12

O milagre da eleição no Maranhão…

Comentário enviado por um leitor do blog, identificado por Kdlson Araujo

Qualquer pessoa que tenha o mínimo de inteligência, nota a mudança ocorrida no Maranhão pós-eleição.

De uma hora para outra, como num passe de mágica, Pedrinhas sumiu dos noticiários da chamada “grande imprensa”, os ataques a ônibus não acontecem mais e não se fala mais em bonde dos 40, nome bastante sugestivo, já que tem um Partido político, que leva esse número.

Quem acompanha os blogs do Maranhão, tem acompanhado rasgados elogios, tanto do governador eleito, quanto de sua equipe de transição, ao fato de que as contas do Estado estão em conformidade com LRF e que não há o que auditar.

O chefe da equipe de transição já até elogia a saúde pública do Maranhão e tece comentários positivos aos Hospitais que ele mesmo e toda a oposição tanto criticaram.

Nos dois casos, é de se estranhar toda essa mudança.

Se Pedrinhas sumiu do noticiário e não houve mais ataques incendiários a ônibus, é de se supor, que aquelas ações criminosas tinham cunho político para enfraquecer o candidato da “situação” e que, efetivamente tinham participação de algum membro da oposição como mentor intelectual.

Quanto aos elogios à situação econômica do Estado e aos Hospitais recém construídos, chega-se à conclusão que essa oposição que ora chega ao Poder, usa e abusa das mentiras e da política rasteira para atingir seus objetivos.

Pobre Maranhão, que tem sua classes políticas composta em sua grande maioria, por pessoas inescrupulosas e que fazem de tudo é que sujeira para chegar ao poder, para dele se locupletarem.

Marco Aurélio D'Eça

12 Comments

  1. Mais será q a inteligência não da pra avaliar que pode ter havido uma boa intervenção das polícias msm falidas…

  2. Milagre, DEUS quis o Flávio Dino. Milagre, o povo quis o Flávio Dino.
    Uma observação, quaisquer elogios são feitos para não espantar os donos do poder, pois podem esconder tudo.

  3. Joao Luis,
    Eu votei e votaria novamente no que era mais preparado para administrar o Estado, o Pedrosa.Tanto que todos os debates que o mesmo participou bateu nos dois candidatos, no seu Flavio e no Lobao Filho. Mas o comentário Kdlson tem fundamentos sim, não se ver mais rebelião, ataque as onibus. A violencia que voce cita é a mesma que ocorria mto antes da campanha, não vamos deixar o partidarismo tomar de conta da realidade. A visão é o povo do Maranhão.

  4. VOCÊS SÓ PODEM NÃO LER OU NÃO SABER O QUE SE PASSA NO MUNDO….. É SÓ V O QUE SAIU NOS ULTIMOS DIAS DESSA IRESPONSAVEL QUE GRAÇAS A DEUS TA ARRUMANDO A MALA PRA IR EMBORA DE UMA VEZ E DEIXAR NOSSO POVO EM PAZ!!!!!! AMEM!!!!!

    Mesmo em crise, governo do MA corta orçamento de presídios para sucessor
    Carlos Madeiro
    Do UOL, em São Luís 16/10/201406h00
    Compartilhe76226 Imprimir Comunicar erro
    Em meio à crise no sistema prisional, o governo do Maranhão enviou proposta à Assembleia Legislativa para cortar em 10% o orçamento da Secretaria de Estado da Justiça e Administração Penitenciária em 2015, quando o governo passará às mãos da oposição pela primeira vez após meio século.

    O maior atingido com a medida deve ser o Complexo Penitenciário de Pedrinhas, em São Luís, que registrou 19 mortes neste ano e sofre com denúncia de corrupção de diretor, fugas e rebeliões. O local é dominado por facções criminosas.

    Ao fim do mandato, Roseana Sarney vai repassar o governo com uma onda de violência também fora dos presídios.

    A redução proposta vem em meio à transição de governo, que passará às mãos de Flávio Dino (PCdoB) a partir de 1º de janeiro de 2015. No dia 5 de outubro, ele derrotou o senador Edison Lobão Filho (PMDB), que era apoiado pela governadora Roseana Sarney (PMDB).

    Ampliar
    UOL entra no complexo penitenciário de Pedrinhas14 fotos 2 / 14
    10.jan.2014 – Triagem do CDP (Centro de Detenção Provisória) de Pedrinhas está superlotada; presos reclamam de falta de estrutura e insalubridade em celas Leia mais Beto Macário/UOL
    Preocupação
    Para 2015, o novo governo do Estado contará com R$ 15 milhões a menos no orçamento em relação a este ano –caindo de R$ 149 milhões para 134 milhões. O valor proposto causou protestos do novo governo eleito.

    Segundo o deputado estadual e já nomeado para a Casa Civil, Marcelo Tavares (PSB), o novo governo recebeu o corte com preocupação. “É um problema grave no Estado e temos de enfrentar isso prontamente a partir de 1º de janeiro. Vamos tentar resolver isso na tramitação do projeto, negociando com a bancada”, disse.

    “Foi uma surpresa essa redução na área. Mesmo que diminua o custo das obras, terá aumento do custeio, tem manutenção. Os gastos tendem a aumentar. Temos de ver com detalhes e saber o que está acontecendo de errado”, afirmou.

    Sobre o orçamento de 2015, o governo do Maranhão se limitou a dizer ainda está “em discussão” e não comentou a proposta de redução encaminhada ao Legislativo.

  5. SE AS NOTÍCIAS SUMIRAM EM UM PASSO DE MÁGICA FOI PORQUE, MAIS UMA VEZ O BEM VENCEU O MAL, AS AÇÕES TINHAM CUNHO POLÍTICO, POREM, QUEM AS COMANDAVAM ERAM OS MESMOS QUE SEMPRE FIZERAM ISSO, COMO ARRASTÕES COM TRANSMISSÕES AO VIVO, A MORTE DE UMA PROFESSORA QUE NUNCA SE SOUBE QUEM MATOU, MAIS, QUEM CHEGOU PRIMEIRO FOI A MIRANTE E QUEM ENCONTROU O CORPO AINDA TIROU UM PAPEL DO BOLSO DELA FALANDO DO GOVERNADOR JACKSON LAGO, LEMBRAM? POIS É, ESSA TURMA QUE FEZ ISSO É A MESMA DO BONDE DOS 40, DO CAIXÃO NA PORTA DA PREFEITURA, DOS INCÊNDIOS DE ÔNIBUS, ETC, ETC, CONTINUAM POR AÍ, POREM FORAM VENCIDOS PELO BEM, VÃO APARECER NOVAMENTE, QUANDO ALGUÉM DO BANDO FOR CONDENADO.

  6. Comentário esse sem pé nem cabeça, a grande imprensa é toda do lado do Sarney, a criminalidade continua assustadora, não houve nenhum elogio a saúde pública, os hospitais até onde se sabe, continuam sendo fechados. Esse “Kdlson Araujo” deve estar um pouco confuso ainda com a derrota nas urnas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *