1

“Tem tudo para ser e tudo para não ser”, diz Tadeu Palácio sobre candidatura em SLZ…

Em conversa pessoal com o titular do blog, ex-prefeito mostrou empolgação com o convite para voltar à vida pública, mas deixou claro que só aceitará se a missão for parte de um projeto maior, que envolva toda a sociedade

 

DE BEM COM A VIDA: BOLSONARISTA DECLARADO DESSE AS ELEIÇÕES DE 2018, TADEU PALÁCIO pode ser o candidato do PSL em São Luís

O ex-prefeito de São Luís Tadeu Palácio confirmou ao titular do blog Marco Aurélio D’Eça que está mesmo pensando em disputar a Prefeitura de São Luís.

Em um agradável encontro casual na lanchonete do Hospital de Referência Oftalmológica (HRO), que faz parte do complexo São Domingos, Palácio mostrou-se simpático, entusiasmado, mas sereno em relação à vida pública.

– Hoje estou feliz, realizado e com uma qualidade de vida no trabalho que abracei neste hospital; mas me sinto feliz ao ouvir das pessoas que faço falta na prefeitura. Isso não deixa de ser lisonjeiro – disse um saudável, bem-humorado e tranquilo ex-prefeito.

Na conversa com o titular do blog Marco Aurélio D’Eça, Palácio contou que foi procurado pelo amigo e vereador Chico Carvalho, com a perspectiva de disputar a eleição pelo PSL.

– Tem tudo para ser e tudo para não ser. Não penso em voltar à prefeitura, mas sei que, na atual conjuntura, faria um contraponto importante ao deputado Eduardo Braide (PMN) e aos candidatos que se digladiam no grupo de Weverton Rocha e do governador Flávio Dino (PCdoB) – disse ele, para completar:

– Seria uma espécie de referência numa disputa entre jovens. Teria como ir para o segundo turno. E lá, seria a promessa contra o que já foi feito; qualquer um iria dizer que vai fazer; eu mostrarei o que fiz.

“Mas porque o PSL de Bolsonaro?!?”, quis saber o jornalista.

– Só dá para realizar algo com o apoio do governo federal. Não adianta querer dizer que pode isso e aquilo; mas, repito: pode ser e pode não ser. É preciso que seja um projeto mais amplo, não uma vontade pessoal. Essa necessidade eu não tenho – pondero o ex-prefeito, que fez campanha para Bolsonaro em 2018.

Palácio diz que tem passado todo o dia no terceiro andar do HRO, onde funciona o conjunto de consultórios de oftalmologia que divide com o filho, Guilherme. E que, mesmo assim, ainda é parado na rua com sinais de apoio pelo que fez em São Luís.

O titular do blog Marco Aurélio D’Eça testemunhou pelo menos duas dessas manifestações simpáticas ao ex-prefeito, de pacientes ou visitantes que chegavam ao local.

As lembranças destacam, sobretudo, o trabalho na Educação e na limpeza urbana.

Sem dar definição de quando definirá se aceitará ou não o convite do PSL, Palácio diz apenas que conversa com carinho com amigos como Chico Carvalho.

E fecha a conversa com o “Tem tudo para ser e tudo para não ser”…

0

Partido de Bolsonaro todo enrolado no Maranhão….

Chapa completa de candidatos a deputados estaduais do PSL – incluindo o eleito, Pará Figueiredo – teve o registro denunciado pelo Ministério Público, que pede a cassação de todos após fraude cometida pela direção estadual

 

PARÁ FIGUEIREDO TEVE O PEDIDO DE CASSAÇÃO DO MANDATO protocolado pelo Ministério Público Eleitoral

É bem mai grave do que se imagina o enrosco judicial em que está metido o PSL, partido do presidente Jair Bolsonaro, no Maranhão.

A fraude cometida pelo presidente estadual do partido, vereador Chico Carvalho – e confessado por seus parentes em depoimento na Justiça Eleitoral pode levar, inclusive, à cassação do deputado estadual Pará Figueiredo.

Toda a chapa proporcional do PSL foi denunciada pelo Ministério Público Eleitoral, que pediu a cassação do registro de todos eles.

Além de Pará Figueiredo, podem ser cassados os suplentes Fábio Câmara e Tácila Mariana Silva.

De acordo com investigação da Procuradoria Regional Eleitoral, o presidente estadual da legenda, vereador Chico Carvalho, fraudou a lista de candidatos proporcionais nas eleições de 2018.

A fraude comprovada pelo MPE visava garantir o cumprimento – artificial – dos 30% de cota para mulheres, exigido pela Justiça Eleitoral.

Há quem aponte a influência judicial de Pará Figueiredo – que é filho do presidente do Tribunal de Justiça, desembargador José Joaquim Figueiredo dos Anjos – como atenuante da gravidade do caso.

Mas é preciso levar em conta, também, que o processo vai chegar, fatalmente, ao Tribunal Superior Eleitoral, onde as coisa não funcionam necessariamente como no Maranhão.

Caso seja confirmada a cassação de Figueiredo, a composição da Assembleia deverá sofrer modificações, uma vez que o cálculo das vagas deverá ser refeito.

 

1

Dinheiro público de campanha com sinais de desvio…

Fundo eleitoral criado para financiar candidatos a cargos eletivos pode ter sido desviado por dirigentes partidários, segundo sugere o escândalo envolvendo ministro de Bolsonaro; e há suspeitas também no Maranhão

 

Na campanha do PSL de Bolsonaro, Bebiano pode ter inaugurado uma nova forma de desviar dinheiro público

O escândalo envolvendo o ministro Gustavo Bebiano, da Secretaria Geral da Presidência no governo Jair Bolsonaro (PSL), pode ser a chave para se descobri um novo esquema de desvio de dinheiro público no país.

O dinheiro do Fundo Eleitoral, criado para as eleições de 2018, pode ter sido desviado por dirigentes partidários em todo o país.

No Maranhão, por exemplo, pelo menos um caso já levanta suspeitas.

Em São José de Ribamar, na região metropolitana de São Luis, a candidata a deputada estadual Marisa Rosas, do PRB, mandou fazer 9 milhões de “santinhos”. De acordo com a prestação de contas à Justiça Eleitoral, ela gastou quase R$ 600 mil com campanha. Obteve somente 161 votos.

Além dos milhões de “santinhos”, ela confirmou que mandou fazer 1,25 mil bottons.

A candidata Marisa Rosas, que concorreu a uma vaga na Assembleia Legislativa pelo PRB, gastou, sozinha, nada menos que R$ 540 mil com gráficas.

Ou seja, Marisa gastou, só com “santinhos”, mais da metade do teto de gastos estabelecidos pela Justiça Eleitoral, que é de R$ 1 milhão.

O PRB maranhense é presidido pelo deputado federal Cléber Verde.

O Fundo Eleitoral foi criado a partir das eleições de 2018, com o valor de R$ 1,7 bilhão.

E ao que tudo indica, passou as er mais uma forma de ladrões se locupletarem do dinheiro público.

0

Allan Garcês descarta “guerra” com lideranças do PSL e diz que é vítima da esquerda no MA

Médico usou suas redes sociais nas últimas horas para diminuir o ímpeto dos críticos que  tentam colocá-lo contra a liderança de seu partido. Ele corre por fora para ser indicado como candidato em 2020.

Médico que compõe o governo Bolsonaro desmentiu qualquer desentendimento com a cúpula do seu partido

O médico e integrante do governo de Jair Bolsonaro (PSL), Allan Garcês (PSL) usou as redes sociais para rechaçar qualquer tentativa de crise entre ele e as lideranças locais de seu partido. Em mensagem no Twitter, Garcês afirmou que “não existe guerra” com Chico Carvalho, líder do PSL e que respeitará o posicionamento do grupo sobre a corrida municipal em 2020. 

Segundo Allan, a tentativa de instaurar uma crise com o seu partido é fruto da esquerda maranhense. “Não existe “guerra”, existe uma necessidade ao diálogo e a unidade partidária. A Direita Política no Maranhão avança e tem tudo para ser forte, desde que haja UNIÃO e HUMILDADE para reconhecer que o velho modelo político precisa mudar…”, afirmou.

Há alguns dias, circula nos bastidores políticos a informação de que Allan Garcês – que não esconde de ninguém sua vontade de ser prefeito de São Luís a partir de 2021 – teria perdido terreno no partido para nomes como o de Samuel de Itapecuru (PSL) na corrida. De acordo com as lideranças do PSL, o caso vem sendo analisado internamente e, nos próximos meses, uma decisão será tomada.

A ver os próximos capítulos…

Allan Garcês descartou crise entre ele e seu partido

2

“Nosso interesse é a união”, defendeu Allan Garcês, sobre PSL…

Médico maranhense que compõe a equipe de transição do presidente eleito Jair Bolsonaro disse que é preciso que as lideranças entendam a necessidade de unidade para fortalecer a legenda

 

Chico Carvalho iniciou 2018 ao lado de Maura Jorge e Allan Garcês, mas se indispôs com os dois em plena campanha eleitoral

O médico Allan Garcês, que compõe a equipe de transição do presidente eleito Jair Bolsonaro, serenou, nesta quarta-feira, 19, os ânimos das duras declarações do vereador Chico Carvalho sobre o PSL maranhense.

Em sua conta na rede social Twitter, Garcês pregou a unidade no PSL e deixou claro não ter interesse em nenhum conflito de interesses com Carvalho.

– O PSL para crescer forte no Maranhão precisa de paz e união. Temos interesse na união e nunca em destruir ou derrubar, práticas da velha política – declarou o médico.

Incomodado com a movimentação de Allan Garcês, da ex-candidata a governadora Maura Jorge e do ex-vereador Fábio Câmara – todos filiados ao PSL – Chico Carvalho desabafou duramente na imprensa nos últimos dias.

Em declarações a blogs e jornais, ele chegou a classificar de “ratos e hienas” os que, segundo ele, tentam tirar o partido do seu controle.

Allan Garcês tentou serenar os ânimos e revelou que, na conversa que teve com o presidente nacional do partido, Luciano Bivar, se pôs à disposição “para ajudar o partido a se fortalecer” no Maranhão.

Único representante do PSL maranhense na transição de Bolsonaro, Allan Garcês ganhou força política após as eleições, e surge como opção para a sucessão municipal de 2020.

Mas deixa claro não ter qualquer interesse em tirar Chico Carvalho do comando da legenda.

Simples assim…

0

Allan Garcez articula candidatura com presidente nacional do PSL..

Médico maranhense colocou-se à disposição de Luciano Bivar para a disputa pela Prefeitura de São Luís, em 2020 e recebeu carta branca para se movimentar como pré-candidato

 

Bivar com Garcês: candidatura em pauta

O médico maranhense Allan Garcês reuniu-se na última sexta-feira, 14, com o presidente nacional do PSL, Luciano Bivar, com quem tratou sobre as eleições de 2020.

– Coloquei-me a disposição para 2020. A política no Maranhão passa por um momento delicado –  afirmou Garcês.

O médico maranhense tem participado ativamente da equipe de transição do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL); e deve ocupar posto importante no setor da Saúde.

Com relação à política, ele deixou claro seu entendimento com relação à disputa pela Prefeitura, assumindo sua ideologia.

– Precisamos avançar a Direita no Estado, renovar paradigmas e promover crescimento – pregou.

Allan Garcês é hoje o principal nome do PSL como opção para as eleições de 2020…

3

Apóstolo Sílvio Antonio também quer ser candidato do PSL a prefeito…

Com cerca de 10 mil votos em São Luís, representante do segmento evangélico é o nome do vereador Chico Carvalho para tentar barrar a ascensão do médico Allan Garcês no partido de Jair Bolsonaro

 

Apóstolo Sílvio Antonio em campanha: bolsonarista com votação em São Luís e apoio do comando do PSL

O vereador Chico Carvalho, presidente regional do PSL, atua para viabilizar o nome do apóstolo Sílvio Antonio na disputa pela Prefeitura de São Luís.

É uma tentativa do parlamentar de fazer contraponto ao médico Allan Garcês, que surge como principal nome do partido de Jair Bolsonaro para a sucessão de 2020.

E o próprio Sílvio Antonio, que foi candidato a deputado federal e obteve 10 mil votos na capital maranhense – pouco mais de 2 mil acima de Garcês – parece já ter assimilado o interesse.

– Com a experiência de fazer política, na prática, e também de fazer campanha, me coloco à disposição do PSL e do presidente Chico Carvalho para disputar a Prefeitura de São Luís. E faço isto, por considerar que com os votos que recebi no último pleito me habilita para esta disputa em 2020 – declarou o apóstolo, em nota divulgada nesta segunda-feira, 3.

Sílvio Antonio teve 10.251 votos em São Luís; Allan Garcês alcançou 8.303.

A movimentação dos dois pré-candidatos mostra que o PSL deve ganhar importância na próxima sucessão de São Luís.

Sobretudo se o desempenho de Bolsonaro for bom nestes primeiros dois anos de mandato…

0

Fábio Câmara aposta no recall de 2016 na disputa pela Assembleia…

Ex-vereador foi candidato a prefeito de São Luís e alcançou cerca de 20 mil votos; ele esperar aumentar este eleitorado em ao menos 25%, mantendo sua média histórica para garantir uma das vagas do PSL

 

Candidato mostra forte carisma, sobretudo em São Luís

O ex-vereador Fábio Câmara (PSL) vai disputar uma vaga na Assembleia Legislativa de olho nos votos que obteve nas eleições de 2016, em São Luís.

Naquela eleição, ele foi candidato a prefeito e alcançou cerca de 20 mil votos.

Agora, espera crescer ao menos 25% neste total para sair de São Luís com uma forte base de votos que lhe garanta uma vaga na Assembleia Legislativa.

E a meta não é difícil para quem se superou eleição após eleição, desde 2008.

Naquele ano, concorreu pela primeira vez à Câmara Municipal, registrando quase 4 mil votos e alcançando a primeira suplência; em 2012, elegeu-se com 7 mil votos. Já em 2014, como candidato a deputado estadual, ficou com 15 mil votos, até chegar aos 20 mil de 2016.

A meta de Fábio Câmara, baseada em seu recall, é, portanto, perfeitamente possível.

Caberá somente a ele próprio…

1

Dr Gutemberg lança candidatura a deputado e é aclamado por multidão

O vereador Dr Gutemberg Araujo, do PRTB, lançou sua candidatura a deputado estadual neste sábado, dia 4, no Espaço Renascença, sob aplausos de uma multidão.

Bastante emocionado,o parlamentar foi recebido com abraços calorosos de centenas de amigos que foram aguarda-lo.

Ao iniciar seu discurso, Dr.Gutemberg Araújo falou em gratidão, considerando-a a mãe de todas as virtudes. 

Dividindo o palanque com o presidente do PRTB, Márcio Coutinho e com a candidata a governadora do Maranhão pelo PSL, Maura Jorge, além de diversas lideranças políticas e pré candidatos a deputados estaduais e federais, o vereador se referiu ao palanque como sendo o da vitória .

“Estou grato. Quero agradecer à minha família e aos milhares de amigos que conquistei na minha trajetória de homem público”, afirmou. 

O parlamentar invocou ainda o  versículo 10 do capítulo 41 do livro do profeta Isaías, que diz: “não te espante, nem te atemorizes, pois eu sou o teu Deus. Eu estou contigo”. Essa Palavra tem um significado profundo na minha vida. Creio num Deus que conduz a cada um de nós”, assegurou. 

O parlamentar disse que estava entregando naquele momento sua campanha a cada coração ali presente e em especial às mulheres.

“O Maranhão tem mais de 3 milhões de mulheres e nenhum coração bate mais forte que o coração de uma mãe”, disse, seguido de aplausos.

Em seguida, ele fez um breve resumo de sua trajetória de homem público, os cargos que já ocupou e sua bem fundamentada  carreira de médico atuando na área da saúde publica. Agradeceu ao partido, na pessoa do Márcio Coutinho, pela coragem e determinação em unir um grupo forte e coeso.

Para encerrar, mencionou os versos de seu jingle de campanha:

“Maranhão, a gente quer te ver feliz,  e em teu nome uma bandeira a gente ergue. Para crescer e pra’ vencer, nosso remédio é trabalhar, nossa receita certa é Gutemberg”, recitou, sob aplausos calorosos.

1

Fábio Câmara de volta ao jogo eleitoral…

Ex-vereador de São Luís, sensação da campanha municipal de 2016 volta ao jogo na chapa da candidata Maura Jorge, em busca de uma vaga na Assembleia Legislativa, onde promete a mesma coragem dos tempo de Câmara Municipal

 

Fábio Câmara em reprodução de imagem de vídeo: coragem para a lutar…

O ex-vereador e ex-candidato a prefeito de São Luís, Fábio Câmara foi oficializado candidata deputado estadual pelo PSL, em convenção que homologou a candidatura de Maura Jorge ao Governo do Estado, neste sábado, 4.

– Minha luta pela qualidade de vida de todos as raças no Maranhão independe das épocas de campanha. Todos sabem o que fiz, o que faço e o que farei no exercício do mandato. E não há ninguém que possa dizer que não estou, sempre, ao lado do meu povo – disse Câmara, ao discursar na convenção.

Fábio Câmara foi um dos vereadores mais atuantes da história da Câmara de São Luís, condição que o credenciou a ser candidato a prefeito da capital maranhense, em 2016.

– Lutei a batalha por uma São Luís melhor. E todos viram como o abuso do dinheiro público pode garantir a perpetuação no poder. E foi contra isso que lutei como vereador. E é contra isso que luto. E será contra isso que lutarei na Assembleia Legislativa – disse o candidato.

Fábio Câmara tem articulado apoios na Grande São Luís, mas atua também no interior do estado.

E quer representar todo o Maranhão na Assembleia Legislativa…