0

Debate da Mirante mantém status de decisivo no processo eleitoral

Encontro com os candidatos, marcado para o dia 12 de novembro, três dias antes do primeiro turno, gera expectativa, sobretudo, pelo fato de alterar cenários em caso de indefinição ou acirramento da disputa

 

Jornalista Clóvis Cabalau, diretor do jornal O Estado, vai coordenar toda cobertura do processo eleitoral, nos veículos do Grupo Mirante

A data do debate da TV Mirante em São Luís – no dia 12 de novembro – manteve o status de decisivo do programa, por ser realizado apenas três dias antes do pleito.

A realização do debate foi confirmada nesta quinta-feira, 17, pela direção da emissora.

Em 2016, o debate da Mirante influenciou diretamente na definição do segundo turno e revelou ao Maranhão a liderança de Eduardo Braide (Podemos), hoje líder em todas as pesquisas de intenção de votos. (Entenda aqui, aqui e aqui)

E ao que tudo indica, este status de decisivo será mantido pelo programa da Mirante, haja vista a indefinição sobre a decisão da eleição – se em primeiro ou segundo turno – e sobre o próprio eventual adversário de Braide.

Estão assegurados no programa todos os candidatos de partidos com representação no Congresso Nacional, além dos que obtiverem ao menos 5% das intenções de voto na pesquisa Ibope que e deve ser divulgada disso antes.

Além do debate, o Grupo Mirante pretende realizar ampla cobertura das eleições, de forma integrada entre seus veículos, com entrevistas, programas, sabatinas e debates, nas rádios, portais e jornal O Estado.

A coordenação jornalística do processo eleitoral no Grupo Mirante é do jornalista Clóvis Cabalau…

Marco Aurélio D'Eça

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *