarou publicamente que Wellington seria bem vindo ao PDT.

– Se ele se sentir traído pelo PSDB, o PDT o receberia muito bem – disse o parlamentar.

Na semana passada, o blog Marco Aurélio D’Eça revelou com exclusividade que Wellington poderia seguir outro rumo eleitoral, caso o PSDB confirmasse mesmo a retirada de sua candidatura e o apoio a Eduardo Braide (Podemos).

– Segundo o entorno de Wellington, ele entende que a sua desistência não implica transferência automática de seus votos para Eduardo Braide; e que a transferência de ao menos 1/3 desses votos a outro candidato significa a garantia de segundo turno – disse o post, intitulado “Fritado no PSDB, Wellington deve se afastar da aliança com Braide.”

De acordo com a imprensa maranhense, o PSDB deve anunciar ainda esta semana a retirada da candidatura de Wellington e o apoio a Eduardo Braide.

A partir de então, caberá a Wellington decidir seu caminho…

8

Edivaldo quebra “maldição” do fim de mandato e tem aprovação recorde

Diferentemente dos últimos prefeitos da capital maranhense – que deixaram a cidade abandonada no último ano de  mandato – pedetista continua com múltiplas frentes de trabalho, no maior pacote de obras da história

 

O carinho com que foi recebido no Vinhais acompanha Edivaldo em todos os bairros onde entrega obras ou visita a execução de serviços

Executando o maior pacote de obras de infraestrutura das últimas décadas em São Luís, o prefeito Edivaldo Junior (PDT) caminha para encerrar seu mandato com índice recorde de aprovação.

– Nossos últimos prefeitos no final do mandato deixavam a cidade abandonada. Mas o senhor continuou trabalhando e está de parabéns – disse um morador do Vinhais, bairro onde Edivaldo entregou um conjunto de oito praças no fim de semana, pondo fim há 40 anos de espera. (Veja vídeo)

Com o volume de obras e serviços, Edivaldo quebra também a chamada “maldição do último ano de mandato”, que marcou as últimas gestões em São Luís.

A forma como Edivaldo está encerrando sua gestão é um desafio também para quem sucedê-lo na Prefeitura.

Jovem no Vinhais manifesta satisfação com o prefeito, e lembra que ele conseguiu superar os antecessores, que abandonava a cidade no final do mandato

Ele demonstrou habilidade política e administrativa para superar uma crise econômica e fazer os investimentos que a cidade aguardava há décadas; e quem chegar ao comando de São Luís em janeiro, terá que manter o ritmo para ganhar o apoio da população.

Os resultados da gestão de Edivaldo, aliado ao seu carisma pessoal, garantem uma aprovação inédita para político em fim de mandato na capital.

E continuará a movimentar a gestão em pleno período eleitoral…

0

Confirmada em Salvador, chapa DEM/PDT pode se repetir em SLZ

Pedetistas declararam apoio ao candidato democrata Neto Evangelista ainda em 2019, com o mesmo aval nacional dado na capital bahiana pelo prefeito ACM Neto e confirmado pelas lideranças pedetistas Carlos Lupi e Ciro Gomes

 

Principal expressão nacional do DEM, ACM Neto veio pessoalmente a São Luís para dar aval à aliança de Neto Evangelista com o PDT

Um indicativo de como pode ser a aliança em torno do deputado estadual Neto Evangelista (DEM) em São Luís foi confirmado ontem, em Salvador, quando o DEM convidou oficialmente o PDT a indicar o vice do candidato Bruno Reis.

A indicação, a pedido do prefeito ACM Neto, teve o aval do presidente pedetista Carlos Lupi e do presidenciável do partido, Ciro Gomes. (Saiba mais aqui)

ACM Neto, que preside o DEM nacionalmente, é o principal avalista da aliança entre o partido e o PDT também na capital maranhense.

Oficializado há duas semanas, o apoio do PDT a Neto Evangelista se consolidou ainda em 2019.

Apesar de ter nomes para compor a chapa do democrata, os pedetistas nunca fecharam questão, abrindo espaços para discussão com PTB e PSL, já confirmados na coligação.

Mas o convite ao PDT bahiano feito pelo próprio ACM Neto – que teve forte influência na entrada de Evangelista do DEM – pode pesar em favor do PDT.

Sobretudo com vistas ao projeto nacional das duas legendas para 2022…

1

Luis Fernando atua nos bastidores da eleição em Ribamar

Ex-prefeito tenta criar uma frente contra o também ex-prefeito Julinho Matos, que chega à disputa com o apoio do deputado federal Josimar de Maranhãozinho e dos irmãos Glalbert e Gil Cutrim

 

Para Luís Fernando, fortalecimento de Eudes Sampaio passa também pela articulação com Jota Pinto

O ex-prefeito e atual secretário de Projetos Especiais do governo Flávio Dino (PCdoB), Luís Fernando Silva, começou a articular fortemente nos bastidores das eleições de São José de Ribamar.

Aliado do prefeito Eudes Sampaio (PTB), Luis Fernando tenta convencer os também candidatos Jota Pinto (PDT), Beto das Vilas (PSD), Edson Junior (MDB) e Thiago Fernandes (PP) a compor uma frente contra o ex-prefeito Julinho Matos.

Agora no PL, Julinho chega forte à eleição, com apoio do deputado federal Josimar de Maranhãozinho e dos irmãos deputados Glalbert e Gil Cutrim que, mesmo no PDT, são contra a candidatura de Jota Pinto.

O grupo de Eudes Sampaio e Luis Fernando trabalham duas possibilidades: impedir judicialmente a candidatura de Julinho – que está inelegível desde 2012, mas teve uma decisão favorável do TCE agora em 2020 – e no campo eleitoral, formando um bloco que possa impedir seu crescimento.

As próximas semanas até as convenções do final do mês serão decisivas para a formação desta aliança…

3

Com projeto para 2022, PDT pode até abrir mão da vice de Evangelista

Em evento cercado de cuidados contra a coVID-19, partido oficializou nesta quarta-feira apoio à candidatura do deputado democrata, com a garantia de abrir espaços para PSL, PTB e MDB na composição da chapa, que pretende manter alinhada até as eleições estaduais

 

Ao lado do senador Weverton Rocha, Neto Evangelista saudou os representantes do PDT que oficializaram o apoio à sua candidatura

O PDT maranhense deu ontem mais uma mostra de profissionalismo político durante ato de oficialização do apoio à candidatura do deputado estadual Neto Evangelista (DEM) a prefeito de São Luís.

Sob a liderança do senador Weverton Rocha – e seguindo todas as regras contra a coVID-19 – os pedetistas garantiram empenho absoluto na campanha e envolvimento direto na eleição do democrata.

E apesar de ter indicação de nomes para compor a chapa de Evangelista, o partido pode até mesmo abrir mão da vaga em nome da aliança, para consolidar a chegada do PSL, PTB e MDB.

– Partidos que estão por vir serão importantes para reforçar essa aliança que já é vitoriosa; a conversa sobre a chapa será feita no momento certo – afirmou Weverton Rocha.

O evento do PDT contou com todas as medidas de controle da coVID-19, com medição de temperatura e uso obrigatório de máscaras.

Para realizar o encontro, pedetistas seguiram todas as recomendações contra a coVID-19, desde a medição de temperatura na chegada até uso de máscaras durante todo o evento

Fortalecido com a chegada do PSL, que também oficializou ontem seu apoio, Evangelista já trabalha com a perspectiva de descolar dos demais adversários e se aproximar de Eduardo Braide (Podemos).

A aliança com PTB e MDB tem também este objetivo, já que ampliará o tempo de propaganda no rádio e na TV.

Mas, além da eleição de São Luís – e da participação conjunta em uma eventual gestão – Weverton e o PDT querem as legendas unidas em todo o Maranhão, com vistas também às eleições de 2022.

Mas esta é uma outra história…

3

Secretário Márcio Honaiser declara apoio a Neto Evangelista

O deputado estadual Neto Evangelista (DEM) segue recebendo importantes apoios à sua pré-candidatura a prefeito de São Luís. Neste sábado (25), foi oficializada a adesão do secretário de Estado de Desenvolvimento Social (Sedes), Márcio Honaiser (PDT). Os secretários de Estado de Educação, Felipe Camarão, e de Esporte, Rogério Cafeteira, também anunciaram apoio a Neto Evangelista esta semana. 

O evento aconteceu na sede do Partido Democrático Trabalhista (PDT) e contou com a presença de diversos apoiadores de movimentos sociais.

O secretário destacou que Neto tem feito um grande trabalho como deputado e que fez uma excelente gestão quando esteve à frente da Sedes.

“Eu sei da sua capacidade de gestão e, principalmente, da sua preocupação e vontade de fazer o bem para as pessoas. O conheço como pessoa, um ser humano sério, correto, sempre carinhoso e respeitoso com a família e com todos ao seu redor. Por isso, eu não tenho dúvida de que o Neto Evangelista está preparado e tem experiência e conhecimento necessário para ser um grande prefeito para São Luís. Ele é o melhor pré-candidato e é quem vai fazer a diferença”, afirmou.

Entre 2015 e 2018, na gestão como secretário de Desenvolvimento Social, Neto Evangelista foi responsável pela implantação de programas importantes que ajudaram a combater a pobreza no Maranhão. Foi ele que idealizou e implantou o programa  Banco de Alimentos, que atende mais de 100 creches comunitárias em São Luís, no combate à fome a ao desperdício de alimentos; e o programa Mais Renda, que capacitou e incluiu no mercado de trabalho cerca de 2 mil trabalhadores no ramo de alimentos e beleza.

Além disso, ampliou a rede de restaurantes populares, de 5 para 26; entregou 162 sistemas de abastecimento de água, por meio do programa Água para Todos, e entregou, também, 135 Centros de Referência de Assistência Social (CRAS) e o Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS), mobiliados.

Honaiser lembrou ainda, em sua fala, do processo eleitoral de 2006 que elegeu o saudoso Dr. Jackson Lago, governador do Maranhão.

“Na época, o seu pai, saudoso João Evangelista, foi o grande articulador para a eleição de Dr. Jackson. Ele conseguiu trazer grupos políticos que não estavam conosco e isso você herdou dele, a capacitar de agregar, o que é muito importante para governar”, acrescentou.

Neto Evangelista agradeceu a confiança e disse que é uma honra contar com o grupo político e a militância do PDT no projeto de desenvolvimento para São Luís.

“Eu acredito que a política ainda é o principal meio de transformação social e tenho muito orgulho de ter contribuído para a qualidade de vida de muitas pessoas. Muita coisa avançou, mais precisamos continuar avançando. O desafio é grande e isso me motiva ainda mais a fazer a 15ª maior cidade do país, São Luís, uma referência em modelo de gestão para todo o Brasil”, finalizou.

2

Esvaziamento de candidatos dinistas amplia chances de Evangelista

A partir do apoio do PDT, pré-candidato do DEM é o único dentre os aliados do governo Flávio Dino com estrutura partidária capaz de levá-lo ao segundo turno; Duarte Júnior ainda busca partidos de peso e Rubens Júnior já foi descartado pelo próprio governador

 

Neto Evangelista tem conseguido apoio nas comunidades de São Luís; e contará com a estrutura comunitária do PDT em seu projeto

Articulado desde o início de 2019 em um grupo que gira em torno do DEM, do PDT e do PTB, o deputado Neto Evangelista chega à reta final da pré-campanha como o único membro da base do governo Flávio Dino (PCdoB) com chances reais de chegar ao segundo turno das eleições de São Luís.

Neste meio-tempo em que se manteve em silêncio dentro de seu arco de alianças – que pode incluir ainda o MDB e o PSL – Evangelista viu seu adversário interno Duarte Júnior (Republicanos) inflar e esvaziar partidariamente; e Rubens Pereira Júnior (PCdoB) ser descartado pelo próprio Flávio Dino.

O principal trunfo de Neto Evangelista é a aliança entre DEM e PDT, construída logo após as eleições de 2018 e que se mostra sólida, sob o comando do senador Weverton Rocha (PDT) e do deputado federal Juscelino Filho (DEM).

Na base do governo Flávio Dino, atualmente, apenas o ex-juiz Carlos Madeira (Solidariedade) parece ter cacife para fazer contraponto ao democrata na disputa para chegar ao segundo turno.

Melhor posicionado entre os governistas, Duarte Júnior sentiu o golpe da perda do PSL e parece não ter tempo hábil para viabilizar novo partido que possa dar-lhe tempo na propaganda eleitoral.

Pereira Júnior, por sua vez, é uma espécie de piada para os próprios membros da base, sobretudo após declaração de Dino e que não vê chances para a esquerda nas eleições de 2020 nas capitais.

O deputado do DEM tem uma relação de geração com os colegas Pedro Lucas Fernandes e Osmar Filho, o que ajuda na relação com PDT e PTB

Se confirmar mesmo o apoio do PTB e do PSL, e garantir a aliança com o MDB, Neto chega às convenções de agosto como o candidato com maior tempo na propaganda eleitoral, polarizando com o favorito Eduardo Braide (Podemos).

E em um segundo turno, tem condições de viabilizar o apoio tanto do próprio Flávio Dino quanto do prefeito Edivaldo Júnior (PDT), que ainda resiste a se posicionar no primeiro turno.

E aí caberá apenas um caminho à base holandinista: fechar questão em torno do candidato que restou entre os palacianos.

Será isso ou engolir a vitória de Braide…