1

Demora em julgamento de processo da Câmara piora situação em Bacabal…

Juiz Marcelo Silva Moreira precisa decidir quem é o vereador que comanda, de fato e de direito, o legislativo bacabalense, para que, só a partir disto, o prefeito empossado possa ter legitimidade no posto

 

Posse de Zé Vieira e do seu vice é questionada por falta de legitimidade da Câmara

A demora do juiz da Comarca de Bacabal, Marcelo Silva Moreira, em julgar o caso envolvendo a eleição para presidente da Câmara de vereadores do município é um dos entraves para retomada da normalidade administrativa do município.

Moreira precisa decidir quem, de fato e de direito, é o presidente da Câmara Municipal.

No dia 1º de janeiro houve duas eleições para presidente da Câmara. Uma elegeu presidente o vereador Cesar Brito, que pertence ao grupo do prefeito eleito, José Vieira Lins (PP); a outra, fez Edivan Brandão presidente. Ele é da oposição.

O juiz Marcelo Moreira em reprodução de imagem da TV Globo

Sem a definição de quem é o comandante de fato, todo o processo administrativo da cidade – inclusive a própria posse do prefeito – fica sem legitimidade, razão pela qual os recursos da prefeitura estão bloqueados.

Sem recursos, nada funciona no município, incluindo os setores de saúde e de Educação.

Para resolve a questão, é preciso que o juiz Marcelo Silva Moreira tome uma decisão em relação à Câmara.

Até agora, quase 30 dias depois, no entanto, ele segue sem se manifestar sobre o caso.

E a população paga a conta…

Marco Aurélio D'Eça

One Comment

  1. Blogueiro, vc está muitíssimo mal informado. A decisão a que vc se refere já foi data ontem… pense num jornalismo sem compromisso com a verdade dos fatos!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *