2

Uma homenagem que ninguém viu…

Escola de Samba Acadêmicos do Tatuapé, em São Paulo, falou do Maranhão, mas a fraca repercussão do desfile, na madrugada de sábado, deixou para o maranhense apenas a conta da festa, que ninguém assume que pagou

 

Um dos carros alegóricos da Tatuapé: Maranhão passou batido

A “homenagem” da Escola de Samba Acadêmicos do Tatuapé, em São Paulo, na madrugada de sexta para sábado, foi uma festa que ninguém viu.

Até a homenagem da Mocidade Alegre à cantora Alcione – que também destacou aspectos do Maranhão – teve maior repercussão que a Tatuapé.

Pior ainda foi a Prefeitura de São José de Ribamar pagar propaganda em TVs e blogs para tentar vender que a homenagem era à cidade, não ao Maranhão. (Relembre aqui e aqui)

A pouca repercussão do desfile, o horário da transmissão e o pouco interesse no carnaval paulista deixaram para o maranhense apenas a conta.

Embora todos garantam que foi de graça…

Marco Aurélio D'Eça

2 Comments

  1. Rapaz. Nao precisa disso. So pq vc nao esta recebendo da prefeitura de sao jose de ribamar é que fica destilando esses comentários todo tempo. A escola foi campeã, quero vê se vc tem a hombridade e humildade de falar sobre o titulo. Basta vê o quanto vc é mercenario, bastou edivaldo pagar as tuas postagens no blog q vc parou de critica-lo. A situacao deve ta dificil pra vc.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *