10

Mais do mesmo na Federação de Futebol…

Aponte algo de novo nesta imatgem (foto: blog do Zeca Soares)

Se o interventor Antonio Américo quisesse mesmo mostrar seiredade nem teria sido candidato a pesidente da Federação Maranhense de Futebol.

Mas o que todos querem no futebol maranhense é ser um novo Alberto Ferreira.

A aclamação do novo presidente tem cheiro de repetição. Pelo que se desenhou desde que ele assumiu o comando da FMF, tudo ficará igualzinho ao que era antes, com “aclamações” consecutivas e ad eternas.

Primeiro, vendeu a idéia de que não seria candidato a substituir Alberto Ferreira, enquanto deparamentos de futebol – sempre eles – articulavam para defender o seu nome.

Antonio Américo ficará no comando da FMF até novembro de 2014, encabeçando a chapa que tem o sugestivo nome de “novo meomento”.

Junto com ele os mesmos de sempre, que levaram Moto, Sampaio e Maranhão para a “Série Z” do futebol brasileiro.

O momento é novo, mas o que se vê na condução do esporte mais popular do Maranhão – desde a saída de Ferreira, há quase um ano – é mais do mesmo do que foi a eternidade em que a FMF esteve sob os auspícios do ex-presidente.

Mas, complacente como ele só, já no discurso da vitória, o magnânimo Américo se digna a “trabalhar e perdoar aqueles que estão chateados”.

Repetindo, para ficar claro: é ele quem vai perdoar aqueles que estão chateados com ele.

Para isso, se declara “aberto a negociações“.

E o futebol maranhense que continue a se danar…

Marco Aurélio D'Eça

10 Comments

  1. Vc não sabe de nada.Se ele se candidatou, foi pq ele tem um compromisso com o futebol maranhense. O bundão do sarney neto quis aproveitar a ultima oportunidade de aparecer.nao sabia nem o q falava.Falando da rapidez na aprovação do estatuto q nao mudaria em nada se o moto tivesse o peso de 3 votos ao invez de 2, ja que o eleição foi de 43 a 2.O pedro vasconcelos deu entrada da candidatura da chapa faltando 2 min pro fim do prazo e escrito a mão,sem falar q ele citou nomes de presidentes de ligas como fazendo parte da sua chapa, sendo esses parte da chapa de americo,sem falar q nao pediu a autorização dos mesmo, e ainda na mesma folha deu entrada na candidatura da comissão fiscal.ai eu pergunto,seria realmente prudente nao se candidatar e deixar o futebol maranhense nas maos desses burros?!!!Parabéns américo…confiamos no seu trabalho.

  2. VOCE FOI PERFEITO MEU CARO
    TUDO COMO ANTES NO QUATEL DE ABRANTES. DE NOVO SÓ MESMO A ARROGÂNCIA DO DOUTOR INTERVENTOR/PRESIDENTE.
    GRANDE ABRAÇO E SAUDAÇÕES RUBRO-NEGRAS. O LOVE VEM AI E O PBICHO VAI PEGAR.
    FIQUE EM PAZ

  3. Caro Marcos, o futebol maranhense não está na série Z, ele (o nosso futebol) está fora de SÉRIE, ou seja, fora da A, B, C e daqui a pouco da D. Realmente o nosso futebol é uma vergonha, deviam se espelhar no basquete feminino, com jogadoras de nível de seleção e casa cheia em todos os jogos.

  4. BINGO BINGO BINGO
    PARABÉNS DEÇA….VOCÊ CADA DIA MELHOR, MOSTRANDO COM INDEPENDENCIA E CORAGEM A VERDADE DOS FATOS…
    O PIOR DE TUDO, É QUE ESTE “MAIS DO MESMO” ESTÁ SENDO FEITO À MODA POLÍTICA MARANHENSE, COM FRAUDES, CONCHAVOS, CORRUPÇÃO E FALTA DE CARÁTER…
    E PIOR, SOB OS AUSPÍCIOS E TUTELA DO JUDICIÁRIO (ONDE AMÉRICO TEM ESQUEMA) E DO MINISTÉRIO PÚBLICO, ONDE A “GUERREIRA” PROMOTORA LÍTIA QUE COINCIDENTEMENTE SUMIU APÓS SEU ANTIGO LOVE (DIZEM) ASSUMIR COMO INTERVENTOR…
    DEPOIS QUEREM PRO POVO SAIR DE SUAS CASAS PARA IR A ESTÁDIO…

  5. O vi esse cidadão dizendo em uma entrevista na TV Mirante que não seria candidato a eleição na federação. Sua missão era por ordem na casa e sair. Cara de pau!!!
    É Brasil.

  6. Aguarde, Marco. O cara nem começou a trabalhar e você já está batendo. Espere um pouco para formar sua opinião.

    resp.: Ué, e ele não está trabalhando desde o ano passado???

  7. Realmente Marcos, derrubaram AF mas as práticas continuam as mesmas…
    Parabéns pela coragem de abordar esse tema vergonhoso, da forma que ele merece ser tratado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *