2

Aluisio Mendes quer punição mais dura para assassinos de policiais…

Membro da Comissão Especial da Câmara Federal que estuda o crescente número de mortes de policiais em serviço alerta sobre a necessidade de políticas para esta questão

Aluisio defende punição rigorosa

O deputado federal Aluisio Mendes (PTN) é um dos principais defensores de mudanças na legislação, para tornar mais rigorosa a punição a criminosos, e de mais investimentos em segurança pública.

– É urgente que o Brasil acorde para esse número absurdo. Policiais morrem às centenas e nem mesmo a sociedade se sensibiliza mais. É preciso lembrar que esses profissionais são pais, mães, filhos e filhas que saem de suas casas para trabalhar em defesa dos cidadãos e não sabem se voltam para suas famílias – enfatizou Aluisio Mendes.

A comissão criada na Câmara Federal para avaliar o crescente número de policiais mortos em serviço no Brasil inicia seus trabalhos na próxima semana, e tem como membro o deputado Aluisio Mendes.

Ele defende a tomada de medidas urgentes em defesa dos profissionais que arriscam suas vidas diariamente combatendo a criminalidade.

De acordo com o anuário publicado ano passado pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública, entre 2009 e 2015 o número de policiais brasileiros mortos em serviço foi 113% maior que o de policiais americanos.

Dos 358 agentes vítimas de homicídios em 2015, 103 estavam em serviço quando foram assassinados.

Marco Aurélio D'Eça

2 Comments

  1. E leis mais rigorosas contra policiais que cometem crimes, como fazer parte de grupos de extermínios, repassar armas para traficantes e bandidos em geral (ou vocês acham que as armas .40 entre outras armas de grosso calibre chegam aos bandidos caindo do céu?)? Isso esse deputado não fala. Esses políticos que são eleitos com pelo de grupos, como gente da área de segurança, de igrejas, sindicatos disso e daquilo outro é que atrapalha o país. Estão lá só para defender interesses específicos.

  2. Esse tipo de posicionamento diz bem sobre o corporativismo escancarado existente em nosso País.
    Temos que ter leis que defenda e proteja a vida do cidadão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *