0

Simplício e Weverton agem para forçar Brandão a reduzir ICMS e baixar o preço dos combustíveis…

Enquanto o candidato do Solidariedade faz apelo público pela redução do imposto no Maranhão, senador do PDT aciona o Ministério Público para fazer o governador-tampão cumprir a lei que reduz a alíquota de gasolina, álcool e óleo diesel para 18%

 

Simplício fez apelo público ao governador maranhense para que reduza a alíquota do ICMS e ajude a baixar o preço dos combustíveis

Resistindo a cumprir a lei que reduziu o ICMS dos combustíveis para 18%, o governador-tampão Carlos Brandão (PSB) começou a ser pressionado diretamente pelos adversários na disputa pelo Governo do Estado.

O candidato do Solidariedade Simplício Araújo, por exemplo, gravou vídeo com apelo público ao governador para que reduza a alíquota do ICMS para a faixa de 18%; já o candidato do PDT, senador Weverton Rocha, acionou o Ministério Público para forçar Brandão a cumprir a lei aprovada no congresso Nacional.

A lei que estabeleceu a nova alíquota do ICMS para combustíveis e energia foi aprovada semana passada, mas Carlos Brandão resiste a implantá-la no Maranhão, e recorreu ao Supremo Tribunal Federal para não ter que reduzir o imposto no estado.

Weverton representou diretamente contra o governador-tampão no Ministério Público

No sábado, 2, já com a imagem desgastada pela ação no STF, o governador-tampão mentiu à população ao dizer que estava baixando o imposto; na verdade, ele apenas mexeu na pauta do imposto nas distribuidoras, o que não tem efeito algum sobre o valor dos combustíveis na bomba.

Nesta segunda-feira,4, o próprio Brandão confessou ter gerado uma fake news – espalhada nos setores da imprensa pagos pelo Palácio dos Leões – ao admitir que ainda não baixou o ICMS.

Tanto a pressão pública de Simplício Araújo quanto a representação de Weverton no Ministério Público são mais uma forma de tentar ajudar o Maranhão a baixar o preço dos combustíveis, como já tem ocorrido em diversos estados.

Resta saber se Brandão continuará resistindo a dar o benefício à população…

Sem categoria

Marco Aurélio D'Eça

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *