1

Aliados de Brandão e Josimar forçam novo racha na base de Flávio Dino

Câmara Municipal e Famem elegem sua diretoria em janeiro – o que tem vinculação direta com as eleições de 2022 – razão pela qual secretários, aliados e jornalistas ressentidos com a derrota em São Luís querem forçar o governador a quebrar novas lanças contra o grupo que apoiou Eduardo Braide

 

Weverton apoia tanto Osmar Filho, na Câmara, quanto Erlânio Xavier, a Famem, o que incomoda aliados do vice-governador Carlos Brandão e do deputado federal Josimar de Maranhãozinho

A nova postura de conciliação do governador Flávio Dino (PCdoB) vai enfrentar desafios em janeiro, quando a Câmara Municipal de São Luís e a Federação dos Municípios (Famem) vão eleger seu comando.

Até agora, o vereador Osmar Filho (PDT) na Câmara Municipal, e Erlânio Xavier (PDT), na Famem, caminham como favoritos em suas respectivas instâncias de poder,

Mas os aliados diretos do vice-governador Carlos Brandão (PRB) e do deputado federal Josimar de Maranhãozinho (PL), ressentidos pela derrota de Duarte Júnior (Republicanos) querem insuflar disputa, o que pode gerar novo racha na base de Flávio Dino

Na Câmara, por exemplo, tentam insuflar vereadores do PCdoB e dos partidos ligados a Josimar de Maranhãozinho (PL) a formar resistência contra a reeleição de Osmar Filho (PDT), que já tem maioria consolidada, com apoio, inclusive, da base do prefeito eleito Eduardo Braide (Podemos).

O motivo principal da “tentativa de vingança” é a ligação de Osmar e Erlânio com o senador Weverton Rocha (PDT), líder do grupo que decidiu apoiar Braide – e adversário de Brandão e Josimar na corrida pela sucessão de Flávio Dino.

O governador já avisou aos aliados que não pretende esticar a corda com a parte do grupo que decidiu apoiar Braide (Podemos); para ele, o melhor é que essas próximas disputas sejam decididas interna corporis, sem influencia do governo.

Até por que, se resolver quebrar novas lanças, o comunista corre sério risco de novas derrotas.

Além de consolidar o esfacelamento da própria base para as eleições de 2022…

Marco Aurélio D'Eça

One Comment

  1. Dizem pelos cantos da cidade , que o nome do Osmar Filho para comandar a Câmara Municipal não de grande simpatia do novo prefeito

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *