1

Dino veta Brandão no PSL, prejudica Duarte e favorece Weverton

Governador não quis filiação do seu vice a um partido vinculado oficialmente à direita, o que precipitou a retirada do apoio pesselista ao candidato do Republicanos em São Luís; e ainda favoreceu o grupo do senador Weverton Rocha

 

Flávio Dino mostrou controle sobre a candidatura de Carlos Brandão, e acabou prejudicando um dos candidatos de sua base política em São Luís

A postura política nacional do governador Flávio Dino (PCdoB) prevaleceu no debate sobre a aliança do PSL em São Luís e acabou influenciando o afastamento do PSL da campanha do deputado Duarte Júnior (Republicanos).

Para evitar a perda do PSL, uma das alternativas do vice-governador Carlos Brandão (PRB) – padrinho da candidatura de Duarte Júnior – era filiar-se ao PSL.

Mas Dino vetou a filiação por tratar-se do partido que elegeu o presidente Jair Bolsonaro, embora hoje a legenda esteja na oposição ao presidente.

Para o governador, a imagem do seu vice num partido de direita prejudicaria suas articulações para se viabilizar nacionalmente nas eleições de 2022.

O resultado é que Duarte Júnior acabou perdendo o apoio pesselista, que daria a ele o maior tempo na propaganda eleitoral.

O PSL deve seguir para a campanha de Neto Evangelista (DEM)…

Marco Aurélio D'Eça

One Comment

  1. Esse tal “veto” é faixada, isso é pra dimunir a vergonha de Carlos Brandão que foi marmanhar o PSL e nem foi recebido kkkkkkk.

    Mostrou mais uma vez que mesmo com anuência do governador é fraco de articulação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *