6

Imagens do dia: Maranhão, do comunismo ao Estado Islâmico…

Jaula ao ar livre montada pelo governo Flávio Dino para abrigar presos em Barra do Corda – e que resultou na morte de um empresário, por maus tratos – só é comparável às crueldades dos fundamentalistas muçulmanos do Oriente Médio

 

A imagem acima é uma das peças de divulgação do Estado Islâmico, grupo terrorista muçulmano que mata quem ousa questioná-lo, com requintes de crueldade e espetáculo.

É uma barbárie acabada de mundos autoritários e truculentos.

Esta outra imagem é daqui mesmo, de Barra do Corda.

Uma jaula, no mesmo estilo talibã, que expõe presos ao relento, ao sol e à chuva, com requintes de crueldade – e resultou na morte de um empresário de um empresário, preso por uma questão de trânsito.

As duas imagens são exemplos acabados de até onde pode chegar um governo autoritário, truculento, incapaz de reconhecer erros e que persegue adversários.

E é para este caminho que vão os estados totalitários.

Será este o destino do Maranhão?!?

Marco Aurélio D'Eça

6 Comments

  1. VOCES DA MIRANTE SÃO ENGRAÇADOS QUANDO A CHEFA ERA GOVERNO, O QUE ACONTECIA EM PEDRINHAS TUDO ERA ABAFADO. LEVA OS BANDIDOS PARA TUA CASA CARA

  2. Mentira. A tal jaula ainda é uma herança maldita dos 50 anos de dominação oligárquica. O que fala dos tenebrosos anos de 2013 e 2014 onde a carnificina impera nos presídios do nosso estado, especialmente em Pedrinhas, o que dizer nos altos índices de assassinatos e roubos a banco ? Da quase intervenção federal no estado por conta do descontrole deixado pela ex-governadora. Enfim que nunca mais repita-se os dias sombrios vividos em 2013 e 2014. Vá de Retro !

  3. A obra foi executada no governo Roseana, agora o governador já deveria ter mudado isto.

  4. Decide : Taleben ou estado Islâmico ? Não são a mesma coisa.
    Outra coisa, essa jaula aí tem anos meu amigo, não é deste governo.

  5. Depois de Júri comprado,prefeito e família presos,mais essa de preso em jaula….pense no lugar de muita vagabundagem essa Barra do Corda!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *