2

O vandalismo nosso de cada dia…

A pichação do banco da recém-inaugurada praça Deodoro revela a face mais cruel do cidadão que grita alto contra os políticos, mas despreza seu próprio patrimônio público, jogando contra si mesmo

 

O banco atacado pelo covarde pichador alheio à importância do patrimônio público

Editorial

Vandalismo é o termo mais ameno para classificar o crime urbano que ocorreu na recém-inaugurada Praça Deodoro.

Uma obra belíssima, feita em parceria do Iphan e da Prefeitura de São Luís deveria encher de orgulho o ludovicense, que ganhou mais um cartão postal na sua bela cidade.

Mas o que se viu no banco da praça, pichado covardemente, é o aspecto mais grotesco do “cidadão”.

Quem sabe o sujeito que fez estes estrago no monumento público não tenha saído às ruas a gritar contra a corrupção dos políticos?!?

Muito provavelmente, o cara que pichou o banco deve ter muita vezes cobrado obras de urbanização em seu bairro, ou reclamado da falta de infraestrutura em sua rua.

A ação da prefeitura foi imediata, mas ela não precisaria ter sido executada houvesse consciência na população

O prefeito Edivaldo Júnior fez um apelo em suas redes sociais, ao se deparar com a imagem do banco vandalizado.

– Li hoje cedo a lamentável notícia. É preciso que todos saibam que a cada banco pichado, escultura danificada ou qualquer outro patrimônio público depredado, a cidade toda é agredida. A limpeza do espaço já foi realizada. mas aproveito para pedir a colaboração de todos os ludovicenses para cuidar do que é nosso e denuncia este tipo de atitude criminosa – desabafou o prefeito.

Sem dúvida nenhuma, é um crime o que ocorreu na Praça Deodoro.

Um crime do cidadão contra si próprio…

Marco Aurélio D'Eça

2 Comments

  1. Muito boa a matéria, lamentável que seja em virtude de um vândalo que deveria está preso.
    Como sugestão ao prefeito, precisamos instalar câmeras nos lugares públicos que forem sendo reformados, com monitoramento de uma central da guarda municipal que tem como uma das funções a segurança e guarda de lugares públicos. Fica a dica prefeito.

  2. Parabéns pelo editorial. Toda pichação tem uma identidade. O Poder Público sempre foi tolerante com esses marginais pichadores. O Ministério Público omisso!. É PRECISO QUE ESSES DELINQUENTES SEJAM PUNIDOS EXEMPLARMENTE.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *