6

Ivaldo Rodrigues nega preconceito e cobra respeito à sua história…

Ivaldo Rodrigues: "história de luta pela igualdade"

Ivaldo Rodrigues: “história de luta pela igualdade”

O vereador Ivaldo Rodrigues (PDT) negou ontem, em discurso na Câmara Municipal, ter feito qualquer declaração preconceituosa contra a vereadora Rose Sales (PV).

– Nossas divergências são políticas, no campo das idéias. Estamos em lados opostos, defendendo aquilo em que acreditamos, mas tanto eu como a senhora temos trabalho e história de luta por São Luís, que precisam ser respeitados – enfatizou ele.

Ivaldo Rodrigues disse ter sentido profunda tristeza ao tomar conhecimento de uma entrevista em que Rose Sales o qualificou de preconceituoso e machista.

– Eu não sou nada disso. Tenho a consciência que não sou preconceituoso e nem tenho motivos para ser. E pelo respeito e até pela admiração que tenho por sua história, pediria que a senhora se retratasse por tentar denegrir a minha história e o todo o trabalho que tenho por esta cidade – declarou ele.

O pedetista disse que em nenhum momento sua divergência com Rose Sales é por ela ser mulher e negra. E justificou as declarações que foram consideradas preconceituosas pela vereadora.

– Quando me referi a gene estava falando de política, porque seu pai foi assessor da família Sarney e hoje a senhora está num partido aliado à família Sarney. Quis dizer que estava no seu gene essa ligação com a família Sarney. Nunca quis ofendê-la por ser negra. Se passei essa ideia me desculpe, não foi essa a minha intenção – ressaltou.

Lembrando que mais de 70% da sua assessoria são negros, Ivaldo Rodrigues defendeu que Rose Sales continue lutando pelas coisas em que acredita e desejou que ela tenha êxito na sua campanha de prefeita. Mas também cobrou dela respeito pelas lutas individuais e mandatos dos colegas parlamentares.

– Meu terceiro mandato nesta Casa não seria de graça. Eu tenho uma luta, tenho uma história. Vou continuar lutando pelo acredito, que é ter uma cidade mais justa e igual, para homens e mulheres, negros e brancos.

Marco Aurélio D'Eça

6 Comments

  1. Olá, boa tarde! Queria deixar um comentário sobre essa discussão envolvendo a vereadora rose sales e o vereador Ivaldo Rodrigues. A vereadora rose sales eu parabenizo pelo seu trabalho que vem fazendo na cidade, não ha conheço pessoalmente mas pela sua trajetória de vida sei ou pelo menos acho que é uma boa representante da população de são luis. já em contra partida o vereador Ivaldo Rodrigues, conheço muito bem e tenho total certeza da pessoa mal caráter que ele é
    Trabalhei com ele por volta de uns oito meses e esse tempo foi o suficiente para eu saber o quanto ele é insuportável e corrupto pois além de distribuir contracheques da câmara para seus mixeis ou melhor seus garotos de programas, também repassa contracheque para os caçadores de bofe…isso é uma profissão que ele legalizou!!! eu sò não sabia que na câmara municipal existia essa profissão. Pois bem o vereador ivaldo rodrigues se prevalece do cargo que exerce e da influência política que tem para nunca ser desmascarado sem falar que todos os funcionários que trabalham com ele são humilhados constantemente sendo que isso caracteriza assédio moral muitos não falam nada ou melhor ninguém faz nada por medo de perder o seu único salário,mas o que é inadmissível é o vereador ivaldo Rodrigues distribuir contraches para garotos e garotas de programas protagonizarem cenas de orgias junto com ele .Vereador ivaldo Rodrigues lhe deicho um recado ,seja mais profissional e não intérprete um profissional que VC não é além de humilhar funcionários VC gasta o dinheiro público com orgias em sua residência…acredito se as leis do nosso país fosse mais rígidas com políticos corruptos VC já estaria atrás das grades e fora do poder público.

  2. RACISTASNÃOPASSARÃO‬
    O Partido Verde (MA) lamenta e repudia o episódio de ofensas gratuitas proferidas pelo vereador Ivaldo Rodrigues contra a nossa vereadora e pré-candidata a prefeita de São Luís, vereadora Rose Sales. É inadmissível a postura do parlamentar ao referir-se ao gene dos antepassados da vereadora, que é MULHER e NEGRA. Parafraseamos o nosso líder e deputado estadual Adriano Sarney ao questionar na Assembleia Legislativa do Estado do Maranhão: “O que há de tão grave no gene de um ser humano? O que pode representar mediocridade nos antepassados de uma pessoa? Será que o vereador cometeu crime de injúria racial? Será que o vereador cometeu crime de racismo?”. Se a intenção do vereador foi a prática do racismo ou injúria, frisamos que é inaceitável no ambiente cuja vocação é o debate livre, aberto e democrático do contraditório considerando que o racismo estimula prática congênere e discriminatória, como o machismo, a xenofobia, a homofobia e a discriminação social. O Partido Verde (MA), preza pelo O MULTICULTURALISMO, isto é, a diversidade, a troca e a integração cultural, étnica e social para uma sociedade democrática e existencialmente rica. Preservação do Patrimônio Cultural. SOMOS CONTRA todas as formas de preconceito e discriminação racial, cultural, etária ou de orientação sexual.Estamos solidários a nossa vereadora ROSE SALES…. RACISTAS NÃO PASSARÃO!
    Atenciosamente, Gabrielle Soeiro (SECRETÁRIA ESTADUAL DE COMUNICAÇÃO DO PARTIDO VERDE MA – PRESIDENTE DA COMISSÃO TEMÁTICA DE PROMOÇÃO DA IGUALDADE RACIAL (PV-MA))

  3. Eu prefiro ser negro a arrebentar as pregas anais com dotados da Divineia.

    Resp.:^mas qual a relação de medida entre uma e outra coisa? N~çao entendi, sicenramente…. alémd e extremamente ofensivo e covarde.

  4. Tá bom Vereador Ivaldo! Então quer dizer que os antepassados da Rose Sales são da família Sarney. Me compre um bode! Agora você vai responder pelos seus atos e quem vai julgar é a população de São Luis.

  5. Inválido Rodrigues só ganha eleição na bajulação assim, foi com Tática Palácio quem não se lembra que não saia debaixo da saia de Tática, foi assim também com a Deputada Gardeninha agora com o Prefeito Edvaldo e só o que sabe fazer,mais um engodo da política.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *