5

Astro de Ogum na disputa pela prefeitura…

Vereador garantiu que vai concorrer a prefeito em qualquer circunstância e aposta que sua candidatura nascerá do apoio das ruas

 

ENTRE FLÁVIO DINO E EDIVALDO JÚNIOR haverá a candidatura de Astro de Ogum, “em qualquer circunstância”, garante o vereador

Prestes a deixar o comando da Câmara Municipal – com uma das melhores gestões já realizadas na Casa – o vereador Astro de Ogum (PR) decidiu seus novos passos na política.

– Vou mandar o recado e todos tenham a certeza que vou disputar a Prefeitura em 2020 – afirmou o vereador, durante evento com radialistas e jornalistas, na Câmara Municipal.

Segundo contou o blog do jornalista Diego Emir, Astro de Ogum recebeu convite do PSL, do colega Chico Carvalho, para que concorra pelo partido do presidente Jair Bolsonaro, que já tem um pretendente, o ex-vereador Fábio Câmara.

Para Astro, independentemente do apoio dos chamados grupos políticos – municipal ou estadual – sua campanha seguirá firme por que vinda das bases.

– Será de baixo para cima – revelou Astro de Ogum.

0

O futuro partidário de Eduardo Braide…

Potencial candidato a prefeito terá de buscar um novo partido se quiser se manter competitivo nas próximas eleições, mas as legendas com maior potencial já estão alinhadas ao grupo que está no poder; resta como opção a desgastada oposição emedebista ou o emergente PSL, de Jair Bolsonaro

 

NOVO RUMO. Eduardo Braide esteve na campanha do PSDB com Roberto Rocha; mas o partido tem seus nomes para a sucessão de São Luís

O deputado federal eleito Eduardo Braide terá de se definir partidariamente para as eleições de 2020, se quiser repetir 2016 e ser candidato a prefeito de São Luís.

Sua legenda, o PMN, não alcançou a cláusula de barreira e ficará fora da propaganda eleitoral e do fundo partidário a partir de 2019.

Uma das opções do parlamentar é a fusão da sigla com outra, garantindo bancada na Câmara Federal para não ser engolido pela Lei Eleitoral.

Antes do início da campanha, Braide chegou a cogitar entrada no PSDB – ainda que só após as eleições.

Ocorre que, no ninho tucano – com amarga derrota nas urnas maranhenses – ele terá de conviver com outro potencial candidato, Wellington do Curso, e com o próprio senador Roberto Rocha, que pode optar pela eleição municipal em busca de recall para 2022.

As opções de Braide são restritas do ponto de vista ideológico, já que os partidos com maior potencial eleitoral – PDT, PT, PCdoB e PSB estão alinhados ao grupo que hoje comanda a política maranhense.

Já a oposição formada por MDB, PSD e PV saiu desgastada do processo e dificilmente terá forças para bancar uma candidatura em 2020 – a menos que seja a da própria ex-governadora Roseana Sarney.

Resta a Braide a opção de dividir com Maura Jorge  – e com o inconstante e difícil vereador Chico Carvalho – o comando do PSL, de Jair Bolsonaro, que saiu fortalecido das eleições e terá papel de protagonista em qualquer cenário.

Mas esta definição precisa ser feita logo no início do mandato na Câmara Federal.

É simples assim…

1

A vitória silenciosa de Yglésio Moyses…

Ao seu estilo, e com votos espalhados em quase todos os municípios do interior, candidato a deputado estadual caminha para alcançar uma vaga na Assembleia Legislativa, com base consolidada também em São Luís após duas campanhas inteligentes

 

Yglésio Moyses em campanha no interior: forte carisma e entusiasmo contagiante

O médico Yglésio Moyses entrou despretensiosamente na política em 2012, ao disputar pela primeira vez uma vaga na Câmara Municipal de São Luís.

Ganhou uma primeira suplência de vereador.

Em 2014, arriscou nova campanha, e ficou na primeira suplência de deputado estadual.

Mas foi o suficiente para entrar no rol dos nomes de São Luís na política.

Hoje no PDT, o médico cirurgião vem protagonizando uma campanha objetiva e efetiva, se espalhando em todos os municípios do interior, embora mantenha sua base eleitoral na capital maranhense.

Uma das carreatas no interior do estado; capilaridade eleitoral fortalece perspectivas

As chances de vitória do candidato pedetista são reais.

E sabendo disso – e dos desafios de superar nomes com maior estrutura eleitoral – ele se propõe uma campanha inteligente, inclusive na internet.

A eventual vitória de Yglésio nestas eleições é um passo a mais em sua trajetória porque o põe automaticamente no tabuleiro das eleições de 2020.

Mas esta é uma outra história…