0

Campanha da Assembleia contra feminicídio ganha destaque nacional..

O presidente da Assembleia Legislativa do Maranhão, deputado estadual Othelino Neto (PCdoB), destacou em suas redes sociais a repercussão nacional da campanha institucional contra o assédio e o feminicídio, produzida pela Alema, por meio da Diretoria de Comunicação.

A campanha passou a ser veiculada em rede para todo o Brasil pelas TVs Senado e Câmara. Veja o vídeo no link https://www.youtube.com/watch?v=J1qQib56ROE

No Maranhão, o vídeo da campanha foi exibido em todas as emissoras de televisão e rádio, durante os meses de março e abril. “Satisfeito com o alcance nacional da campanha institucional/publicitária contra o assédio e o feminicídio, idealizada pela Diretoria de Comunicação da Assembleia Legislativa do Maranhão. É muito gratificante poder contribuir, de maneira mais ampla, para alertar a sociedade brasileira sobre as diversas formas de violência contra a mulher, incentivando-as a denunciar os agressores”, declarou Othelino Neto.

O projeto, que contou com o apoio do Grupo de Esposas de Deputados do Maranhão (Gedema) e da Procuradoria da Mulher, tem como objetivo alertar a sociedade sobre as diversas formas de violência contra a mulher, incentivando as vítimas a denunciar os agressores, destacando o número 180.

As frases de efeito “Chega de abuso!”, “Chega de assédio” e “Chega de feminicídio!” foram usadas para empoderar a campanha.

O vídeo aborda ainda o espaço conquistado pelas mulheres que, além de cumprirem o papel de mães e desempenharem outras funções no lar, também estudam, lideram equipes e assumem diversos postos importantes de trabalho.

“A Assembleia Legislativa do Maranhão levantou essa bandeira ao lançar esta campanha sensível de combate à crescente onda de violência que tem vitimado, a cada dia, mais mulheres no Brasil. Conseguimos mostrar, em um minuto, também o empoderamento das mulheres ao ocuparem posições de destaque na sociedade, quer seja nos seus ambientes ou no seio familiar, mostrando que elas são fortes e não se intimidam”, destacou o diretor de Comunicação da Assembleia, jornalista Edwin Jinkings.

2

Cinco agências levaram R$ 23,6 milhões do governo Flávio Dino em 2018..

Empresas responsáveis pela propaganda do governo – algumas com atuação na própria campanha comunista – dividiram quantia milionária enquanto outras áreas sofrem com falta de recursos

 

Algumas das ações publicitárias de Flávio Dino confundem governo com campanha; e recebem muito dinheiro

Em meio à crise de caixa provocada pelo governo comunista de Flávio Dino no Maranhão – resultando até em saques do Fundo de Aposentadoria e Pensão (Fepa) – cinco agências publicitárias dividiram nada menos que R$ 23,6 milhões em 2018.

A informação é do blog de Gilberto Léda.

O maior valor foi dispensado à Clara Comunicação: R$ 12.633.685,49; na lista estão ainda:

– Informe Comunicação – R$ 4.488.942,09

– C. A. Mallman – R$ 3.689.869,93

 – Eurofort – R$ 2.021.728,69

 – Texto e Arte – R$ 737.836,65

Alguma destas empresas participaram de campanha eleitorais de Flávio Dino ou e seus aliados, em 2014, 2016 e 2018.

A Eurofort é do mesmo grupo da Leiaute Comunicação, que já tem ligações com Flávio Dino desde 2010. (Relembre aqui, aqui, aqui e aqui)

E esta conta deve aumentar em 2019.

De acordo com o mesmo Gilberto Léda, o valor estimado no orçamento do governo comunista para 2019 é de R$ 63,5 milhões.

Uma bolada e tanto para um estado em crise…

4

Publicitário faz avaliação do cenário eleitoral do Maranhão…

Especialista aponta desgaste da dicotomia Sarney versus Anti-Sarney, fala do fracasso do discurso da mudança e diz que o próximo governador será aquele que convencer o eleitor de que pode, de fato, mudar o estado

 

Publicitário com experiências bem sucedidas em disputas eleitorais no Maranhão e São Paulo, o marqueteiro político Janderson Landim acompanha a a movimentação pré-eleitoral pelos cargos de governador, senador e deputados federais e estaduais.

E define: o candidato precisa de um processo de construção de imagem para obter sucesso no pleito de 2018.

– Quem desejar ser governador ou governadora do Maranhão tem que passar ao eleitor a confiança de que pode mudar o destino do estado e não mais ficar em promessas ou em discursos vazios de mudanças, renovação, esperança… etc – diz o marqueteiro.

Landim acredita que a polarização que persiste no Maranhão, Sarney X anti-Sarney, está desgastada.

O marqueteiro político tem duas experiências bem sucedidas recentemente.

Em Pinheiro, ele atuou na campanha vitoriosa de Luciano Genésio (PP), que desbancou as forças do PMDB e PCdoB. Em São Paulo sua agência, Jakarta Publicidade, foi uma das que prestaram serviço para campanha vitoriosa de João Dória (PSDB).

São dois verdadeiros cases de sucesso que credenciam Janderson Landim para assumir qualquer campanha no Maranhão.

E, quem sabe, transformar o seu cliente no próximo governador do estado…

1

Mídia e governo…

A recente mudança de postura midiática do governo Flávio Dino (PCdoB) é resultado de uma intensa batalha interna no núcleo mais duro de seu governo; e que acabou vencida pelos chamados liberais, capitaneados pelo deputado federal José Reinaldo Tavares (PSB), pelo presidente da Assembleia, Humberto Coutinho (PDT) – auxiliado pelo vice, Othelino Neto (PCdoB) – e pelo chefe da Casa Civil, Marcelo Tavares (PSB).

Este quarteto conseguiu convencer o governador da importância de ampliar a divulgação do seu governo para além da chamada mídia alinhada. Eles venceram a batalha contra ninguém menos que o todo-poderoso chefe da Articulação Política, Márcio Jerry, que lidera o grupo mais sectário dos dinistas- que tem ainda o secretário de Transparência, Rodrigo Lago, e o chefe da Comunicação, Robson Paz.

Desde o início do governo, o trio mais radical – os dois primeiros por questões pessoais, e Paz por estar absolutamente submetido às decisões do próprio Jerry – entendia que Flávio Dino conseguiria criar uma imagem positiva do seu governo apenas com a divulgação em blogs, emissoras de TV, rádios e jornais vinculados ao próprio governo.

E Jerry garantia ao governador que a mídia nacional faria o trabalho de ampliar a “mudança” no Maranhão.

Passaram-se 10 meses e o governo só perdeu espaço na opinião pública; muito pela própria inoperância do governo – mas também pela falta de mídia capaz de tornar visíveis as ações.

Só então Dino convenceu-se da necessidade de anunciar em outros espaços que não apenas os seus de sempre. O próximo passo é a veiculação dos chamados banners em blogs e portais, no que já se pode considerar a primeira grande derrota de Jerry no governo.

Da coluna Estado Maior, de O EstadoMaranhão
6

Governo em guerra surda com seus produtores de campanha…

Agência de publicidade Leiaute, da Bahia, é vista pelos aliados de alta patente do governador Flávio Dino como responsável pelos questionamentos à licitação que  deve escolher as responsáveis pela propaganda comunista

 

leiaute

Logomarca da Leiaute; com Dino desde 2008

Responsável pelas campanha eleitorais do governador Flávio Dino em 2008 e em 2010, a agência Leiaute Propaganda, de Salvador (BA), ganhou, em 2013, uma das contas da Prefeitura de São Luís na gestão do prefeito Edivaldo Júnior (PTC).

Os baianos voltaram a atuar na campanha de Flávio Dino em 2014, e apostavam suas fichas em uma participação também no governo comunista.

Mas algo deu errado, e a Leiaute amargou apenas a quinta colocação na licitação do início de junho.

De lá para cá, uma série de movimentações contra a concorrência realizada pela Secom tem gerado desconforto no seio do governo Flávio Dino.

Leia também:

A crônica de um golpe anunciado…

Mercado futuro…

Vereador vai denunciar empresas da campanha de Flávio e Holandinha…

Robson Paz com o governador: situação desconfortável no centro de uma briga

Robson Paz com o governador: situação desconfortável no centro de uma briga

A primeira movimentação contra a licitação foi feita por outra empresa baiana, a JMP Promoções e Marketing LTDA. (Relembre aqui)

Mas o clima esquentou mesmo depois que foi noticiado uma provável ação do Sindicato das Agências de Publicidade para tentar anular o processo, o que irritou fortemente o núcleo duro do governo. (Leia aqui)

– Não há nada de errado na licitação – respondeu ao blog, ainda no sábado, 04, o chefe da Articulação Política, Márcio Jerry, diante da revelação de que o sindicato estaria acionando o governo judicialmente.

Mas para o governo, a Leiaute seria uma espécie de “Ghost Writter” das ações, chateada por não ter entrado no rateio das contas.

No domingo, a presidente do mesmo sindicato que anunciou, na sexta, a ação na Justiça, informou no facebook que, na verdade, a ação seria da Associação Nacional das Agências.

O fato é que a licitação já gerou crises na Comissão de Licitação do Governo, com ameaças até do seu presidente, Paulo Guilherme Araújo, de deixar o posto.

E risco de quedas, inclusive, do secretário Robson Paz.

Mas esta é uma outra história…

40

Fábio Câmara terá Duda Mendonça como marqueteiro…

Duda Mendonça com Fábio Câmara

O candidato a vereador Fábio Câmara (PMDB) será um dos únicos políticos do país a ter o publicitário Duda Mendonça como responsável pela campanha.

Câmara está em São Paulo desde domingo, para definir as últimas estratégias da campanha de rua, que começa sexta-feira.

O publicitário baiano decidiu não participar das eleições municipais – com honrosas exceções, uma delas a do candidato a vereador em São Luís.

Fábio Câmara e Duda Mendonça ficaram amigos desde a campanha de 2010, em que o publicitário atuou para Roseana Sarney (PMDB), vencedora em primeiro turno.

Em 2008, Mendonça também fez a campanha vitoriosa de João Castelo (PSDB) em São Luís.

Fábio Câmara é o único candidato a vereador do país a ter a campanha de mídia dirigida por Duda Mendonça.

 

9

Maranhão divulga suas belezas em site vascaino…

Um belo anúncio de internet sobre as belezas do Maranhão está sendo divulgado em vário sites nacionais.

No netvasco.com.br, por exemplo, ligado ao Clube de Regatas Vasco da Gama, é um dos destaques publicitários.

Capa do anúncio, publicado em site ligado ao Vasco da Gama

Intitulado “Maranhão Único”, a propaganda do estado mostra as belezas e segredos maranhenses, com destaque para Alcântara, Lençóis Maranhenses e São Luís.

E faz um convite: “Conheça também no Carnaval”.

O anúncio tem formato inovador, explorado pela barra de rolagem do computador. Assim, são vistas belas imagens do Bumba-meu-boi, dos Sobradões do Centro Histórico e das ruínas da Alcântara.

Em cada imagem há um serviço, com dados sobre o lugar, informações turísticas e históricas.

Clique aqui e veja o anúncio publicado em netvasco.com.br…

18

Mais um mico para Dino…

Por Matias Marinho

Mais uma vez, Flávio Dino, do partido que se consolidou como o mais novo integrante símbolo da corrupção no país, o PCdoB, pagou mico no cenário nacional. E graças à sua própria insistência de querer se transformar num grande líder político da nação, por meio de uma espécie de pressão osmótica.

Desde o final do ano passado, assessores seus, já conhecidos por suas habilidades de espalhar boatos para emplacar alguma coisa ou para queimar alguém, espalhavam que Dino seria diretor da Embratur. Toda hora a nomeação saía. De fato, só saiu mesmo quando José Sarney deu o ok para que a presidente Dilma o nomeasse, em meados de junho.

No mais recente calvário, criado por esses mesmos jornalistas encantados pela “boa conversa” do ex-juiz, e graças às “plantações” dos assessores “boa vida”, que alimentam parte da mídia interesseira do Sudeste, Dino provou que além de não ter essa força que ele acha que tem, percebeu que a fila no PCdoB é bem mais longa do que ele imagina.

Outra parte da mídia do Sudeste, que não mantém esse contato com a turma da boataria, foi bem clara: Aldo Rebelo era o único nome que sempre esteve na lista da presidente Dilma, desde que foi decidido o afastamento de Orlando Silva do Ministério do Esporte.

Como bem dito, por exemplo, pela jornalista Cristiana Lôbo que, além de confirmar a lista com nome único, informou que Dilma estava tão tiririca da vida com o PCdoB a ponto de não mais nomear qualquer comunista.

Flávio Dino teve que se recolher na sua insignificância, com relação a essa decisão exclusivamente política da presidente Dilma, e, no máximo, como “cristão novo” – conforme o chamou a Folha de São Paulo em sua edição de hoje, servirá para ajudar o partido a limpar  toda sujeira deixada pelos corruptos já que, nesse aspecto, Dino é mais do que especialista, é Papa.

Que o diga José Reinaldo Tavares, Cleomar Tema e Humberto Coutinho.

6

Roseana Sarney e Nizan Guanaes…

Roseana pretende conversar com Nizan Guanaes...

A governadora Roseana Sarney (PMDB) tem agendada reunião com o publicitário Nizan Guanaes.

A conversa estava prevista para ontem, mas não pôde ocorrer por que Guanaes teve um problema de saúde que o impediu de vir à capital maranhense.

...um dos maiores publicitários do país

Dono de um dos maiores grupos de publicidade e propaganda do país, Nizan Guanaes também auta no segmento de Comunicação Política.

O blog não conseguiu apurar o tema da conversa entre o publicitário e a governadora.

Que devem marcar nova data para o encontro…