0

Zona de Exportação do Maranhão tem parecer favorável em comissão

Proposta do senador Roberto Rocha transforma São Luís em uma área de livre comércio para exportação de produtos fabricados no estado

 

Foi lido na Comissão de Assuntos Econômicos do Senado o parecer favorável ao Projeto de Lei 319/2015, que cria a Zona de Exportação do Maranhão (ZEMA).

A proposta, de autoria do senador Roberto Rocha (PSDB-MA), declara a Ilha de São Luís em área de livre comércio com o exterior, permitindo que empresas nacionais e internacionais se instalem em solo maranhense e recebam incentivos econômicos para produção de bens e serviços a serem comercializados no mercado internacional.

Em seu relatório, o senador Ricardo Ferraço (PSDB-ES) disse que a ZEMA cria condições especiais para tornar a região atrativa para novos investimentos com foco no mercado externo.

“Não há dúvida de que o projeto, ao se tornar lei, vai contribuir de forma decisiva para o desenvolvimento econômico e social do Maranhão e do País”.

Embora os incentivos econômicos sejam para a capital São Luís, a proposta também beneficia a região Centro-Norte, que poderá produzir bens com matérias-primas que chegam ao mercado internacional, por meio do Complexo Portuário do Itaqui.

Ao apresentar subemenda ao texto do projeto, o parlamentar capixaba defendeu que empresas instaladas na ZEMA e na Zona Franca de Manaus possam abrir conta denominada em moeda estrangeira no Brasil. Na prática, cria condições cambiais especiais, já existentes no exterior, às empresas da ZEMA, com apenas efeitos operacionais.

“Estamos oferecendo um ambiente de negócios com segurança jurídica para os investidores nacionais e internacionais. Estamos transformando a face econômica do estado, ao tornar o povo do Maranhão sócio da riqueza que podemos explorar por aqui, por meio da geração de novos postos de trabalho e impactos bastante promissores na vida da população do estado”, destacou o autor do projeto, senador Roberto Rocha.

A proposta retorna para a pauta na próxima terça-feira para deliberação dos senadores da comissão. Em caso de aprovação, o projeto poderá seguir direto para análise da Câmara dos Deputados, sem necessidade de ser votado no plenário do Senado.

1

Roberto Rocha mostra a Michel Temer importância da Zema…

Senador acompanhou o presidente em sua primeira incursão pelo Nordeste e entregou kit de promoção do projeto que tramita no Senado e que, em sua avaliação, terá forte impacto no desenvolvimento do Maranhão

 

Temer recebeu o brinde de Roberto

O senador Roberto Rocha (PSB) entregou ao presidente Michel Temer um miniconteiner, espécie de brinde promocional da Zona de Exportação do Maranhão (ZEMA), projeto de sua autoria que tramita no Senado Federal.

– Não há no Congresso Nacional nenhum projeto que possa causar um impacto tão positivo a um estado quanto este em nosso Maranhão.
Esperamos aprova-lo no Senado no primeiro semestre de 2017. Depois ele seguirá para Câmara dos Deputados – afirmou o senador.

Rocha acompanhou Temer em sua primeira viagem ao Nordeste, quando aproveitou para falar da importância da ZEMA.

A ideia de promoção do projeto foi ideia do próprio senador, que contratou uma agência de publicidade para elaborar a campanha.

– Contratamos uma agência de propaganda para promover esse projeto, que é o mais importante para o desenvolvimento econômico e social do estado Maranhão, bem como da região centro/norte do nosso país – afirmou.

De acordo com o senador, a Fiema é a única entidade a apoiar o projeto.

Para Rocha, o apoio do presidente da República é fundamental nesta nossa empreitada…

0

Roberto Rocha apresenta Zona de Exportação para Conselho Empresarial do Maranhão…

Rocha explana aos empresários seu projeto

Rocha explana aos empresários seu projeto

O senador Roberto Rocha, a convite do Conselho Empresarial do Maranhão – CEMA proferiu, nesta quarta-feira, 27, no Salão de Atos do Palácio dos Leões, uma palestra sobre a Zona de Exportação do Maranhão (ZEMA), projeto de sua autoria que tem como princípio aproveitar as potencialidades geográficas da Ilha de São Luís para contribuir com o desenvolvimento econômico e social do Maranhão, da Região Norte e Nordeste e também do Brasil.

O projeto de criação da ZEMA visa potencializar as condições portuárias criando uma área de livre comércio no Porto do Itaqui, que possui localização estratégia para o Brasil, pois liga o país aos principais portos do mundo, no continente americano e asiático, pelo Canal do Panamá, e nos continentes africano e europeu.

O senador expôs também ao governador do estado

O senador expôs também ao governador do estado

O Conselho Empresarial do Maranhão (CEMA) é uma instância consultiva de políticas voltadas ao desenvolvimento econômico do Maranhão. É composto por câmara setoriais que dita tendências e políticas ligadas ao desenvolvimento produtivo do estado. É formado por instituições como o SEBRAE, Associação Comercial do Maranhão, Federação das Indústrias do Estado do Maranhão (FIEMA), secretarias de estado e Federação do Clube de Diretores Lojistas (FDCL), entre outras.

De acordo com o senador Roberto Rocha, explanar sobre a ZEMA para tais segmentos é a possibilidade de ampliar a visão do conhecimento sobre a área de livre comércio.

“Investimentos são atrídos, criam-se empregos e efeitos  positivos  dinamizadores da economia. A rigor, são zonas em que vigoram regime tributários especiais, com impactos positivos para superar os obstáculos do crescimento, como estímulo à competitividade, distribuição regional e nacional de ganhos econômicos e sociais, além de outras vantagens”, explicou o senador.

Participaram da apresentação o Governador Flávio Dino, o Secretário de Estado da Indústria e Comércio, Simplício Araújo e o Presidente da Federação Maranhense da Indústria e Comércio, Edilson Baldez, entre outros.