2

Edilázio expõe em Brasília perfil absolutista de Flávio Dino…

Em discurso de estreia na Câmara Federal, deputado maranhense lembra o uso da PMMA para espionar adversários do governador e pede aos colegas que pesquisem sobre o comunista

 

Edilázio na tribuna da Câmara Federal: denúncia do absolutismo de Flávio Dino

O deputado federal Edilázio Júnior (PSD) iniciou na Câmara Federal a definição de um perfil do governador Flávio Dino (PCdoB) a ser apresentado às autoridades de Brasília.

Edilázio critica a forma como Dino trata o Governo Federal e pede que os colegas pesquisem sobre o governador, que quer ser candidato a presidente.

– É muito fácil, basta pesquisar no google para lembrar do que aconteceu no Maranhão no último ano, quando ele determinou que a Polícia Militar – e isso tudo de forma oficiosa, com memorandos -, investigar e fichar todos aqueles políticos que pudessem causar algum embaraço nas eleições de 2018 – lembrou Edilázio, referindo-se ao episódio envolvendo um documento oficial da PMMA, orientando seus comandantes a monitorar adversários do governador nas eleições de 2018.

Em seu discurso, Edilázio criticou a posição de defesa de Flávio Dino ao regime autoritário de Nicolás Maduro, na Venezuela; e diz que o absolutismo também impera no Maranhão.

– Um governador que idolatra Nicolás Maduro, imagine o povo sofrido do Maranhão, o que vem enfrentando num estado de absolutismo, com censura, onde ele comanda praticamente todas as instituições e persegue os seus adversários, coagindo das formas mais truculentas possíveis – disse.

Edilázio pretende desconstruir a imagem de Flávio Dino à medida que o comunista for tentar avançar como opção de contraponto ao governo Jair Bolsonaro (PSL).

Marco Aurélio D'Eça

2 Comments

  1. Ué ele está falando da família Sarney por que sim essa características é da maldita família Sarney chora viúvo do dinheiro público

  2. Deputado Edilazio, ainda impregnado pelo ranço Sarneyzista, tenta ocupar o espaço iniciado pelo ostracismo que as urnas imporam a oligarquia da qual ele é produto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *