16

Não adiantou esforço de Helena Duailibe; Holandinha deixa, de novo, faltar medicamentos na Saúde…

http://www.blogsoestado.com/danielmatos/files/2012/12/socorrao-corredor1.jpg

O caos voltou aos hospitais de São luís

Funcionários, médicos e pacientes do sistema de Saúde de São Luís voltaram a reclamar a falta de medicamentos nos hospitais da rede municipal.

Falta material básico de atendimento nos Socorrões, I e II, e nas unidades mistas.

A secretária Helena Duailibe (PMDB) assumiu a pasta no início do ano, com a garantia do prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PTC) de que as coisas seriam diferentes do que eram nas gestões e Vinícius Nina e César Félix.

http://www.marcelovieira.blog.br/wp-content/uploads/2014/01/helena-e-edvaldo.jpg

Lentidão de Holandinha pode prejudicar esforço de Helena

Não foram.

Apesar do esforço da secretária, o prefeito não consegue ter pulso para gerir os demais setores da prefeitura, o que burocratiza a relação com fornecedores.

O risco agora é que a falta de pulso do prefeito possa comprometer a capacidade gerencial de Helena Duailibe.

E prejudicar sua própria imagem…

 

Marco Aurélio D'Eça

16 Comments

  1. E O SPA do HMDM que a Dra Helena simplesmente acabou? como fica o povo sem assistência médica e odontológica de urgência?

  2. Rapaz, oh povo desesperado. A casa está sendo arrumada e, é claro, imprevistos podem acontecer. Vamos ser sensatos e reconhcer que a nossa saúde já teve grande avanços e que Helena Duailibe está fazendo sua parte em realizar as devidas mudanças. Nada é perfeito! Me diz aí quem foi esse que já fez uma reforma total em alguma parte da casa em um dia? Tudo leva tempo para fazer uma boa organização.

  3. A tá. Agora que as coisas estão se arrumando, povo. Isso poderia acontecer. Não tem como desmerecer o trabalho que vem sendo feito de Edvaldo em parcerias com Helena. Já tivemos saltos siginificativos na saúde da nossa cidade.

  4. A secretária Helena Duailibe não tem poupado esforços para colocar ordem na semus. Tem feito de tudo para remediar os principais problemas, com o apóio e confiança do prefeito Edivaldo. Quero também reconhecer o trabalho árduo dos funcionários dos dois socorrões que atuam como titãs na saúde do estado, recebendo pacientes do interior e da capital, contornando dificuldades e tentando suprir faltas de todos os tipos, pois não é de hoje que se isso acontece, aos poucos a secretaria vai arrumando a casa, não vai ser fácil, como unidades de urgência e emergência sempre haverá problemas. Boa sorte a todos, pelo bem da população!

  5. Reativação do convênio com a Santa Casa de Misericórdia que tirou todos os pacientes dos corredores do Socorrão II, a criação de leitos de retaguardas e reativação do Hospital da Mulher, acreidto que isso ‘importante e deve ser destacado, muita coisa ainda por fazer, pois é assim devagar tendo em vista que os problemas são muitos.

  6. Caro “Soldado da Semus”, pra começo de conversa, vc deve ser um desses “pau mandado” da Wilma. Meu caro realmente esses 02(dois) tem muito compromisso com a SEMU$$$$$$$$$. Existe um ditado muito certo ou seja “Quem engorda o gado é olho do dono!” Tu achas que aqui na Semus tem algum otário? É claro que eles tem maior interesse em chegar cedo e sai tarde. Todo mundo aqui na Semus sabe que a Wilma se tranca com as empresas que financiaram campanha do prefeito e somente “essas” empresas são beneficiadas com o pagamento das faturas. Os “Acordãos” são fechados na calada da noite, Porque isso , “Soldado da Semus”??? explica para os leitores desse blog??? Realmente esses dois tem que trabalhar muito pra compensar os 15 e 10 mil reais de SUS que eles ganham ou vc pensa que ninguém sabe disso? Meu amigo aqui sempre trabalhamos muito , aqui nada foi fácil e nunca será, agora a única diferença das gestões anteriores era que se respeitava as pessoas e vcs não conhecem essa palavra. Assédio moral, aqui na Semus, é todo dia! E fica também sabendo , que temos informações de que uma empresa do Marcio está na engenharia com testa de ferro , pra enganar otários. Vou te dar um conselho “Soldado da Semus” procura outro lugarzinho pra ti na prefeitura , porque teu fim está próximo aqui na Semus. A secretária está sendo induzida , até agora, mais ela vai enxergar mais cedo do que vc pensam a palhaçada desse grupo de vcs. Drª Helena tem se esforçado pra conduzir a secretaria da melhor forma possível,porém a pressão desses dois é muito grande em cima dela, mais nos aguarde que as coisas mudaram muito em breve!

  7. Veja bem Guerreiros da SEMUS, se os dois são amigos do prefeito então o que eles querem é ver a maquina funcionando, você não acha? a verdade é que quem vivia na moleza sem fazer nada agora esta incomodado porque tem que trabalhar, simples assim!! e pra quem conhece e sabe que eles assim como outros que realmente vestiram a camisa do prefeito são os primeiros a chegar e os últimos a sair da secretaria e batalhando junto com a secretária para que as coisas funcionem.

  8. Eu nunca vi isso acontecer no Socorrão I, a Helena colocou a equipe do Socorrão II no Socorrão I para ensinar os funcionários a trabalhar, agora cá pra nós, o Socorrão II e modelo pra algum hospital. O Socorrão I nunca tem diretor presente, até agora não foi feito nada para melhor…

  9. a queridissima vereadora deve retornar a câmara e ficar o restante do seu mandato(como agovernadora fez) pois 10 ml votos das eleiç~~oes não tem 2 mil… a cada dia se reduz pela incapacidade de sua equipe instalada no HMDM

  10. Marco,
    Dizer agora que o prefeito é o responsável pela gestão da saúde em São Luis é o mesmo que dizer que a secretaria de saúde não precisava de uma secretária.
    Quem executa o orçamento de uma secretaria de saúde é seu próprio gestor, no caso a secretária Helena Duailibe.
    ALGUMAS DAS ATRIBUIÇÕES DO GESTOR DO FUNDO MUNICIPAL

    São atribuições do gestor do fundo:

    – gerir o Fundo Municipal de Saúde e estabelecer políticas de aplicação dos seus recursos de acordo com as deliberações do CMS;

    – acompanhar, avaliar e decidir sobre a realização das ações previstas no Plano Municipal de Saúde;

    – submeter ao CMS o Plano de aplicação a cargo do fundo em consonância com o Plano Municipal de Saúde e com a Lei de Diretrizes Orçamentárias;

    – submeter ao CMS as demonstrações mensais da receita e despesas de Fundo;
    – encaminhar à contabilidade geral do município as demonstrações mencionadas no inciso anterior;

    – subdelegar competência aos responsáveis pelos estabelecimentos de prestação de serviços de saúde que integram a rede Municipal, mediante deliberação do CMS;

    – Assinar cheques com o coordenador do Fundo Municipal de Saúde;

    – ordenar empenhos e pagamentos das despesas do Fundo;

    – firmar convênios e contratos, inclusive de empréstimos, juntamente com o prefeito, referente a recursos que serão administrados pelo Fundo juntamente com o
    Coordenador deste, mediante deliberação do CMS;

  11. E melhor se atualizar, pois as fotos dos pacientes sao do inicio de 2013.

  12. JÁ FALAMOS EM OUTROS DEPOIMENTOS A VERDADEIRA SITUAÇÃO DA SEMUS. HOJE, É UM VERDADEIRO CAOS, QUASE TODO OS DIAS PESSOAS SÃO DEMITIDAS SEM CRITÉRIO E SEM O CONHECIMENTO DA SECRETÁRIA-HELENA DUAILIBE, QUE MUITAS VEZES SÓ TOMA CONHECIMENTO PELO OUTROS. QUEM MANDA AQUI NA SEMUS , É A WILMA E MÁRCIO, OS DOIS SÃO AMIGOS DO PREFEITO. ELES NÃO TEM INTERESSE QUE NADA SEJA RESOLVIDO PARA MELHORIA DA SEMUS. AS OBRAS NÃO SAEM DO PAPEL/PROJETO,E NADA FUNCIONA PORQUE TUDO NA SEMUS NÃO OBEDECE NENHUM CRITÉRIO. A SECRETARIA, HELENA DUAILIBE, TEM ATÉ SE ESFORÇADO E MUITO PARA CONDUZIR A SEMUS PORÉM ESSES 02(DOIS) AMIGOS DO PREFEITO NÃO DEIXAM E ATRAPALHAM SUA GESTÃO. NÃO SEI ATÉ QUANDO ELA SUPORTARÁ ESSA INGERÊNCIA!!!

  13. Essa ai vai sair QUEIMADA nessa gestão de H e não vai conseguir reeleger o esposo !

  14. Caos em todos os setores da saúde. Principalmentenos CEOs. O da Alemanha não funciona nada. O diretor passa por la correndo.

  15. Só lembrando que este prefeito é o prefeito do Flávio Dino, aquele mesmo que subiu em palanques pra dizer que cidadão representava o novo e a mudança. Toma!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *