0

Projeto de Osmar Filho leva atendimento oftalmológico à zona rural de São Luís

Um projeto do deputado estadual Osmar Filho (PDT), o mutirão “Olhar para o Futuro” levou, neste final de semana, atendimento oftalmológico e entrega de óculos a milhares de pessoas da zona rural da capital maranhense.

“É uma emoção ver a alegria das pessoas contempladas pelas primeiras ações do projeto Olhar para o Futuro”, disse o pedetista, que esteve nos locais dos eventos acompanhado da esposa, a advogada Clara Gomes.

O projeto teve início neste sábado (24), na UEB Evandro Bessa, na região do Cruzeiro de Santa Bárbara e no domingo (25), a ação foi realizada na UEB Galileu Clementino Ramos, no mesmo bairro.

“Esta primeira etapa do projeto está ocorrendo em São Luís. Outros bairros da cidade também receberão a ação e a ideia é levá-la para todo o estado do Maranhão”, falou o deputado, informando que a segunda etapa será realizada na Baixada Maranhense, contemplando diversos municípios.

Osmar agradeceu o apoio do governador Carlos Brandão (PSB), através da Secretaria de Estado da Saúde (SES), bem como à Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares (EMSERH) e ao Instituto para o Progresso Humano, Econômico e Ambiental (IPHEA), por tornar o projeto possível.

Da assessoria

0

Weverton recebe chapa do PDT e garante: “vou às ruas com Fábio Câmara”…

Chapa de candidatos  a vereador foi apresentada ao senador pelo candidato do partido a prefeito de São Luís, Fábio Câmara, e ouviu as garantias de que terão prioridade na formação de  eventuais alianças, com a expectativa de eleger até três representantes à Câmara Municipal; militância mostrou entusiasmo pela candidatura do ex-vereador

 

Weverton se prepara para ir às ruas na campanha em São Luís

O senador Weverton Rocha recebeu nesta segunda-feira, 26, na sede do partido, os pré-candidatos do PDT a vereador em São Luís; os interessados em disputar vagas na Câmara Municipal foram apresentados pelo candidato pedetista a prefeito de São Luís, ex-vereador Fábio Câmara.

– São homens e mulheres do povo, senador; gente como eu, da minha cor, da mesma origem, que conhece as labutas do dia dia e estão dispostos a mudar São Luís através da participação política, como representantes na Câmara Municipal – disse Fábio Câmara.

Do evento participaram também a suplente de deputada federal Luciana Genésio (PDT), o presidente municipal do PDT, vereador Raimundo Penha, militantes e lideranças históricas do partido; a maior parte dos presentes se mobilizou em busca de imagens e fotos com Fábio Câmara, que deverão ser usadas na campanha. 

Weverton ressaltou a importância de ter um candidato próprio do PDT, mantendo a tradição do partido de discutir historicamente São Luís; segundo o senador, Fábio Câmara representa bem a legenda por ter a candidatura nascida das bases, apresentadas à direção pelos líderes comunitários e militantes que fazem o partido.

Weverton reforça compromisso com a chapa do PDT e fala das etapas de campanha de Fábio Câmara

– Eu já avisei meu presidente Rodrigo Pacheco e ele vai me dar a licença; nós vamos andar as ruas de São Luís para fazer essa campanha do Fábio Câmara; e uma coisa os nossos pré-candidatos tenham certeza: eu, Weverton, vou participar diretamente da campanha nos bairros com vocês – afirmou o senador.

O PDT tem hoje pelo menos 35 candidatos a vereador com chances reais de se eleger; pela regra eleitoral, apenas 32 nomes podem ser registrados. Weverton lembrou que a perspectiva é de eleger, no mínimo, dois vereadores, por isso vai priorizar a chapa do partido.

Foi intenso o assédio ao candidato a prefeito Fábio Câmara por selfies e fotos com os pré-candidatos a vereador

– Já houve partido grande que me procurou para oferecer o vice, mas queriam trazwer vereaadores para ser candidato em nossa chapa. Dessa forma não adianta e prefiro montar nossa chapa, com vocês e Fábio, por que temos convicção em nossa força – disse Weverton.

A reunião, em uma segunda-feira chuvosa, foi mais uma demonstração de prestígio da candidatura de Fábio Câmara que mobilizou todo o pessoal para uma reunião política no Centro de São Luís…

0

Wellington e Yglésio disputam Partido Novo em São Luís…

Deputados estaduais cortejam os líderes da agremiação em busca de legenda para concorrer à prefeitura da capital maranhense e participaram do evento partidário em Imperatriz, no último sábado; expectativa é que decisão em relação a um ou outro saia ainda neste mês de fevereiro

 

Yglésio almoçou com Detlan Dallagnol, e espera convencer os dirigentes do Novo em São Luís para ser o candidato do partido

Os deputados estaduais Wellington do Curso (sem partido) e Dr. Yglésio Moyses (ainda no PSB) estão em uma espécie de disputa para ter o Partido Novo como legenda nas eleições de outubro em São Luís; os dois parlamentares cortejam os líderes da agremiação, que devem se definir ainda este mês.

No último sábado, 24, tanto Wellington como Yglésio participaram do evento da legenda, em Imperatriz, que contou com representantes do peso de Deltan Dallagnol, deputado federal cassado, e Dr. Lahésio Bonfim, ex-candidato a governador do Maranhão.

Sentados ao lado de Deltan Dallagnol, Wellington e Dr. Lahésio posam para selfie com militantes presentes ao encontro do Novo

Lahésio é, inclusive, o trunfo de Wellington, que tem sua simpatia para ser o candidato do Novo; tanto que, a pedido do ex-candidato, Wellington foi o único dos dois ludovicenses sa subir no palco quando chamados os pré-candidatos a prefeito.

Os interessados em concorrer nas eleições municipais precisam estar filiados até o dia 8 de abril.

0

Análise aponta tráfico de influência em ação contra Alessandro Martins…

Estudo realizado pelo jornalista Isaias Rocha – que também é advogado – aponta pra possível quebra de isonomia de tratamento para favorecer o presidente do Tribunal de Justiça, Paulo Velten, que acionou o empresário em peça que tramitou em menos de 24 horas até virar ação penal em pleno sábado, 24

 

Alessandro Martins após passar mal na cadeia, em uma unidade pública de saúde; ele agora está em um hospital privado, mas sob custodia policial

Análise da Notícia

Um estudo publicado neste sábado, 24, pelo blog do jornalista Isaias Rocha, mostra que a arbitrariedade judicial no tratamento ao empresário Alessandro Martins, já apontada por este blog Marco Aurélio d’Eça no post “Opinião Pública já vê como arbitrária prisão de Alessandro Martins…” pode estar extrapolando os limites da prisão sem justa causa.

Isaias Rocha, que também é advogado, aponta que a ação penal movida contra o empresário pelo presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Paulo Velten, foi protocolada, distribuída, recebida e tornada ação penal pelo juiz Flávio Soares em menos de 24 horas; na avaliação de Rocha, o caso pode até ser “debatido sob a perspectiva da violação da isonomia de tratamento, que é uma garantia fundamental de qualquer cidadão”.

A peça acusatória foi protocolada nesta sexta-feira, 23, sendo distribuída por sorteio às 14:34:56. No mesmo dia, às 16:26:56, a petição já estava com o juiz Flávio Soares, titular da 6ª Vara Criminal, que recebeu a denúncia, às 10:43:56 deste sábado, 24″, revelou o jornalista, em seu post. (Leia a íntegra aqui)

A ação de Paulo Velten se refere a um post em que Martins o chamou de ladrão e o acusou de ter ficado com dinheiro seu; este blog Marco Aurélio d’Eça historicizou o caso mostrando que a polêmica é de 2007, quando Velten nem era desembargador, e o empresário enfrentava a Volkswagen em um processo de indenização.

Isaias Rocha mostra não ter dúvidas: “A situação revela uma espécie de autoritarismo do judiciário visando satisfazer a vontade do ofendido”.

Alessandro Martins foi levado pela polícia na manhã da quarta-feira, 21, no exato momento em que desembargadores do Tribunal de Justiça cobravam publicamente do Ministério Público, em sessão do Pleno, providências contra o empresário, que vinha gerando crise atrás de crise desde que ressurgiu na mídia, no final de 2023.

Sob a alegação de desacato, a polícia deteve Martins indefinidamente, até que, curiosamente, o mesmo juiz que havia negado a prisão preventiva, reavaliasse o caso – após pressão dos desembargadores – e decretasse sua prisão preventiva, já na quinta-feira, 22, a pedido do mesmo Ministério Público que não havia visto motivo para isso no dia anterior. 

Em seu post de sábado, 245, Isaias Rocha mostrou que a 6ª Vara Criminal, da qual é titular o juiz Flávio Soares, tem acervo de 3 mil processos e encerrou 2023 com uma pendência de 2.039 processos em espera, o que se diferencia – em muito – da rapidez com que foi visto o caso de Alessandro Martins.

O artigo 396, do CPP, que está no capítulo da instrução criminal, estabelece que o juiz deverá receber a denúncia ou queixa no prazo de dez dias, caso não a rejeite preliminarmente. O recebimento significa, na prática, dar início ao processo”, ensina Isaias Rocha.

Mantido preso desde quarta-feira, 21, Alessandro Martins passou mal e foi levado para tratamento em uma UPA; de lá, seguiu para um hospital particular, mas sob custódia da polícia.

A opinião pública já começa a entender que há arbitrariedade do sistema judicial contra o empresário.

0

Flávio Costa deve ter ao menos 35 votos para o TCE na Alema

Até agora, apenas o ex-presidente da Casa, Othelino Neto, já se manifestou contra a indicação do governador Carlos Brandão, que conta com a articulação declarada da atual presidente Iracema Vale

 

Candidato de Brandão, Flávio Costa deve receber a ampa maioria dos votos na Assembleia

O advogado Flávio Costa já recebeu manifestação de apoio de 35 dos 42 deputados estaduais à sua eventual indicação a conselheiro do Tribunal de Contas do Estado.

Costa deve fazer inscrição na Casa assim que for publicada a antecipação da aposentadoria do atual conselheiro Washington Oliveira.

Apenas o deputado Othelino Neto (PCdoB) manifestou-se contra a indicação de Flávio Costa, mas ressaltando não tratar-se de nada pessoal, como revelou o blog de Antônio Martins. (Leia aqui)

A tendência é que outros parlamentares do chamado grupo de “ex-dinistas” também se posicionem contra a indicação do governador Carlos Brandão (PSB). Na semana passada, os deputados Rodrigo Lago (PCdoB) e Carlos Lula (PSB) já haviam tomado posição em defesa das prerrogativas da Assembleia de conduzir o processo.

Carlos Lula chegou a defender a indicação dos deputados que já manifestaram interesse na vaga, como mostrou este blog Marco Aurélio d’Eça no post “Ex-dinistas mandam recado a Brandão sobre TCE…”.

Para conseguir fazer inscrição como candidato ao TCE-MA, Flávio Costa só precisa de 14 assinaturas de deputados.

0

Vini Jansen emite “Nota de Esclarecimento”, mas não cita Alessandro Martins…

Em vídeo gravado ainda na sexta-feira, 23, pré-candidato a vereador que se identifica por “figura pública” em suas redes sociais fala apenas de “uma eventualidade que aconteceu com uma pessoa que me contratou apenas para eu ser o assessor técnico, filmar ele (sic)”; e revelou que estava com sua assessoria jurídica “para tomar as medidas cabíveis”

 

Vini Jansen no escritório de sua “assessoria jurídica”; providências cabíveis

Citado como um dos responsáveis pelas aparições do empresário Alessandro Martins nas redes sociais, o pré-candidato a vereador de São Luís Vini Jansen divulgou em suas redes sociais vídeo que intitulou como “Nota de Esclarecimento”, mas acaba ignorando o próprio nome do empresário em sua fala.

Alessandro foi preso na quarta-feira, 21, por desacato aos policiais que foram cumprir mandado de busca e apreensão em sua casa; na quinta-feira, 22, a Justiça decretou sua prisão preventiva e determinou a quebra de seus sigilos telefônico e bancário.

A partir destas ações da polícia, soube-se que Vini Jansen era um dos assessores do empresário, como revelado neste blog Marco Aurélio d’Eça, no post “Alessandro Martins fez pix’s milionários para aparecer na mídia…”.

Logo após a publicação, o próprio Jansen falou por telefone com o titular deste blog Marco Aurélio d’Eça; confirmou ter estado no prédio de Alessandro Martins no dia da batida policial, mas afirmou ter chegado apenas até a garagem.

No vídeo de esclarecimento, o pré-candidato a vereador não cita o nome de Alessandro Martins e muito menos os problemas que o envolvem. Fala de “eventualidade que aconteceu com uma pessoa que me contratou”, e diz ter atuado apenas como “assessor técnico”, responsável por filmar os vídeos do empresário.

O vídeo de Jansen foi gravado em frente ao que parece ser um escritório de advocacia, que ele chamou de sua assessoria jurídica, com a qual se reuniu, “para tomar as medidas cabíveis”, sejam lá quais forem elas.

Alessandro Martins continua preso, com seus perfis de internet bloqueados e suas contas e celular sendo investigados pela polícia maranhense.

Mas cresce nas redes sociais e na opinião pública um sentimento de arbitrariedade em relação à prisão do empresário.

Assunto que foi mostrado neste blog Marco Aurélio d’Eça no post “Opinião Pública começa a ver como arbitrária prisão de Alessandro Martins…”.

O empresário completa neste domingo o primeiro fim de semana atrás das grades…

0

Yglésio presente em ato pró-Bolsonaro na Avenida Paulista…

Deputado estadual maranhense (ainda no PSB) é o único representante da Assembleia Legislativa do estado na manifestação que reuniu milhões de brasileiros em apoio ao ex-presidente da República, hoje com os direitos políticos cassados

 

Dr. Yglésio ao lado de outros maranhenses que foram desagravar Jair Bolsonaro na Avenida Paulista, em São Paulo

O deputado estadual Dr. Yglésio Moyses é o único membro da Assembleia Legislativa do Maranhão presente no ato pró-Jair Bolsonaro (PL), que acontece na tarde deste domingo, 25, na Avenida Paulista, em São Paulo.

No primeiro contato com este blog Marco Aurélio d’Eça, por volta do meio-dia, Yglésio estava em deslocamento para a Paulista, mas ainda sem credencial que daria acesso à área mais restrita a Bolsonaro; por volta das 14h, ele encaminhou a imagem que ilustra este post, ao lado de outros maranhenses presentes no ato.

– Já aqui do lado do evento com os bolsonaristas maranhenses – informou o deputado estadual.

O ato pró-Bolsonaro deve durar a tarde inteira e reúne milhões de brasileiros em desagravo ao ex-presidente.

0

Luciano lança Drª Thaysa em ato com 250 lideranças em Pinheiro…

Reunião na casa do prefeito contou com a presença de parte do seu grupo político, que reafirmou apoio à ex-deputada estadual à sucessão e outubro; “o jogo começou”, afirmou Genésio

 

Luciano com parte do seu grupo político mobilizado pelo apoio á candidatura de Drª Thaysa em Pinheiro

Com a presença de mais de 250 lideranças entre vereadores, ex-vereadores, líderes comunitários, articuladores e mobilizadores, o prefeito de Pinheiro, Luciano Genésio (PP), lançou neste sábado, 24, a candidatura da ex-deputada estadual drª Thaysa à sua sucessão.

– O jogo começou! A partir de agora vamos a campo trabalhar firme para garantir a nossa vitória. Não vamos perder essa eleição – afirmou o prefeito.

A mobilização do grupo político, segundo Luciano, é o primeiro passo para fortalecer a campanha que, segundo ele, não há dúvidas de que será vitoriosa.

– Precisamos vestir a camisa e partir para cima, vou trabalhar como se fosse minha reeleição. Temos um grupo forte, unido, que acredita nesse projeto, que acredita que a Thaisa é a melhor opção – afirmou Luciano.

A candidata agradeceu o apoio e disse que a hora de arregaçar as mangas para manter o trabalho que vem sendo realizado em Pinheiro desde 2016.

– Agradeço o apoio de todos e quero dizer que podem contar comigo, vamos juntos buscar essa vitória – afirmou Thaysa.

O entusiasmo dos presentes reforçou em Luciano Genésio a certeza de que vencerá a eleição de outubro…

Com informações da assessoria

0

Iracema Vale discute enfrentamento à violência no campo

A presidente da Assembleia Legislativa do Maranhão, deputada Iracema Vale (PSB), reuniu-se, na manhã de sexta-feira, 23, ao lado do deputado Roberto Costa (MDB), com uma comitiva da Comissão Nacional de Enfrentamento à Violência no Campo. A visita teve como objetivo estabelecer parcerias em projetos de interesse comum e fortalecer os laços institucionais.

Na pauta, foram discutidos os problemas associados ao uso de agrotóxicos e suas implicações na saúde, no meio ambiente e na vida dos trabalhadores rurais, comunidades e povos tradicionais. Foram apresentadas propostas aos parlamentares a serem encaminhadas e apreciadas pela Comissão de Meio Ambiente do Parlamento Estadual.

“Esse importante colegiado media e busca conciliação de casos de maior complexidade de conflitos socioambientais no campo e, nós, parlamentares, temos interesse em estreitar laços e ajudar no que estiver ao nosso alcance. Ouvimos atentamente as demandas e iremos estudá-las com muito comprometimento”, afirmou a chefe do Legislativo maranhense.

A coordenadora da Comissão, Cláudia Maria Dadico, agradeceu a cordialidade da presidente Iracema Vale. “Fomos muito bem recebidos e agradecemos pela parceria firmada. Trouxemos, ainda, outro assunto, que diz respeito à extinção da Comissão Estadual, mas saímos alegres e esperançosos ao ter conhecimento sobre a condução da Casa neste tema”.

Para o deputado Roberto Costa, é fundamental promover diálogos sobre a violência no campo.

“São questões que afetam diretamente a vida das comunidades. Me coloco à disposição e parabenizo a presidente Iracema Vale por estar atenta a essa causa e por liderar iniciativas que visam garantir a segurança e o bem-estar dos trabalhadores rurais”, concluiu.

Da Agência Assembleia

0

Pesquisa aponta que Dr. Milton Gonçalo será o próximo prefeito de Santa Rita

O Instituto Inop apresenta neste domingo, 25 de fevereiro, os primeiros números da corrida eleitoral para a Prefeitura de Santa Rita. De acordo com o levantamento, o pré-candidato do atual prefeito Dr Hilton, sairá vitorioso das urnas. Dr Milton Gonçalo é o Franco favorito para a disputa.

Dr Milton já é o preferido da população tanto na pesquisa espontânea como na estimulada.

No cenário espontâneo, Dr Milton Gonçalo aparece com 28,48% das intenções de votos. O segundo é Jancimarou com 5,63; Luiza Calvet teve 1,32% e Maria Enfermeira 0,66%. Não souberam ou não opinaram representaram 63,58%.

No cenário estimulado, Dr Milton Gonçalo dispara com 60,93%, Jancimario 16,56%, Luiza Calvet 7,95%. Nenhum deles somou 3,97% e 10,59% não souberam ou não opinaram.

Em um segundo cenário estimulado, Dr Milton Gonçalo aparece com 67,55% e Jancimauro 20,86%. Não souberam ou não opinaram somaram 11,59%.

Em um terceiro cenário estimulado, Dr Milton chega a 69,87% e Luiza Calvet 16,23%. Não souberam ou não opinaram 13,90%.

Ainda foi avaliada a rejeição dos pré-candidatos e Luiza Calvet é a mais rejeitada com 33,77%. Jancimauro tem 24,50% de rejeição e Dr Milton apenas 12,91%. Não sabe ou não opinaram representam 28,82%.

O Inop entrevistou 302 pessoas nos dias 23 e 24 de janeiro de 2024 na sede e na zona rural de Santa Rita. A pesquisa tem margem de erro de 4,21% para mais ou para menos e está registrada no TSE sob o seguinte protocolo: MA-02011/2024.

Da assessoria