2

Imagens do dia: tudo em casa…

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral foi decisivo, nesta sexta-feira, 9, para manter o presidente Michel Temer (PMDB) no comando do país, mesmo com todas as evidências de que ele usara – ao lado da ex-presidente Dilma Rousseff (PT) – o esquema de corrupção na Petrobras para se eleger em 2014. Gilmar desempatou a votação no TSE, arquivando o processo movido pelo PSDB.

Marco Aurélio D'Eça

2 Comments

  1. vergonha é deixar o país enfiado em uma crise que todos pagam a conta…isso sim! Não podemos ficar nesse pós verdade do MPF, todos os dias uma nova história, não acaba nunca! querem o que? transformar o país em um Estado policial.? Ora, isso tem que acabar somos 200 milhões e não uma dúzia de procuradores. O país precisa sair da crise e esse governo tem provado ser capaz de tira-lo, não importa se tem manchas…vamos sair da crise, depois, em 2018 vamos votar e deixar que a sociedade decida com tranquilidade a luz dos fatos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *