5

Prefeitura ainda deve R$ 400 mil do VLT…

Além de jogar o veículo ao relento, gestão de Edivaldo insiste em cobrar da própria fábrica pela armazenagem e manutenção do produto comprado há quatro anos sem destinação definida

 

O VLT de R$ 7 milhões pega sol chuva no Tirirical na gestão de Edivaldo Júnior

A empresa Bom Sinal Indústria & Comércio cobra R$ 400 mil da Prefeitura de São Luís pela fabricação e venda do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) comprado na gestão do prefeito João castelo (PSDB), já falecido.

A ação de cobrança, segundo a empresa, corre na 2ª Vara da Fazenda Pública de São Luís.

Além de não pagar todo o valro do VLT – estimado em R$ 7,5 milhões – a gestão de Edivaldo Júnior (PDT) ainda quer que a própria fabricante arque com a guarda do veículo que a prefeitura não sabe como usar.

O raciocínio é o mesmo no caso de alguém que compra um carro, sem saber dirigir, e obrigue a concessionária a guardá-lo mantê-lo.

Sem saber o que fazer com o veículo, a gestão de Edivaldo decidiu deixar de pagar o aluguel do galpão, deixando o trem jogado ao relento em um trilho abandonado no Tirirical.

Já a ação que determinou que a empresa arque com os custos do veículo é da 4ª Vara da Fazenda Pública…

Marco Aurélio D'Eça

5 Comments

  1. É muita irresponsabilidade desde prefeito Edivaldo, esse veiculo deveria estar funcionando na área Itaqui Bacanga.

  2. Castelo saiu até da vida e deixou essa bomba pra Edivaldo cuidar…. Mas o que se quer é, o q falar da SEMUS de Sao Luis? que anda ventilando para todos, na maior cara dura, que vai confiscar a gratificaçao SUS de dezembro de 2016, e vai pagar somente o mês de janeiro de 2017 dentro do mesmo mês, para subtrair o mês anterior… Os funcionários da SEMUS querem saber se isso procede

  3. O pai dessa idéia imbecil de VLT foi ARTUR CABRAL, que hoje está no governo Flávio DIno como presidente da Agência de Mobilidade Urbana – MOB.
    Cuidado com ele, está fazendo negócios com empresas de ônibus a margem da lei, dizem ser sócio do deputado José Reinaldo e de Marcelo Tavares.

  4. problemas deixados pela gestão de Castelo!!! A sorte que Edivaldo ja está resolvendo isso!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *