0

PCdoB vai “centralizar” interessados em disputar as eleições de 2020…

Partido do governador Flávio Dino vai determinar candidatos nos principais colégios eleitorais, com a garantia de que os não escolhidos – como Duarte Júnior em São Luís, e Clayton Noleto, em Imperatriz – sigam nas fileiras comunistas

 

RUBEM JÚNIOR DEVE SER O ESCOLHIDO DO PCDOB EM SÃO LUÍS; E Duarte Júnior terá que permanecer na legenda

A expressão entre aspas no título deste post é oriunda do próprio PCdoB, que usa o centralismo democrático como prática política.

Por este conceito, as decisões partidárias são tomadas pela cúpula, com a exigência de que todos os camaradas sigam a determinação sem questionamentos, sob pena de expulsão.

O PCdoB vai usar o centralismo democrático para enquadrar interessados em disputar as eleições que não estejam dentro do interesse da cúpula, a exemplo do deputado estadual Duarte Júnior e do secretário de Infraestrutura, Clayton Noleto.

CLAYTON NOLETO JÁ ATÉ DESISTIU DE PEITAR O PCDOB E ABRIU MÃO DA CANDIDATURA; vai apoiar o deputado estadual Marco Aurélio

Duarte pretende disputar as eleições em São Luís – e é o melhor membro da base no confronto com o favorito Eduardo Braide (PMN) – mas a cúpula já se decidiu por Rubens Pereira Júnior.

Noleto, por sua vez, pretendia concorrer em Imperatriz, mas já até desistiu do projeto, em favor do camarada deputado Marco Aurélio.

Centralizados, nem Duarte Júnior, nem Noleto deverão deixar o partido; e seguirão sob orientação do Palácio dos Leões.

Caso contrário, serão expulsos – e com a expulsão, as consequências político-eleitorais.

1

Imagem do dia: Duarte júnior em busca de partido para chamar de seu

Sem espaço no PCdoB, que força a candidatura de Rubens Pereira Júnior, deputado estadual tenta viabilizar nova legenda para manter projeto de candidatura a prefeito de São Luís

 

DUARTE COM FUFUQUINHA; PP é cobiçado também pelo deputado Wellington do Curso

O deputado estadual Duarte Júnior esteve nesta terça-feira, 16, com o presidente regional do PP, deputado federal André Fufuca.

Vice-líder nas pesquisas de intenção de votos sobre as eleições de São Luís, Duarte tenta viabilizar-se partidariamente, uma vez que é rejeitado pela própria legendam, o PCdoB.

Além de Fufuca, ele já conversou também com o presidente do PL, deputado federal Josimar de Maranhãozinho. No caso de Fufuca,  caminho pode ser inviabilizado pela volta de Wellington do Curso, que também busca um partido para chamar de seu.

Mas esta é uma outra história…

2

Disputa por candidatura no PCdoB se dará entre Rubem e Duarte Júnior

Também filiado ao partido, atual vice-prefeito Júlio Pinheiro deve concorrer a uma vaga na Câmara Municipal de São Luís

 

APESAR DO FORTE DESEMPENHO NAS PESQUISAS DE INTENÇÃO DE VOTOS, DUARTE TEM AGENDA PRÓPRIA DE PRÉ-CANDIDATO, sem apoio partidário e dos palácios

O deputado federal e atual secretário de Cidades, Rubens Pereira Júnior, e o deputado estadual Duarte Júnior serão os únicos a disputar a vaga de candidato a prefeito de São Luís pelo PCdoB.

O atual vice-prefeito, Júlio Pinheiro, deve concorrer mesmo a uma vaga na Câmara Municipal, segundo revelou o blog de Antonio Martins.

Apesar de histórico no PCdoB – e de ocupar o posto de segundo homem na linha de sucessão da prefeitura – Pinheiro não conseguiu se viabilizar eleitoralmente para suceder Edivaldo Júnior (PDT).

Na verdade, o blog Marco Aurélio D’Eça já havia apontado esta disputa entre os dois júnior’s, desde 23 de fevereiro, no post “Júnior’s vão disputar indicação de candidato a prefeito no PCdoB…”.

RUBEM JÚNIOR GANHOU DO PALÁCIO DOS LEÕES ORÇAMENTO MILIONÁRIO PARA SE VIABILIZAR; E TAMBÉM TEM APOIO DO PARTIDO, embora não consiga deslanchar nas pesquisas

No PCdoB, Duarte Júnior tem a melhor posição nas pesquisas, figurando, inclusive, como o melhor candidato da base do grupo Flávio Dino/Edivaldo Júnior na disputa com o favorito Eduardo Braide (PMN).

Mas não tem o apoio partidário necessário, muito menos a simpatia do núcleo duro dos palácios dos Leões e de La Ravardière.

Rubem Júnior, por sua vez, é o candidato preferido de Flávio Dino e até de aliados mais próximos do prefeito Edivaldo Júnior, mas não consegue deslanchar nas pesquisas. (Entenda aqui e aqui)

A preferência de Dino por Rubem pode, inclusive, levar Duarte a buscar nova legenda.

Mas esta é uma outra história…

1

Pesquisa confirma prognóstico do blog sobre duelo Braide X Duarte Jr.

Dois meses depois de post mostrando o que eleitor tem na cabeça para a sucessão do prefeito Edivaldo Júnior, parlamentares aparecem como principais nomes na disputa em São Luís

 

EDUARDO BRAIDE E DUARTE JÚNIOR POLARIZAM A PREFERÊNCIA DO ELEITOR e os debates sobre a sucessão em São Luís

O blog Marco Aurélio D’Eça publicou em 19 de maio o post “Eleitor já tem na cabeça disputa entre Eduardo Braide e Duarte Júnior em São Luís…”.

Com base em dados exclusivos da pesquisa do Instituto Escutec, divulgada à época, análise apontava que os dois parlamentares apareciam espontaneamente como opção do eleitor da capital maranhense.

E essa polarização se dá independentemente da antipatia do PCdoB pelo nome de Duarte e das ações comunistas tentando levantar a bola do candidato do Palácio dos Leões, Rubens Júnior.

Menos de dois meses depois, pesquisa do Jornal Pequeno confirmou neste domingo, 14, o prognóstico deste blog: Braide tem hoje 47% das intenções de votos contra 14% de Duarte Júnior.

Dois aspectos que caminham para a consolidação saltam aos olhos no levantamento JPesquisas:

1 – Eduardo Braide é o franco favorito em São Luís, podendo vencer, inclusive, em São Luís;

2 – Nenhum outro nome da base do governo Flávio Dino tem mais condições de polarizar a disputa quanto Duarte Júnior.

Tanto que, quando o nome de Duarte é substituído pelo de Rubens Júnior, Braide sobe de 47% para 51%, liquidando a fatura em primeiro turno.

Diante disto, se caminha para outra certeza: o grupo liderado pelo governador Flávio Dino corre sério risco de ser derrotado ao insistir em candidaturas sem consistência.

E a presença do também deputado estadual Wellington do Curso (PSDB) na terceira posição é outro empecilho para os comunistas: quando Duarte Jr é retirado da lista de candidatos, é Wellington  quem figura em segundo.

Isso quer dizer que Flávio Dino e seus líderes correm o risco de ver em outubro de 2020 uma disputa claramente de oposição pela prefeitura de São Luís.

Sobretudo se insistir em postes como candidatos…

Post alterado às 12h30 para correção e acréscimo de informações

1

Wellington e Duarte Júnior: venturas e desventuras iguais…

Deputados que dividem a vice-liderança da corrida pela Prefeitura de São Luís enfrentam a mesma dificuldade de não ter uma legenda garantida para se viabilizar à sucessão do prefeito Edivaldo Júnior

 

WELLINGTON E DUARTE: AGENDA PARECIDA, MESMOS OBJETIVOS EM SÃO LUÍS e mesmo drama partidário

Os deputados estaduais Wellington do Curso (PSDB) e Duarte Júnior (PCdoB) têm a mesma agenda positiva no Maranhão em 2019: eles dividem a vice-liderança da disputa pela Prefeitura de São Luís, de acordo com as pesquisas.

Mas também sofrem a mesma desventura de não ter um partido garantido para ser candidato.

Apesar de estar bem posicionado entre o eleitorado, Duarte Júnior não consegue agradar o PCdoB, cujas lideranças mostram claramente preferências por outros nomes, alguns até sem a menor identidade com São Luís.

A situação de Wellington do Curso é ainda pior, uma vez que o presidente do PSDB maranhense, senador Roberto Rocha, já declarou publicamente que prefere ter a legenda no apoio à ex-prefeita Maura Jorge.

E até nos destinos desenhados, Wellington Duarte parecem seguir o mesmo caminho.

Ambos conversam com PP e PR, partidos que têm tempo de propaganda e acessoa  fundo partidário, o que garantiria estrutura para campanha.

Mas esta é uma outra história…

2

Post sobre cobradores de ônibus gera crise entre deputados…

Duarte Júnior e Yglésio Moises trocaram alfinetadas pelo Whatsapp, depois que o blog Marco Aurélio D’Eça analisou artigo do pedetista sobre a postura diante da demissão de trabalhadores do transporte

 

DUARTE JÚNIOR SE MANIFESTOU PELOS COBRADORES, YGLÉSIO CRITICOU SUA POSTURA MIDIÁTICA, e os dois se alfinetaram em grupos de WhatsApp

O blog Marco Aurélio D’Eça publicou na segunda-feira, 10, o post “Dr. Yglésio vê ‘coelhos e tartarugas’ em busca de holofotes em São Luís…”.

Tratou-se de um artigo do parlamentar do PDT, com seu ponto de vista sobre a demissão dos cobradores de ônibus; este blog interpretou que Yglésio criticava a postura dos colegas Duarte Júnior (PCdoB) e Wellington do Curso (PSDB) diante do caso.

– Toda vez que temos um assunto que realmente merece uma atenção maior, por tratar de problemas estruturantes, existe também na política uma proliferação cada vez maior de coelhos e tartarugas; os coelhos da modernidade política (cada vez mais líquida) hoje alimentam-se de holofotes – falou Yglésio, no que, segundo entendimento do blog, seria um recado aos dois deputados.

Duarte Júnior não gostou da análise e questionou Yglésio em um grupo de WhatsApp formado por parlamentares.

Segundo apurou o blog Marco Aurélio D’Eça houve troca de farpas e termos como “antiético” e “doente” de lado a lado.

Ao blog, tanto Yglésio quanto Duarte confirmaram o que chamaram de “tomada de satisfações”, embora tentassem minimizar a história.

No xis da questão – ainda segundo apurou o blog – estaria a relação dos dois deputados com cada uma das partes envolvida na questão dos cobradores de ônibus.

Duarte se posiciona a favor da categoria, embora o presidente do Sindicato dos Trabalhadores no Transporte (STTREMA) tenha acordado as demissões.

Yglésio, por sua vez, recebeu em seu gabinete a diretoria do Sindicato das Empresas de Transporte (SET) no mesmo dia de uma audiência que Duarte tentou fazer sobre o tema.

A análise do blog Marco Aurélio D’Eça contribuiu para acirrar o debate entre os dois parlamentares.

Mantendo sua linha de influência entre os poderes maranhenses…

1

Dr. Yglésio vê “coelhos e tartaguras” em busca de holofotes em São Luís…

Opção do PDT para a Prefeitura de São Luís, deputado estadual usa a polêmica da extinção dos cobradores de ônibus para criticar adversários que tentam se utilizar do debate e fala sobre o fim de várias profissões diante do avanço tecnológicos

 

YGLÉSIO UTILIZOU DEBATE DO TRANSPORTE COMO PANO DE FUNDO PARA CRITICAR seus possíveis adversários numa eventual disputa pela Prefeitura de São Luís

Em artigo publicado neste domingo, 9, no jornal O Imparcial, o médico e deputado estadual dr. Yglésio Moises aproveitou-se do debate sobre a extinção de postos de cobradores de ônibus no transporte público para criticar potenciais adversários na eleição municipal de 2020.

Opção do PDT para a sucessão do prefeito Edivaldo Júnior, Yglésio analisou a situação à luz do avanço tecnológico, que deverá extinguir não apenas profissões como a de cobrador de ônibus, mas diversas outras, incluindo aquelas com formação específica e de ponta – como arquitetos, advogados e até médicos.

– É inegável que o avanço tecnológico chegou com força nos últimos anos e que a tendência de algumas profissões é o desaparecimento. Cobradores de ônibus, frentistas, arquitetos, advogados e até mesmo algumas especialidades médicas – destaca Yglésio.

Sua postura realista é diferente da de outros dois deputados estaduais – ambos também pré-candidatos a prefeito: Duarte Júnior (PCdoB) e Wellington do Curso (PSDB), que se utilizaram do assunto para ganhar espaço nas redes sociais, chegando até a viajar em ônibus de São Luís.

É neste aspecto que o artigo de Yglésio mira os dois, mesmo sem citar nomes.

– Toda vez que temos um assunto que realmente merece uma atenção maior, por tratar de problemas estruturantes, existe também na política uma proliferação cada vez maior de coelhos e tartarugas; os coelhos da modernidade política (cada vez mais líquida) hoje alimentam-se de holofotes – ironizou o médico, para asseverar:

– Como surge uma pauta como a dos cobradores, muito mai do que jogar para a plateia, o fundamental é buscar entender os problemas de fato, conversar com todos os envolvidos, dimensionar os argumentos e recolocá-los como propostas de soluções.

No artigo de O Imparcial, o deputado pedetista mostra-se resignado em relação à situação do transporte público, por entender ser fruto natural do avanço da tecnologia.

E provoca, com uma pergunta dura e direta: “se a retirada de 500 profissionais da função de cobradores é ruim, a quem interessa a falência das empresas de ônibus, que jogaria não 500, mas 7,5 mil profissionais nas trincheiras do desemprego?”.

Ao final Yglésio faz outro comentário, que o blog Marco Aurélio D’Eça entendeu como um recado direto ao prefeito Edivaldo Júnior (PDT), referindo-se ao termo tartaruga, usada no título do artigo:

– Se os coelhos não cabem neste momento em que a lucidez é fundamental, também não no servem as tartarugas, pois em tempos de difíceis, as atitudes firmes e ágeis se fazem cada vez mais necessárias.

Leia abaixo o artigo do Dr. Yglésio:

 

0

Duarte júnior se reúne com Josimar de Maranhãozinho…

Presidente regional do PL (ex-PR) divulga o encontro em seu perfil na rede social  Instagram e diz que foram discutidas “projeções políticas para o Maranhão”

 

DUARTE JÚNIOR COM A DEPUTADA DETINHA E O PRESIDENTE DO PL, JOSIMAR DE MARANHÃOZINHO: articulação por São Luís

Um encontro realizado na noite desta quinta-feira, 6, entre o deputado federal Josimar de Maranhãozinho (PL) e o deputado estadual Duarte Júnior (PCdoB) indica caminhos para a política maranhense.

Há pelo menos dois meses, especulações dão conta de uma articulação entre os dois parlamentares para levar o comunista a trocar de legenda para a sucessão do prefeito Edivaldo júnior (PDT).

O próprio texto de Josimar no instagran – ele que é presidente regional do PL –  sugere o interesse do PL em Duarte Júnior.

– Estivemos ontem com o Duarte Júnior, jovem deputado estadual mais bem votado da nossa capital. Foi um encontro muito agradável, onde falamos de projeções políticas para Maranhão (sic) – afirmou o deputado federal.

Do encontro, também participou a deputada estadual Detinha.

Apesar de figurar bem nas pesquisas de intenção de votos para prefeito de São Luís, Duarte Júnior enfrenta dificuldades de viabilização, inclusive no próprio PCdoB, que tem outras preferências.

A ida para o PL pode consolidar seu nome como alternativa em São Luís.

Apesar de abrir frestas com seus atuais correligionários…

 

4

Duarte Júnior repete Fábio Câmara para sentir problemas do usuário de transporte…

Assim como o vereador, que experimentou este tipo de locomoção como estudante – e ao contrário de outros candidatos a prefeito –  comunista já conhece o sistema como usuário

 

DUARTE VOLTOU A UJSAR ONIBUS PARA OUVIR O QUE OS PASSAGEIROS TÊM A DIZER sobre a ausência de cobradores no transporte coletivo

 

O deputado estadual Duarte Júnior (PCdoB) postou nesta sexta-feira, 31, em suas redes sociais, o resultado de uma experiência que deveria fazer parte da rotina de todo político.

Ele decidiu usar pessoalmente o sistema de transporte coletivo de São Luís, para sentir exatamente o que sente o usuário nos ônibus hoje sem cobrador.

– Há muito tempo não utilizo o transporte coletivo de São Luís. Hoje, fiz o mesmo trajeto que fazia na época de faculdade. Afinal, acompanha de perto e buscar ouvir e conhecer pessoas envolvidas é fundamental para tomarmos decisões melhores e mais justas – afirmou Duarte.

Crítico do acordo entre patrões e empregados do sistema – que pôs fim a empregos de cobradores – Duarte conhece o sistema porque foi usuário deste durante todo o seu período de estudante.

EM 2016, FÁBIO CÂMARA VOLTOU A USAR ÔNIBUS PARA PROVAR QUE UM DOS CONSÓRCIOS DESCUMPRIA CLÁUSULAS da licitação em São Luís

Aliás, ele repete agora o que outro parlamentar – o então vereador Fábio Câmara (PSL) – fez em 2016 para criticar a falta de cumprimentos das cláusulas de contrato da licitação do transporte (Relembre aqui)

Tanto Duarte quanto Fábio Câmara – assim como Bira do Pindaré (PSB) e Wellington do Curso (PSDB) – podem falar do sistema de transporte de São Luís porque, se não são hoje, já foram usuário desse sistema, ao contrário de praticamente todos os outros prováveis adversários na disputa pela Prefeitura de São Luís.

E é com esta autoridade que eles podem dizer o que dizem.

E isso dá vantagem adicional na apropriação do discurso…

0

“Guerra” entre Duarte Júnior e Neto Evangelista tem insufladores no Palácio…

Principais nomes da base governista para a sucessão do prefeito Edivaldo Júnior, deputados se engalfinham verbalmente na Assembleia; mas a animosidade entre os dois tem sido construida por quem pretende vê-los fora da disputa

 

DUARTE JÚNIOR E NETO EVANGELISTA: DISPUTA ENTRE OS DOIS INTERESSA DIRETAMENTE SEUS ADVERSÁRIOS no Palácio dos Leões e na Prefeitura de São Luís

Os deputados estaduais Duarte Júnior (PCdoB) e Neto Evangelista (DEM) são os dois principais nomes da base do grupo Flávio Dino (PCdoB)/Edivaldo Júnior (PDT) na disputa pela Prefeitura de São Luís.

Mas há, na própria base governista, quem se incomode com a possibilidade de um deles vir a ser ungido candidato único dos dois palácios.

E este incômodo tem levado muitos a insuflar uma antipatia mútua de Neto Evangelista por Duarte Júnior; e vice-versa.

Obviamente que os interessados nessa guerra têm apenas um objetivo: enfraquecer os dois adversários antes mesmo do início das discussões partidárias sobre formação de alianças.

Impulsivo e petulante, Duarte Júnior já conseguiu se inviabilizar com boa parte dos colegas de Assembleia – e tem sofrido retaliações inclusive no próprio Palácio dos Leões e no PCdoB.

Mais sereno e equilibrado, Neto Evangelista passou também a nutrir certa antipatia pelo colega comunista, exatamente por causa da hegemonia como candidato do grupo holandinista.

E essa disputa entre os dois só beneficia outros candidatos da base governista menos populares e carismáticos – como Bira do Pindaré (PSB) e Rubens Pereira Júnior (PCdoB).

Curiosamente, são estes dois últimos os nomes mais palatáveis aos barões do Palácio dos Leões.

A animosidade entre Neto Evangelista e Duarte Júnior pode inviabilizar os dois pré-candidatos antes mesmo do início da campanha.

E um pode ajudar o outro a se afogar…