5

Queda da excelência na Saúde…

Conhecedores dos bastidores da política estadual são contumazes em afirmar, em rodas de conversa, que o governo Flávio Dino (PCdoB) move uma cruzada em várias frentes para tentar desqualificar o projeto “Saúde é Vida”, iniciado na gestão passada e que trouxe qualidade de excelência para ao atendimento ambulatorial e hospitalar no Maranhão.

A cruzada contra o projeto atingiu o âmbito policial quando foi denunciado pelo próprio governo, na tentativa de atingir adversários políticos. Mas trouxe um problema para a própria gestão da saúde.

upa1Ninguém questiona no Maranhão que o atendimento hospitalar era de excelência até 2014. A própria oposição ao governo do Estado sempre tem ressaltado que as Unidades de Pronto Atendimento (UPAs), tinham serviço nos níveis de clínica particular e serviam de alternativa aos Planos de Saúde. Mas isso começou a mudar nos últimos meses. As UPAs estão abandonadas, quase sem médicos, com atendimento que deixa a desejar.

Mesmo assim, o governo manteve sua cruzada. E os episódios de segunda e terça-feiras, com policiais federais conduzindo ex-servidores públicos, prendendo empresários e criminalizando as ações de saúde, levou a mais um passo na caminhada de aproximação do caos na Saúde.

Pilhado pela PF, e com os donos presos, o Instituto Cidadania e Natureza – que prestava serviços ao Estado desde o governo José Reinaldo, e ampliou sua presença no atual governo – foi obrigado a encerrar suas atividades.

O problema agora – como alertam setores oposicionistas – é o governo absorver todo o corpo de funcionários do ICN, recontratar médicos, enfermeiros, farmacêuticos e todos o demais trabalhadores da saúde, para evitar solução de continuidade e, sobretudo, garantir os direitos trabalhistas dessas  milhares de pessoas.

A queda na excelência é iminente, e em algumas unidades de saúde já começou. E tudo por uma cruzada política sem precedentes.

Da coluna Estado Maior, de O EstadoMaranhão, com ilustração do blog

Marco Aurélio D'Eça

5 Comments

  1. Se ele não tem culpa, não precisa impetrar um habeas corpus como está tentando fazer.
    Basta provar onde foram aplicados os bilhões que recebera à frente da SES.
    Simples…

  2. SARARÁ , EU QUERIA AO MENOS 1% DESSA TA L DE EXCELÊN$$$$$IA DE RICARDO MURAD , NA MINHA CONTA BANCÁRIA.

  3. Vamos combinar: a culpa não é de quem desviou, prevaricou, roubou: é de quem investiga. Rouba, mas faz! Esse Flávio Dino é de lascar…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *