28

Fracassado, ele só é digno de pena…

Zanelii: só um pobre coitado fracassado

No Maranhão há muita gente de fora que escolheu viver aqui, construir família e trabalhar.

São pessoas bem sucedidas em várias áreas, que poderiam ter o mesmo sucesso em qualquer lugar do país ou do mundo, mas optaram pelo Maranhão, seja pela sua gente, sua cultura, seu clima ou sua comida…

Há também no Maranhão muitos maranhenses capazes de exercer sua profissão – ou seus estudos – em qualquer lugar, mas que preferem continuar aqui, entre sua gente, sua cultura, este clima tão característico.

São todos gente feliz com o que faz e onde faz. Gente que venceu na vida, independente do lugar onde está ou que escolheu para estar.

Mas o advogado paranaense Gustavo  Zanelli é digno de pena.

Zanelli é apenas um fracassado.

Aspecto de Cambé (PR): por que os Zanelli não se formam lá?

Apesar de nascido no rico Sul do país; na próspera e progressista Cambé, no interior do Paraná, em terras de clima temperado – sem este calor de 90° tão odiado por ele – e com comida de qualidade, o advogado parece ter sido obrigado (?) a vir para o Maranhão, seja para estudar ou trabalhar.

E o fracasso de Zanelli não está em vir para o Maranhão, mas em demonstrar estar aqui contra a vontade.

É um pobre coitado.

É inconcebível que sua irmãzinha – do rico Sul, com clima temperado, escolas de qualidade e comida saudável – não tenha a capacidade de escolher uma faculdade de Medicina longe dos 90° de temperatura do Maranhão.

Só o fracasso pode justificar tanto sacrifício pessoal, demonstrado em seus escritos odientos.

É por isso que, mais do que indignado, este blog sente mesmo é pena do advogado Zanelli.

E condolências pelo seu fracasso…

Em tempo: A procuradora-geral de Justiça, Regina Lúcia de Almeida Rocha, apresentou notícia-crime contra o advogado à Procuradoria-Geral da República. A chefe do MP maranhense também representou contra ele na OAB.
A seccional da Ordem no Maranhão pediu abertura de Procedimento Ético Diciplinar contra Zanelli.
O advogado disse ao G1 que já foi embora do Maranhão.

Marco Aurélio D'Eça

28 Comments

  1. Gostaria de ter conhecimento das barbáries escritas por este “Doutor” e também que esclareça se o sobre nome é Zanelli ou Zanelii. Muito obrigado

  2. Os ludovic. tem a cidade que merecem e PONTO!

    Nunca vi tanta gente indignada por nada. O cairinha da foto foi muito preconceituoso, sim, mas moramos nós em um lugar atrasado, perigoso e sem nehuma estrutura.
    Isso é fato.

    Sério que vocês acham que essa cidade é decente???

    Pesquisem sobre o mapa da violência, pois é alarmante o índice de cirmes e de violência na cidade de São Luís e no MA.

    Não há praças, locais limpos, espaços públicos para crianças ou velhos andarem livremente.

    O povo é mal educado ao extremo, no trânsito, nos shoppings, repartiççoes públicas (mas isso é no Br todo);

    E as praias?Porcas, um esgoto só. E o Centro Histórico? Ah, tem um acervo enorme, mas completamente decadente e destruído, e a cada período chuvoso. que passa então…
    Mesmo com tanta destruição, há algo que tira o foco dos azulejos: ro odor fétido de mijo do Centro.

    E a estrutura?? O que é isso mesmo? Só viajando para conhecer.

    TRânsito caótico, pois a cultura do povo é como ovo com farinhas, mas meu carro é o novo. Moro maaaaal, mas tenho carro do ano. Nossos semi-novos fazem a alegria dos novos propietários em outros estados do país.

    Hospitais??? Há anos não há construção de nenhum sequer, nem no setor privado.

    E nem venham me responder ou me dizer que vá embora, eu faço a minha parte também etc, etc… Viver aqui é uma luta diária.

    Acredito que o problema da cidade é cultural e está na cabeça e nas atitudes de cada um.

    Ninguém se importa com nada que envolva segurança, saúde e educação no estado, mas se alguém xinga, ofende, ahhhhhhhhh que grave, vamos REPRESENTAR, ETC ETC ETC

    Moro aqui, ganho dinheiro e um dia vou para um lugar melhor.

    A noção de qualidade de vida pode ser pessoal para muita gente, mas só pode falar quem tem e NÓS AQUI não podemos, pois nunca tivemos.
    Se irritem, xinguem, falem o que quiser. Esse estado é um lugar péssimo, atrasado, longíquo e difícil de se viver.

    • Sou Maranhense e apoio 1000% dos seus comentários, essa cidade é um lixo e quem tem um pouco de consciência de vida e pode nunca vai morar aqui!!! Infelizmente AINDA não tenho como ir embora, pra mim foi um KARMA FDP ter nascido e viver até hoje nessa cidade! AQUI NÃO TEM SOLUÇÃO É CULTURAL, NUNCA VAI MUDAR!!!

  3. Irresponsabilidade, ingenuidade, ignorância e muita infelicidade… Ainda há quem pense que o fato de nascer e/ou descender de familias nordestinas confira status inferior a quem quer que seja, sobretudo quando tal absurdo vem de alguem que se julga “superior” por ter suas origens mais ao sul… O próprio nobre advogado Dr. Zanelli (parece que é esse o nome!) é um exemplo da contradicão… “Bem nascido”, mostra-se uma figura pequena e limitada ao estabelecer hierarquia entre os brasileiros do sul e do norte… É preciso que não apenas ele, mas uma legião de pares que comungam de seu ponto de vista percebam que a grandeza de uma nacão se faz pela pluralidade se sua gente e diversidade de sua cultura… Negar o Nordeste e sua gente é negar as raìzes mais profundas do Brasil… É negar a literatura e seus grandes mestres nordestinos… É negar a musicalidade, a danca, o folclore, as mais belas praias, os lencois maranhenses, a sonoridade marcante dos sotaques de Pernambuco e da Bahia, as mais antigas evidências da presenca humana da America no Piauí, o caju, o caja e o cupuacu… Negar o norte e o nordeste é não exergar o maior rio do mundo, no Amazonas ou o importante e valente São Francisco… O povo do sul é maravilhoso e sonha o ano inteiro com o nordeste… O povo do sul é tão brasileiro quanto eu e você e certamente hoje se sente constrangido, assim como você e eu, não por ser nordestino, apenas, mas por ser brasileiro! O povo mais feliz, amável e receptivo do mundo não aceita julgamentos distorcidos vindos de alguém que certamente ainda tem muito a aprender…

  4. Acho que ele se esqueceu de que as áreas agricultaveis, as reservas minerais e gás em sua maioria são nossas. Alem de racista ainda é desiformado…ou seria burro mesmo?

  5. CONHECI UMA TAL DE SUELI QUE ESCATITAVA O MARANHÃO E OS MARANHENSES E GANHA DINHEIRO ATÉ HOJE POR AQUI. DETALHE: ELÁ É DO PARANÁ!

  6. Engraçado, sou maranhense, moro no Paraná (Curitiba) e digo por experiência própria que esse zé cueca não representa nem os paranaenses em sua maioria, conheço diversos curitibanos e nunca fui menosprezado por nenhum deles, pelo contrário, todos me perguntam como é o Maranhão cheios de vontade de conhecer nosso estado maravilhoso. Sou militar do Exército de carreira (concursado), estou no Paraná por imposição da instituição e vim pra cá contra minha vontade, mas graças a Deus me adaptei bem à vida aqui. Agora estou prestes a ser movimentado mais uma vez e adivinhem, NÃO HÁ VAGAS NO NORDESTE, serei praticamente obrigado a servir no “perfeito” sul do país mais uma vez. Detalhe, TODOS (eu disse Todos) os sulistas que conheço que moraram no nordeste brasileiro são apaixonados por nossa região. E mais uma coisa, estou a quatro anos no Paraná e é a primeira vez que ouço falar em Cambé…kkkk…ainda bem que esse advogadozinho já saiu de nossas terras, afinal ele só a estava apodrecendo com sua presença.

  7. Que perca de tempo e de energia essa de vocês…Tanta coisa acontecendo de mais séria no estado do MA e essa repercussão toda por causa de uma opinião estúpida e isolada.

    São Luís precisa melhorar muiiiiiiiiiiiiiiito para ser um lugar decente de se viver, que ofereça o mínimo de qualidade de vida aos seus cidadãos, e não vai ser processando, xingando e fazendo posts contra um jumento desses, que vocês vão conseguir tornar esse lugar no mínimo agradável.

    Mas essa é só a minha opinião…que NÃO vai agradar a maioria, mas é por isso que é só minha.

    • Mas me responda uma coisa: você mora em São Luís? Como consegue morar num lugar que não nem mesmo o mínimo agradável, segundo a “SUA” opinião?

      Resp.: Brigo dia e noite para que São Luís possa ter o mínimo agradável pra viver. Mas brigo aqui, na minha terra. Não fujo da minha responsabilidade. E tudo o que consegui, consegui aqui, embora tivesse tido oportunidades de trabalhar em outras terras – não me interessei. Se São Luís precisa melhorar, vou brigar por isso, de acordo com minhas convicções. Mas é aqui que pretendo criar minhas filhas, viver minha vida e dar a elas a melhor qualidade de vida possível. Dentro da minha realidade. Venci na minha terra, minha cara.

  8. Quem olhar esse vagabundo na rua tinha que uma lição nele, o certo era botar esse marginal pra correr de São Luís.

  9. quanta bobagem… nem conheço esse advogado, nunca nem ou vi falar dele, mas… claro que ele não mentiu!!! todo mundo sabe o que é isso aqui, aliás, tem gente que vive de falar mal disso aqui, mas, como falam “de outra maneira” todos nem percebem e ainda concordam. não precisa nem ser muito inteligente pra perceber isso… agora pronto, ninguém pode mais falar nada daqui… como se fosse obrigado a ficar calado… eu acho graça que tanta gente se incomodou com isso, ninguém faz nada pra mudar… “entra ano e sai ano, sempre os mesmos planos” aqui todo mundo sabe quem é quem e todo mundo sabe quem vai continuar a se dar bem!!! não sejamos hipócritas. se todo mundo que fala algo de algum lugar tivesse que se mudar pra não apanhar… afff, viva a liberdade de expressão e viva a democracia…

  10. Rapaz, querem saber. Pacto da hipocrisia. Ele foi grosseiro, preconceituoso etc. Agora que a situação de São Luis é calamitosa comparada com outras cidades, principalmente as do sul…

    • Isso não é e nunca foi motivo pra desmerecer ninguém, quanto mais uma população e um povo inteiro, pior ainda. Não tem desculpa, Paulo Balsas! Ou vou sair por aí falando mal de todo mundo que não me agrada e agredindo os pobres só porque não me agrado deles? Sem mais..

  11. Parabéns pelos comentários.
    Esse sujeito deve ser um desses safado, ordinários que sempre culpam alguém ou alguma coisa por seus fracassos.
    Se aqui ele não conseguiu nada imagina naquela terra dele sem desenvolvimento.
    Esse palhaço, cretino deveria trabalhar no circo.

  12. Marco, agora a pouco conversei com o Presidente da OAB do Paraná e o Presidente da seccional de Londrina, Dr. Artur Castelli,onde esse pilantra tambem eh filiado. E me informaram que esse Advogado mandou bloquear as informações do site da OAB PR.

    Esse Advogadozinho neonazista não esperava que eu conheço a região norte do PR,inclusive Cambe,próximo a Londrina,como também conheço toda impresa de londrina,e principalmente o Jornal “Folha de Londrina” e do Portal do Bonde.
    Resp.; Ok, meu caro. Obrigado
    Para quem quiser outras informações, o telefone da OAB PR. Seccional Londrina eh. 43 32945900

    • Ao final dessa tarde foi desarticulada um esquema de trafico de drogas na cidade de Cambe no Paraná,envolvendo inclusive advogados pilantroes. Será que esse fulano,que chegou dia 7 em São Luís não estaria envolvido nessa máfia envolvendo Advogados e traficantes de Londrina e Cambe.

  13. esse cara vai pra casinha cambé bem antes de Dezembro e leva no cérebro o calor escaldante do nosso querido maranhão!!!

  14. É bastante comum pessoas que não tem uma boa base familiar e religiosa serem extremistas. Neste caso específico esse rapaz é extremamente:
    * Imbecil
    * Ignorante
    * Mal educado
    * Preconceituoso
    * Inconseqüente
    * Sem Noção e outras coisinhas impublicáveis…

    Lamentável

  15. Marco, apesar de nossas diferença politica, que para aqui.Pois quando, uma peste desta que sai do ´´paraiso´´ pra vir por maranhao ele nao e so fracassado , e mais desses sulista que nao tem onde cair morto vem cantar de galo no nosso terreiro.Nos maranhense , temos o direito de de falar bem ou mau,pois nos nascemos e conhecemos sua realidade.Nessa somos todos junto ,somos maranhense, apesar de tudo

    • A irmã dele foi “engabelada” por um alguns estudantes maranhenses. O homem tomou as dores da irmã e meteu processo nos estudantes. Dá pra entender a raiva. Quando você vive num ambiente como o nosso, já achamos normal quando temos direitos usurpados.

      Resp.: ????

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *