1

Senador Weverton recebe comenda por apoio ao esporte…

O senador Weverton (PDT) recebeu, na noite desta quarta-feira (20), a Comenda do Desporto Universitário, concedida pela Confederação Brasileira do Desporto Universitário (CBDU), numa homenagem a pessoas que incentivam o desenvolvimento do esporte acadêmico no país.

A cerimônia de Premiação Melhores do Ano 2018, que ocorreu em Brasília, homenageou também atletas olímpicos e paraolímpicos e instituições universitárias.

 “O senador Weverton Rocha foi muito importante em um momento difícil do esporte acadêmico no Brasil. Foi um setor que passou por um corte muito grande de recursos e nós pedimos o apoio dele”, explicou Alim Maluf Neto, vice-presidente da CBDU e presidente da Organização Desportiva Universitária Americana (Fisu-América).

Segundo ele, o então deputado Weverton ajudou a unir uma bancada de parlamentares, que ajudaram a reverter a situação, fazendo com que os recursos destinados ao esporte voltassem.

“Weverton fez um trabalho fundamental. Por isso, decidimos entregar a maior honraria da nossa instituição para ele”, acrescentou.

Weverton agradeceu a honraria e ressaltou a importância do esporte para o Brasil. 

“É um momento de muita emoção receber esta comenda e eu só tenho que agradecer e continuar colocando o meu mandato à disposição da nossa juventude. Nós sabemos que um dos caminhos para fortalecer nossas famílias é incentivando a prática de esporte. Podem contar com o nosso mandato”, afirmou.

Além do senador, foram agraciados com a comenda o esportista e medalhista olímpico Lars Grael; o incentivador esportivo Leonardo Capucci Filho; o presidente do Comitê Olímpico Brasileiro, Paulo Vanderley; o presidente do Comitê Paralímpico Brasileiro, Mizael Conrado, representado pelo seu vice, Brandão; e o secretário de Esporte e Lazer do Distrito Federal e ex-ministro do Esporte, Leandro Cruz Fróes da Silva.

1

Deputado Wellington realizará Audiência para discutir a inclusão social das pessoas com deficiência…

inclusaoO vice-presidente da Comissão de Defesa dos Direitos Humanos e das Minorias da Assembleia Legislativa, deputado Wellington do Curso (PPS), realizará Audiência Pública para discutir sobre a inclusão das pessoas com deficiência.

O evento acontecerá na terça-feira (2) e discorrerá sobre o tema o “Estatuto da pessoa com deficiência: inovações e desafios”.

Ao convidar as pessoas para participarem da Audiência, Wellington, que já apresentou inúmeras solicitações em defesa das pessoas com deficiência, destacou que esse é um modo de identificar os desafios enfrentados pelos cidadãos e, então, propor mecanismos de superação. Para o parlamentar, a inclusão deve ser plena em todos os segmentos sociais.

“A Audiência Pública que discutirá sobre o Estatuto da Pessoa com Deficiência tem por principal objetivo estabelecer o debate acerca das principais disposições do Estatuto, destacando suas possibilidades de efetivação no Maranhão. Para tanto, almejamos a exposição das principais inovações oriundas do Estatuto, bem como das dificuldades de efetivação e dos parâmetros para sua execução. Bem sabemos que inúmeros são os desafios enfrentados pelas pessoas com deficiência em nosso estado e é por isso que temos a necessidade de ouvir a população, a fim de que possamos, então, articular propostas que garantam a plenitude da inclusão em todos os segmentos sociais, evidenciando o zelo por aquilo que é princípio em nosso Estado Democrático de Direito: a dignidade da pessoa humana”, destacou.

A Audiência acontecerá no auditório Fernando Falcão da Assembleia Legislativa e contará com a representatividade da Defensoria Pública da União; da Defensoria Pública do Estado do Maranhão; do Ministério Público Federal; do Ministério Público do Estado do Maranhão; do Conselho Estadual da Pessoa com Deficiência; além de membros da sociedade civil.

Veja a programação do evento:

a) “Abertura dos trabalhos” – representante da Comissão de Direitos Humanos da ALEMA;
b) “Histórico da Lei n. 13.146/2015 e vigência; parâmetro normativo internacional de proteção das pessoas com deficiência (art. 1º); e o (novo) conceito de pessoa com deficiência: avaliação biopsicossocial” – membro da DPU;
c) “Direito à Saúde” (art. 21 e ss.) – membro da DPE;
d) “Direito à Educação” (art. 27 e ss.) – membro do MPE;
e) “Direito ao Trabalho, habilitação e reabilitação profissional” (art. 34 e. ss) – médico do trabalho (a definir);
f) “Assistência e Previdência Social, Cadastro-Inclusão e Auxílio-Inclusão” (art. 39 e  art. 92; e art. 94) – assistente social (a definir);
g) “Direito ao Transporte, Mobilidade e Acessibilidade” (art. 46 e ss.) – representante do Conselho Estadual da Pessoa com Deficiência; 
h) “Atendimento prioritário e Acesso à Justiça” (art. 9º; e art. 79 e ss.) – membro do MPF.