1

Comunidade escolar decidirá retorno às aulas no Maranhão

Após decisão do Governo do Estado de manter as escolas fechadas – com ensino apenas remoto – Secretaria de Educação analisará pesquisas sobre a opinião de pais e mestres para a reabertura da rede de ensino

 

O secretário de Estado da Educação, Felipe Camarão, tem utilizado levantamentos periódicos para monitorar a melhor época de reabertura das escolas da rede estadual de ensino, que seguem suspensas.

Na última pesquisa – realizada entre alunos, pais e mestres – 54,58% disseram não concordar com a reabertura, contra 45,42% que apoiam a volta às aulas em outubro.

– Temos que respeitar, é uma insegurança das pessoas. Nós consideramos que temos condições de avançar no ensino híbrido, mas faremos isso junto com as comunidades escolares. Vamos repetir a pesquisa no final de setembro, para avaliar novamente a visão da comunidade escolar – explicou o governador Flávio Dino (PCdoB).

De acordo com o secretário de Estado da Educação, Felipe Camarão, o objetivo destas consultas é observar mais de perto como está o sentimento de pais e estudantes com relação ao retorno às atividades presenciais ligadas à rede pública.

– A previsão era de que as atividades presenciais fossem retomadas a partir do dia 10 de agosto, de forma gradativa. Contudo, a primeira consulta que realizamos constatamos que ainda havia muita dúvida sobre essa retomada e agora novamente, então decidimos manter as aulas não presenciais e possibilitar mais tempo para que as comunidades escolares continuem a debater – declarou Camarão.

Por enquanto, as aulas seguem de modo remoto…

2

Apoio de Camarão a Evangelista tem aval de Flávio Dino

Mesmo filiado ao DEM, secretário de Educação afirmou que só toma posições políticas e administrativas sob orientação do governador, que já declarou estar neutro no primeiro turno das eleições em São Luís

 

Felipe Camarão dá apoio a Neto Evangelista nas eleições de São Luís

O secretário de Educação Felipe Camarão declarou que o seu apoio ao candidato do DEM, Neto Evangelista, a prefeito de São Luís, teve o aval do governador Flávio Dino (PCdoB).

Camarão é filiado ao DEM, mesmo partido de Evangelista, mas só tomou a decisão de apoio após consultar o governador.

-Sou filiado ao DEM, foi uma orientação do governador Flávio Dino, eu não escondo de ninguém que eu só faço as coisas política e administrativamente com orientação, coordenação e determinação do governador Flávio Dino. Nada que eu faça vem contrariando ou escondido do governador. Filiei ao partido por orientação do governador – disse o secretário,m em entrevista ao programa Resenha, da TV Difusora.

Os auxiliares do governador estão se posicionando em relação às candidaturas a prefeito de acordo com a própria consciência sem interferência do próprio Dino.

Há apoios a vários candidatos da base…

0

Seduc vai catalogar trajetória do aluno da rede pública…

Monitoramento da secretaria quer entender de forma amostral o caminho percorrido pelos estudantes após conclusão do Ensino Médio, levantando quantos chegam à universidade e quantos vão direto ao mercado de trabalho

 

Secretário Felipe Camarão quer entender o caminho do aluno do Ensino Médio após conclusão dos estudos na rede pública

A Secretaria de Estado da Educação (Seduc) iniciou, nesta segunda-feira, 17, uma pesquisa escolar de monitoramento dos egressos do Ensino Médio de escolas da rede pública, nos anos de 2018 e 2019.

O objetivo da pesquisa é identificar, de forma amostral, a porcentagem de inserção dos egressos no Ensino Superior ou no Mercado de trabalho, com o intuito de entender a trajetória dos estudantes após a finalização dos estudos.

A pesquisa será realizada pelos gestores escolares, que deverão entrar com código Inep de sua escola para ver a lista com o nome dos estudantes egressos que deverão ser entrevistados.

A pesquisa será realizada até o dia 28 de agosto, por meio do link: http://gpagil.com.br/pesquisaEgressos

0

Felipe Camarão entrega mais uma escola em Alto Parnaíba…

Secretário de Educação inaugurou nesta segunda-feira, o Centro Educacional Vitorino Freire totalmente recuperado, já adequado às aulas presenciais, quando estiverem liberadas pelo Governo do Estado

 

A escola de Alto Parnaíba foi entregue pela Secretária de Educação em solenidade restrita, com as precauções contra a coVID-19

O secretário de Educação Felipe Camarão anunciou nesta segunda-feira, 3, a inauguração e mais uma unidade de ensino no interior maranhense.

Foi entregue o Centro Educacional Vitorino Freire, no município de Alto Parnaíba.

A escola recebeu toda a infraestrutura necessária para receber os alunos e professores, quando as aulas abrirem de forma presencial

– Obra sonhada por toda comunidade escolar e que se torna realidade. Aproveito para agradecer a todos que tornaram isso possível – frisou Camarão.

O CE Vitorino Freire foi completamente reformado e com espaços já adequados para o ensino e aprendizagem dos estudantes quando retornarem às aulas presenciais.

0

Rafael Leitoa destaca inauguração do IEMA em P. Dutra…

Líder do governo na Assembleia Legislativa comemora avanços da Educação estado do Maranhão nos últimos anos. sob a gestão do secretário Felipe Camarão

 

Na manhã desta terça-feira, 21, em mais uma participação remota na Sessão da Assembleia Legislativa, devido à testagem positiva para o coronavírus, o deputado Rafael Leitoa enalteceu as ações do governo do Maranhão na Saúde e, principalmente, na Educação, com a inauguração de mais um Centro Educacional, desta vez na cidade de Presidente Dutra.

Apresentando novamente os resultados satisfatórios no combate à covid-19, com instalação de novos leitos, medidas de combate e prevenção por todo o Maranhão, Rafael Leitoa parabenizou o governador Flávio Dino pela inauguração de mais uma Unidade Plena do Instituto Estadual de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão – IEMA, desta vez na cidade de Presidente Dutra.

Em Presidente Dutra, a Unidade Plena do IEMA conta com 12 salas de aula, laboratórios, ginásio coberto, auditório com 200 lugares e cozinha industrial. Segundo Rafael Leitoa, os IEMAs executam uma verdadeira revolução na educação no Maranhão, formando alunos e profissionais com cursos voltados para as necessidades locais.

Segundo Rafael, é gratificante ver como o Maranhão, cujos alunos já tiveram o desprazer em estudar via Tele Ensino, criado na época do governo Roseana Sarney, terem hoje a oportunidade de estudar nos IEMAs.

“São escolas estruturadas para trazer, além do conforto, ensino de qualidade, preparando nossos jovens para a universidade e mercado de trabalho. É uma mudança de paradigma no nosso estado, com a redução da taxa de analfabetismo, em parceria também com movimentos sociais. O governo trata Saúde e Educação com seriedade e transparência. Não encontraremos perfeição, problemas temos, assim como a coragem para enfrentar e resolvê-los”, finalizou Rafael Leitoa.

2

Taxa de analfabetismo cai quatro pontos no Maranhão…

Dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios mostra que o número de pessoas com 15 anos ou mais sem escolaridade caiu de 19,6% em 2014 para 15,6% em 2019; para secretário de Educação, dados estimulam seguir em frente

 

O Maranhão derrubou em 4 pontos percentuais a taxa de analfabetismo entre pessoas acima de 15 anos, segundo dados da última Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD).

Em 2014, o estado tinha 19,6% de cidadãos sem escolaridade nesta faixa etária; em 2019, eram 15,6%.

– Os dados da “PNAD Contínua: Educação 2019”, divulgados hoje, nos motivam a seguir firme na luta por uma educação digna para todos – comemorou o secretário de Educação, Felipe Camarão.

Entre 2016 e 2019 houve queda na taxa de analfabetismo em todas as faixas etárias avaliadas pelo PNAD.

Os dados estão disponíveis no site do IBGE…

 

0

Programa “Rua Digna”, da Seduc, promove ressocialização de presos

Parceria com a Secretaria de Administração Penitenciária garante, além de pavimentação de ruas no entorno de escolas, também trabalho e remissão de pena para apenados do Sistema Penitenciário

 

A ação do “Escola Digna” garante não apenas aos alunos, mas a todo o entorno da rede estadual de ensino, qualidade de vida pelas parcerias firmadas pela Seduc

O secretário estadual de Educação, Felipe Camarão, inciou um programa que garantiu, ao mesmo tempo,  qualidade estrutural no entorno das escolas estaduais e dignidade a apenados do sistema penitenciário.

E em apenas 30 dias três ruas pavimentadas com bloquetes construídos na própria penitenciária foram entregues da região de Paço do Lumiar.

– O Escola Digna é a macropolítica educacional do Maranhão que, além de possibilitar a construção de novas escolas e requalificação dos espaços educacionais, leva saneamento básico, água, enfim, dignidade às comunidades do entorno dessas escolas, uma vez que, quando iniciamos as obras em algumas escolas, percebemos outras necessidades como a precariedade das condições das ruas de acesso a esses ambientes escolares – enfatizou o secretário Felipe Camarão.

Além das ruas dignas no entorno das escolas estaduais, a mão de obra carcerária também está presente em obras educacionais realizadas na região metropolitana de São Luís, tais como: a revitalização dos Faróis do Saber do Bairro de Fátima e Cidade Operária, e as reformas dos Centros de Ensino João Paulo II (Turu) e Ignácio Rangel (Cidade Operária). Os apenados também atuam na confecção de uniformes e carteiras escolares e, atualmente, na produção de máscaras de proteção à Covid-19.

3

Felipe Camarão defende adiamento do ENEM…

Apesar de divulgar o calendário das provas – devido à insistência do Governo Federal em manter as datas – secretário de Educação argumenta que o assunto só deveria ser discutido em um cenário pós-pandemia de  coronavírus

 

Felipe Camarão diz que não é hora de discutir calendário do ENEM diante de uma pandemia grave do coronavírus envolvendo o país inteiro

O secretário de Educação do Maranhão, Felipe Camarão, manifestou nesta terça-feira, 12, em suas redes sociais, sua opinião sobre a realização do ENEM 2020.

– Nossa posição no Maranhão é clara; somos favoráveis ao adiamento do ENEM – afirmou Camarão.

Segundo o secretário, este é um assunto que só deveria ser discutido em um cenário pós-pandemia.

Secretário de Educação foi duro nas redes sociais diante do posicionamento intransigente do governo Jair Bolsonaro

Ele, no entanto, mantém a divulgação do calendário do exame, devido à insistência do Governo Bolsonaro em manter as datas das provas.

– Como o (des)governo federal insiste coma sandice de manter a prova, orientei, por dever, a posição institucional da SEDUC de divulgar o calendário – informou o secretário de Educação. 

A data das provas do exame está confirmada para os dias 1º e 8 de novembro…

2

Seduc lança cursos on-line gratuitos durante quarentena…

Plataforma “Maranhão Profissionalizado” será lançada na terça-feira, 7, com cursos de qualificação em diversas áreas, liberados para o público em geral

 

Professor grava aulas dos cursos de qualificação que serão oferecidos pela Seduc durante a quarentena do coronavírus

A Secretaria de Estado da Educação (Seduc) lança, na próxima terça-feira (7), o “Maranhão Profissionalizado”, plataforma que vai oferecer Cursos de Aperfeiçoamento Profissional online e gratuitos para o público geral, e almeja qualificação para geração de renda, durante a situação da epidemia do Covid – 19.

Ao todo, serão ofertados seis cursos totalmente gratuitos na área da Educação e voltados para a Geração de Emprego e Renda. Para a área educacional são os cursos: Aprendendo a Ensinar Online; Ensino Híbrido: Personalização e Tecnologia na Educação; Gestão Socioemocional frente às Crises e Inseguranças. Para a geração de renda são: Panificação; Aproveitamento Integral dos Alimentos e Produção de Doces Tradicionais.

Os cursos oferecidos serão completamente à distância, de modo a garantir a qualificação profissional com a total segurança necessária no atual cenário global da pandemia da Covid-19. Além disso, a modalidade possibilita maior flexibilidade ao cursista em relação ao tempo dedicado ao estudo.

Todos os cursos terão carga horária de 40h e possibilitarão certificado para as pessoas que participarem das atividades propostas e tenham o rendimento mínimo exigido pelo curso.

“Com esses cursos, queremos possibilitar aos maranhenses que possam aproveitar esse momento de isolamento social para se aperfeiçoarem profissionalmente e até, quem sabe, poderem desenvolver alguma atividade que gere renda futuramente. Além disso, temos cursos voltados para a área da educação, que podem auxiliar os profissionais da área nesse momento, que tem obrigado todo o mundo a se reinventar e reinventar sua forma de trabalhar. Os servidores da Seduc e do IEMA seguem empenhados para possibilitar meios de levar educação para a população maranhense, mesmo nesse momento crítico que estamos vivendo”, explicou o secretário de Estado da Educação, Felipe Camarão.

A plataforma Maranhão Profissionalizado está sendo completamente desenvolvida por profissionais do Instituto Estadual de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (IEMA) e as vídeoaulas são gravadas por professores bolsistas do Instituto.

O secretário adjunto de Educação Integral e Profissional, André Bello, destaca que nesse primeiro momento serão ofertados sete cursos, contudo a ideia é continuar produzindo novas aulas para novos cursos. “Queremos possibilitar, cada vez mais, para os maranhenses a possibilidade de se profissionalizarem nesse momento de isolamento. Como não podemos dar continuidade aos cursos vocacionais realizados pelo IEMA, devido às medidas preventivas que o mundo tem adotado em combate ao coronavírus, encontramos essa forma de continuar levando conhecimento para a população”, reforçou.

Para participar dos cursos, não tem exigência mínima ou máxima de idade e, para se inscrever, os interessados devem acessar o endereço do Maranhão Profissionalizado, por meio do link: web.iema.ma.gov.br/maranhaoprofissionalizado, para gerar login e senha de acesso à plataforma.

Confira os cursos disponíveis:

– Aprendendo a Ensinar Online;
– Ensino Híbrido: Personalização e Tecnologia na Educação;
– Gestão Socioemocional frente às Crises e Inseguranças;
– Panificação;
– Aproveitamento Integral dos Alimentos;
– Produção de Doces Tradicionais

0

Roberto Costa e Edivan Brandão são recebidos por Felipe Camarão

O deputado estadual e o prefeito de Bacabal apresentaram ao secretário de Educação as demandas do setor para o município e receberam a garantia de que a pasta atenderá boa parte das demandas

 

 

O deputado estadual Roberto Costa e o prefeito de Bacabal Edvan Brandão foram recebidos na manhã desta quarta-feira (12) pelo secretário de Estado da Educação, Felipe Camarão. Na ocasião, foram apresentadas ao Secretário as demandas da área da educação da cidade de Bacabal, como reformas e ampliações de escolas.
Durante a reunião, o secretário de educação Felipe Camarão garantiu a reforma e ampliação do Colégio Militar Tiradentes III, a conclusão da reforma do CAIC, que funcionará em tempo integral, e ainda, as reformas do Centro de Ensino Maria Casemiro Soares (antigo Minhocão) e do Centro de Ensino Juarez Gomes.

Na semana passada, o prefeito Edvan Brandão foi recebido no Palácio dos Leões pelo governador Flávio Dino, onde foram discutidas soluções para as principais necessidades da cidade de Bacabal e a garantia do auxílio do Executivo Estadual às ações do Município. A reunião de hoje é parte de uma série de ações a serem implementadas.
Para o secretário Felipe Camarão, os investimentos anunciados para o Município serão de grande importância para garantir educação de qualidade e aperfeiçoar a prestação dos serviços públicos. “Estamos trabalhando para garantir que o serviço público seja cada vez eficiente. As reformas e ampliações que faremos nas escolas de Bacabal, são parte do investimento que o Governo do Estado tem feito em todo o Maranhão, priorizando a educação.” – pontuou o Secretário.

O deputado Roberto Costa agradeceu ao secretário de Educação e destacou a importância das intervenções anunciadas.

“Trouxemos ao secretário as demandas mais urgentes no que diz respeito a educação pública estadual na cidade de Bacabal e fomos prontamente atendidos. Essa união de esforços, entre a prefeitura de Bacabal e o Governo do Estado garantirá que as melhorias sejam realizadas. Com isso, teremos escolas melhores e consequentemente, educação de qualidade” – disse o Deputado.

O prefeito Edvan Brandão comemorou o anúncio das obras.

“Estamos atentos as necessidades de Bacabal. Por isso, recorremos ao governo do Estado trazendo a realidade das escolas no Município. Fomos muito bem recebidos pelo secretário Felipe Camarão que atendeu prontamente as nossas demandas. Agradecemos muito ao Secretário e ao governador Flávio Dino pela atenção dada a população de Bacabal”., disse Brandão.

Acompanhou a reunião, o Tenente Coronel Espindola, diretor do Colégio Militar Tiradentes III de Bacabal, uma das escolas que serão reformadas e ampliadas.