2

“Continuamos estagnados entre os piores”, diz Gastão, sobre educação brasileira

Deputado federal lamentou fraco desempenho do país no Programa Internacional de Avaliação de Estudantes (Pisa); e mostrou preocupação também pelo fato de as escolas privadas ficarem entre as piores no ranking internacional

 

O deputado federal Gastão Vieira (Pros) mostrou forte preocupação com a qualidade do ensino brasileiro, sobretudo, pelo fraco desempenho no Programa Internacional de Avaliação de Estudantes, o Pisa.

– Os dados apontam que 43% dos brasileiros não aprenderam o mínimo de Leitura, Matemática e Ciências, ou seja, o resultado da avaliação internacional mostra, infelizmente, que continuamos estagnados entre os piores – disse Gastão.

O parlamentar maranhense mostrou ainda mais preocupação pelo fato de até mesmo o desempenho das escolas particulares ter sido fraco no exame.

– O mais preocupante ainda é que o desempenho das escolas privadas também está abaixo das escolas privadas dos outros países que participaram do Pisa – afirmou o parlamentar.

Segundo dados da edição de 2018 do programa, mais de dois terços dos estudantes brasileiros de 15 anos têm um nível de aprendizado em matemática abaixo do básico considerado pela Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE).

O Pisa é a principal avaliação da educação básica no mundo.

Marco Aurélio D'Eça

2 Comments

  1. Ele deveria ter vergonha de ir para tribuna falar isso, vez que ele foi Ministro da Educação. Ele nada fez para mudar esse dado vergonhoso p nós brasileiros.

  2. Ele deveria ter vergonha de ir para tribuna falar isso, vez que ele foi Ministro da Educação. Ele nada fez para mudar esse dado vergonhoso para nós brasileiros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *