1

Em audiência com Hildo Rocha, presidente da CEF anuncia entrega de 500 casas em Estreito

O Presidente da Caixa Econômica Federal, Gilberto Occhi, garantiu ao deputado federal Hildo Rocha e ao prefeito Cicero Neco (Cicin), que no próximo mês a instituição irá fazer a entrega de 500 casas, no município  de Estreito.

O anúncio aconteceu durante audiência do parlamentar que contou com a participação do vice-presidente do setor de Habitação, Nelson de Souza e diretores de diversos setores da CEF.

“Durante o encontro tratamos de diversos assuntos de interesses dos maranhenses. O prefeito Cicin (Estreito), que me acompanhou nessa reunião, pleiteia a entrega de um empreendimento habitacional e demanda também recursos para outros empreendimentos em benefício da população”, destacou Hildo Rocha.

“Além da cidade de Estreito, outros municípios serão beneficiados com a entrega de imóveis, nos próximos dias. Até abril  novos contratos serão assinados, assegurando assim a ampliação da oferta de casas populares para o nosso Estado”, destacou Hildo Rocha.

Avançar Cidades

Rocha informou ainda que tratou sobre projetos no âmbito do Programa Avançar Cidades. “Os municípios de São José de Ribamar e Estreito pleiteiam recursos para melhorias da mobilidade urbana. Nós discutimos sobre o andamento dessas e de outras demandas de interesses da população maranhense”, declarou o parlamentar.

De acordo com o deputado, o trabalho que ele tem realizado junto à CEF tem apresentado bons resultados.

“Estamos avançando  e superando as dificuldades. Esse é o nosso papel, na condição de Deputado Federal, de representante dos municípios maranhenses no Congresso, nos Ministérios e demais órgãos da administração federal”,  disse Hildo Rocha.

0

Ministro garante a Maura Jorge e Aluisio conclusão de habitações em Imperatriz…

Maura e Aluisio com o ministro das Cidades

 

A ex-prefeita Maura Jorge e o deputado federal Aluísio Mendes (ambos do PTN) reuniram-se com o ministro das cidades, Bruno Araújo, com quem discutiram o déficit habitacional do Maranhão.

Maura Jorge apresentou pleitos de Lago da Pedra, Imperatriz e outros municípios que aguardam a conclusão dos residenciais do programa Minha Casa Minha Vida.

– Me sensibilizei com essas famílias que aguardam por um bem tão essencial a dignidade humana, que é uma habitação. A paralisação das obras do Minha Casa Minha Vida se estende a vários municípios maranhenses, e juntamente com o deputado Aluísio Mendes, trouxe o pleito até o ministro das cidades, Bruno Araújo, que se comprometeu em dar prioridade ao nosso pedido e que em breve estaríamos entregando essas moradias às famílias contempladas – disse Maura Jorge.

Maura Jorge em ação em Lago da Pedra, ao lado do prefeito Laercio

O deputado Federal Aluísio Mendes reforçou o pedido da ex-deputada, enfatizando a importância dessas moradias para o melhoramento da qualidade de vida dos maranhenses.

Maura solicitou, ainda, celeridade quanto a análise dos projetos habitacionais que ainda aguardam aprovação.

Em recente passagem por imperatriz, Maura Jorge reuniu-se com contemplados do residencial Canto da Serra, que compreende três mil habitações. Os mesmos pediram apoio da ex-deputada em busca de solução para o impasse que paralisou as obras.

Vale lembrar que, enquanto prefeita de Lago da Pedra, Maura Jorge fez do município um dos maiores contemplados com habitações do programa federal. Mostrando, portanto, que tem propriedade no assunto.

0

Hilton Gonçalo retoma programa de habitação “Nossa Casa” em Santa Rita…

Hilton Gonçalo com famílias beneficiadas pelo seu programa

Um dos maiores problemas dos municípios maranhenses é o déficit habitacional, muitas famílias ainda vivem em casas de taipa. Porém na cidade de Santa Rita essa realidade tem sido modificada. O prefeito Hilton Gonçalo retomou o programa de habitação “Nossa Casa”, o qual vai beneficiar famílias de baixa renda.

Em seus mandatos anteriores entre os anos de 2005 e 2012, Hilton Gonçalo desenvolveu o programa e naquela oportunidade beneficiou quase 3 mil famílias e reduziu em 80% o déficit habitacional no município de Santa Rita.

“O programa ‘Nossa Casa’ foi idealizado por causa da necessidade de habitações tanto na sede quanto em comunidades rurais, ainda existem muitas famílias vivendo em casas de taipa”, declarou.

Agora, outras famílias vão ser beneficiadas, principalmente dos povoados mais distantes da sede do município, aquelas que se encontram na região dos campos. E os que tiveram suas casas construídas, vão receber apoio da Prefeitura para fazer recuperações estruturais onde for necessário.

“Eu vivi boa parte da minha infância em uma casa de taipa, por isso, conheço de perto as dificuldades e a angústia das famílias que ainda não dispõe de moradia digna. A reimplantação do programa de habitação “Nossa Casa” foi à proposta de governo número 2 e agora nesse início de mandato já começo a cumprir. Na minha primeira passagem pela Prefeitura de Santa Rita consegui reduzir o déficit habitacional em Santa Rita, vejo que esse déficit aumentou por conta da paralisação do programa nos últimos quatro anos, por isso, a meta agora é zerar”, finalizou.

Família beneficiada

Uma das famílias beneficiadas foi de Edilson Carvalho e Maria Deuzilene que residem no povoado Rancho Papouco, e juntos com seus dois filhos vivem numa casa de taipa. O casal comemorou a contemplação do programa habitacional: “quero agradecer a Deus e ao dr Hilton por essa oportunidade, já sonho com o dia que vou entrar na minha casa de tijolo e telhas. Vai ser uma nova vida com meu marido e meus filhos”, declarou Deuzilene.

O programa Nossa Casa é um projeto que visa contemplar famílias de baixa renda que ainda não dispõe de moradia digna, por esta razão, prevê a troca de casas de taipa por casas de alvenaria e a construção para quem dispõe apenas do terreno, e tudo feito com recursos próprios. A mão-de-obra empregada é toda de Santa Rita, gerando emprego e renda para a população.

O programa já funcionou nas duas últimas gestões de Hilton Gonçalo e em 2012 reduziu o déficit habitacional em 80% construindo cerca de 3 mil habitações em todos os povoados e sede do município. 

Hilton Gonçalo também agregou ao programa “Nossa Casa” o programa de distribuição de terras, e em 2012 distribuiu centenas de títulos de terra com a criação de dois novos bairros na sede do município.

3

Andrea Murad diz que Flávio Dino aumenta orçamento da habitação para beneficiar empresas…

Parlamentar diz que objetivo do governador em dar 165% de reajuste ao setor  é apenas fazer parcerias com empresas que trabalham para seu governo

 

Andrea Murad questionou aumento para setor de habitação do governo Flávio Dino

Andrea Murad questionou aumento para setor de habitação do governo Flávio Dino

A deputada estadual Andrea Murad (PMDB) denunciou na Assembleia Legislativa que o governador Flávio Dino (PCdoB) aumentou em 165% o orçamento do setor de habitação para 2017 apenas para fazer parcerias com empresas de construção civil.

– Por que será que Flávio Dino aumentou em 165% o investimento para o setor de habitação? É porque ele é bondoso e quer construir casa para o povo? Não. É porque ele quer fazer parceria com as empresas contratadas para construir essas casas como ele já fez com uma agora e vai fazer com as demais – afirmou a parlamentar, sem citar as empresas supostamente beneficiadas.

Recentemente, Flávio Dino retomou o terreno no Parque Independência, que estava sob cuidado da Associação de Criadores – em regime de comodato por 25 anos – e anunciou contrato de mais de R$ 250 milhões para construção de casas, beneficiando duas empresas: a Canopus Construções e Amorim Coutinho. (Saiba mais aqui)

Empresa Amorim Coutinho é uma das beneficiárias das verbas de habitação do governo Flávio Dino

Empresa Amorim Coutinho é uma das beneficiárias das verbas de habitação do governo Flávio Dino

A empresa Amorim Coutinho pertence ao irmão do presidente da Assembleia Legislativa, deputado estadual Humberto Coutinho (PDT).

Para Andrea Murad, ao aumentar de forma irrisória o orçamento da Saúde e da Educação, e quase triplicar o orçamento da habitação,  Flávio Dino mostra que age para o seus, beneficiando aliados.

– Prestem atenção: ele dá um aumento de 4,15% para a saúde, 1,55% para a educação e dá um aumento 165% para o setor de habitação a troco de quê? É para fazer o quê? O que ele já fez há pouco tempo – afirma a parlamentar.

0

Projeto de Hildo Rocha que beneficia pequenos e médios municípios avança na Câmara Federal

Hildo Rocha tem projetos para ajudar pequenos municípios

Hildo Rocha tem projetos para ajudar pequenos municípios

O Projeto de Lei Nº 1.722/2015, do deputado federal Hildo Rocha (PMDB/MA), foi aprovado na Comissão de Finanças e Tributação (CFT).

O projeto estabelece que pelo menos 25% dos recursos destinados pela União à habitação popular sejam aplicados, obrigatoriamente, em construção de casas e conjuntos habitacionais em Municípios com menos de 50 mil habitantes.

“Nosso projeto visa atender moradores de pequenos e médios municípios que precisam de casas populares financiadas com recurso da união e também do FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço)”, explicou Rocha.

Por unanimidade, os membros do colegiado reconheceram a importância da proposta e, dessa forma, o projeto deu um significativo passo adiante.

Como o projeto já havia sido aprovado na Comissão de Desenvolvimento Urbano (CDU), o passo seguinte será a apreciação na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ).

“Nossa proposta foi aprovada por unanimidade nas duas comissões. Agora o projeto segue para a CCJ. Sendo aprovado irá diretamente para o Senado da República porque tramita nas três comissões e é terminativo na CCJ”, destacou o parlamentar.

3

Prefeitura de Paço do Lumiar sorteia endereços de 500 contemplados no Programa Minha Casa, Minha Vida

joseA Prefeitura de Paço do Lumiar por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (SEMDES) realizou nesta terça-feira, 29, o sorteio dos endereços dos 500 mutuários contemplados com as unidades habitacionais da primeira etapa do Residencial Morada do Bosque, na Estrada de Iguaíba.

A ação integra o Programa “Minha Casa, Minha Vida”, fruto do convênio da Administração Municipal com o Governo Federal e a Caixa Econômica Federal (CEF).

A relação nominal está disponível no site www.pacodolumiar.ma.gov.br/.

O evento acontece no Convento das Irmãs da Purificação, na Avenida 4 do Maiobão, com as presenças do prefeito Josemar Sobreiro; de representantes da CEF e da Construtora Canopus Engenharia.

A segunda fase de sorteios está prevista para o mês de maio. Até o final do ano, serão 2.855 famílias de Paço do Lumiar contempladas com imóveis do Minha Casa, Minha Vida.

1

Moradores ganham legalidade do Residencial Nova Vida…

Júnior Verde com representantes do projeto

Júnior Verde com moradores do residencial

O Residencial Nova Vida, localizado em São José de Ribamar, terá a situação fundiária regularizada pela Secretaria das Cidades do Maranhão.

A determinação é da titular da pasta, Flávia Alexandrina, que recebeu uma comissão de moradores nesta segunda (07), por intermédio do deputado estadual Júnior Verde (PRB).

A área será incluída no planejamento de titularização do Governo do Estado.

O Residencial está em situação irregular há cerca de 10 anos, quando uma empresa com sede em São José de Ribamar reivindicou titularidade.

Desde então, os moradores vivem em situação de instabilidade. A decisão de conceder a titularidade da área às milhares de famílias que lá residem significa uma vitória para os moradores, que foram representados pelos líderes de associações Jordinele Silva, Valdivino Pereira e Antônio Santos, além do  advogado Cícero de Jesus.

A reunião aconteceu na sede da Secretaria das Cidades. Como a área não desenvolvia qualquer função social, tampouco foi utilizada com fins econômicos ou produtivos, ela permanecerá com os moradores.

“É justo que eles continuem residindo lá, pois são os que de fato detém a posse da área, que antes de ser ocupada por famílias com necessidades legitimas, estava abandonada”, justificou Júnior Verde.

O Residencial deverá incluído no planejamento do Estado e receber a titularidade ainda este ano.

3

Júnior Verde participa da entrega de casas em Duque Bacelar…

Júnior Verde recebe abraço caloroso de jovem em selfie durante a entrega das casas

Júnior Verde recebe abraço caloroso de jovem em selfie durante a entrega das casas

O deputado estadual Júnior Verde (PRB) participou neste sábado (20) da entrega de 46 unidades habitacionais do Programa Nacional de Habitação Rural (PNHR), no povoado Santo Antônio, município de Duque Bacelar.

A convite do vereador e presidente municipal do PRB, José Júnior, que foi um dos coordenadores do programa no município, o deputado acompanhou a entrega das chaves a todos os beneficiados e destacou a importância das habitações rurais em substituição às casas de taipa.

– Significa o resgate à dignidade, ao respeito e à cidadania. As famílias maranhenses precisam e merecem uma moradia digna – destacou.

O  PNHR foi criado no âmbito do Programa Minha Casa, Minha Vida, e tem subsidiado a construção de unidades habitacionais para agricultores familiares e trabalhadores rurais.

2

Hildo Rocha cobra solução de pendências do Programa Nacional de Habitação Rural..

rocha

O deputado federal Hildo Rocha (PMDB/MA) se reuniu com a Secretária Nacional de Habitação do Ministério das Cidades, Inês Magalhães, para discutir a solução de pendências referentes ao Programa Nacional de Habitação Rural (PNHR).

“No Maranhão, centenas de famílias aguardam ansiosamente a liberação dos recursos para a construção de unidades habitacionais do PNHR”, destacou o parlamentar.

“Sempre que visito os municípios e as comunidades rurais ouço relatos de famílias que há muito tempo aguardam uma definição acerca da contratação e cobram a liberação de pagamentos. A população tem motivos para cobrar e o governo deve explicações. Na condição de parlamentar federal, estou exercendo o meu dever de fiscalizar e de reivindicar soluções”, argumentou.

O Programa Nacional de Habitação Rural (PNHR) foi criado no âmbito do Minha Casa, Minha Vida como objetivo subsidiar a produção de unidades habitacionais aos agricultores familiares e trabalhadores rurais.

O programa abrange todos os municípios brasileiros, independentemente do número de habitantes e usa recursos oriundos do Orçamento Geral da União (OGU), que são concedidos diretamente às pessoas físicas, trabalhadores rurais ou agricultores familiares, organizadas sob a forma coletiva, por uma Entidade Organizadora (EO).

Recursos desperdiçados

Rocha destacou que além da escassez de recursos existem ainda casos em que estes são mal aplicados.

“Recentemente estive em Governador Luiz Rocha onde há um caso emblemático de desperdício de dinheiro público na execução do Minha Casa Minha Vida. dezenas de unidades habitacionais estão prontas desde 2012, mas permanecem desocupadas porque a prefeitura do município não realizou a implantação das redes de distribuição de água e de energia, procedimentos obrigatórios previstos no contrato firmado entre as entidades parceiras: Governo Federal, Governo Municipal, a associação credenciada e a Caixa Econômica Federal, instituição bancária financiadora do programa”, explicou.

Denúncia

O deputado informou que o caso já foi levado ao conhecimento das autoridades federais.

“Por irresponsabilidade do prefeito de Governador Luiz Rocha, dezenas de famílias beneficiárias do Minha Casa Minha Vida permanecem morando em habitações precárias ou pagando aluguéis. Estão sendo penalizadas pela omissão do gestor municipal. Esse é um caso típico de desperdício de dinheiro público. Já encaminhei a denúncia aos gestores dos órgãos envolvidos na execução do Minha Casa Minha Vida”, explicou Hildo Rocha.

Novas unidades

Inês Magalhães informou que segundo estimativas do Ministério das Cidades, este ano, serão construídas dez mil unidades habitacionais do PNHR, no Maranhão. A Secretária elogiou a atuação de Hildo Rocha e destacou a atuação do parlamentar na Comissão de Desenvolvimento Urbano.

“O deputado Hildo Rocha tem realizado um bom trabalho, tem sido um grande parceiro e defensor do Minha Casa Minha Vida, programa que engloba o PNHR”, declarou.

A Secretária disse que na media do possível os pleitos apresentados pelo parlamentar serão atendidos.

Quanto ao caso de Governador Luiz Rocha a gestora afirmou que o órgão irá adotar as medidas judiciais cabíveis.