2

Rubens Jr. pode levar Flávio Dino a derrota histórica…

Patinando na casa de 1% das intenções de voto, candidato do PCdoB insiste em ligar seu nome ao do governador, criando uma situação constrangedora para o comunista, que tem ao menos outros três aliados na disputa

 

Flávio Dino já descartou ter candidato no primeiro turno, mas Rubens Júnior insiste em ligar seu nome ao dele, criando risco de derrota histórica para o comunista

O candidato do PCdoB a prefeito de São Luís, Rubens Pereira Júnior, pode levar o governador Flávio Dino a uma derrota histórica nas eleições de novembro.

Quase sem chances de chegar ao segundo turno – com pouco mais de 1% das intenções de voto – o comunista, que é deputado federal e afilhado do governador, insiste em se declarar candidato de Flávio Dino.

A situação é constrangedora para Dino – que já declarou-se neutro no primeiro turno – por que o governador tem pelo menos outros três aliados na disputa: Duarte Júnior (Republicanos), Neto Evangelista (DEM) e Bira do Pindaré (PSB).

Nas redes sociais, candidato do PCdoB fala que sua campanha representa o time de Flávio Dino na disputa em São Luís

Além disso, a vinculação de Rubens pode levar Dino a uma derrota histórica na capital maranhense, ao ficar de fora do segundo turno das eleições.

Para o governador, essa possibilidade seria desastrosa parta suas pretensões de se tornar liderança nacional.

Mas Rubens Júnior não parece muito preocupado com isso…

Marco Aurélio D'Eça

2 Comments

  1. Esse maluco liderança nacional? Tá brincando. Todos os candidatos do consórcio dos leões vão passar vergonha.

  2. Acho que outro erro estratégico de Rubens foi se vincular ao Lula. O Lula de hoje não é mais a mesma lideranças de 5 ou 10 anos atrás. Enquanto que em várias cidades os candidatos estão fugindo do petista, Rubens chama ele pro centro da disputa na Capital. Um erro histórico.

    Sem falar que no Nordeste Lula perdeu terreno pro Bolsonaro, que já tem o dobro da preferência do petista. Ao se juntar com PT e ter um vice petista, Rubens parte pra uma chapa de esquerda sangue puro. Um suicídio político.

    Patinando na casa dos 1%, ele deve chegar no máximo a 2% e olhe lá. Isso porque ele vai ter o voto só de parte da esquerda e praticamente nenhum voto da direita, centro direita ou da classe alta de São Luís, que não suporta comunismo e essas tolices que Rubens defende.

    Tá morto. E de quebra vai matar Flávio Dino um pouco.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *