0

Rafael mostra força em primeiro evento de pré-campanha em Timon

Líder do governo Flávio Dino na Assembleia Legislativa, que deixou o grupo Leitoa no final de 2020, reuniu milhares e lançou desafio aos adversários no município e região

 

Rafael mostrou que tem liderança no município de Timon e força para contrapor seu ex-grupo político

O líder do governo na Assembleia Legislativa, deputado estadual Rafael (que retirou o Leitoa do sobrenome político) deu uma demonstração de força política em Timon, nesta sexta-feria, 15.

O parlamentar reuniu milhares de pessoas em uma casa de show, em seu primeiro evento de campanha.

– Realizada na casa de shows Mega Hall, no bairro Formosa, a atividade lotou o espaço obrigando muita gente a ficar em pé porque todas as cadeiras ficaram ocupadas – contou o Portal Elias Lacerda. (Leia a íntegra aqui)

Rafael separou-se do grupo leitoa após as eleições de 2020 e reagrupou-se em um novo grupo no município e região.

No palanque, o presidente da Câmara Municipal de Timon, vereador Uilma Resende, um dos mais eloquentes no discurso, além do secretário de infraestrutura, Cleyton Noleto (PCdoB).

O evento mostrou que Rafael deve mesmo ser o principal líder da oposição aos eu ex-grupo, que detém o poder em Timon.

E impõe tanto as outras forças oposicionistas quanto aos Leitoa a responsabilidade de mostrar a mesma força política na cidade…

0

Dr. Rafael vence eleição em Peritoró, aponta Escutec

O Instituto Escutec divulgou, nesta terça-feira, 10, pesquisa eleitoral que aponta vitória do Dr. Rafael em Peritoró.

Os dados da sondagem mostram no cenário espontâneo que 45% dos eleitores irão votar no dr. Rafael; 41% no dr. Júnior; não souberam ou não responderam somaram 14%.

Durante a entrevista também foi simulado o cenário estimulado. O candidato a prefeito dr. Rafael somou 48% contra 43% do dr. Júnior. Não souberam ou não responderam 9%.

Os eleitores também foram questionados sobre quem não votariam de jeito nenhum. 35% afirmaram que não escolheriam o dr. Júnior. 32% o dr Rafael. Nenhum deles 24% e não souberam ou não responderam 9%.

O levantamento ouviu 300 eleitores entre os dias 07 a 09 de novembro e tem nível de confiabilidade de 95% com margem de erro de 5% para mais ou para menos. A sondagem está registrada no site do TSE sob o Nº MA-04457/2020.